Último seminário do ciclo ‘Mulheres na Ciência’ discute políticas científicas

24/11/2021 12:19

O Espaço Cultural Gênero e Diversidades do Instituto de Estudos de Gênero (IEG) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), em parceria com o Núcleo de Identidades de Gênero e Subjetividades e a Pró-Reitoria de Pesquisa (Propesq), promove, na próxima segunda-feira, 29 de novembro, o último encontro do I Ciclo de Seminários Temáticos: Mulheres na Ciência. Com o tema Mulheres na política científica: associações científicas e agências de financiamento, o evento tem início às 18h30 e transmissão pelo Canal do IEG no YouTube.

Participam do seminário as pesquisadoras Bárbara Segal Ramos, docente do Departamento de Ecologia e Zoologia da UFSC e secretária adjunta da Secretaria Regional da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência de Santa Catarina (SBPC-SC); Betina Stefanello Lima, analista do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ); Deborah Bernett, gerente de Ciência e Pesquisa da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc); e Débora Peres Menezes, professora do Departamento de Física da UFSC e presidente da Sociedade Brasileira de Física (SBF). A mediação do debate será feita pela professora do Departamento de Antropologia da UFSC Miriam Pillar Grossi.

Tags: Espaço Cultural Gênero e DiversidadesIEGliveMulheres na CiênciaNIGSPROPESQUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Prêmio Mulheres na Ciência: Ana Lúcia Severo Rodrigues

22/11/2021 09:00

Ao longo das últimas duas semanas, a Agência de Comunicação da Universidade Federal de Santa Catarina (Agecom/UFSC) tem publicado reportagens sobre as vencedoras do Prêmio Mulheres na Ciência 2021, promovido pela Pró-Reitoria de Pesquisa (Propesq). Na sétima matéria da série, conheça a trajetória e o trabalho de Ana Lúcia Severo Rodrigues, contemplada na Categoria Sênior – voltada a docentes que ingressaram no quadro permanente da UFSC antes de 31 de dezembro de 2000 –, na área de Ciências da Vida.

Ana Lúcia é professora do Departamento de Bioquímica e dos programas de pós-graduação em Bioquímica e Neurociências e bolsista de produtividade em pesquisa nível 1B do CNPq. Coordenadora do grupo de pesquisa Neurobiologia da depressão, tem se dedicado a compreender os mecanismos bioquímicos e fisiológicos envolvidos nessa enfermidade e na regulação do humor, com estudos que podem colaborar com o desenvolvimento de novas possibilidades de tratamento e prevenção da doença.

Apesar de sua longa carreira dedicada à pesquisa e ao ensino (são quase 30 anos somente como professora na UFSC) e de sua extensa produção (mais de 200 artigos publicados, de 8 mil citações e de 50 alunos de mestrado e doutorado orientados), a docente recebeu com surpresa o anúncio da premiação: “Quando fiquei sabendo, acabou sendo, de certa forma, uma notícia muito impactante. Não estava exatamente esperando que fosse acontecer, porque a gente sabe que tem excelentes profissionais. Eu fiquei muito feliz, com certeza. É um reconhecimento da trajetória acadêmica e principalmente da dedicação que a gente tem à ciência e às atividades de pesquisa e de ensino”.
(mais…)

Tags: bioquímicaMulheres na CiênciaNeurobiologia da DepressãoneurociênciasPrêmio Mulheres na Ciência 2021UFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Prêmio Mulheres na Ciência: Daniela Karine Ramos

16/11/2021 09:00

Desde a semana passada, a Agência de Comunicação da Universidade Federal de Santa Catarina (Agecom/UFSC) tem publicado reportagens sobre as vencedoras do Prêmio Mulheres na Ciência 2021, promovido pela Pró-Reitoria de Pesquisa (Propesq). A quarta matéria da série aborda a trajetória e o trabalho da professora do Centro de Ciências da Educação (CED) Daniela Karine Ramos, vencedora na área de Ciências Humanas, Categoria Plena, voltada a docentes que ingressaram na UFSC entre 31 de dezembro de 2000 e 31 de dezembro de 2013.

