“Sociedade é resistente à presença de mulheres em espaços de destaque”, diz secretária da SBPC

09/02/2024 10:05

Professora Maria Elisa Máximo é secretaria regional da SBPC, mulher, mãe e cientista. Foto: Arquivo Pessoal

A secretária regional em Santa Catarina da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), Maria Elisa Máximo, considera o fator estrutural como uma das principais causas de distorções entre os espaços e os papéis ocupados por homens e mulheres na produção do conhecimento. “A desigualdade no meio científico é, antes e acima de tudo, consequência de uma sociedade desigual, excludente e violenta para meninas e mulheres”, pontua.

A adoção de linhas de financiamento e editais específicos para mulheres cientistas em diferentes estágios da carreira, os incentivos para a formação de grupos de pesquisa voltados aos estudos de gênero e diversidade e os programas de formação que incluam o letramento em gênero são citados por ela como algumas das possibilidades para acelerar o processo de equidade.

Em entrevista sobre o Dia Internacional das Mulheres e Meninas nas Ciências, celebrado neste domingo, 11 de fevereiro, ela, que também é professora do Departamento de Antropologia da UFSC, mãe e cientista, citou aqueles que considera os maiores desafios para as carreiras científicas das mulheres: a maternidade e a hostilidade do meio acadêmico associado ao machismo institucional.

Leia a entrevista completa

(mais…)

Tags: Ciênciadata comemorativaDepartamento de AntropologiaDia Internacional das Mulheres e Meninas na CiênciaEquidadegêneroSBPCUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC e JBS assinam acordo para desenvolvimento de pesquisas sobre proteína cultivada

20/11/2023 19:03

Protocolo de intenções prevê pesquisa na área de biotecnologia de alimentos. Foto: Henrique Almeida/Agecom/UFSC

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e a JBS Biotech Innovation Center assinaram nesta segunda-feira, 20 de novembro, um protocolo de intenções para o desenvolvimento de ações conjuntas voltadas para pesquisa, desenvolvimento e inovação na área de biotecnologia de alimentos, em especial para a produção de proteína cultivada. O documento foi assinado pelo reitor, Irineu Manoel de Souza, e pelo CEO global da JBS, Gilberto Tomazoni, egresso do curso de Engenharia Mecânica da UFSC.

A proteína cultivada é basicamente um produto obtido através da multiplicação celular induzida a partir de uma pequena quantidade de células retiradas de um animal, sem necessidade de abate. As pesquisas têm o objetivo de chegar a um produto com textura e propriedades nutricionais semelhantes aos da proteína animal convencional.

Participaram da assinatura, realizada no gabinete da Reitoria, Gilberto Tomazoni, Luismar Porto, presidente do JBS Innovation Center e Fernanda Vieira Berti, vice-presidente do JBS Innovation Center e também egressa da pós-graduação da UFSC. Pela Universidade, além do reitor Irineu Manoel de Souza, o evento teve a presença do pró-reitor de Pesquisa e Inovação, Jacques Mick.

(mais…)

Tags: biotecnologiaCiênciaJBSpesquisaproteína cultivadaprotocolo de intenções mútuasUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Mapeamento da infraestrutura da UFSC também é tema dos estandes da Engenharia Civil na SEPEX

27/10/2023 14:51

Estande do GTSIG. Fotos: Mateus Mendonça/Agecom/UFSC

Dentre os estandes presentes na Feira de Ciências da 20ª Semana de Ensino, Pesquisa, Extensão e Inovação (Sepex), o curso de Engenharia Civil expõe projetos que tratam de temas como o mapeamento da infraestrutura da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) no Campus de Florianópolis e estudos sobre a construção de edifícios com diferentes materiais e tipos de solo.

No Grupo de Trabalho em Sistemas de Informações Geográficas (GTSIG) da Engenharia Civil, o objetivo é mapear toda a rede de fibra óptica, elétrica, esgoto, drenagem e criar marcos topográficos dentro da infraestrutura do campus. Para acompanhar as alterações do sistema de transmissão de energia elétrica, por exemplo, o GTSIG mapeou e cadastrou todos os postes, subestações e caixas de passagem da rede da UFSC. “É um movimento importante para conseguir identificar pontos de falha, necessidades de manutenção e manter um controle sobre a infraestrutura do campus”, comenta Fernando Medeiros, bolsista do projeto.

O grupo tem como base os conceitos das Ciências Geodésicas, que utiliza de medidas terrestres, espaciais e aéreas para determinação precisa da localização de objetos. Com o uso de equipamentos de alta precisão, como a Estação Total, é possível analisar os dados de posição e angulação entre o instrumento e o ponto visado para criar um Sistema de Informações Geográficas (SIG). Por meio de imagens captadas por drone ou avião, o GTSIG mapeia o campus da UFSC com uma visão aérea e cria as redes dentro do SIG.

(mais…)

Tags: 20ª SepexBuilding Information ModelingCiênciacomunidadeconstrução civilEngenharia CivilestandesFeira de CiênciasGTSIGinfraestruturamapeamento do campuspesquisa científicaSepex 2023SIGtecnologiatopografiaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Sepex 2023 da UFSC é atração para adultos e crianças de toda a comunidade até sexta-feira

26/10/2023 13:12

Segundo piso do Centro de Cultura e Eventos recebe maior parte dos estandes. Foto: Salvador Gomes/Agecom/UFSC

A Feira de Ciências da 20ª Semana de Ensino, Pesquisa, Extensão e Inovação (Sepex) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), que acontece no Campus de Florianópolis, tem atrações para adultos e crianças de toda a comunidade. Até a próxima sexta-feira, 27 de outubro, cerca de 70 estandes instalados no Centro de Cultura e Eventos Reitor Luiz Carlos Cancellier de Olivo, no bairro Trindade, trazem curiosidades da produção científica e tecnológica da Universidade.

