Espaço Cultural promove teatro, música e roda de conversa na segunda, 3 de junho

28/05/2019 11:46

O Espaço Cultural Gênero e Diversidades (ECGD/UFSC) promove programação com teatro, música e roda de conversa, na segunda-feira, 3 de junho. O evento contempla a apresentação teatral e musical da violoncelista Camila Durães. A (a)present(ação) artística “…entre retalhos…”, uma performance sonora e cênica em processo composta atualmente por dois “atos”, é inspirada e baseada em processos de pesquisa artística de Luciana Lyra e nos campos de estudos de gênero e feminismos.

Após o concerto teatral, acontece a palestra com Luciana Lyra (UERJ/UDESC) sobre ‘Mitos, Ritos e Feminismos’, com foco em suas produções, processos e percursos teóricos e artísticos como a Mitologia em Arte, Artetnografia, Dramaturgia de f(r)icção, entre outros. Na sequência, o tema ‘Mitos, Ritos e Feminismos’, a partir de duas pesquisas, produções e inserções em História Antiga e Medieval e feminismos, será abordado por Aline Dias da Silveira (UFSC).

 

Mais informações na página do Espaço.

Tags: Espaço Cultural Gênero e Diversidades (ECGD/UFSC)músicaRoda de ConversateatroUFSC

Roda de Conversa ‘Vou me formar: e agora?’ ocorre nesta terça

26/10/2018 18:46

O Serviço de Psicologia Educacional da da UFSC organiza a roda de conversa “Vou me formar: e agora?”. A atividade é voltada às/aos estudantes que estão em vias de se formar (preferencialmente em 2018.2 e 2019.1) e tem como objetivo o compartilhamento de experiências e expectativas referentes ao período que antecede a formatura, saída da universidade, retorno para a cidade de origem, entre outros.

A roda de conversa ocorre nesta terça-feira, 30 de outubro, das 14h às 16h, na sala do Serviço de Psicologia Educacional, localizada no térreo da Reitoria 1, junto à PRAE. As inscrições devem ser feitas pelo formulário online.

Mais informações pelo e-mail .

Tags: formandospsicologiaRoda de ConversaServiço de Psicologia EducacionalUFSCVou me formar: e agora?

Roda de conversa ‘A questão da deficiência e os servidores da UFSC’ recebe inscrições

18/06/2018 15:03

A Divisão de Serviço Social (DiSS) e a Psicologia Organizacional da UFSC promovem a Roda de Conversa “A questão da deficiência e os servidores da UFSC: desafios e possibilidades no ambiente de trabalho”, no dia 5 de julho de 2018 (quinta-feira), às 15h, na sala Lantana, no Centro de Cultura e Eventos.

Vagas: 12 (por conta das vagas limitadas a participação é restrita aos servidores da UFSC que possuem algum tipo de deficiência).

Inscrições: 13 a 20 de junho de 2018 (preencher a ficha de inscrição (.doc) neste link e enviar para o e-mail )

Os servidores que tiverem sua inscrição deferida, dentro das vagas ofertadas, receberão confirmação por e-mail.

Mais informações pelo telefone (48) 3721-4270

Tags: deficiênciaProdegespRoda de ConversaUFSC

Roda de Conversa sobre acesso, ingresso, permanência e perspectivas ameríndias nesta quarta no CFH

26/04/2017 09:51

roda conversa 26-04-17

O Núcleo de Audiovisual e de Comunicação (Nuvem) do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) da UFSC convida a todos para a Roda de Conversa “Acesso, ingresso e permanência traçando ideias – as perspectivas ameríndias no CFH/UFSC”, que será realizada nesta quarta-feira, 26 de abril, das 15h às 17h30, na Sala 110, no 1º andar do Centro. Mais informações no evento no Facebook.

Tags: acessoCFHingressoaperspectivas ameríndiasRoda de Conversa

Desigualdade de gênero no jornalismo foi tema de roda de conversa no CCE

08/03/2017 19:10
Foto: Manuella Mariani/Estagiária da Agecom/UFSC.

Foto: Manuella Mariani/Estagiária da Agecom/UFSC.

“Algo que passa despercebido para a maioria da população e infelizmente também para nós jornalistas é a desigualdade de gênero na produção jornalística. É preciso  identificar como se dá o machismo no cotidiano dos jornalistas. Devemos levar essa reflexão para as redações”, atentou a presidenta da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), Maria José Braga, convidada para uma roda de conversa organizada para marcar o Dia Internacional da Mulher nessa quarta-feira, 8 de março. A atividade, que ocorreu no varandão do Centro de Comunicação e Expressão (CCE), foi promovida pelo Coletivo Jornalismo sem MachismoDepartamento de Jornalismo, Programa de Pós-Graduação em Jornalismo (Posjor/UFSC), Centro Acadêmico Livre de Jornalismo Adelmo Genro Filho, Sindicato dos Jornalistas de Santa Catarina (SJSC) e FENAJ.