Daniela é professora do Departamento de Metodologia de Ensino e do Programa de Pós-Graduação em Educação e uma das coordenadoras do grupo de pesquisa Edumídia – Educação, Comunicação e Mídias, além de atuar como como professora colaboradora do Mestrado em Recursos Digitais em Educação do Instituto Politécnico de Santarém (Portugal). Há mais de dez anos, dedica-se a projetos de pesquisa e extensão relacionados ao uso de jogos eletrônicos na Educação, com estudos voltados especialmente à aprendizagem e ao desenvolvimento de funções cognitivas. Sua produção acadêmica e científica soma 85 artigos em revistas científicas, 13 livros publicados e organizados, 37 capítulos de livro e 49 trabalhos completos em anais de evento. 

Ela também é divorciada e mãe de três crianças – Julia, Mateus e Eduarda, de 11, 9 e 6 anos, respectivamente. E foi justamente da percepção dos múltiplos papéis que assume, assim como muitas outras mulheres, que veio um dos estímulos para se inscrever na premiação. Para Daniela, essa era uma forma de valorizar a iniciativa e reconhecer a importância da mulher na ciência e os diferentes desafios enfrentados pelas pesquisadoras. “Tenho três crianças pequenas, fiquei na pandemia com eles sozinha, e [com ensino] remoto, computador e trabalho… Então muitas vezes é uma condição bem diferente da de homens que atuam na universidade. A gente tem esse desafio, muitas vezes, de uma responsabilidade maior como mãe. Normalmente, numa situação de divorcio é a mãe que acaba ficando mais responsável pelas crianças”, enfatiza. 

(mais…)

Tags: CEDDepartamento de Metodologia de EnsinoeducaçãoGrupo de Pesquisa Edumídiajogos eletrônicosMulheres na CiênciaPrêmio Mulheres na Ciência 2021Programa de Pós-Graduação em EducaçãoUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Prêmio Mulheres na Ciência: Christiane Fernandes Horn

08/11/2021 09:00

A trajetória e as pesquisas científicas de Christiane Fernandes Horn são o foco da primeira reportagem da série sobre as vencedoras do Prêmio Mulheres na Ciência 2021, promovido pela Pró-Reitoria de Pesquisa da Universidade Federal de Santa Catarina (Propesq/UFSC). A professora do Departamento de Química e coordenadora do Laboratório Interdisciplinar de Química Inorgânica Medicinal e Catálise foi a contemplada na área de Ciências Exatas e da Terra, Categoria Júnior – voltada às pesquisadoras que ingressaram no quadro permanente da UFSC após 31 de dezembro de 2013.

O prêmio reconhece a qualidade e a originalidade da produção científica de Christiane. Com pouco mais de dois anos e meio atuando como docente na UFSC, ela foi responsável pela implantação de projetos de pesquisa inovadores no Departamento de Química. Seus estudos, realizados em parceria com diferentes departamentos da Universidade e de outras instituições, envolvem a síntese de moléculas em laboratório e a análise de suas atividades biológicas, que incluem propriedades antioxidantes e a capacidade de combater bactérias, protozoários e até o desenvolvimento de tumores. Os trabalhos já lhe renderam o depósito de nove pedidos de patente e podem, futuramente, colaborar para o desenvolvimento de novos medicamentos e possibilidades de tratamento para uma série de doenças. 

É importante ressaltar que os avanços científicos são sempre fruto de muito esforço e investimento. A trajetória e a produção de Christiane não são exceção. “Eu trabalho nessa linha já tem bastante tempo. Comecei nessa linha em 2003, praticamente, e foi a área da minha formação, da minha iniciação [científica], do meu mestrado, e isso se solidificou no doutorado”, afirma a docente. 
(mais…)

Tags: Departamento de QuímicaMulheres na CiênciaPrêmio Mulheres na Ciência 2021químicaQuímica MedicinalUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Instituto de Estudos de Gênero promove seminário sobre mulheres na ciência e pandemia de covid-19

24/09/2021 18:02

O  Instituto de Estudos de Gênero (IEG) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) promove a live A pandemia de covid através das análises de mulheres cientistas. A transmissão faz parte do I Ciclo de seminários temáticos: mulheres na ciência e ocorre na próxima segunda-feira, 27 de setembro, às 18h, por meio do canal do IEG no YouTube.

