3º Seminário de Integração Ensino-Serviço-Comunidade será no dia 16 de junho

25/05/2011 15:21

O Curso de Odontologia e os programas de pós-graduação em Odontologia e Saúde Coletiva da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) promovem no dia 16 de junho, quinta-feira, o 3º Seminário de Integração Ensino-Serviço-Comunidade: Diretrizes Curriculares Nacionais em Odontologia (SIESC). O evento, gratuito, será realizado no Hotel Quinta da Bica D’água, bairro Carvoeira, e as inscrições podem ser feitas no local.

Podem participar professores e estudantes de graduação em Odontologia e de pós-graduação das áreas de Odontologia e Sáude Coletiva, profissionais da equipe de saúde bucal da Secretaria Municipal de Florianópolis (SMS), cirurgiões-dentistas (CDs), técnicos de saúde bucal (TSBs) e auxiliares de saúde saúde bucal (ASBs), além de representantes da comunidade. Também é aberto a gestores, professores e alunos de todas as escolas de Odontologia do Estado de Santa Catarina. O limite é de 300 participantes por período.

O Seminário destaca dois grandes temas “Educação odontológica – experiências e perspectivas do PROSAÚDE” e “Recomendações para o uso de fluoretos no Brasil”. O objetivo é promover a integração de saberes e práticas em torno destas temáticas através da realização de conferências por professores convidados e de debates envolvendo participantes atuantes no ensino, no serviço e na comunidade.

Serão seis conferências, discussões em plenária, englobando a participação de professores, estudantes de graduação e pós-graduação, cirurgiões-dentistas, técnicos e auxiliares de saúde bucal, gestores, representantes comunitários e a comunidade em geral.

A relevância das temáticas é indiscutível, tendo em vista a importância dos recursos humanos para o bom desenvolvimento dos sistemas de saúde e a importância do uso racional de fluoretos na prevenção de doenças bucais.

Diversas políticas indutoras objetivando a integração entre o ensino e serviço foram implementadas na última década em parceria pelo Ministério da Educação e Cultura (MEC) e pelo Ministério da Saúde (MS) entre elas destaca-se o Programa para Reorientação da Formação Profissional em Saúde – PRÓSAÚDE.

No cenário da Odontologia brasileira há particularidades a serem consideradas no processo de formação do cirurgião-dentista, tais como os sinais de mudança no panorama do trabalho odontológico destacando-se a redução do exercício liberal estrito, a popularização dos sistemas de odontologia de grupo, o aumento do percentual de profissionais com vínculo público, sobretudo com o crescimento expressivo dos postos de trabalho na rede pública de serviços de odontologia (MORITA; HADDAD; ARAÚJO, 2010).

Programação:

Dia 16 de junho – quinta-feira

7h30min – Recepção e inscrição

8h15min – Abertura

8h45min às 10h – “Educação odontológica – experiências e perspectivas do Pró-Saúde”, com o professor Celso Zilbovicius (USP).

“O Pró-Saúde: Experiência da PUC/PR”, com o professor Samuel Jorge Moysés (PUC/PR).

Coordenadora: professora Daniela Lemos Carcereri (UFSC).

10h às 10h30min – Café com idéias – Todos os participantes.

10h30min às 11h – “O Pró-Saúde: Experiência da UFSC”, com a professora Inês Beatriz da Silva Rath (UFSC).

11h às 12h – Debate – Todos os participantes.

Ativador: professor Cláudio José Amante

14h às 15h30min – “Recomendações para o uso de fluoretos no Brasil” – Mecanismo de ação, com o professor Jaime Aparecido Cury.

Coordenador: professor Marco Aurélio de Anselmo Peres.

“Uso coletivo“, com o professor Paulo Capel Narvai.

15h30min às 16h – Café com ideias – Todos os participantes.

16h às 16h45min – “Riscos”, com a professora Simone Tetü Moysés.

16h45min às 17h45min – Debate  – Todos os participantes.

Ativador: professora Karen Glazer de Anselmo Peres.

17h45min – Encerramento das atividades.

Parcerias:

Curso de Graduação em Odontologia – UFSC

Programa Nacional de Reorientação da Formação Profissional em Saúde – Pró-Saúde

Secretaria Municipal de Saúde de Florianópolis – SMS

Programa de Pós-Graduação em Odontologia – PPGO

Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva – PPGSP

Outras informações pelo telefone (48) 3721-9046.

Tags: 3º Seminário de Integração Ensino-Serviço-ComunidadePró-SaúdeUFSC

UFSC abre inscrições para concurso público de técnico-administrativos

25/05/2011 11:52

A Universidade Federal de Santa Catarina está com inscrições abertas para o concurso público destinado ao provimento de cargos à carreira técnico-administrativa em Educação. As inscrições podem ser feitas até o dia 13 de junho e as taxas para as 153 vagas distribuídas nos campi de Florianópolis (128), Araranguá (9), Curitibanos (8) e Joinville (8) foram assim definidas no edital:

Cargos de Nível de Classificação E – R$ 90,00 (noventa reais).

Cargos de Nível de Classificação D – R$ 70,00 (setenta reais).

Cargos de Nível de Classificação C – R$ 50,00 (cinquenta reais).

Antes de efetuar a inscrição, que pode ser feita pelo site http://www.coperve.ufsc.br/concursos/ddpp/2011/index.html até às 20 horas do dia 13 de junho de 2011, o candidato deve certificar-se de que preenche todos os requisitos exigidos para a participação no concurso e realizar uma única inscrição. Havendo mais de uma inscrição do mesmo candidato, será considerada a de data mais recente.  Após o envio do requerimento de inscrição, imprimir o boleto bancário e o comprovante de requerimento.

