Ações Afirmativas e Permanência Estudantil são temas de Fórum na UFSC

12/11/2018 18:13

Na manhã desta segunda-feira, 12 de novembro, foi realizada a abertura do “I Fórum de Ações Afirmativas e Permanência Estudantil da UFSC”. O evento, organizado pelo Comitê Institucional de Ações Afirmativas da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), propõe-se a promover um espaço de debate sobre questões centrais de acesso e permanência dos estudantes da UFSC e construir propostas de consolidação de uma política institucional que agregue as ações afirmativas e a permanência, mais aproximada da realidade dos estudantes.

A mesa de abertura do evento contou com a participação do reitor Ubaldo Cesar Balthazar, dos pró-reitores, Pedro Luiz Manique Barreto (PRAE) e Alexandre Marino Costa (Prograd), da secretária, Francis Solange Vieira Tourinho (SAAD), da presidente do Comitê Institucional de Ações Afirmativas UFSC, Claudia Priscila Chupel, e da representante dos estudantes indígenas, Débora Priprá. “Estamos passando do momento de discutir essas políticas, precisamos institucionalizá-las. Temos que trabalhar na universidade com uma política que não dependa do governo”, ressaltou o reitor. Para Ubaldo, essas políticas não podem estar atreladas a um governo, elas devem ser ações de Estado.

Reitor, Ubaldo Cesar Balthazar, participou da mesa de abertura do Fórum. Foto: Jair Quint/Agecom/UFSC

O pró-reitor Pedro Luiz Manique Barreto (PRAE) também enalteceu a necessidade de institucionalização da assistência estudantil, que atualmente é regulada por decreto e precisa de uma regulação mais sólida. Barreto destacou os quatro objetivos do Programa Nacional de Assistência Estudantil (PNAES) (I – democratizar as condições de permanência dos jovens na educação superior pública federal; II – minimizar os efeitos das desigualdades sociais e regionais na permanência e conclusão da educação superior; III – reduzir as taxas de retenção e evasão; IV – contribuir para a promoção da inclusão social pela educação;) e 10 ações para consolidá-los (I – moradia estudantil; II – alimentação; III – transporte; IV – atenção à saúde; V – inclusão digital; VI – cultura; VII – esporte; VIII – creche; IX – apoio pedagógico; X – acesso, participação e aprendizagem de estudantes com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades e superdotação;).
(mais…)

Tags: ações afirmativasações de permanênciacotascotas raciais

Vestibular 2019 UFSC: 2.295 vagas disponíveis em ações afirmativas

08/10/2018 10:59

As inscrições para o Vestibular 2019 da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) se encerram nesta segunda-feira, dia 8 de outubro, e visam ocupar 70% das vagas totais disponíveis em cursos de graduação (4.555 vagas), sendo que as outras 1.930 vagas (30%) serão preenchidas via Sistema de Seleção Unificada (Sisu/Enem) em janeiro de 2019.

Desde o Vestibular 2008, por meio da aprovação da Resolução Normativa n° 008, a UFSC disponibiliza uma parcela de suas vagas para serem preenchidas por meio de ações afirmativas. Ao longo desses anos diversos aperfeiçoamentos foram realizados, tanto internamente como em nível nacional, principalmente após a aprovação da Lei 12.711 em agosto de 2012, chamada popularmente de Lei de Cotas.

Para o Vestibular UFSC 2019 o candidato precisa ficar atento às opções de como participar do processo de ingresso. No momento da inscrição é preciso definir se a concorrência se dará pela ampla concorrência ou pelas vagas definidas pela Política de Ações Afirmativas (cotas).

A UFSC destina 50% do total de vagas para estudantes que fizeram todo o Ensino Médio em escolas públicas com recorte de renda, autodeclarados pretos, pardos, indígenas e pessoas com deficiências (conforme previsto pelas Leis n° 12.711/2012 e n° 13.409/2016). Ao todo são oito opções de cotas em que o candidato oriundo de escola pública pode optar no momento da inscrição, sendo elas:

  1. até1,5 salário mínimo + *PPI + deficiente (144 vagas);
  2. até1,5 salário mínimo + *PPI (282 vagas);
  3. até1,5 salário mínimo + deficiente (201 vagas);
  4. até1,5 salário mínimo (544 vagas)
  5. maior 1,5 salário mínimo + *PPI + deficiente (141 vagas);
  6. maior 1,5 salário mínimo + *PPI (279 vagas)
  7. maior 1,5 salário mínimo + deficientes (199 vagas);
  8. maior 1,5 salário mínimo (505 vagas).