Os expositores recebem os visitantes das 9h às 19h nos dias 25 e 26, e das 9h às 18h na sexta-feira, 27 de outubro. A entrada é gratuita e não é necessário fazer inscrição para visitar a Feira de Ciências.

>>> Veja a posição e a lista completa dos estandes no site da 20ª Sepex.

Como chegar ao Centro de
Cultura e Eventos da UFSC.

Confira algumas atrações dos estandes da Feira de Ciências da 20ª Sepex (Fotos: Mateus Mendonça/Agecom/UFSC):
(mais…)

Tags: 20ª SepexCiênciacomunidadeestandesestudantesExposiçõesFeira de Ciênciaspesquisa científicapesquisa científica e tecnológicaSepex 2023tecnologiaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Cultura, tecnologia e ciência: UFSC abre Rotas Temáticas à visitação com mais de 60 atividades

25/10/2023 15:00

Como parte da programação da 20ª Semana de Ensino, Pesquisa, Extensão e Inovação (Sepex), a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) vai oferecer mais de 60 atividades diferentes,  separadas em Rotas Temáticas no Campus de Florianópolis, a partir da próxima quarta-feira, 25 de outubro, e até o final do evento, na sexta-feira, 27 de outubro. Em cada um desses dias, diferentes locais estarão abertos para receber a comunidade em horários programados.

As atrações incluem exposições artísticas, visitas a laboratórios de ciências com experimentos reais, apresentações tecnológicas, visita ao laboratório de robótica, apresentação no Observatório da UFSC, entre outras atividades.

Nem todas os locais estarão abertos à visitação pública no mesmo dia. Por isso, os interessados devem consultar a lista completa e escolher os laboratórios ou setores que desejam visitar. Algumas atividades têm horário específico para ocorrer. Há possibilidade de receber grupos, em alguns casos. E há atividades que precisam de inscrição prévia.

>> Para conhecer as Rotas Temáticas, visite o site da 20ª Sepex.

 

Para localizar facilmente os laboratórios e os setores do Campus de Florianópolis da UFSC em que estão disponíveis as Rotas Temáticas, consulte o mapa abaixo, que também traz mais detalhes das ações. O recurso também está disponível no Google Maps.

 

(mais…)

Tags: 20ª SepexCiênciacomunidadelaboratóriospesquisarobóticaRotas TemáticasSepex 2023tecnologiaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Sepex 2023: apresentações de trabalhos de iniciação científica estão abertas à comunidade

25/10/2023 12:10

Apresentação de trabalho do Eixo Tecnologia e Inovação, na terça-feira, 24. Foto: Luiza Casali/Agecom/UFSC

O Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica (SIC) 2023, que é parte da 20ª Semana de Ensino, Pesquisa, Extensão e Inovação (Sepex), da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), segue até esta quinta-feira, 26 de outubro. Aberto à comunidade e organizado pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Inovação (Propesq), o evento possibilita que o público conheça os trabalhos produzidos dentro da Universidade. As apresentações orais ocorrem a partir das 8h, no auditório do Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) da UFSC.

Estudantes de diversos centros apresentam as pesquisas, realizadas com orientação de professores, e que representam o início de suas práticas científicas. Os trabalhos são divididos em quatro eixos temáticos: Promoção da igualdade e fortalecimento da democracia; Sustentabilidade e mudança climática; Saúde e qualidade de vida; e Tecnologia e Inovação. Em cada turno, há dois blocos de quatro ou cinco apresentações de até 10 minutos. Ao final de cada bloco, há um debate entre mediador, representantes de centros de ensino, debatedores relacionados aos temas, além dos orientadores dos projetos.

Como chegar no Centro de Ciência
Jurídicas (CCJ) da UFSC.

(mais…)

Tags: 20ª SepexCiênciaIniciação CientíficapesquisaPROPESQSepex 2023UFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Sepex 2023: seminário apresenta cerca de 70 trabalhos de iniciação científica da UFSC

20/10/2023 18:45

Cerca de 70 estudantes da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) apresentarão seus trabalhos de iniciação científica como parte da programação da 20ª Semana de Ensino, Pesquisa, Extensão e Inovação (Sepex). O Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica (SIC) 2023, evento organizado pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Inovação (Propesq), começa nesta segunda-feira, 23 de outubro, e segue até quinta-feira, 26 de outubro. Os painéis serão no auditório do Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) do Campos de Florianópolis, com início sempre às 8h. A entrada é aberta a toda comunidade.

As apresentações estão divididas nos seguintes eixos temáticos:

  • Promoção da igualdade e fortalecimento da democracia.
  • Sustentabilidade e mudança climática.
  • Saúde e qualidade de vida.
  • Tecnologia e Inovação.
  • As apresentações orais deverão ocorrer conforme cronograma em nossa página e os resumos dos trabalhos selecionados podem ser visualizados aqui.

>>> Confira a programação do seminário.