Participarão da conversa as professoras do Programa de Pós Graduação em Saúde Coletiva (PPGSC/UFSC) Alexandra Boing e Márcia Grisotti e a pesquisadora do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Leila Garcia. O evento remoto será mediado pela pós-doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Ciências Humanas Barbara Amorim.

Tags: IEGInstituto de Estudos de Gênerolivemulheres cientistasMulheres na CiênciaSeminários TemáticosUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

IEG promove Ciclo de Seminários sobre Mulheres na Ciência com debate sobre ciências exatas e engenharias na próxima segunda-feira

27/08/2021 11:34

Clique para ampliar

O Instituto de Estudos de Gênero (IEG) promove, na próxima segunda-feira, 30 de agosto, o I Ciclo de Seminários Temáticos: Mulheres na Ciência, com o tema “Mulheres nas Ciências Exatas e Engenharias“. O evento on-line ocorre às 18h30, no Canal do IEG no YouTube.

Participam do seminário as pesquisadoras Gabriela Kaiana Ferreira (professora do Departamento de Física/UFSC), Isadora Deschamps (estudante do Programa de Pós-Graduação em Ciência e Engenharia de Materiais e integrante do Coletivo Mulheres nas Engenharias da UFSC) e Elenira Oliveira Vilela (professora de Matemática/IFSC).

A mediação do debate será feita pela professora do Departamento de Enfermagem, Olga Zigelli Garcia.

Tags: IEGMulheres na CiênciaMulheres nas EngenhariasUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Projeto de Extensão da UFSC Joinville “Mulheres na Ciência” é destaque no site da Secretaria de Estado da Educação

14/06/2021 11:55

O projeto “Mulheres na Ciência”, coordenado pelo professor Carlos Maurício Sacchelli, foi destaque de uma notícia publicada no site da Secretaria de Estado da Educação esta semana.

A reportagem destacou o andamento do projeto em três escolas da rede estadual e duas da rede municipal de Joinville, onde, desde o mês de maio, grupos de alunas estão participando de oficinas de engenharia aeroespacial, energias renováveis, desenvolvimento de jogos educativos, robótica e introdução à programação.

A proposta foi selecionada pelo Edital de Meninas na Ciência, Engenharia e Programação do CNPq, e tem como objetivo principal discutir e refletir sobre o uso de várias tecnologias com as alunas e professoras de escolas, visando incentivá-las nas áreas de ciência e engenharia. “O incentivo através de experiências práticas com o auxílio de oficinas, equipamentos e projetos de pesquisa pode despertar o interesse pela área de Ciência e Tecnologia de jovens estudantes”, pontua o coordenador.

Além do professor Sacchelli, participam do projeto as docentes Tatiana R. Garcia, Janaína R. Garcia, Susie C. Keller e Vanessa A. Lima.

Para ler a reportagem na íntegra, clique aqui.

Tags: Mulheres na CiênciaUFSC JoinvilleUniversidade Federal de Santa Catarina

Últimos dias para inscrições no Prêmio Mulheres na Ciência

31/05/2021 18:15

Encerra-se em 8 de junho o prazo para inscrições no Prêmio Propesq – Mulheres na Ciência, promovido pela Pró-Reitoria de Pesquisa (Propesq) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). A premiação visa estimular, valorizar e dar visibilidade às mulheres que fazem pesquisas científicas, tecnológicas e inovadoras, bem como inspirar a comunidade científica interna e externa nas diferentes áreas do conhecimento e contribuir para diminuir a assimetria de gênero na ciência.