*PPI: autodeclarados pretos, pardos ou indígenas. Informações completas estão disponíveis no item 4 do Edital.

Esses números representam 2.295 vagas em ações afirmativas. A outra metade, que compreende 2.260 vagas, é de livre inscrição e os candidatos concorrerão na modalidade Classificação Geral.

Francis Tourinho, secretária de Ações Afirmativas e Diversidades da UFSC, esclarece que o número de vagas disponíveis para as cotas é diferente em cada curso. “Por isso, é fundamental que o candidato verifique o Anexo I do edital e verifique quantas vagas estão disponíveis no curso e na modalidade que ele quer cursar”.
(mais…)

Tags: ações afirmativascotasUFSCVestibular 2019Vestibular UFSC

Pesquisa inédita faz diagnóstico nacional de avanços e desafios no sistema de cotas brasileiro

14/05/2018 14:49

Joana Celia dos Passos, professora da UFSC. Foto: Ítalo Padilha/Agecom/UFSC

‘Enquanto o couro do chicote cortava a carne

A dor metabolizada fortificava o caráter

A colônia produziu muito mais que cativos

Fez heroínas que pra não gerar escravos, matavam os filhos

Não fomos vencidas pela anulação social

Sobrevivemos à ausência na novela, e no comercial

O sistema pode até me transformar em empregada

Mas não pode me fazer raciocinar como criada’

A música ‘Mulheres Negras’ de Yzalú foi recitada pela professora da UFSC Joana Celia dos Passos, na abertura do seminário de socialização da pesquisa nacional ‘Trajetórias de cotistas no ensino superior’.
(mais…)

Tags: ações afirmativascotasindígenasMECnegrospardospesquisa nacionaltrajetória cotas no ensino superiorUFSC

Coordenadoria de Inclusão Digital fecha nos dias 14 e 15 de março para realização de validação de renda

10/03/2017 10:57

A Coordenadoria de Inclusão Digital (Coid) da Secretaria de Ações Afirmativas e Diversidades (Saad) estará fechada nos dias 14 e 15 de março para realização da validação dos candidatos aprovados na modalidade cotas “escola pública, renda familiar bruta mensal igual ou inferior a 1,5 salários mínimos per capita/PPI (autodeclarados pretos, pardos ou indígenas)”. A Coid está localizada ao lado da entrada da Biblioteca Central (BU). Mais informações pelo telefone (48)3721-4632.

Tags: COIDcotasmodalidadeSaadvalidação de renda

Seminário debate políticas de ações afirmativas da UFSC

01/04/2016 18:57
 Foto: Ítalo Padilha/Agecom/DGC/UFSC.

Foto: Ítalo Padilha/Agecom/DGC/UFSC

O Seminário de Ações Afirmativas, primeiro evento do programa “Graduação em debate”, apresentou, na quinta-feira (31), uma diversidade de perspectivas desenvolvidas em pesquisas acadêmicas sobre a política de cotas da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Julian Borba, pró-reitor de Graduação, fez a abertura do seminário explicando seus objetivos: “A ideia é apresentar o que tem sido pesquisado, dentro e fora da UFSC, sobre nossas ações afirmativas”. Julian também falou sobre a importância de criar um setor de estatísticas sobre a graduação na universidade.

DSC_0046

Foto: Ítalo Padilha/Agecom/DGC/UFSC

Na primeira apresentação da manhã, os pesquisadores da Universidade de Brasília (UnB) Mathieu Turgeon e Robert Lee Borges de Paula Vidigal, expuseram os resultados da pesquisa “Ações afirmativas e opinião pública: evidências de surveys experimentais”. A seguir, Francini Scheid Martins, doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Educação(PPGE), expôs os resultados preliminares do trabalho “A voz dos cotitas da UFSC sobre a sua condição”. Gregorio Unbehaun Leal da Silva apresentou sua pesquisa de mestrado “O desempenho e as cotas na UFSC”. Na última apresentação da manhã, o professor Pedro Alberto Barbetta expôs o trabalho “Relação entre Ações Afirmativas e Desempenho Acadêmico: uma análise quantitativa, caso UFSC”.
(mais…)