Como chegar no Centro de Ciência
Jurídicas (CCJ) da UFSC.

(mais…)

Tags: 20ª SepexCiênciaestudantesIniciação CientíficaseminárioSeminário de iniciação científicaSepex 2023Tecnologia e InovaçãoUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Congresso de Engenharia de Aquicultura ocorre de 6 a 10 de novembro na UFSC

09/10/2023 17:03

O 22º Congresso de Engenharia de Aquicultura (SEMAQUI) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) ocorre de 6 a 10 de novembro, às 19h. Organizado por estudantes e professores do curso de Aquicultura, o tema desta edição é “Inovação, Ciência e Produção”. Com o objetivo de promover debates e interações sobre a área da aquicultura,  serão apresentadas palestras, mini-cursos e exposições de trabalhos científicos. As inscrições devem ser feitas neste link e será cobrada a taxa R$ 5 de estudantes de graduação, R$ 10 de estudantes de pós-graduação e R$ 15 do público em geral.

O evento terá formato híbrido, com atividades presenciais e transmissão on-line. Também constam na programação palestras assíncronas pela plataforma Even3 e, no último dia, apresentações de trabalhos (presencial e em formato de vídeo) e o mini-curso (presencial) no Departamento de Aquicultura, no Centro de Ciências Agrárias (CCA/UFSC). 

Mais informações na página do evento e no Instagram @semaquicultura.

 

Tags: CCACiênciaDepartamento de AquiculturainovaçãopalestraUFSCUniversidade Federal de Santa CatarinaXXI Semaqui- Congresso de Engenharia de Aquicultura

UFSC tem 40 pesquisadores entre os mais influentes do mundo, segundo ranking internacional

05/10/2023 18:38

Foto: Henrique Almeida/Agecom/UFSC

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) tem 40 pesquisadores nas listas dos cientistas mais influentes divulgada anualmente pela editora Elsevier. Elaborado em conjunto com a Universidade de Stanford, o banco de dados fornece informações padronizadas sobre citações e outros índices de impacto. São duas listas: uma englobando toda a carreira, e outra com dados apenas do último ano. Na primeira relação, são 28 pesquisadores da UFSC; na segunda, são 26 – 14 estão presentes nas duas listas.

Os bancos de dados podem ser acessados aqui.

Em ambas as listas, a UFSC é a oitava instituição brasileira no número de pesquisadores relacionados, a quarta entre as universidades federais.

Os cientistas são classificados em 22 campos e 174 subcampos de acordo com a classificação padrão Science-Metrix. Os dados ao longo da carreira são atualizados até o final de 2022 e os dados do ano recente referem-se às citações recebidas durante o ano civil de 2022. A edição atual é baseada nas informações disponíveis em 1º de outubro de 2023 do Scopus, atualizado até o final do ano de citação de 2022 e  usa dados Scopus fornecidos pela Elsevier por meio do ICSR Lab.

Confira os pesquisadores citados no ranking:
(mais…)

Tags: Ciênciaciência brasileiraCitaçõesElsevierpesquisadores mais influentesrankingranking globalUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Professores da UFSC conquistam prêmio em evento internacional

11/09/2023 12:39

Da esquerda para a direita: professores José Leomar Todesco; Roberto Pacheco; Neri dos Santos; Paulo Selig; Florinda Matos (ISCTE); Denilson Sell e Luiz Spinosa (Foto: Divulgação)

Professores da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) e pesquisadores da Fundação Araucária e do Instituto Stela conquistaram o 1° lugar no Prêmio de Excellence Awards no 9th Knowledge Management and Intellectual Capital Conference (ECKM). O evento foi realizado na sede do Instituto Universitário de Lisboa, Portugal, de 7 a 8 de setembro.

O trabalho premiado tem o título Fostering Innovation Ecosystems Through Knowledge Coproduction: The case of NAPI Program in Paraná, Brazil e apresenta o projeto de concepção, desenvolvimento e aplicação da Plataforma i-Araucaria, criada para apoiar a Fundação Araucária no planejamento e fomento de ciência, tecnologia e inovação no Estado do Paraná.

De acordo com o professor Roberto Pacheco, coordenador e coautor do trabalho, o prêmio representa um reconhecimento internacional para as pesquisas realizadas no Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento da UFSC (EGC).

Coprodução
A plataforma digital criada tem base na plataforma Inteligentia do Instituto Stela, que dispõe de diversos sistemas de informação para apoio a tomada de decisão e coprodução de comunidades. A concepção dos coletivos e dos processos de coprodução para CTI tem a autoria dos pesquisadores da Fundação Araucária e do EGC.

O prêmio é resultado do reconhecimento tanto pela aplicação de ferramentas e princípios da Gestão do Conhecimento como pelo impacto dos Napis – nome dado pela Fundação Araucária para os Novos Arranjos de Pesquisa e Inovação promovidos pelo uso da Plataforma.

Como apresentado pelo diretor da Fundação Araucária e professor colaborador do EGC, Márcio Spinoza, outros 14 estados já manifestaram interesse em utilizar a solução em suas fundações estaduais de amparo à pesquisa.