Podem propor indicações as próprias mulheres interessadas em concorrer, departamentos ou programas de pós-graduação da UFSC e orientandos atuais ou anteriores da pesquisadora. São contempladas três categorias: Júnior, para pesquisadoras que ingressaram no quadro permanente da UFSC após 31 de dezembro de 2013; Plena, para as que ingressaram entre 31 de dezembro de 2000 e 31 de dezembro de 2013; e Sênior, para aquelas que ingressaram antes de 31 de dezembro de 2000. As vencedoras receberão um diploma e terão um vídeo realizado pela Agência de Comunicação da UFSC (Agecom) para divulgação científica. A produção também comporá a galeria de destaques na ciência da Propesq.

O regulamento e o formulário para inscrições estão disponíveis no site da premiação.

Tags: AgecomMulheres na Ciênciaprêmio mulheres na ciênciaPrêmio Propesq Mulheres na CiênciaPROPESQUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Propesq recebe inscrições para o Prêmio Mulheres na Ciência

10/05/2021 17:34

Estão abertas, até 8 de junho, as inscrições para o Prêmio Propesq – Mulheres na Ciência, promovido pela Pró-Reitoria de Pesquisa (Propesq) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). A premiação visa estimular, valorizar e dar visibilidade às mulheres que fazem pesquisas científicas, tecnológicas e inovadoras, bem como inspirar a comunidade científica interna e externa nas diferentes áreas do conhecimento e contribuir para diminuir a assimetria de gênero na ciência. 

Podem propor indicações as próprias mulheres interessadas em concorrer, departamentos ou programas de pós-graduação da UFSC e orientandos atuais ou anteriores da pesquisadora. São contempladas três categorias: Júnior, para pesquisadoras que ingressaram no quadro permanente da UFSC após 31 de dezembro de 2013; Plena, para as que ingressaram entre 31 de dezembro de 2000 e 31 de dezembro de 2013; e Sênior, para aquelas que ingressaram antes de 31 de dezembro de 2000. As vencedoras receberão um diploma e terão um vídeo realizado pela Agência de Comunicação da UFSC (Agecom) para divulgação científica. A produção também comporá a galeria de destaques na ciência da Propesq.

O regulamento e o formulário para inscrições estão disponíveis no site da premiação.

Tags: AgecomMulheres na Ciênciaprêmio mulheres na ciênciaPrêmio Propesq Mulheres na CiênciaPROPESQUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Parent in Science celebra inclusão da licença maternidade na Plataforma Lattes

07/04/2021 17:46

O movimento Parent in Science divulgou, por meio do Instagram, que a partir do próximo dia 15 de abril haverá um espaço próprio disponibilizado na Plataforma Lattes, do CNPq, para inclusão dos registros de períodos de licença maternidade nos currículos de mulheres cientistas que são mães. Esta era uma das demandas do movimento, fundado para  levantar a discussão sobre o impacto dos filhos na carreira científica de mulheres e homens. A Plataforma Lattes é onde cientistas divulgam sua produção acadêmica, sendo essencial para a concorrência em editais de financiamento e também em concursos públicos.

A temática foi abordada recentemente em reportagens divulgadas pela Agência de Comunicação da Universidade Federal de Santa Catarina. No dia 11 de fevereiro, o dia internacional das mulheres e meninas nas ciências, pesquisadoras trataram do assunto como sendo essencial para a inclusão das mulheres na ciência e para que suas carreiras tivessem essa especificidade considerada.
(mais…)

Tags: Mulheres na CiênciaParent In Science

Curso ‘Ciência, Gênero e Diversidades’ prorroga inscrições

24/03/2021 08:37

Os interessados em participar do curso Ciência, Gênero e Diversidades têm até quinta-feira, 25 de março, para se inscrever – mesma data em que começam as atividades. As inscrições são feitas a partir do preenchimento do formulário, escolhendo a turma que mais se adequa aos seus horários. Solicita-se que o formulário seja preenchido também pelas pessoas que já se inscreveram mas não tenham recebido o e-mail de confirmação.

Realizado pelo Programa Institucional de Apoio Pedagógico aos Estudantes (Piape), em parceria com a Pró-Reitoria de Pesquisa (Propesq) e o Instituto de Estudos de Gênero (IEG), o curso tem o objetivo de fomentar discussões sobre o contexto histórico-cultural que norteia a trajetória científica das mulheres, explorando causas sociológicas e culturais que refletem a assimetria de gênero na ciência em suas múltiplas interseccionalidades (de raça, classe, orientação sexual, deficiência, geração) no Brasil e no mundo.