Efetuar o pagamento da taxa de inscrição até o dia 13 de junho usando o boleto bancário impresso. Esse pagamento poderá ser efetuado em qualquer agência bancária do Território Nacional (observado o horário de atendimento externo das agências), em postos de auto-atendimento ou via internet (observado o horário estabelecido pelo banco para quitação nesta data).

A inscrição somente será efetivada após a UFSC ser notificada do pagamento da taxa de inscrição pelo sistema bancário. A partir de 1º de julho, o candidato deverá verificar no site www.prdhs.ufsc.br, link “Concursos”, se a sua inscrição foi deferida, bem como, o local onde fará a prova.

Informações sobre o concurso pelo fone (48) 3721-9913.

Tags: concurso públicotécnico-administrativoUFSC

Show de Valdir Agostinho comemora aniversário do Centro de Eventos

25/05/2011 10:36

Para comemorar os sete anos do Centro de Cultura e Eventos, completados no dia 10 de maio, a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) realiza o show “Mundo Toldo”, de Valdir Agostinho, nesta quarta-feira, dia 25, às 20h, no auditório Garapuvu.

Trata-se de uma performance que mescla elementos da cultura popular da Ilha de Santa Catarina com a cultura urbana globalizada, utilizando manifestações tradicionais como o terno de reis, o boi-de-mamão e o improviso das cantorias populares junto com o trabalho de músicos de bandas catarinenses da atualidade, em ritmos como rock, blues, funk, samba, salsa, guajira, reggae, ska e música eletrônica. Legítimo representante da cultura local, Agostinho fará sua “viagem criativa”, como ele mesmo define, junto com músicos das bandas Dazaranha, Iriê, Manéxpress e Stonkas & Congas.

Os ingressos podem ser retirados gratuitamente na Secretaria do Centro de Cultura e Eventos, das 8h às 12h e das 14h às 18h.

Mais informações com Cléia Silveira Ramos, pelo telefone (48) 3721-8602.


Tags: 7 anoscentro de Cultura e Eventosshow Mundo ToldoUFSCValdir Agostinho

Nova edição da Encontros Bibli celebra 15 anos do periódico

24/05/2011 17:38

O novo número da revista de Biblioteconomia e Ciência da Informação Encontros Bibli estará disponível ( http://www.periodicos.ufsc.br/index.php/eb) a partir desta quarta-feira, 25 de maio, celebrando 15 anos do periódico digital do Departamento de Ciência da Informação/ CED/ UFSC. Os indicadores da revista até abril de 2011 apresentam: 1175 usuários cadastrados e 950 leitores. A média de acessos mensal é de 9.000 visitantes únicos, destacando-se que nos últimos anos ultrapassou a marca de cem mil acessos únicos anuais, com a participação de pesquisadores de diversos países. A revista é pioneira, sendo a primeira revista exclusivamente digital da Ciência da Informação no Brasil.

(mais…)

Tags: 15 anos Encontros BibliEncontros Bibliperiódicos digitaisUFSC

Mara Lago é a nova professora emérita da UFSC

24/05/2011 16:47

professora Mara Lago

Mara Coelho de Souza Lago acordou na manhã de segunda-feira, 23 de maio,  com a casa se tornando uma primavera de tantas e tantas flores que chegavam.  O Instituto de Estudos de Gênero ( IEG) e a Revista de Estudos Feministas ( REF) mandaram uma grande cesta de café da manhã. À noite, em meio às conselheiras e conselheiros que se engalanavam para a cerimônia, Mara recebeu os cumprimentos de orientandos que vieram de diversas partes do Estado para a cerimônia com livros e outros presentes para ela.

A professora disse estar muito feliz não que se sentisse merecedora do título, mas pela indicação do Departamento de Psicologia e a acolhida do Centro de Filosofia e Ciências Humanas ( CFH) e dos outros professores da universidade.

(mais…)

Tags: Mara LagoProfessora EméritaUFSC

Rede Ipê tem capacidade ampliada em 280%

24/05/2011 15:08

Foi entregue segunda-feira, 23 de maio, na sala de conselhos da UFSC, a nova capacidade da Rede Ipê, primeira rede óptica acadêmica da America Latina. A Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), responsável pela manutenção da rede, mantém um ponto de presença dentro da universidade. A Rede Ipê teve a capacidade ampliada em 280%, beneficiando a pesquisa, ciência e educação superior no estado de Santa Catarina.

Estavam presentes à solenidade Alvaro Prata, reitor da UFSC, Sebastião Iberes Lopes Melo, reitor da Universidade do estado de Santa Catarina (UDESC), Rodolfo Pinto da Luz, Secretário de Educação de Florianópolis, Nelson Simões, diretor geral da RNP, entre outros representantes de instituições.

A Rede Ipê conta agora com uma capacidade de 10 Gbts, infraestrutura de rede equiparada redes acadêmicas mais avançadas do mundo. “Estamos vivendo o início de uma revolução. Que possamos comemorar a conexão de 10 Gbts olhando para frente e buscando novos avanços”, disse Alvaro Prata.