Tags: CiênciaCiência Tecnologia e InovaçãoEGCInstituto Stelaplataforma digitalUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Guia de Integridade Científica é lançado pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Inovação da UFSC

31/08/2023 16:59

Documento foi oficialmente lançado na quinta-feira, 31 de agosto. Foto: Caetano Machado/Agecom/UFSC

O Guia de Integridade Científica da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) foi lançado na tarde desta quinta-feira, 31 de agosto, no Auditório Henrique Fontes, no Centro de Comunicação e Expressão (CCE), no Campus de Florianópolis. A publicação online recomenda boas práticas na concepção, planejamento, execução e divulgação de projetos de pesquisa no âmbito da UFSC e é dirigida a estudantes de graduação e pós-graduação, a docentes de todos os níveis, a servidores técnico-administrativos envolvidos em atividades científicas e a gestores de pesquisa.

O objetivo do guia é contribuir para a difusão de uma cultura de honestidade e transparência no cotidiano dos laboratórios e unidades acadêmicas, reforçando o papel da Universidade no fornecimento à sociedade de produtos e serviços éticos e responsáveis. O documento foi discutido e aprovado pela Câmara de Pesquisa da UFSC.

O Guia de Integridade Científica é um instrumento orientativo, aplicável a todas as atividades de pesquisa realizadas por servidores docentes e não-docentes, estudantes e outras categorias envolvidas na busca por novos conhecimentos e soluções a problemas. A publicação estabelece valores, princípios e orientações práticas para normatizar condutas e ressaltar procedimentos corretos e éticos. Funciona como ferramenta complementar a outros mecanismos de autorregulação da atividade de pesquisa, que constituem um conjunto de práticas já incorporadas nas rotinas científicas.

(mais…)

Tags: Ciênciaciência e tecnologiaGuia de Integridade Científicapesquisa científicaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Dia Nacional da Ciência: universidades e institutos públicos catarinenses têm mais de 4 mil pesquisas

07/07/2023 16:17

Quase todas as coisas que nos rodeiam são resultado do esforço humano de compreensão e criação. De vacinas a tratamentos inovadores em saúde, de carros autônomos a painéis de energia solar, tudo nasceu da necessidade de aprimoramento da vida em sociedade aliada à curiosidade de entender nosso mundo. E quem mais busca por respostas através do desenvolvimento científico no Brasil são as instituições públicas de ensino. Juntas, elas respondem por 95% de toda a produção científica nacional, conforme a Academia Brasileira de Ciências. Em Santa Catarina, as universidades e os institutos públicos conduzem atualmente 4.329 pesquisas em diversas áreas do conhecimento – são 907 grupos em 48 campi. Essas produções nos chegam como respostas à busca por inovação e qualidade de vida em nosso estado e nosso país e são motivos de celebração neste 8 de julho, sábado, Dia Nacional da Ciência e do Pesquisador Científico.

Na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), pesquisadores se dedicam a temas em diversas áreas, com mais de 600 grupos atuando. São esforços que vão resultar, por exemplo, na identificação precisa do vírus que assolou Florianópolis no último verão, fazendo espalhar um surto de diarreia. Foi em um dos laboratórios da UFSC que se reconheceu a ameaça. Na área de matriz energética, quer seja na produção de hidrogênio verde ou inovando com novas formas de geração de energia limpa, a UFSC trabalha na busca pela solução de um problema global: gerar cada vez mais energia renovável, com reduzido impacto ao meio ambiente. Dessa forma, ampliou a geração de energia elétrica fotovoltaica com sistemas capazes de captar não só a luz que incide diretamente nos painéis, mas também a refletida. O parque fotovoltaico da UFSC já soma 27 usinas, em Florianópolis, Araranguá e Joinville – um conjunto que está a serviço da pesquisa e do desenvolvimento tecnológico.

(mais…)

Tags: CiênciaDia Nacional da CiênciaIFCIFESIFSCInstituições federais de ensino em Santa Catarinapesquisapesquisa científicapesquisa científica e tecnológicaUFFSUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Inscrições abertas para o curso Ciência, Gênero e Diversidades

24/04/2023 10:14

Imagem ilustrativa de de Gerd Altmann por Pixabay

O Programa Institucional de Apoio Pedagógico aos Estudantes (Piape), em parceria com a Pró-reitoria de Extensão, a Pró-reitoria de Pesquisa e o Instituto de Estudos de Gênero abriu as inscrições, até 3 de maio, para o curso remoto Ciência, Gênero e Diversidades, que ocorre entre 6 de maio e 17 de junho.

As inscrições devem ser realizadas no site do Piape, e a frequência no curso dá direito a certificado de 12 horas. O objetivo é construir um espaço para a discussão das questões sócio-culturais e históricas que atravessam estudantes no espaço universitário e da ciência, questionando como marcadores sociais como raça/etnia, gênero, sexualidades, deficiência, geração, entre outras, formatam as experiências e resultam em estruturas de poder, desigualdade e exclusão.

As vagas são direcionadas a estudantes de todas as áreas de formação, especialmente das ciências exatas, agrárias, biológicas, médicas, ambientais e tecnológicas, de todos os campi universitários.

Com uma abordagem interdisciplinar e uma metodologia diversa, embasada menos na discussão de textos teóricos e mais em materiais alternativos de mídia e audiovisual, esta edição do curso está construída para ser um diálogo permanente entre as experiências discentes e os acontecimentos contemporâneos que têm fomentado discussões sobre esses temas, especialmente abordando casos de violência e embates políticos e teóricos.

Esta edição também dá maior ênfase no letramento racial crítico como ferramenta para compreender o contexto no qual a comunidade acadêmica se insere, criando um local de experiências dialógicas compartilhadas com reflexões críticas sobre as relações raciais e possibilidades antirracistas capazes de assegurar a diversidade e inclusão plena.

