UFSC ascende em ranking internacional de universidades e figura entre as 7 melhores do país

12/09/2019 10:53

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) está entre as sete melhores instituições de ensino superior do país, de acordo com o ranking internacional do Times Higher Education (THE), divulgado na última quarta-feira, dia 11 de setembro. Na lista, considerada um dos principais rankings universitários do mundo, a UFSC figura entre as quatro mais bem colocadas instituições federais brasileiras (ver tabela abaixo).  

O THE promove uma das principais avaliações educacionais do mundo e utiliza critérios como ensino, pesquisa, citações, visão internacional e transferência de conhecimento como indicadores de desempenho. Para o resultado desta edição, foram avaliadas 1.396 universidades de 92 países. A coleta de dados ocorreu em março deste ano, mas foram apuradas as informações referentes a 2017. Portanto, o resultado não considera os cortes de recursos pelos quais passam as universidades federais, uma vez que o bloqueio de parte do orçamento foi efetuado no fim de abril.

O Brasil perdeu alguns nomes na lista das mil melhores instituições do mundo. No ano passado, eram 15 e, na edição deste ano, são 12 – a Universidade Federal do ABC (UFABC), a Universidade Federal da Bahia (UFBA) e a Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) caíram de posição.

A classificação da Times é feita em grupos a partir do posto de número 200. A Universidade de São Paulo (USP) se manteve como a brasileira mais bem colocada, entre a  251ª e 300ª posição. A UFSC foi a única que avançou na lista: passou do grupo das colocações entre 801 e 1.000 para o grupo das posições de 601 a 800. No ano passado, a instituição catarinense estava entre as 15 melhores do país.  
(mais…)

Tags: rankingTimes Higher EducationTimes Higher Education (THE)Times Higher Education World University Rankings

UFSC se mantém no ranking das mil universidades mais bem-conceituadas do mundo

27/09/2018 08:10

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) mantém sua posição no ranking recém-divulgado da publicação britânica Times Higher Education (THE), referência na avaliação do ensino superior. A UFSC está entre as 15 instituições brasileiras que aparecem na edição deste ano. Em 2017 eram 21 e, em 2016, 27. A avaliação do THE considera fatores como o número de citações, a internacionalização, a titulação dos professores e a transferência de conhecimento para a sociedade. A lista completa está disponível aqui.
(mais…)

Tags: rankingTHETimes Higher EducationUFSC

Revista britânica publica ranking com as melhores universidades

18/07/2018 16:10

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) aparece em 14º lugar no Ranking de Reputação Acadêmica da revista britânica Times Higher Education (THE). Das 129 universidades que participaram, 43 são brasileiras – sendo que seis estão entre as 10 primeiras.

O ranking universitário lista as melhores universidades da região da América Latina e do Caribe e julga nos critérios: ensino, pesquisa, transferência de conhecimento e perspectivas internacionais. Baseia-se nos mesmos 13 indicadores de desempenho que o THE World University Rankings, mas com modificações especiais para melhor refletir as características das universidades da América Latina.

Confira o ranking completo: timeshighereducation.com

Fonte: educacao.estadao.com.br

Tags: rankingTimes Higher Education (THE)UFSC

UFSC aparece em segundo lugar entre as brasileiras da Golden Age University Ranking 2018

11/06/2018 11:29

A Universidade Federal de Santa Catarina está colocada na 101-150º posição no Golden Age University Rankings 2018, entre as 250 universidades, de 55 países, avaliados como as melhores instituições de ensino superior com menos de 50 anos. A UFSC está em segundo lugar entre as brasileiras da lista, atrás somente da Unicamp.

O ranking é organizado pela Times Higher Education (THE), que afirma se tratar de uma classificação abrangente, equilibrada e confiável, que utiliza indicadores de performance agrupados em cinco áreas: Ensino (ambiente de aprendizagem),. Pesquisa (volume, rendimento e reputação), Citações (influência de pesquisa), Perspectiva Internacional (equipe, estudantes e pesquisa) e renda da indústria (transferência de conhecimento). É publicado simultaneamente com o Young University Rankings, para universidades com menos de 50 anos.

Mais informações no site: https://www.timeshighereducation.com/world-university-rankings/2018/world-ranking

Tags: Golden Age University RankingsrankingTimes Higher Education (THE)UFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC é a 15º entre as 50 melhores universidades da América Latina

25/07/2017 16:36

Foi publicado, pelo Times Higher Education World University Rankings (THE World University Rankings), o resultado do Latin America University Rankings, que classifica as 50 melhores universidades latino-americanas. A UFSC ficou na 15º posição entre as universidades.