Tags: Rede IpêUFSC

UFSC é sede da II Semana de Cultura e Arte Tibetana

24/05/2011 14:46

O Centro de Cultura Tibetana (CCT) em conjunto com o Núcleo de Estudo Orientais da UFSC, promovem de 27 de maio a 4 de junho, no auditório  da Reitoria da UFSC,  a  “II Semana de Cultura e Arte Tibetana”.  A semana oferece uma programação extensa e tem por finalidade trocar experiências sobre aspectos interessantes da Cultura Tibetana, por meio de palestras, debates, exibição de filmes e exposições artísticas. O evento é gratuito e aberto à comunidade.   ( www.semanatibetana.com.br)

(mais…)

Tags: II Semana Cultura Arte TibetanaUFSC

Maternidade do HU promove 25ºCurso de manejo e promoção do aleitamento materno

23/05/2011 17:03

A Maternidade do Hospital Universitário da UFSC realizará de 15 a 17 de junho, no auditório do HU, o 25º Curso de Manejo e Promoção do Aleitamento Materno, direcionado exclusivamente para os profissionais que trabalham em hospitais e unidades de saúde em Santa Catarina, atuando no atendimento da mulher e do recém-nascido.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até o dia 10 de junho, pelo do telefone (48) 3721-8019 ou pessoalmente na Central de Incentivo ao Aleitamento Materno (CIAM), que fica no 2º andar do Hospital Universitário. Este ano estão sendo oferecidas 100 vagas.   curso será ministrado das 7h30min às 12h e das 13h às 18h, durante os três dias.

(mais…)

Tags: aleitamento maternocursoHUUFSC

Seminário debateu cuidado de enfermagem e práticas seguras em saúde

23/05/2011 15:28

Comemorando a Semana da Enfermagem, o Grupo de Pesquisa Clínica, Tecnologias e Informática em Saúde e Enfermagem (GIATE), do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da UFSC, debateu no dia 13 de maio no “I Seminário de Cuidado de Enfermagem e Segurança do Paciente” os aspectos que norteiam o cuidado seguro de enfermagem.  Foram discutidos temas relacionados à cultura da segurança e o registro voluntário de eventos adversos, danos e erros no cuidado de enfermagem. Também foi tema o papel das tecnologias inovadoras como instrumentos fundamentais para a segurança do cuidado de enfermagem e os aspectos éticos e bioéticos que auxiliam as práticas seguras em saúde.

A professora Grace Dal Sasso líder do GIATE e coordenadora do Polo de Segurança do Paciente em Santa Catarina (SEPAESC) explica “que é fundamental que os profissionais de enfermagem desenvolvam um cuidado culturalmente comprometido com a segurança do paciente no intuito de diminuir e evitar os danos, eventos adversos e erros em suas práticas. Para tanto, se faz necessário um processo conjunto de educação permanente dos profissionais envolvendo academia, instituições de saúde e os órgãos de classe” salienta.

Dentre os objetivos e metas do Polo SEPAESC está promover a cultura da segurança do paciente em Santa Catarina por meio de cursos de extensão, oficinas, seminários, eventos e fóruns de experiências. Outra proposta é  promover estratégias e desenvolver ações para medida e melhoria de processos nos ambientes de cuidado em saúde, como indicadores de segurança. O Polo SEPAESC segue os encaminhamentos da Rede Nacional de Segurança do Paciente – REBRAESP e também as diretrizes da Organização Mundial de Saúde (OMS). A realização do seminário foi um objetivo atingido pelo Polo.

A professora Lúcia Amante, chefe do Departamento de Enfermagem da UFSC e membro do Giate/UFSC, frisa que “a intenção com o evento também foi mostrar à comunidade e aos alunos que é preciso reduzir ao máximo o risco de dano ao paciente. Dentro da enfermagem, os erros acontecem devido a falhas de comunicação e cabe salientar que a assistência de Enferz pelo diálogo que acontece entre o profissional e o paciente. Nem sempre é fácil para o profissional lidar com o erro porque ele pode ficar muito exposto na situação. O  estudo da Ética e Bioética orienta e auxilia os enfermeiros na sua conduta profissional”, comenta a professora Lúcia, que ministrou a palestra “Ética/Bioética e as Práticas Seguras no Cuidado de Enfermagem”

O seminário contou com o apoio do Centro de Ciências da Saúde (CCS/UFSC); Departamento de Enfermagem, do Programa de Pós Graduação em Enfermagem (PEN/UFSC); Grupo de Pesquisa Clínica, Tecnologias e Informática em Saúde e Enfermagem (Giate/UFSC); Hospital Universitário (HU) e  também do Conselho Regional de Enfermagem (COREN). No encerramento das atividades foram definidas as novas diretrizes que vão orientar as ações de segurança na prática de enfermagem nos estabelecimentos de saúde em Santa Catarina.

Mais informações: http://www.nfr.ufsc.br ou 3721-9480 e 3721-9399

Por Darilson Barbosa / Bolsista de Jornalismo na Agecom

Tags: I Seminário de Cuidado EnfermagemUFSC

Mara Lago recebe o título de professora emérita nesta segunda-feira, às 19h, no auditório da Reitoria

23/05/2011 14:49

Mara Coelho de Souza Lago, recém-aposentada do Departamento de Psicologia, recebe nesta segunda-feira, 23 de maio, o título de professora emérita da Universidade Federal de Santa Catarina. O evento será realizado no auditório da Reitoria, às 19h. Toda a comunidade acadêmica da UFSC está convidada a prestigiar a homenagem.

Acompanhe ao vivo em http://150.162.3.12/conselho

Formada em pedagogia pela UDESC, com mestrado em Antropologia pela UFSC e doutorado em Psicologia da Educação pela Unicamp, Mara segue atuando como professora voluntária nos programas de pós-graduação em Psicologia (PPGP) e Interdisciplinar em Ciências Humanas (PPGICH).

As suas pesquisas tiveram como foco prioritário a psicologia social nos temas gênero, gerações, subjetividades, modos de vida, procurando sempre enfoque interdisciplinar, como sua formação. Participa da coordenação do Instituto de Estudos de Gênero IEG/ UFSC       (www.ieg.ufsc) e da coordenação editorial da Revista de Estudos Feministas, além de ser uma das organizadoras do evento Fazendo Gênero.