Tags: Ciênciagênero e diversidadesIEGPiapePROEXPROPESQUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Professora da UFSC assume diretoria no CNPq e fala em “aperfeiçoamento das políticas científicas”

13/04/2023 18:06

Professora Debora Menezes e o presidente do CNPq, Ricardo Galvão, assinam posse em Brasília. Foto: Divulgação/CNPq

A professora Debora Peres Menezes, do Departamento de Física da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), foi empossada nesta quinta-feira, 13 de abril, como a nova diretora de Avaliação de Resultados e Soluções Digitais (DASD) do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). O cargo integra a Diretoria Executiva do CNPq, responsável, junto à presidência do órgão por decisões de alto impacto na pesquisa brasileira. A cerimônia de posse ocorreu em Brasília, com presença do presidente do CNPq, Ricardo Galvão.

A diretoria é responsável pela avaliação de resultados e impactos das ações de fomento do CNPq. “Os dados serão avaliados por área de conhecimento, região do país, gênero, etnia e outros recortes que possam ajudar na definição e aperfeiçoamento de políticas científicas. A DASD também é responsável pela manutenção e aprimoramento das plataformas do CNPq (Chagas, Lattes) que constituem duas das bases de dados mais bem estruturadas da ciência brasileira”, explica a nova diretora.

Debora relata que, em sua nova função, planeja divulgar dados que ajudem a comunidade científica a se autoavaliar e que contribuam com uma melhor percepção do que é realizado em termos de ciência e inovação no Brasil. “Entendo que as plataformas mantidas pelo CNPq são riquíssimas em termos de informação e que podemos tentar oferecer aos pesquisadores interessados em política científica acesso aos dados existentes de forma mais simples do que atualmente. No entanto, terei que lidar com duas leis que possuem características, às vezes, conflitantes: a Lei de Acesso à Informação (LAI) e a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), o que será um desafio interessante”, pontua.

(mais…)

Tags: CiênciaCNPqUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Grupo de estudos em Astronomia promove palestra sobre origem da vida

16/11/2022 16:32

O Grupo de estudos em Astronomia (GEA) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) promove a palestra Célula e Vida: uma breve história (parte 1) sobre a origem da vida e da célula. O evento ocorrerá no dia 18 de novembro e será ministrado pela palestrante Professora Margherita Anna Barracco, do Centro de Ciências Biológicas (CCB).

Além de discutir a origem da vida e da célula, também serão desenvolvidos tópicos como os locais de surgimento, incluindo os ambientes extraterrestres (panspermia) e alguns casos extraordinários de vida. Para participar, os interessados devem se dirigir ao prédio do Centro de Filosofia e Ciências Humanas, sala 309, Bloco B, às 20h. Não é necessário realizar inscrições para participar. O evento também não disponibilizará certificado de horas. Para mais informações, consultar o site do GEA.

 

Tags: astronomiaCiênciapalestraUFSC

‘Química de Portas Abertas’ promove visita guiada aos laboratórios

14/09/2022 14:27

O Departamento de Química da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) promove na próxima quarta-feira, 21 de setembro, o I Química de Portas Abertas. O evento é uma visita guiada ao departamento, passando pelos laboratórios, principais pesquisas e demonstração de experimentos.

As atividades são abertas a toda comunidade, tendo como público-alvo turmas de escolas públicas e privadas. Para participar, é necessário enviar antes um e-mail para adriana.gerola@ufsc.br. Os períodos de visitação serão de 9h às 12h, e 14h às 17h, começando pelo auditório Faruk Nome, no departamento de Química do Campus Trindade (confira aqui a localização exata).

O passeio tem como objetivo promover a vivência da dinâmica acadêmica por meio de uma exposição de experimentos, curiosidades e produtos. Dentre os temas a serem abordados estão o papel da química em uma sociedade sustentável, as moléculas que emitem luz, investigação científica em atividades forense, entre outros.

Tags: Ciênciaensinoescolaexperimentosportas abertasquímicaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarinavisita guiada

Professora da UFSC encomenda livro com propostas sobre ciência e educação a grupo de cientistas

28/07/2022 18:04

A professora Débora Peres Menezes, docente do Departamento de Física da UFSC e atual presidente da Sociedade Brasileira de Física (SBF) é uma das responsáveis pela publicação do livro “Ciência para o desenvolvimento sustentável – O Papel da Física”. Lançado na última quarta-feira, 27 de julho, durante a Assembleia Geral da SBF, o livro será encaminhado para candidatos à Presidência da República e aos governos estaduais nas eleições de 2022.

De acordo com publicação na página da SBF, o livro “aborda temas que vão da necessária transição energética para uma matriz limpa até a ciência de dados e as novas tecnologias quânticas, passando pela discussão sobre a nossa educação básica e pelo modo como cientistas devem se comunicar com a sociedade.”

O livro pode ser baixado gratuitamente no portal da SBF.

De acordo com a professora Débora, o livro foi elaborado para atender uma solicitação do Conselho da SBF. Foi coordenado por Adalberto Fazzio e teve como editor responsável Alaor Chaves, ambos ex-presidentes da SBF. “Houve consulta a vários notáveis da Física”, revela a professora, citando o ex-presidente do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) Ricardo Galvão e Paulo Artaxo, representante brasileiro no IPCC, o painel internacional das mudanças climáticas.