Tags: ações afirmativascotasprogradseminárioUFSC

UFSC aprova novas regras para Programa de Ações Afirmativas

19/06/2015 14:41

ofertaDeVagasO Conselho Universitário (CUn) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) aprovou, nesta terça-feira, 16 de junho, em sessão extraordinária, a nova resolução para o Programa de Ações Afirmativas da Universidade, que tem validade para ingresso de novos alunos, de 2016 a 2022. Pelo programa, 50% da oferta de vagas poderá ser ocupada por candidatos que cursaram o ensino médio em escola pública, sendo 32% dessas vagas reservadas aos candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas. Além disso, a UFSC cria 227 vagas suplementares, das quais 196 são para candidatos autodeclarados negros de qualquer percurso escolar, 22 para candidatos pertencentes aos povos indígenas residentes no território nacional e nos transfronteiriços, e nove para candidatos pertencentes às comunidades quilombolas.

O debate acerca da normativa teve início na sessão do CUn realizada em 2 de junho, na qual foi lido o parecer original, redigido pela conselheira Janaína das Neves. Durante a sessão dessa terça-feira, houve, além da leitura do parecer de vistas, de autoria do conselheiro Paulo Pinheiro Machado, uma apresentação do programa pelo professor Marcelo Tragtenberg, representante da Comissão de Ações Afirmativas da UFSC.

A proposta, redigida e encaminhada ao CUn pelo professor Rogério de Souza, pró-reitor adjunto de Graduação (Prograd), foi construída e consensuada pela Prograd, em conjunto com a Comissão de Ações Afirmativas e organizações do Movimento Social Negro, que também participaram da sessão como ouvintes: Movimento Negro Unificado, Núcleo de Estudos Negros, Coletivo Kurima, Coletivo 4P, Coordenadoria de Promoção de Políticas de Igualdade Racial de Florianópolis e Fórum de Educação e Relações Étnico-Raciais (Federer/SC), Conselho Estadual das Populações Afrodescendentes (Cepa), Sindicato dos Trabalhadores em Saúde e Previdência do Serviço Público Federal em Santa Catarina (Sindprevs/SC), Sindicato dos Eletricitários de Santa Catarina (Sinergia).

(mais…)

Tags: ações afirmativasconselho universitáriocotasCUnLei de CotasSisuUFSCVestibular UFSC 2016

Conselho Universitário aprova ampliação da reserva de vagas do Vestibular 2015 para a política de cotas

24/07/2014 10:00

cotas vestibular 2015O Conselho Universitário (CUn) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), aprovou, em sessão extraordinária nesta terça-feira, dia 22, a Resolução Normativa nº41/2014 que dispõe sobre a Política de Ações Afirmativas (PAA) para o próximo concurso vestibular. A normativa aprovada reserva 47,5% das vagas do Vestibular 2015 para a PAA. Dessa porcentagem, 37,5% serão para atender às determinações legais; e 10% para candidatos autodeclarados negros, prioritariamente que tenham cursado o ensino médio integralmente em escolas públicas. Além disso, dos 37,5% das vagas reservadas, 16% serão destinadas a candidatos pretos, pardos e indígenas.

A Resolução reserva, ainda, 16 vagas suplementares aos povos indígenas residentes no território nacional e transfronteiriços, conforme previsto na Resolução nº 22/CUn/2012. Os candidatos classificados nas vagas étnico-raciais precisarão apresentar, no ato da matrícula, sua autodeclaração. Conforme a norma, a Universidade instituirá formas de controle social sobre a ocupação dessas vagas, mediante ações de acolhimento, acompanhamento e permanência dos estudantes.
(mais…)

Tags: conselho universitáriocotasPAAPolítica Ações AfirmativasUFSC

Vestibular UFSC 2013: coletiva de imprensa nesta terça explica edital sobre as cotas

23/10/2012 14:56

Nesta terça-feira, 23 de outubro, às 16h, a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) organiza uma coletiva de imprensa que tem como objetivo esclarecer os pontos do Edital Complementar para o Vestibular 2013, que trata do Programa de Ações Afirmativas da UFSC (Lei de Cotas), publicado hoje.

Estarão presentes a pró-reitora de Graduação, Roselane Campos, o presidente da Comissão Permanente do Vestibular, Júlio Szeremeta, e membros da comissão de Ações Afirmativas da UFSC.