A homenageada orientou mais de 50 dissertações, teses e trabalhos de iniciação científica e participou de cerca de 100 bancas examinadoras de mestrado e doutorado, além das qualificações de doutorado e bancas de TCCs.

Mara nasceu em Caçador (SC) e veio para Florianópolis com 10 anos.  Foi uma das fundadoras do curso de Psicologia da UFSC, do Serviço de Atenção Psicológica ( SAPSI) (www.sapsi.ufsc.br) e do Laboratório de Psicologia Experimental.

A pesquisadora foi uma das criadoras do mestrado em Psicologia, do qual foi a primeira coordenadora. Idealizado de forma a ser diversificado, evoluiu até o modelo atual com três áreas específicas bem amplas.

A professora colaborou na constituição do doutorado Interdisciplinar em Ciências Humanas, que reúne professores de diversos Departamentos numa perspectiva inovadora.

Mais informações: Mara Lago  e

Professoras Edite Krawulksi :  e Daniela Ribeiro Schneider

Por Alita Diana/ jornalista da Agecom

Com informações do currículo lattes atualiza doem 13/5/2011:

http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.jsp?id=K4797735Y7 e entrevista concedida à Daniela Ribeiro Schneider,  à época da celebração dos 30 anos do curso de Psicologia da UFSC , em 12 de maio de 2008.

Tags: Mara LagoProfessora EméritaUFSC

Rede de Telemedicina comemora marca de um milhão de exames em SC

20/05/2011 11:07

Será realizado no dia 24 de maio, terça-feira, às 14h, no auditório do Centro Administrativo do governo do Estado, o evento que comemora a marca de um milhão de exames realizados pelo Sistema Catarinense de Telemedicina e Telessaúde. A cerimônia contará com as presenças do vice-governador Eduardo Pinho Moreira, do secretário de Estado da Saúde, Dalmo Claro de Oliveira, do reitor da Universidade Federal de Santa Catarina, Alvaro Toubes Prata, do vice-reitor Carlos Alberto Justo da Silva e de outras autoridades.

Criado com tecnologia desenvolvida em Santa Catarina, o sistema permitiu a formação da maior e mais avançada rede pública de Telemedicina do Hemisfério Sul e já está disponível em quase 100% dos municípios do Estado. São 287 as cidades – de um total de 293 – beneficiadas pelo sistema. Estes serviços vão de laudos à distância de eletrocardiogramas até o acesso a exames de análises clínicas e de alta complexidade, como tomografia e ressonância magnética.

O Sistema de Telemedicina é uma rede estadual baseada numa infraestrutura tecnológica especialmente criada para oferecer de maneira ágil serviços de atenção à saúde no contexto do SUS. Os exames, realizados em qualquer cidade catarinense cadastrada no sistema, são imediatamente disponibilizados para serem analisados por especialistas, sem limitação geográfica. Logo após o laudo, o resultado pode ser visualizado pelo médico e pelo próprio paciente na cidade onde se encontra.

Dessa forma, além de diminuir o tempo de acesso aos laudos, a Telemedicina possibilita a redução do custo desses exames e evita viagens desnecessárias. Tomando apenas os eletrocardiogramas digitais realizados até janeiro de 2011, estima-se que os pacientes atendidos tenham deixado de viajar mais de 13 milhões de quilômetros.

O Sistema Catarinense de Telemedicina começou em 2005, através de uma parceria entre a Secretaria do Estado da Saúde e a Universidade Federal de Santa Catarina. O primeiro eletrocardiograma digital foi instalado na cidade de Quilombo, na região Oeste, gerando o primeiro diagnóstico à distância através da rede. A infraestrutura tecnológica foi desenvolvida na íntegra no Estado pelo Instituto Nacional para a Convergência Digital (INCoD), parte do Departamento de Informática e Estatística do Centro Tecnológico da UFSC. Essa tecnologia é toda baseada em software livre, sem dependência de nenhum tipo de produto comercial, totalmente integrada aos processos do SUS e passível de ser adaptada e estendida de acordo com as necessidades do gestor de saúde.

A partir daí, hospitais públicos foram gradualmente incorporados à rede. O encaminhamento de soluções para diferentes problemas médicos, através do suporte a distância para resultados de exames de alta complexidade nos hospitais, trouxe grandes avanços para a saúde pública. “Eu uso a Telemedicina diariamente, de manhã, de tarde, de noite e de madrugada. Não só para os exames de rotina no Hospital Regional de São José, como para pacientes internados e de emergência. E nos sobreavisos e plantões a gente usa em casa, tendo acesso direto aos exames que são feitos no hospital, e de imediato já posso dar o laudo”, conta o médico neurorradiologista Daniel Chaves. Hoje já são 13 hospitais ligados à rede.

Outra conquista importante foi a integração à Telemedicina do Laboratório Central de Análises Clínicas, o Lacen, o que aconteceu em março de 2008. Antes, os laudos eram feitos em Florianópolis e enviados pelo correio para as outras cidades do Estado. Agora, as vigilâncias epidemiológicas de cada município têm acesso aos laudos via sistema. Dessa forma, os resultados chegam mais rapidamente à mão do paciente. Se antes os profissionais de saúde esperavam, em média, mais de um mês para ter acesso a um exame enviado, hoje aguardam no máximo duas semanas.

Mais informações com Marina Veshagem, pelo fone (48) 3721-8000 ou pelo e-mail  

Por Paulo Clóvis Schmitz – Jornalista na Agecom / UFSC

Tags: telemedicinaUFSC

Oficinas Reuni – apoio a estudantes de graduação

20/05/2011 09:36

Estão abertas as inscrições para as Oficinas Reuni, destinadas aos alunos de graduação, com objetivo de desenvolver habilidades para realizar pesquisas eficientes, fichamentos, resumos, elaborar projetos, artigos ou TCC.