Além do lançamento na Assembleia Geral da SBF, o livro foi distribuído aos comitês dos candidatos à Presidência da República durante a 74ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), que ocorre de 24 a 30 de julho em Brasília.

 

Tags: CiênciaeducaçãofísicalivroUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Prêmio Inovação Catarinense recebe inscrições até segunda-feira, 07 de março

03/03/2022 11:22

O Prêmio Inovação Catarinense Professor Caspar Erich Stemmer recebe inscrições de estudantes, professores e pesquisadores até a próxima segunda-feira, 07 de março, às 18h. O objetivo do concurso, que conta com 14 premiações, é incentivar e reconhecer os esforços bem-sucedidos de gestão da Ciência, Tecnologia e Inovação (CTI) que auxiliam no desenvolvimento dos ecossistemas de empreendedorismo inovador em Santa Catarina. O edital com todas as informações está disponível aqui.

O prêmio é promovido pela Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (FAPESC) e homenageia a memória do Professor Caspar Erich Stemmer, personalidade catarinense de destaque nacional no desenvolvimento da CTI.

A premiação está dividida em 10 categorias: Agente de Inovação; Pesquisador(a) Inovador(a); Estudante Universitário Inovador; Professor(a) Inovador(a); Jovem Estudante Inovador; ICT Inovadora; Inovação em Produto; Inovação em Serviço ou Processo; Inovação de Impacto Socioambiental; e Governo Inovador. O valor total do edital é de R$ 420 mil. Cada categoria premiará os três primeiros colocados que, além de certificado e troféu, receberão, respectivamente, R$ 15 mil; R$ 10 mil e R$ 5 mil.

Confira a íntegra do edital aqui.

Mais informações na página da Fapesc ou pelo e-mail premiostemmer@fapesc.sc.gov.br.

Tags: CiênciaFapescFundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa CatarinainovaçãoPrêmio Inovação CatarinenseProfessor Caspar Erich StemmerTecnologia e InovaçãoUFSC

CCA Conecta promove debate com vencedores do prêmio Capes de Tese deste ano

09/09/2021 10:23

O Centro de Ciências Agrárias (CCA) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) promove, nesta quinta-feira, 9 de setembro, às 19h, a live do CCA Conecta, com dois pesquisadores egressos que conquistaram o Prêmio Capes de Tese 2021. O evento é aberto para toda comunidade acadêmica e será transmitido pelo Youtube.

Participam do evento Diego dos Santos, egresso do  Programa de Pós-Graduação em Agroecossistemas, e os professores orientadores Ilyas Siddique e Fernando Joner, para falar sobre a tese intitulada Complementaridade de nichos e multifuncionalidade de sistemas agroflorestais sucessionais. O pesquisador venceu a categoria Ciências Ambientais, e seu trabalho teve como objetivo entender o efeito da diversidade funcional, que avalia complementariedade de nichos, na proteção de solo, supressão de plantas espontâneas, aproveitamento de luz e produtividade de Sistemas Agroflorestais Sucessionais.

A live conta também com a presença de Esmeralda Chamorro Legarda, egressa do Programa de Pós-Graduação em Aquicultura, e os orientadores  Felipe do Nascimento Vieira e Marco Antonio de Lorenzo, que conversam sobre a tese Aquicultura Multitrófica Integrada de camarão, tainha e macroalga em sistema de bioflocos aplicando conceitos de economia circular. A pesquisadora venceu a categoria de Zootecnia/Recursos Pesqueiros, e sua pesquisa demostrou que a integração de camarão, tainha e macroalgas em bioflocos incrementa a produtividade e a eficiência do sistema, diversificando a produção e diminuindo a geração de efluentes.

Tags: agroecossistemasAquiculturaCCACCA ConectaCiênciaGrande Prêmio Capes de TesepesquisaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Pesquisa da UFSC analisa influência de substâncias psicoativas em acidentes de trânsito com vítimas fatais

09/07/2021 10:00

Estima-se que no país 40 mil pessoas morram todos os anos em consequência de acidentes de trânsito. Esse dado divulgado em levantamento da Organização Mundial da Saúde (OMS) coloca o Brasil como o quarto país mais violento no trânsito no mundo e alerta que o tema é uma questão emergente de saúde pública.

Com o objetivo de compreender um recorte dessa situação, a pesquisadora Ellen Marcelina Spillere Scheeren defendeu, em maio deste ano, a dissertação intitulada Influência de substâncias psicoativas no trânsito: prevalência em vítimas fatais na região sul de Santa Catarina. O trabalho, cuja temática é pioneira no estado, foi desenvolvido no Mestrado Profissional em Farmacologia (PPGFMC) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), com a orientação da professora Alcíbia Helena de Azevedo Maia, do Departamento de Patologia do Centro de Ciências da Saúde (CCS).

Resultados do trabalho apontam necessidade de revisão da legislação brasileira. Foto: Clark Van Der Beken/Unsplash

A pesquisadora, que também é servidora pública do Instituto Geral de Perícias de Santa Catarina (IGP/SC), firmou uma parceria com a instituição e analisou registros policiais e laudos toxicológicos das vítimas fatais de acidentes de trânsito que foram atendidas pelo Instituto Médico Legal do IGP da cidade de Tubarão, entre os anos 2015 e 2018. A análise identificou 219 vítimas fatais, sendo que 60% delas haviam utilizado pelo menos uma substância psicoativa. No que diz respeito às substâncias detectadas, aquelas que aparecem com mais frequência são: álcool (45%); fármacos para aliviar a ansiedade e insônia, como benzodiazepínicos (12%); cocaína (9%); maconha (7%); e outros (6%) – este último grupo inclui analgésicos opioides, fármacos antidepressivos e anfetaminas.