As turmas terão, no máximo, 45 pessoas e têm como público-alvo prioritário estudantes da graduação da UFSC. Será reservado um espaço de 10% para alunos da pós-graduação e de outras instituições. Os encontros durarão seis semanas, com finalização prevista para o dia 6 de maio, e podem ser validados como atividade complementar mediante participação em pelo menos 75% das aulas.

Mais informações no programa do curso.

Leia também: UFSC terá curso de seis semanas sobre ciência, gênero e diversidades

Tags: Ciênciadiversidadegênerogênero e diversidadesIEGInstituto de Estudos de GêneroMulheres na CiênciaPiapePROPESQUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Inscrições abertas para curso sobre Ciência, Gênero e Diversidades

15/03/2021 10:54

Realizado pelo Programa Institucional de Apoio Pedagógico aos Estudantes (Piape), em parceria com a Pró-Reitoria de Pesquisa (Propesq) e o Instituto de Estudos de Gênero (IEG), o curso Ciência, Gênero e Diversidades tem o objetivo de fomentar discussões sobre o contexto histórico-cultural que norteia a trajetória científica das mulheres, explorando causas sociológicas e culturais que refletem a assimetria de gênero na ciência em suas múltiplas interseccionalidades (de raça, classe, orientação sexual, deficiência, geração) no Brasil e no mundo. Os encontros terão início no dia 22 de março e serão realizados de maneira remota, com duração de aproximadamente 1h30 cada. 

Para participar, é preciso preencher, até quinta-feira, 18 de março, os formulários de inscrição e, em seguida, o de montagem de turmas.
(mais…)

Tags: Ciênciadiversidadegênerogênero e diversidadesIEGInstituto de Estudos de GêneroMulheres na CiênciaPiapePROPESQUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC na mídia: mulheres recebem 62% das bolsas da Fapesc para pesquisa

08/03/2021 17:11

Foto: divulgação/Fapesc

Para marcar o Dia Internacional da Mulher, a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) divulga indicadores que mostram o investimento em projetos liderados por mulheres em Santa Catarina. Entre os destaques, estão as bolsas para estudantes de pós-graduação. De 2017 a 2019, 62% delas foram destinadas às pesquisadoras catarinenses de mestrado e doutorado. A reportagem publicada no site da instituição nesta segunda-feira, 8 de março, aborda as trajetórias de algumas das contempladas, entre as quais estão pesquisadoras e ex-alunas da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Uma das entrevistadas foi a bióloga, mestre em Ciências da Saúde e doutora em Biotecnologia e Biociências Greicy Malaquias, que faz parte da equipe que está desenvolvendo uma vacina catarinense contra Covid-19 a partir de uma recombinante BCG. Ela conta com uma bolsa de pós-doutorado da Fapesc e assim consegue se dedicar ao trabalho no Laboratório de Imunobiologia da UFSC. 

A Fapesc também traz as histórias das egressas Valéria Maria Limberger Bayer e Patrícia Matos Scheuer. A primeira hoje é professora da Universidade Federal de Santa Maria, no Rio Grande do Sul, e conseguiu uma bolsa em 2008, quando fazia o doutorado na área de Ciência de Alimentos da UFSC. Já Patrícia é professora do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC). Após cursar Administração na Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), decidiu trocar de área. Fez Engenharia de Alimentos na UFSC e em seguida cursou mestrado e doutorado em Ciência dos Alimentos. A pós-graduação foi possível com apoio da fundação.

A matéria completa, que aborda ainda os desafios na captação de recursos e ações para incentivo às mulheres em ciência, tecnologia e inovação, pode ser lida no site da Fapesc.

Tags: Dia Internacional da MulherFapescMulheres na CiênciaUFSCUFSC na mídiaUniversidade Federal de Santa Catarina

Roda de conversa sobre Mulheres na Ciência ocorre nesta segunda-feira, às 18h

08/03/2021 11:52

A Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência de Santa Catarina (SBPC) promove na segunda-feira, dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher, um debate sobre o papel das instituições no atendimento das metas do Objetivo do Desenvolvimento Sustentável (ODS).