O ranking é baseado nos mesmos critérios rigorosos do THE World University Rankings, porém, com uma modificação especial para valorizar as características das universidades da América Latina. Foram utilizados 13 critérios para avaliar as universidades, com indicadores de desempenho individuais, em todas as suas atividades: ensino, pesquisa, transferência de conhecimento e perspectiva internacional.

O resultado publicado pelo Times Higher Education está disponível no link.

Mais informações na página da Secretaria de Relações Internacionais (Sinter) ou pelo telefone (48) 3721-6406.
Tags: 15ªAmérica LatinarankingTHE World University RankingsUFSC

UFSC é a terceira melhor federal brasileira em ranking de universidades latino-americanas

08/07/2016 13:30

O Times Higher Education World University Rankings (THE World University Rankings) publicou o resultado do primeiro Latin America University Rankings, que classifica as 50 melhores universidades latino-americanas. A UFSC ocupa a terceira posição entre as universidades federais brasileiras e a 12ª posição no geral.

O ranking-piloto da América Latina é baseado nos mesmos critérios do THE World University Rankings, porém com modificações para valorizar as características das universidades da região. Foram utilizados 13 critérios para avaliar as universidades, com indicadores de desempenho individuais, em todas as suas atividades: ensino, pesquisa, transferência de conhecimento e perspectiva internacional.

As categorias têm os seguintes pesos: “Ensino” (36%), considerando-se o ambiente de ensino; “Pesquisa” (34%), levando-se em conta volume, recursos e reputação; “Citações” (20%), o impacto da pesquisa; “Visão Internacional” (7,5%), que inclui o corpo docente, estudantes e pesquisa; e “Recursos Provenientes das Indústrias” (2,5%), transferência de conhecimento.
(mais…)

Tags: rankingTHETimes Higher EducationUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC é a quinta federal em ranking de universidades do BRICS e economias emergentes

07/12/2015 17:00

Foi divulgado, no dia 3 de dezembro, o ranking BRICS & Emerging Economies 2016, do Times Higer Education (THE), instituto que avalia, a cada ano, as melhores universidades do mundo, segundo as missões fundamentais: Ensino (Teaching), Pesquisa (Research), Transferência de Conhecimento (Knowledge Transfer) e Visão Internacional (International Outlook).

As categorias têm os seguintes pesos: Ensino (30%), considerando-se o ambiente de ensino; Pesquisa (30%), levando-se em conta volume, recursos e reputação; Citações (20%), o impacto da pesquisa; Visão Internacional (10%), que inclui o corpo docente, estudantes e pesquisa; e Recursos Provenientes das Indústrias (10%), transferência de conhecimento.

Foram avaliadas as 200 melhores universidades dos cinco países que compõem o Brics: África do Sul, Brasil, China, Índia e Rússia, e 30 países considerados economias emergentes (Advanced Emerging, Secondary Emerging ou Frontier), segundo o FSTE.

O Brasil tem 14 universidades classificadas entre as 200 melhores do BRICS & Economias Emergentes: sete privadas e estaduais, e sete federais. Entre as federais, a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) ficou em quinto na classificação geral e obteve as seguintes posições: segunda em Transferência de Conhecimento (empatada com a UFRJ); terceira em Visão Internacional; quarta em Citações e quinta em Ensino e Pesquisa.

THE explica a categoria Transferência de Conhecimento como sendo a capacidade de ajudar a indústria com inovações, invenções e consultoria, o que se tornou missão fundamental da universidade global contemporânea. Essa categoria procura traduzir a transferência de conhecimento analisando quanto em recursos de pesquisa uma instituição recebe da indústria (em conformidade com as parcerias público-privadas), em proporção ao corpo docente empregado. A categoria aponta quanto as empresas estão dispostas a investir em pesquisa e a capacidade da universidade de atrair investimentos no mercado comercial – indicadores valiosos da qualidade institucional.