São oferecidas 30 vagas e os encontros acontecem no último sábado de cada mês, no Laboratório de Informática do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH), Sala 337. Cada oficina trata de um tema especifíco . Serão emitidos certificados pela UFSC.

Informções e inscrições pelo endereço http://oficinasdich.blogspot.com/.

Tags: alunos de graduaçãooficinas ReuniUFSC

Enem 2011 abre inscrições a partir de 23 de maio

19/05/2011 15:53

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou o Edital nº 7, de 18 de maio, referente ao Exame Nacional do Ensino Médio – Enem 2011. As inscrições serão abertas a partir das 10h do dia 23 de maio até 23h59min do dia 10 de junho, observado o horário oficial de Brasília –DF, e serão realizadas exclusivamente via Internet, no endereço http://sistemasenem2.inep.gov.br/inscricao. As provas serão aplicadas nos dias 22 e 23 de outubro de 2011, com início às 13h, em todas as Unidades da Federação. http://download.inep.gov.br/educacao_basica/enem/edital/2011/edital_n07_18_05_2011.pdf

O valor da taxa de inscrição será de R$ 35, exceto para os casos previstos no art. 5º, §3º da Portaria MEC nº 807, de 18 de junho de 2010 e no item 3.2.1.2 do edital, e deverá ser paga até dia 10 de junho, por meio da GRU – Simples emitida pelo sistema. O valor não será devolvido, mesmo com mudança de data de realização do exame, exceto no caso de cancelamento do Enem 2011.

O Exame será constituído por quatro provas objetivas, contendo cada uma 45 questões de múltipla escolha, e uma redação, que vão avaliar as seguintes áreas de conhecimento do Ensino Médio e respectivos componentes curriculares:

Área do Conhecimento Componentes Curriculares
Ciências Humanas e suas Tecnologias História, Geografia, Filosofia e Sociologia
Ciências da Natureza e suas Tecnologias Química, Física e Biologia
Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Redação Língua Portuguesa, Literatura, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), Artes, Educação Física e Tecnologias da Informação e Comunicação
Matemática e suas Tecnologias Matemática

No primeiro dia de provas serão realizadas as provas de Ciências Humanas e suas Tecnologias e de Ciências da Natureza e suas Tecnologias, com duração de 4 horas e 30 minutos. No segundo, as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Redação e Matemática e suas Tecnologias, com duração de 5 horas e 30 minutos, também contadas a partir da autorização do aplicador.

O edital e outras informações podem ser obtidas no endereço http://enem.inep.gov.br/.

Leia mais: Presidente do Inep anuncia Enem 2011 e 2012

Margareth Rossi/Jornalista da Agecom

Tags: Enem 2011inepUFSC

BU em parceria com UNISUL lança e-book detalhando fluxo editorial de revista eletrônica

19/05/2011 15:11

Biblioteca Universitária avisa para os usuários do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas – SEER que a equipe da BU/UFSC em parceria com a UNISUL lança um e-book detalhando o fluxo editorial de uma revista eletrônica considerando as principais decisões gerenciais: aceitar, rejeitar e
submeter novamente. O e-book pode ser acessado por meio do link: http://www.bu.ufsc.br/design/e-book-seer-ufsc-unisul-1.pdf

Tags: BUSEERUFSC

Mara Lago recebe o título de Professora Emérita da UFSC nesta segunda-feira

19/05/2011 14:45

Mara Coelho de Souza Lago, recém-aposentada do Departamento de Psicologia, recebe nesta segunda-feira, 23 de maio, o título de professora emérita da Universidade Federal de Santa Catarina. O evento será realizado no auditório da Reitoria, às 19h. Toda a comunidade acadêmica da UFSC está convidada a prestigiar a homenagem.

(mais…)

Tags: Mara LagoProfessora EméritaUFSC

MCT quer aumentar as parcerias com as universidades nas áreas de pesquisa e inovação

19/05/2011 14:40

O subsecretário de coordenação das Unidades de Pesquisa do Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), Arquimedes Diógenes Ciloni, conclamou as universidades federais a aumentarem o número de parcerias e projetos nas áreas da pesquisa e da inovação, contando com a estrutura e os recursos do MCT. Ele participou da sessão da manhã desta quinta-feira, dia 19, do encontro da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), que está sendo realizada na praia de Jurerê, em Florianópolis.

(mais…)

Tags: MCTReunião AndifesUFSC

Andifes propõe plano nacional de educação para 2020

19/05/2011 12:02

Reunião acontece desde terça-feira. Fotos: Paulo Noronha / Agecom

A proposição de um plano nacional que assegure as condições básicas para o direito à educação é uma ideia acalentada há muito tempo. Vem da Constituição de 1934, abortada em 1937, reposta na Lei de Diretrizes e Bases de 1961 e, finalmente, incluída na Constituição de 1988. O tema voltou com força na Reunião Ordinária da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais do Ensino Superior (Andifes), numa mesa coordenada pelos professores Alvaro Toubes Prata, reitor da UFSC, e Edward Madureira Brasil, presidente da entidade, reitor da Universidade Federal de Goiás, e que contou com a participação de Luís Fernandes Dourado, organizador do livro Plano Nacional de Educação (2011-2020: avaliação e perspectivas.

A obra organizada por Dourado faz uma análise crítico-propositiva de projeto de lei que o executivo enviou ao Congresso Nacional para apreciação e aprovação do PNE 2011-2020 para torná-lo um plano de Estado capaz de expressar a participação da sociedade brasileira nos rumos da Educação. Ao analisar o Plano Nacional de Educação (PNE) como política de Estado, Dourado apresenta reflexões sobre o percurso do projeto, inclusive os resultados gerais da avaliação, ressaltando as concepções de educação, planejamento e Estado em disputa, seus limites estruturais e conjunturais como política pública.