A conversa sobre a produção de ciência e tecnologia por mulheres cientistas, educadoras e transformadoras pretende discutir três pontos principais:

  • Depois de tantas lutas e conquistas, nesse 8 de março, podemos dizer que há equidade de gênero nas nossas instituições?
  • Como é o cenário nas instituições acadêmico-científicas quando o assunto é representatividade?
  • Quais ações institucionais podemos promover para melhorar a equidade e atender a objetivos mundiais de desenvolvimento sustentável?

A mediação do evento será das professoras Bárbara Segal e Miriam Grossi. Participam do debate: Mareli Graupe (Uniplac), Gabriela Silva (Epeja/UFSC), Amanda Bastos-Pereira (Udesc/Parent in Science), Deborah Bernett (Fapesc) e Maique Biavatti (Propesq/UFSC).

A conversa será transmitida, às 18h, pelo canal da SBPC/SC no YouTube.

 

 

Mais informações: 
Site da SBPC/SC

Tags: 8MCiênciaMulheres na CiênciaSBPC - SCUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Série ‘Elas na Ciência’ prestigia trabalho de pesquisadoras da UFSC

08/03/2021 11:36

Segunda-feira, dia 8 de março é o Dia Internacional da Mulher e dia 11 de fevereiro foi comemorado o Dia Internacional de Mulheres e Meninas na Ciência. 

Pensando nisso e participando da agenda oficial da UFSC, a Pró-Reitoria de Pesquisa (Propesq) elaborou uma série descontraída, em formato de minientrevista com cinco perguntas. A intenção da série é prestigiar o trabalho das pesquisadoras e a importância de tê-las na UFSC.

Elas na Ciência’ traz um pouco das pesquisas, da perspectiva e dos conselhos que as cientistas têm para dar àquelas jovens mulheres que almejam ingressar no mundo científico. A série conta com a entrevista de cinco pesquisadoras de diferentes departamentos da UFSC. 

Confira as minientrevistas no site da PROPESQ.

Tags: 8MCiênciaMulheres na CiênciaPró-Reitoria de Pesquisa (PROPESQ/UFSC)UFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

‘Parent in Science’: duas professoras da UFSC são embaixadoras do movimento nacional

08/03/2021 10:45

Para as mulheres na academia, dois termos fazem parte do cotidiano delas: “efeito tesoura” e “teto de vidro”. O primeiro refere-se ao formato de gráfico que mostra diminuição na porcentagem de mulheres que conseguem, ao longo do tempo e apesar de todos os obstáculos, permanecer na carreira científica, enquanto a proporção de homens aumenta. Já o segundo diz respeito à barreira invisível que elas encontram para a ascensão a posições de maior relevância.
(mais…)

Tags: CFMCovid-19Dia Internacional da MulherJuliana LeonelJuliana Paula da SilvaMaternidade e CiênciaMulheres na CiênciaParent In ScienceUFSC

Prêmio Propesq – Mulheres na Ciência abre inscrições na segunda-feira, dia 8 de março

05/03/2021 15:04

O Dia Internacional da Mulher, 8 de março, marca o início do período de inscrições da premiação da Pró-Reitoria de Pesquisa (Propesq), da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), voltada à visibilidade das mulheres cientistas da instituição. O Prêmio Propesq – Mulheres na Ciência se destina a inspirar a comunidade científica interna e externa nas diferentes áreas do conhecimento e contribuir para diminuir a assimetria de gênero na ciência.

> Clique AQUI para conferir o edital

As inscrições serão realizadas através do portal de atendimento institucional (PAI) disponível no endereço premiospropesq.ufsc.br, entre os dias 8 de março e 8 de junho. Poderão propor indicações para o prêmio: a própria interessada em concorrer; departamentos ou programas de pós-graduação da UFSC; e ex-orientados ou orientandos da pesquisadora.