A coletiva será na sala da direção da Coperve, que fica no terceiro andar do edifício da Fapeu (próximo à Biblioteca Central da UFSC).

Serviço:
Coletiva de imprensa sobre o edital complementar das cotas para o Vestibular UFSC 2013
Quando: 23 de outubro (terça-feira), às 16h
Onde: sala da direção da Coperve, 3º andar do edifício da Fapeu (próximo à Biblioteca Central da UFSC).
Mais informações: (48) 3721-9200.

Veja também o release do edital:

http://noticias.ufsc.br/2012/10/23/vestibular-2013-ufsc-lanca-edital-complementar-das-cotas-e-prorroga-inscricoes-ate-6-de-novembro/

Tags: coletivacotasPAAUFSCvestibular 2013

Programa de Ações Afirmativas tem números positivos e projeta avanços

12/08/2012 11:30

Perfil dos alunos classificados no vestibular da UFSC

Se a meta era promover uma formação humana e anti-racista, que tivesse impacto nos currículos das carreiras profissionais e diminuísse os efeitos das desigualdades e discriminações socioeconômicas e étnico-raciais, o Programa de Ações Afirmativas da UFSC pode dar-se por bem-sucedido. Ainda há ajustes a fazer, eliminando, por exemplo, distorções que provocam a evasão de indígenas e dificuldades de acompanhamento do conteúdo por muitos egressos de escolas públicas, mas a instituição vem fazendo avaliações e produzindo relatórios que dão a medida dos erros e acertos e do que precisa ser melhorado no PAA – implantado em 2008 – daqui para frente.
(mais…)

Tags: ações afirmativascotasUFSC

Na Mídia: UFSC aprova manutenção de sistema de cotas até 2017

02/07/2012 12:13

G1 Santa Catarina

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) aprovou nesta sexta-feira (29) a continuidade do sistema de cotas para negros, índios ou que cursaram o ensino fundamental e médio em escolas públicas até 2017. Além disso, o Programa de Ações Afirmativas ampliou o número de vagas para indígenas.

O Conselho Universitário aprovou a manutenção de 10% das vagas para negros e 20% para alunos de escola pública. No caso das novas vagas para indígenas, haverá ampliação do acesso desde que haja candidatos aprovados. Até este ano, nove vagas eram disponibilizadas para índios, com um limite de duas vagas por curso. A partir de 2013, o total será ampliado gradativamente, enquanto o limite por curso subiu para 3 vagas. Serão 10 vagas em 2013, 13 em 2014, 16 em 2015, 19 em 2016 e 22 em 2017.

De acordo com o presidente da Comissão de Acompanhamento das Ações Afirmativas, Marcelo Tragtenberg, a mudança ocorreu porque nos últimos anos houve um aumento gradativo no número de indígenas prestando vestibular. Isso fez com que houvesse a necessidade de aumentar o número de vagas. Ele comemorou as alterações e a continuidade do Programa, que existe na instituição desde 2008.

Tags: ações afirmativascotasUFSC

Começa hoje ciclo de palestras e debates da Economia

20/03/2012 08:51

Os centros acadêmicos dos cursos de Ciências Econômicas (CALE) e Direito (CAXIF) promovem a recepção integrada 2012.1 com debate sobre o tema “Para além das cotas: Debate sobre a permanência universitária na UFSC”. O evento acontece nesta terça-feira, dia 20, às 19h, no Auditório do CSE, e tem como palestrantes os professores Airton Seelander e Nildo Ouriques.

Agenda:

“A Questão Racial, Cotas e Permanência Universitária” (CALE e CAXIF)
Palestrantes: professores Nildo Ouriques e Airton Seelander
Dia: 20/03 (Terça-feira)
Hora: 18:30
Local: Auditório do CSE
Horas Aula: 4 horas – Certificado na hora

Aula Magna I “Profissão do Economista”
Palestrante: Rubens Sawaya ( PUCSP)
Dia: 21/03 (Quarta-feira)
Hora: 18:30
Local: Auditório do CSE
Horas Aula: 4 horas – Certificado na hora

Aula  Magna II “A crise financeira dos EUA”
Palestrante: Tony De Marco (JP Morgan)
Dia: 27/03 (Quinta-feira)
Hora: 18:30
Local: Auditório do CSE
Horas Aula: 4 horas – Certificado na hora

Informações pelo fone 3721-6569, Centro Acadêmico Livre de Economia.

Tags: cotasDebatesEconomia