Apresenta, ainda, análises da Proposta de PNE do Executivo federal, em tramitação no Congresso Nacional (PL 8.035/2010) e suas vinculações com as deliberações da CONAE, enfatizando a necessidade histórica de mobilização e participação da sociedade civil e política na construção coletiva plano.

Presente na discussão, o Secretário de Educação estadual, Marco Tebaldi, explicou o Plano de Governo para o Estado, com destaque para o fortalecimento do ensino médio em tempo integral, melhorar o preparo dos estudantes para ocupar as vagas das universidades e criar bolsas para os alunos carentes. Tebaldi ressaltou ainda a dificuldade sobre implantar o piso nacional dos professores estaduais, que entraram em greve nesta quarta, dia 18. Já o reitor Alvaro Prata ressaltou a parceria do governo estadual com o Pré-Vestibular da UFSC que já alcança 29 municípios catarinenses, dentro do processo de interiorização implementado pela universidade.

No evento, a Andifes também tratou do fortalecimento da comunicação institucional. Aproveitando a presença da assessoria e da Secretaria Executiva da Andifes, a Agência de Comunicação da UFSC distribuiu as últimas edições do Jornal Universitário (JU) e do encarte especial sobre as fundações de apoio. A direção da Agência entregou ainda um portfólio contendo os principais produtos e trabalhos desenvolvidos pela equipe. Já a EdUFSC, dentro das comemorações dos seus 30 anos, disponibilizou aos reitores alguns de seus últimos lançamentos.

Mais informações: 3721-6042

Leia também:
– Reitores querem evitar greve dos trabalhadores técnico-administrativos
– Florianópolis sedia encontro nacional da Andifes

Tags: AndifesUFSC

UFSC sedia Congresso Catarinense de Psicologia

19/05/2011 09:47

O Fórum de Entidades da Psicologia Catarinense (FEPSIC), composto por 17 entidades dedicadas à formação do profissional psicólogo, entidades associativas de psicólogos e entidades regionais que fazem parte de entidades nacionais, promovem a partir desta quinta-feira, 19 de maio o I Congresso Catarinense de Psicologia: Ciência e Profissão. O encontro acontece no campus da UFSC.

O Fórum e o Departamento de Psicologia da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), com apoio do Conselho Regional de Psicologia de Santa Catarina – 12ª Região (CRP-12), organizaram o evento sob o tema Psicologia Hoje: desafios e possibilidades.

Serão realizadas palestras, oficinas, minicursos, comunicações orais e painéis sobre assuntos ligados à profissão.  A expectativa dos organizadores é de que o congresso propicie um espaço de interlocução, a partir do encontro da ciência e da profissão, e que permita uma contribuição significativa na produção dos saberes e fazeres da Psicologia.

Para a coordenadora do Curso de Graduação em Psicologia da UFSC e também integrante da coordenação do evento, Daniela Ribeiro Schneider, será uma grande mostra do que se trabalha, produz e pesquisa em Santa Catarina. A Universidade Federal sediará o evento, no Centro de Cultura e Eventos. O objetivo é reunir o maior número possível de profissionais, estudantes e pesquisadores da área. “Queremos ir além, abrindo o Congresso para a intersetorialidade e trazendo profissionais da Saúde, do Direito e da Assistência Social, que trabalham em interface com a Psicologia”, acrescenta.

Saiba Mais

Os 10 eixos temáticos do I Congresso Catarinense Psicologia: Ciência e Profissão mostram tanto a amplitude quanto a importância dos debates, sendo:
– Psicologia e Saúde
– Psicologia e Clínica
– Psicologia, Organizações e Trabalho
– Psicologia e Educação
– Psicologia e Assistência Social
– Psicologia e Justiça
– Psicologia, Organizações Comunitárias e Movimentos Sociais
– Psicologia das Emergências e Desastres
– Psicologia e Esporte
– Psicologia, Trânsito e Mobilidade Urbana.

Serviço: I Congresso Catarinense de Psicologia: Ciência e Profissão / Psicologia hoje? Desafios e possibilidades
– 19, 20 e 21 de maio
– Centro de Cultura e Eventos / UFSC

Mais informações: Psicólogo Celso Tondin / (49) 9142-9143

Assessoria de Imprensa do CRP-12 /Letra Editorial / (48) 3025-7775 /8402-8012

Tags: psicologiaUFSC

Pesquisadores da UFSC lançam livros sobre Criatividade e Evolução das mídias

19/05/2011 09:01

Na próxima quarta-feira, 25 de maio às 19h, serão lançados no Espaço Lindolf Bell, localizado no Centro Integrado de Cultura (CIC), em Florianópolis, os livros Criatividade & Conhecimento e Mídias do Conhecimento (Editora Pandion – www.editorapandion.blogspot.com), organizados por professores e pesquisadores da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Criatividade & Conhecimento, organizado por Vânia Ribas Ulbricht, Tarcísio Vanzin e Ana Lúcia Zandomeneghi discute o tema pelo viés acadêmico contemporâneo, que considera como resultante de um processo cognitivo inerente a todos os seres humanos. Por meio da criatividade é possível gerar novos conhecimentos, fundamentais para a inovação. Dessa capacidade que o ser humano tem de transformar, interferir, criar e atribuir valor resulta a infinidade de produtos que inundam os mercados e que
movimenta a economia.