A honraria será outorgado a mulheres pesquisadoras pertencente ao quadro permanente da UFSC cujo trabalho de pesquisa tenha contribuído de forma significativa para o avanço científico. A condecoração será concedida em três categorias: Júnior, Plena e Sênior:
Categoria Júnior: concedida para pesquisadoras ingressaram no quadro permanente da UFSC após 31/12/2013.
Categoria Plena: concedida para pesquisadoras ingressaram no quadro permanente da UFSC entre 31/12/2000 e 31/12/2013.
Categoria Sênior: concedida para mulheres que ingressaram no quadro permanente da UFSC antes de 31/12/2000.

De acordo com o edital, o prêmio terá periodicidade anual e será outorgado para apenas uma pesquisadora em cada categoria, em cada uma das três grandes áreas do conhecimento: Humanidades, Vida, Exatas e da Terra. A premiação consiste de um diploma e de um vídeo realizado pela Agência de Comunicação da Universidade (Agecom/UFSC) para divulgação científica, a ser veiculado em canais de comunicação, compondo a Galeria de Destaques na Ciência da Propesq.
(mais…)

Tags: Mulheres na CiênciaPrêmio Propesq Mulheres na CiênciaPró-reitoria de Pesquisa (Propesq)UFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Professoras da UFSC comentam falhas de metodologia e sexismo de artigo publicado em revista científica

04/12/2020 11:32

Há pouco mais de duas semanas, um estudo publicado na revista científica Nature Communications, uma das mais conceituadas do mundo, gerou indignação na comunidade científica e uma onda de protestos, notas de repúdio e abaixo-assinados exigindo a retratação do periódico e a retirada do artigo. O trabalho em questão foi conduzido por três pesquisadores do campus de Abu Dhabi da Universidade de Nova York e se propõe a analisar a influência das relações de orientação sobre o desempenho acadêmico de jovens cientistas. O estudo apresenta uma série de falhas metodológicas, mas o principal objeto das críticas foram suas conclusões machistas, que reforçam estereótipos e a perpetuação de desigualdades de gênero na ciência.

O trio utilizou dados de mais de 200 milhões de artigos científicos publicados em um período de mais de 100 anos para identificar relações entre orientadores e orientandos. Em seguida, acompanhou o “sucesso profissional” dos últimos, baseado no número de citações de seus artigos ao longo do tempo. Os resultados indicaram que a orientação por cientistas renomados (conceito também definido com base no número de citações) faz com que os pesquisadores iniciantes tenham maior chance de êxito na carreira. O mesmo não acontece, segundo os responsáveis pela pesquisa, quando a orientação é feita por uma mulher: ter mais mentoras estaria associado a um pior desempenho posterior, e o índice se agrava quando a pessoa orientada é outra mulher. O artigo afirma ainda que, ao orientar mulheres em vez de homens, as supervisoras também sairiam perdendo, com uma redução de 18% em suas citações. Os autores, por fim, sugerem que mulheres devem procurar a orientação de homens e declaram que políticas de promoção da diversidade, “por mais bem-intencionadas que sejam, podem prejudicar a carreira de mulheres que permanecem na academia de maneiras inesperadas”.
(mais…)

Tags: machismoMulheres na CiênciaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Pesquisa quantifica a falta de diversidade na Física brasileira

24/06/2020 08:53

Homens brancos, heterossexuais e cisgênero que vivem no Sudeste do país: esse é o retrato dos físicos brasileiros, segundo uma pesquisa realizada por cientistas associados ao Grupo de Trabalho sobre Questões de Gênero da Sociedade Brasileira de Física (SBF). O levantamento teve o objetivo de quantificar a diversidade e a representatividade de diferentes grupos entre os profissionais da área e detectar motivações e dificuldades encontradas ao longo dos estudos e da carreira. Os resultados foram publicados no início do mês na revista científica internacional Physical Review Physics Education Research. Assinam o artigo pesquisadores da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) — esta última representada pela professora do Departamento de Física Débora Peres Menezes e pela estudante de bacharelado em Física Beatriz Nattrodt D’Avila