14 universidades brasileiras entre as 200 melhores

As sete universidades estaduais e privadas são: Universidade de São Paulo (USP), 9ª posição (única brasileira entre as dez primeiras); Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), 24ª; Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC- RJ), 43ª; Universidade Estadual Paulista (Unesp), 122ª; Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS), 125ª; Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR), 168ª; e Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), 197ª. As sete federais: Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), 89ª; Universidade Federal de Viçosa (UFV), 102ª; Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), 118ª; Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), 130ª; Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), 148ª; Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), 167ª; e Universidade Federal de Lavras (UFLA), 185ª.

As cinco melhores universidades do ranking

As universidades de Pequim e Tsinghua (China), foram, respectivamente, a primeira e a segunda colocadas no ranking THE. A seguir vêm as universidades Lomosonov Moscow State (Rússia), Cape Town (África do Sul) e National Taiwan (Taiwan).

Alita Diana/Jornalista da Agecom/DGC/UFSC

Revisão: Claudio Borrelli/Revisor de Textos da Agecom/DGC/UFSC

Tags: Brics & emerging economies 2016rankingTHETimes Higher EducationUFSCuniversidades

UFSC é a segunda melhor federal brasileira em ‘Transferência de Conhecimento’ no ranking do Times Higher Education

05/10/2015 09:59

Foi divulgado, no dia 30 de setembro, o World University Rankings 2015-2016, do Times Higher Education (THE), instituto que avalia, a cada ano, as melhores universidades do mundo, segundo as missões fundamentais: Ensino (Teaching), Pesquisa (Research), Transferência de Conhecimento (Knowledge Transfer) e Visão Internacional (International Outlook).

As categorias têm os seguintes pesos: Ensino (30%), considerando-se o ambiente de ensino; Pesquisa (30%), levando-se em conta volume, recursos e reputação; Citações (30%), o impacto da pesquisa; Visão Internacional (7,5%), que inclui o corpo docente, estudantes e pesquisa; e Recursos Provenientes das Indústrias (2,5%), transferência de conhecimento.

O Brasil tem 17 universidades classificadas entre as melhores do mundo: sete privadas e estaduais, e dez federais. Entre as federais, a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) obteve as seguintes posições: segunda em Transferência de Conhecimento (empatada com a UFRJ); quarta em Visão Internacional; quinta em Citações; e sexta em Ensino e em Pesquisa.

Para a reitora Roselane Neckel, “é sempre um orgulho ver a UFSC cada vez melhor em avaliações nacionais e internacionais. Sem dúvida, tal desempenho é fruto de muito trabalho, e, em nome da UFSC, parabenizo toda a comunidade universitária por mais esta conquista”.

O THE explica a categoria Transferência de Conhecimento como sendo a capacidade de ajudar a indústria com inovações, invenções e consultoria, o que se tornou missão fundamental da universidade global contemporânea. Essa categoria procura traduzir a transferência de conhecimento analisando quanto em recursos de pesquisa uma instituição recebe da indústria (em conformidade com as parcerias público-privadas), em proporção ao corpo docente empregado. A categoria aponta quanto as empresas estão dispostas a investir em pesquisa e a capacidade da universidade de atrair investimentos no mercado comercial – indicadores valiosos da qualidade institucional.

As universidades são classificadas até a posição 200 e, a partir desse número, são posicionadas em grupos: 201-250, 250-300, 501-600 e 601-800.

17 universidades brasileiras entre as melhores do mundo

As sete universidades estaduais e privadas são: Universidade de São Paulo (USP), 251-300; Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), 351-400; Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC- RJ), 501-600; Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR), 601-800; Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC- RS), 601-800; Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), 601-800; e Universidade Estadual Paulista (Unesp), 601-800. As dez federais: Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), 501-600; Universidade de Brasília (UnB), 601-800; Universidade Federal da Bahia (UFBA), 601-800; Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), 601-800; Universidade Federal do Paraná (UFPR), 601-800; Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), 601-800; Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), 601-800; Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), 601-800; Universidade Federal de Viçosa (UFV), 601-800; e Universidade Federal de Lavras (UFLA), 601-800.

 As cinco melhores universidades mundiais

A California Institute of Technology (EUA) foi a primeira colocada do THE. A seguir vêm a University of Oxford (Reino Unido), Stanford University (EUA), University of Cambridge (Reino Unido) e Massachusetts Institute of Technology (EUA).