O livro Mídias do conhecimento, organizado por Tarcísio Vanzin e Gertrudes Aparecida Dandolini, permite entender a evolução das mídias ligada ao progresso tecnológico até a atual era da mídia digital. Esta visão evolutiva faz com que o leitor entenda as mudanças em seu próprio papel, fazendo com que este deixe de ser passivo, para ser um leitor ativo e que interage contribuindo para o conteúdo percebido.

Serviço:
Coquetel de lançamento: 25 de maio
Horário:19h
Local: Centro Integrado de Cultura – CIC | Espaço Lindolf Bell | Avenida
Governador Irineu Bornhausen, 5600 – Agronômica – Florianópolis – SC

Informações: Mariana Lapolli (48) 9914-2555 /

Fonte: Assessoria de Imprensa – Editora Pandion

Tags: conhecimentocriatividadeLivrosmídiasUFSC

Concurso sobre homofobia recebe 103 cartazes de escolas públicas

19/05/2011 08:33

Trabalhos foram produzidos por 378 estudantes de 16 escolas de Santa Catarina

O hall do Centro de Filosofia e Ciências Humanas da UFSC recebe até o dia 25 de maio a exposição do III Concurso de Cartazes sobre Transfobia, Lesbofobia e Homofobia nas Escolas. Nesta edição foram recebidos 103 cartazes, revelando o aumento de interesse pelas temáticas abordadas pelo Projeto Papo Sério, que é desenvolvido desde 2007 pelo Núcleo de Identidades de Gênero e Subjetividades (NIGS-UFSC), em escolas da Grande Florianópolis. Os cartazes que estão expostos, confeccionados por 378 estudantes de 16 escolas de Santa Catarina, estão participando do processo de votação nas categorias voto popular, júri científico e júri NIGS.

No último dia exposição, 25 de maio, será realizada cerimônia de premiação, a partir das 14h30min no Auditório do CFH, com a performance de estudantes de duas escolas participantes do concurso. As escolas dos cartazes vencedores nas três categorias receberão uma coleção de livros e revistas sobre educação, gênero e sexualidade.  Professoras e professores envolvidos na coordenação das equipes responsáveis por elaborar os cartazes receberão o Prêmio de  Educador Destaque em Gênero e Sexualidade e estudantes participantes receberão certificado de participação no concurso.

O objetivo do concurso é discutir, conscientizar e prevenir  violências contra lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e transgêneros (LGBTTT) no ambiente escolar. A programação faz parte das atividades do Dia Municipal contra a Homofobia, Lesbofobia e Transfobia , comemorado em 17 de maio, instituído por lei no município de Florianópolis e comemorado mundialmente. O concurso integra o projeto de extensão Papo Sério (Oficinas de gênero e sexualidade), apoiado pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Extensão da UFSC, Programa de Extensão Universitária (ProExt) , do Ministério da Educação, e CNPq, por meio do Programa de Bolsas de Iniciação Cientifica para o Ensino Médio.

Mais informações podem ser encontradas no endereço
http://sites.google.com/site/concursonigs/assignments/edital e telefones (48) 8462-4283 e 8428-4288

Tags: Lesbofobia e Homofobia nas EscolasNIGStransfobiaUFSC

Seminário Internacional Direito e Fraternidade

19/05/2011 08:00

Palestra Principal: De princípio esquecido a princípio resgatado: discussões sobre a fraternidade como categoria política e como perspectiva de estudos acadêmicos.

Ministrante Osvaldo Barreneche: leciona na Faculdade de História da Universidad Nacional Del Plata desde 1983.

Palestra 2:
Análise Crítica: observações acerca da fraternidade no Direito Constitucional
Ministrante Cláudia Maria do Amaral Vieira: possui graduação em Direito pela Universidade de São Paulo (1985) e mestrado em Direito pela Universidade de São Paulo (2003).

O encontro será realizado na próxima terça-feira, 24 de maio, às 8h30min, no auditório do Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) da UFSC.

Serão distribuídos certificados de 3h/aula

Tags: DireitoFraternidadeUFSC

Trio Kiabo faz show no Projeto 12:30 Acústico

18/05/2011 17:38

O Trio Kiabo faz show no Projeto 12:30 Acústico desta quinta-feira, dia 19, às 12h30, no Teatro da UFSC. O evento é gratuito e aberto à comunidade.

O trio foi formado em novembro de 2009 e é composto por jovens amigos músicos, trazendo uma afinidade comum: o “tocar se ouvindo”, com sintonia e interação musical. Utilizando ritmos brasileiros como base, o grupo busca novas abordagens para cada música por meio de improvisações, inclusive dos próprios arranjos, marcando, dessa forma, traços singulares.

O Trio Kiabo foi inicialmente marcado por interpretações de canções de compositores do cenário nacional, como Tom Jobim, Chico Buarque, Milton Nascimento, Dominguinhos e Arismar do Espírito Santo, dentre outros. A partir do final de 2010, o grupo voltou-se a uma nova proposta e passou a dedicar-se a composições próprias, trazendo consigo influência dos músicos citados anteriormente, além de mestres locais como Alegre Correa e Guinha Ramires.

Os músicos

Rafael Meksenas: Seu primeiro contato com a guitarra foi aos 11 anos de idade tendo aulas com o professor Andrey Rosa. Aos 15 anos começou a tocar na banda sigma na qual gravou seu primeiro CD aos17 anos. Em 2008 estudou em São Paulo com o Maestro Paulo Rocco arranjo e composição. Em 2009 ingressou no curso de licenciatura em música na Universidade Estadual de Santa Catarina onde atuou como bolsista de Sérgio Luiz Ferreira de Figueiredo.