Em um quarto dos casos foi identificado o uso de álcool associado a outra substância psicoativa. Esses resultados geram preocupação e sinalizam a expressividade da combinação de tais substâncias: “Mais da metade das vítimas haviam consumido alguma substância psicoativa e, dentre estas, 41% havia consumido medicamento para a ansiedade (benzodiazepínicos), 30% havia consumido cocaína, 25% maconha e 5% analgésicos opioides”, explica a pesquisadora. 

Os psicoativos são substâncias químicas presentes em drogas lícitas e ilícitas e que têm como foco de ação o sistema nervoso central. Seu consumo causa alterações no funcionamento do cérebro e reflete em mudanças temporárias no humor, comportamento e percepção. 

A pesquisa desenvolvida pela mestranda da UFSC traça o perfil predominante dos acidentes com vítimas fatais: a maior parte ocorre aos finais de semana, no período noturno; 85% das vítimas são do sexo masculino, 69% condutores de motocicleta, automóvel ou caminhão; e a maioria tem entre 25 e 40 anos. Outro dado relevante do estudo foi que 52,6% das vítimas que deram positivo para cocaína haviam consumido a substância na forma de crack (fumada). “Pode ser um indício da popularização do crack entre parcelas mais favorecidas da sociedade e não apenas moradores de rua ou em condições mais economicamente precárias”, aponta Ellen.

Os resultados do trabalho apontam a necessidade de revisão da legislação de trânsito brasileira, de forma a favorecer testes de fiscalização para as demais substâncias psicoativas, além do álcool: “A pesquisa é uma forma de incentivo para estudos futuros e subsídio para implementação de tecnologias utilizadas na detecção de substâncias psicoativas no trânsito”, avalia a pesquisadora. Ellen explica que essas tecnologias estão em fase de desenvolvimento no Brasil e podem ser uma forma de reduzir acidentes fatais, a exemplo do que já ocorre em países como Alemanha, Austrália e Nova Zelândia.

Por se tratar de um tema com expressivo interesse social, parte do estudo consistiu no desenvolvimento de um infográfico por meio de aplicativo para a divulgação dos resultados com o intuito de conscientizar os condutores e profissionais sobre o impacto no número de vítimas fatais no trânsito em decorrência do consumo de substâncias psicoativas: “Junto a essa divulgação, deve-se lembrar da importância preventiva das campanhas de conscientização para acidentes de trânsito, que recebem pouca atenção e investimento”, finalizou.

Klay Silva/Estagiária de Jornalismo na Agecom/UFSC

Tags: acidentes de trânsitoCiênciadissertaçãopesquisaPPGFMCsubstâncias psicoativasUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Pós-Graduação em Física organiza IX Encontro de Física e Astronomia

29/06/2021 09:55

IX Encontro de Física e Astronomia da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) será realizado entre os dias 24 e 26 de agosto. As atividades são abertas para a comunidade acadêmica e acontecem de forma remota.

Serão mantidas as atividades das edições anteriores do evento, com minicursos, palestras convidadas e apresentação de trabalhos (seminários e vídeo-pôsteres). O link para inscrições e a programação completa estão no site do evento.

A visita aos laboratórios e apresentação das atividades de pesquisa (experimentais e teóricos) dos pesquisadores/grupos de pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Física (PPGFSC) serão substituídas por vídeos de curta duração (3-5 min).

O Encontro de Física e Astronomia é organizado pelo PPGFSC desde 2013 e reúne pesquisadores da área que atuam no Brasil e exterior. O evento tem o objetivo de divulgar trabalhos acadêmicos e popularizar a ciência e pesquisa brasileira.

Para mais informações acesse o site encontro.pgfsc.sites.ufsc.br/2021

Tags: CiênciaIX encontro de Física e AstronomiapesquisaPPGFSCUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Inscrições para Mestrado em Educação Científica e Tecnológica da UFSC vão até 21 de junho

15/06/2021 14:09

Na próxima segunda-feira, 21 de junho, encerram-se as inscrições para o Mestrado em Educação Científica e Tecnológica do Programa de Pós-Graduação em Educação Científica e Tecnológica da Universidade Federal de Santa Catarina (PPGECT/UFSC). O edital prevê 30 vagas para ingresso no primeiro período letivo de 2022.

As vagas estão disponíveis em seis linhas de pesquisa: Formação de professores; Ensino e aprendizagem das ciências; Implicações sociais da ciência e da tecnologia na educação; Epistemologia e história da ciência e da matemática; Mídias e ensino de ciências e Linguagens e ensino.

Mais informações no edital.