Alita Diana/ Jornalista da Agecom/DGC/UFSC

Claudio Borrelli/Revisor de Textos da Agecom/Diretoria-Geral de Comunicação/UFSC

Tags: knowledge transferrankingsegunda melhor federalTimes Higher Educationtransferência de conhecimentoUFSC

Portal de Periódicos da UFSC divulga artigos mais acessados em outubro

14/11/2014 13:35

Mensalmente, a equipe do Portal de Periódicos da UFSC apresenta a lista dos artigos mais acessados. Esta lista é gerada através da CrossRef que atribui um DOI (Digital Object Identifier) aos artigos dos periódicos hospedados no Portal. O DOI funciona como uma identidade única do artigo, e uma de suas vantagens é a garantia de preservação dos seus metadados. Através do DOI, são gerados links permanentes para os artigos, permitindo o acesso no mesmo endereço da web.

Confira  os cinco artigos mais acessados no mês de outubro por meio do DOI:

Revista Fórum Linguístico: “Variação e mudança linguística: panorama e perspectivas da Sociolinguística Variacionista no Brasil”, de Ana Cristina Biondo Salomão.

Revista Encontros Bibli: “A utilização do Resource Description and Access (RDA) na criação de registros de autoridade para pessoas, famílias e entidades coletivas” dos autores Fabrício Silva Assumpção e Plácida Leopoldina V. A. C. Santos.

Revista de Ciências da Administração: “É Possível Ensinar Empreendedorismo? Análise Comparativa com Estudantes Brasileiros”, Cristiana Fernandes De Muylder, Alexandre Teixeira Dias e Cláudio Luiz de Souza Oliveira.

Revista Encontros Bibli: “O modelo conceitual FRBR: discussões recentes e um olhar sobre as tarefas do usuário”, da autora Fernanda Passini Moreno.

Política & Sociedade – Revista de Sociologia Política: “Estado do Bem-Estar Social e desfiliação social“, de Alair Suzeti Silveira.

 

Acompanhe também a divulgação da lista completa pela Fanpage e Twitter do Portal de Periódicos.

Equipe – Portal de Periódicos UFSC
Biblioteca Universitária

Tags: artigos mais acessadosportal de periódicos da UFSCrankingUFSC

Portal de Periódicos da UFSC divulga ranking com artigos mais acessados em julho

15/08/2014 11:50

Mensalmente, a equipe do Portal de Periódicos da UFSC apresenta a lista dos artigos mais acessados. Esta lista é gerada através da CrossRef que atribui um DOI (Digital Object Identifier) aos artigos dos periódicos hospedados no Portal. O DOI funciona como uma identidade única do artigo, e uma de suas vantagens é a garantia de preservação dos seus metadados. Por meio do DOI, são gerados links permanentes para os artigos, permitindo o acesso no mesmo endereço da web.

Confira os cinco artigos mais acessados no mês de julho:

Revista Zero a Seis: “Resenha do Livro: BARBOSA, Maria Carmen Silveira. Por amor e por força: rotinas na educação infantil. Porto Alegre: Artmed, 2006.” dos autores Thaís Regina de Carvalho, Eduarda Souza Gaudio.

Revista Encontros Bibli: “A utilização do Resource Description and Access (RDA) na criação de registros de autoridade para pessoas, famílias e entidades coletivas” dos autores Fabrício Silva Assumpção, Plácida Leopoldina V. A. C. Santos.

Revista Encontros Bibli: “Uma análise sistêmica sociotecnológica da engenharia de requisitos” dos autores Luís Augusto Machado Moretto, Alessandra Maria Ruiz Galdo, Vinícius Medina Kern.

Revista Encontros Bibli: “O modelo conceitual FRBR: discussões recentes e um olhar sobre as tarefas do usuário”, da autora Fernanda Passini Moreno.

Revista Contemporânea de Contabilidade: “Avaliação de produção científica de pesquisadores: mapeamento das publicações científicas”, dos autores Cleomir Waiczyk, Eduardo Rolim Ensslin. 
(mais…)

Tags: artigos mais acessadosPortal de PeriodicosrankingTOP10 julhoUFSC

UFSC é 66ª no ranking das melhores universidades do BRICS

10/01/2014 10:25

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) está entre as 100 melhores universidades do BRICS – grupo de países em desenvolvimento que se destacam no cenário mundial, composto por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. Isso é o que aponta a primeira edição do QS University Rankings: BRICS, uma lista baseada em oito indicadores de desempenho aplicados a instituições de ensino superior situadas nesses países de economias emergentes. Confira o ranking aqui.
(mais…)

Tags: BRICSmelhores universidadesposição UFSCrankingranking 2013/2014