Estudou durante um ano Harmonia e Arranjo com Kleber Alexandre e com Luigi Antonio Irlandini. Atualmente estuda improvisação e arranjo com Luiz Gustavo Zago. Rafael já participou de diversos workshops e oficinas onde teve oportunidade de tocar com músicos de grande relevância para a musica popular brasileira como: Toninho Horta, Arismar do Espírito Santo, Genil Castro, Rafael Do Santos,Além de ter vivenciado experiências musicais ao lado de Alegre Corrêa e Guinha Ramires.

Pedro Loch: Começou a estudar violão e guitarra com 14 anos, tendo aulas particulares de guitarra com o músico Eduardo Pimentel e posteriormente aulas de arranjo e improvisação com o pianista Luiz Gustavo Zago.

Fez cursos com importantes músicos da música instrumental brasileira como: Lupa Santiago, Conrado Paulino, Arismar do Espírito Santo, Genil Castro, Rafael do Santos, Oscar Bolão, Luiz Otávio Braga, Proveta e Roberto Sion, Marcel Powell, Léa Freire e Maestro Branco. Atualmente é graduando do curso de Licenciatura em Música da UDESC, onde pode ter aulas com músicos da cidade como Léo Garcia, Paulo Gekas e Rodrigo Paiva.

Como instrumentista e compositor atuou nos grupos Fuckin` Blue Brothers de 2006 à 2009 (Rock/Blues), Vox Cordis em 2008 (MPB) e se apresentou diversas vezes com a cantora Joana Verani de 2009 à 2010 (MPB). Atualmente faz parte do Trio Kiabo (Música Instrumental Brasileira/Jazz), Projeto Samba Convida (Samba) e é violonista da Orquestra do Conservatório de Música Popular de Itajaí.

Mateus Mira: Teve contato com música desde cedo, já tendo tocado diversos instrumentos musicais como guitarra, violão, baixo, bateria e percussão, especializando-se mais tarde em bateria e percussão. Iniciou o estudo de música com seu pai Heitor e estudou seu instrumento com o baterista João Basañes e o baterista e percussionista Victor Bub.

Mateus integrou a banda catarinense Em Cima da Hora e atualmente acompanha grupos/artistas como Pepe e banda e Werner e Puel além de integrar o Projeto Samba Convida. Trabalhou na produtora de áudio Onda Sonora na área de áudio profissional. Cursa desde 2008 a licenciatura em música da UDESC, instituição onde trabalha atualmente como sonoplasta da Rádio UDESC Fm. Mateus é o percussionista do Trio.

SERVIÇO:

O QUÊ: Apresentação musical com Trio Kiabo

QUANDO: Dia 19 de maio de 2011, quinta-feira, às 12h30

ONDE: Projeto 12:30 Acústico, no Teatro da UFSC, Trindade, Florianópolis-SC

QUANTO: Gratuito e aberto à comunidade.

CONTATO: www.myspace.com/triokiabo (48) 9989-7382 ou (48) 8401-6917 – Visite www.dac.ufsc.b.r

Fonte: Kadu Reis – Acadêmico de Jornalismo, Assessoria de Imprensa do Projeto 12:30, DAC: SECARTE: UFSC, com informações e foto do grupo.

Tags: gratuitoProjeto 12:30 AcústicoteatroTrio KiaboUFSC

Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos (Revalida)

18/05/2011 17:25

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) comunica que em 2011 não fará a revalidação de diploma médico estrangeiro por via administrativa. Conforme parceria da Reitoria da Universidade e MEC/MS, o exame será aplicado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), em colaboração com a subcomissão de revalidação de diplomas médicos, da qual participam representantes dos ministérios da Saúde, Educação e Relações Exteriores e da Associação Nacional dos Dirigentes de Instituições Federais do Ensino Superior (Andifes), além do Inep.

O Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos expedidos por Universidades de Estrangeiras (Revalida) foi instituído por meio da Portaria Interministerial nº 278, de 17/03/2011, nos termos do art. 48, § 2º, da Lei nº 9394, de 1996. O processo de revalidação de diplomas médicos obtidos no exterior é um avanço decorrente da ação articulada dos ministérios da Educação e da Saúde, que estabelece um processo apoiado em um instrumento unificado de avaliação e um exame para revalidação dos diplomas estrangeiros compatíveis com as exigências de formação correspondentes aos diplomas médicos expedidos por universidades brasileiras.

Além disso, está em consonância com as Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Medicina, com parâmetros e critérios isonômicos adequados para aferição de equivalência curricular e definição da correspondente aptidão para o exercício profissional da medicina no Brasil.

O exame será orientado pela Matriz de Correspondência Curricular para Fins de Revalidação de Diplomas de Médico Expedidos por Universidades Estrangeiras. Na matriz foram definidos os conteúdos e as competências e habilidades das cinco grandes áreas de exercício profissional: i) Cirurgia, ii) Medicina de Família e Comunidade (MFC), iii) Pediatria, iv) Ginecologia-Obstetrícia e v) Clínica Médica. Além disso, estabelece níveis de desempenho esperados para as habilidades específicas de cada área.

O Revalida, em sua edição de 2011, será implementado pelo Inep e contará com a colaboração da Subcomissão de Revalidação de Diplomas Médicos, também instituída pela Portaria nº 278, e das universidades públicas participantes para a elaboração da metodologia de avaliação, supervisão e acompanhamento da aplicação.

O exame terá duas etapas: a avaliação escrita – composta por uma prova objetiva, com questões de múltipla escolha, e uma prova do tipo discursiva. A segunda etapa consta da avaliação de habilidades clínicas.

A data de inscrição para a prova escrita e demais orientações serão divulgadas em breve no endereço http://www.inep.gov.br/superior-revalidacao_diploma_medico.

Tags: inepRevalidarevalidação de diplomas médicosUFSC