A pesquisa se baseou em um questionário respondido entre julho e setembro de 2018 por 1.695 membros da SBF — 44% do total de associados à época. Desses, 68% são homens; 88%, heterossexuais; 95%, cisgênero (3% preferiram não responder ou se classificar e cerca de 2% são transgênero); e 6,2% têm alguma alguma deficiência. Ainda, 61% se autodeclaram brancos; 20%, pardos; 6%, negros; 2%, asiáticos; 1%, indígenas; 1% declaram “outro” e 9% preferiram não responder ou se classificar. A título de comparação, conforme o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 56% da população brasileira é negra (incluindo pretos e pardos). Outro dado que chama a atenção é a alta concentração de físicos no Sudeste do país — 59% do total. 
(mais…)

Tags: assédiodiversidadefísicaMulheres na CiênciaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Grupo ‘Mulheres na Ciência – SC’ encerra atividades de 2018 em palestra com botânica Thaís Vasconcelos

29/10/2018 11:44

O grupo “Mulheres na Ciência – SC” encerra suas atividades deste ano com a palestra “Reconstruindo a história evolutiva de Myrtaceae Neotropical”, no dia 7 de novembro. O evento ocorrerá na sala 302 do Espaço Físico Integrado (EFI) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), das 13h30 às 14h30. A palestrante será a professora Thaís Vasconcelos, do Departamento de Botânica da Universidade de São Paulo (USP).

As atividades do grupo buscam criar um espaço de fala exclusivo para mulheres cientistas, onde estas têm a liberdade de escolher o tema de suas palestras, desde sua experiência na academia até a comunicação de resultados de suas pesquisas. A inscrição pode ser realizada pelo formulário.

(mais…)

Tags: Ciclo de Seminários 'Mulheres na Ciência-SC'Espaço Físico IntegradoMulheres na CiênciaReconstruindo a história evolutiva de Myrtaceae NeotropicalThaís VasconcelosUFSC

3º Seminário ‘Mulheres na Ciência’ ocorre na UFSC nesta sexta

17/10/2018 17:45

O III Ciclo do Seminário “Mulheres na Ciência-SC” ocorre nesta sexta-feira, 19 de outubro, às 16h. no auditório da Reitoria da UFSC. O tema da palestra, que será ministrada pela professora Marina Hirota, será”Impressões de uma mulher nas ciências em que mulheres são raras”.

Marina é docente do Centro de Ciências Físicas e Matemáticas (CFM/UFSC) e do Programa de Pós-Graduação em Ecologia, ambos na UFSC. Possui mestrado em Engenharia Elétrica e doutorado em Meteorologia.

As inscrições para participar do ciclo podem ser feitas no seguinte formulário online.

Tags: Mulheres na CiênciaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Mulheres na Ciência: a diversidade torna o sistema mais eficiente

29/08/2018 14:00

Mulheres na Ciência-SC, no Centro Tecnológico da UFSC

O evento “Mulheres na Ciência-SC” realizado nesta terça-feira, 28 de agosto, no Centro Tecnológico (CTC) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), abriu o ciclo de seminários e no final deixou um convite para o próximo encontro que será no dia 3 de setembro, na Biblioteca Universitária (BU). Este, mesmo sendo aberto a todas e todos, as mulheres foram a maioria no auditório Teixeirão para as apresentações de dois nomes da academia  – Marcia Cristina Bernardes Barbosa, do Departamento de Física da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), que discorreu sobre “Mulheres na Ciência: uma verdade inconveniente” e Rafaela Falaschi, do Departamento de Biologia Estrutural, Molecular e Genética da Universidade Estadual da Ponta Grossa (UEPG), sobre “Quem são as mulheres na ciência?”.

Marcia, já de início, falou do motivo que a trouxe a Santa Catarina, mostrar evidências sobre a importância de se ter mulheres atuando na ciência. Para incitar a discussão, mostrou duas fotos da Conferência de Solvay, a de 1927 e a de 2011. Os dois momentos, mesmo tão distantes no tempo, aproximam-se por um detalhe bem sutil, a baixa participação feminina.

(mais…)

Tags: CTCMarcia Cristina Bernardes BarbosaMulheres na CiênciaUFSC