Tags: CiênciaeducaçãoMestrado em Educação Científica e TecnológicaPrograma de Pós-Graduação em Educação Científica e Tecnológica da Universidade Federal de Santa Catarina (PPGECT/UFSC)tecnologia

Curso de Ciência, Gênero e Diversidades contribuiu com a formação de agentes multiplicadores para uma universidade inclusiva

01/06/2021 08:36

Lançamento do curso fez parte da programação do dia internacional das mulheres e meninas na ciência

A primeira edição do curso Ciência, Gênero e Diversidades, oferecida no Programa Institucional de Apoio Pedagógico aos Estudantes (PIAPE), em parceria com a Pró-Reitoria de Pesquisa (PROPESQ) e o Instituto de Estudos de Gênero (IEG), formou agentes multiplicadores para “uma UFSC mais inclusiva, menos preconceituosa e discriminatória”. A avaliação é das professoras Olga Zigelli Garcia, do curso de Enfermagem, Miriam Grossi, de Antropologia, e da coordenação de cursos do Instituto de Estudos de Gênero (IEG), que têm a expectativa de continuar com a oferta.

“Em nossa percepção o curso foi um sucesso. 61% dos estudantes eram da UFSC, destes a maioria da graduação. Este cenário nos abre a perspectiva de que se tornem agentes multiplicadores formando uma rede com vistas a capilarizar as temáticas relativas a gênero e diversidades”, afirma Olga. A atividade durou seis semanas e contou com a presença de alunos externos, de 18 Estados e Distrito Federal. A professora Olga lembra dos desafios de reunir orçamento para a oferta e capacitação de dez tutores e tutores, além de todas as dificuldades ocasionadas por um curso 100% virtual, sujeito inclusive a dificuldades técnicas.
(mais…)

Tags: Ciênciagênero e diversidadesPiapePrograma Institucional de Apoio Pedagógico (Piape)

Pesquisa investiga notificação de vitaminas e minerais em rótulos de alimentos para crianças

05/04/2021 10:03

A nutricionista e pesquisadora da UFSC Amanda Corrêa Martins avaliou em sua dissertação de mestrado a notificação de vitaminas e minerais em alimentos industrializados direcionados ao público infantil e a sua sinalização na parte principal do rótulo. Essa estratégia de marketing consiste em destacar, por meio da Informação Nutricional Complementar (INC), a presença de vitaminas e minerais na composição dos alimentos. Com isso, mesmo alimentos ultraprocessados podem ser vistos como saudáveis aos olhos das crianças.

Essas substâncias podem estar na composição de forma natural ou por seus ingredientes, e “é possível também que os fabricantes adicionem esses micronutrientes de forma assintética para fins comerciais”, destaca Amanda. De todo modo, essa informação é importante para auxiliar o cliente nas suas escolhas alimentares, visto que a INC corresponde a “qualquer representação que possa afirmar, sugerir ou implicar alguma propriedade nutricional do alimento”, como indica a nutricionista.

O problema surge com o uso isolado da Informação Nutricional Complementar, isto é, apenas para fins comerciais. É direito do consumidor ter acesso a informações adequadas e claras sobre os alimentos que consome. Para garantir isso, a rotulagem de alimentos contém lista de ingredientes, tabela nutricional e a Informação Nutricional Complementar (INC). Esses elementos têm a função de indicar e informar sua composição e a quantidade de cada nutriente.

Outro ponto levantado pela nutricionista é como isso pode interferir na alimentação da criança: “A ideia de ingerir vitaminas e minerais por meio de alimentos industrializados pode afetar negativamente a ingestão de frutas, verduras, legumes, carnes, leite e derivados, desestimulando uma alimentação saudável nessa fase da vida.” Durante a infância é papel dos pais contribuir com a formação dos hábitos alimentares dos seus filhos e evitar o consumo de alimentos ultraprocessados, priorizando alimentos in natura, como vegetais, tubérculos, legumes, ou então, minimamente processados.

“Contém vitamina C” é um exemplo do uso da Informação Nutricional Complementar e pretende despertar o interesse no consumidor por conter essa vitamina. “Às vezes esse alimento pode de fato ser rico em vitamina C, mas quando a gente vai olhar no rótulo, na lista de ingredientes, na tabela de informação nutricional, a gente vê que tem características que tornam ele um alimento não indicado para o consumo da criança”, reforça a pesquisadora.

Compreender o uso da INC foi o objetivo da dissertação da nutricionista sob a orientação da professora Paula Lazzarin Uggioni e coorientação da professora Vanessa Mello Rodrigues. O trabalho faz parte de uma pesquisa mais ampla do Núcleo de Pesquisa de Nutrição em Produção de Refeições (Nuppre) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) sobre a rotulagem de alimentos. 
(mais…)

Tags: CiênciamestradoNúcleo de Pesquisa de Nutrição em Produção de Refeições divulga (Nuppre)NUPPREnutriçãopesquisaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Curso ‘Ciência, Gênero e Diversidades’ abre novas vagas, com inscrições até 8 de abril

01/04/2021 16:04

O curso “Ciência, Gênero e Diversidades” já começou suas atividades mas, diante da grande procura, abre novas vagas para todas as turmas. O prazo final para as inscrições é no dia 8 de abril de 2021.

As pessoas interessadas que se inscreverem a partir de agora, precisarão participar da aula de reposição, que ocorrerá no próximo dia 10 de abril, das 14h às 16h.

Para saber os horários das aulas e realizar a inscrição, acesse o formulário. Você receberá um e-mail com as informações para as aulas, que são realizadas no ambiente Moodle Grupos da UFSC.
(mais…)

Tags: Ciênciagênero e diversidadesPiapeprogradUFSC
  • Página 1 de 3
  • 1
  • 2
  • 3