Maria José assinalou que, no processo de produção das notícias, as mulheres são menos procuradas como fontes: “Isso é uma realidade. Se vocês pegarem qualquer jornal do Brasil, tanto em mídia impressa, como digital e eletrônica, as mulheres são sempre minoria. Até porque nós, jornalistas, temos um vício muito grande de ficar nas fontes oficiais: governo, organizações, poderes estabelecidos são normalmente nossa fontes preferenciais. E nos cargos de poder os homens são maioria.” Ela acrescenta que as mulheres são escolhidas como fontes geralmente para reportagens supostamente de interesse feminino. “E digo supostamente porque são futilidades, frivolidades: beleza, jardinagem… E o pior: isso é regra nas publicações dirigidas ao público feminino. Eu me pergunto: qual é o perfil das mulheres que consomem essas mídias direcionadas para as mulheres?”

Foto: Manuella Mariani/Estagiária da Agecom/UFSC.

Foto: Manuella Mariani/Estagiária da Agecom/UFSC.

A jornalista também abordou outros aspectos do machismo nas redações: “Quando as mulheres são destaques em sua área de atuação, na produção jornalística elas são muitas vezes desqualificadas como destaque. O que mais aparece são seus atributos femininos. Isso é muito comum no esporte. Um estudo mostrou que as manchetes envolvendo as mulheres durante as olimpíadas no Brasil eram todas machistas. Uma atleta não é valorizada por seu desempenho, mas sim por sua beleza. São as ‘musas do esporte’. Isso é muito preocupante.” O assédio moral e o assédio sexual nas relações de trabalho também foram abordados por Maria José.

Durante a roda de conversa, foi divulgada a instalação da Comissão Nacional de Mulheres na Fenaj, que terá a participação de duas integrantes do Sindicato dos Jornalistas de Santa Catarina: as jornalistas Linete Braz Martins e Tânia Machado de Andrade. Maria José afirmou considerar essas comissões e os espaços de debate muito importantes para a luta contra o machismo e as desigualdades de gênero. “Espero que espaços como esse se multipliquem  pelo país afora e não apenas no mês de março, que é um mês de luta, mas em todos os meses do ano”, finalizou.

Daniela Caniçali/Jornalista da Agecom/UFSC

 

Veja também:

Dia Internacional da Mulher: Colégio de Aplicação promove debate sobre feminismo e direitos da mulher

Tags: Coletivo Jornalismo sem Machismodepartamento de JornalismoDia Internacional da MulherFederação Nacional dos JornalistasfenajRoda de ConversaUFSC

Roda de conversa no varandão do CCE marca Dia Internacional da Mulher

07/03/2017 10:31

PROMOÇÃOUma roda de conversa para marcar o Dia Internacional da Mulher será promovida nesta quarta-feira, 8 de março, às 14h, no varandão do Centro de Comunicação e Expressão (CCE). O evento terá a presença da presidenta da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), Maria José Braga, e participação via skype da pesquisadora da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), Márcia Veiga. A atividade é promovida pelo Departamento de Jornalismo, Programa de Pós-Graduação em Jornalismo (Posjor/UFSC), Coletivo Jornalismo sem MachismoCentro Acadêmico Livre de Jornalismo Adelmo Genro Filho, Sindicato dos Jornalistas de Santa Catarina (SJSC) e FENAJ.

A roda de conversa é aberta ao público e terá transmissão ao vivo pela webemissora Rádio Ponto UFSC.

Mais informações na página do Posjor e pelo Facebook.

Tags: 8 de março8MDia Internacional da MulherJornalismo Sem MachismoPOSJORRoda de ConversaUFSC

Roda de Conversa com professor da Holanda sobre ‘Cadeias Produtivas’

16/03/2016 14:49

A Roda de Conversa com professor Lee Pegler do International Institute of Social Studies (Holanda) sobre “Cadeias Produtivas: cadeias de valor entre  países e impactos sociais”, será realizada dia 1º de abril de 2016, sexta-feira, às 10h, na Sala Carolina Bori, no Departamento de Psicologia da UFSC.

Mais informações: 48-3721-8607/3721-9283

 
Tags: Cadeias ProdutivasLee PeglerpsicologiaRoda de ConversaUFSC

Dia Nacional da Consciência Negra: apresentação musical, roda de conversa e oficina de maracatu nesta sexta na UFSC

28/11/2014 11:21
cartaz fábio sotero e mestre danilloEm alusão ao Dia Nacional da Consciência Negra, 20 de novembro, a Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte e a Fundação Catarinense de Cultura (FCC) prepararam diversas atividades entre os dias 17 e 29 de novembro, em Florianópolis e São José. O evento conta com o apoio da Prefeitura e Fundação Municipal de Cultura e Turismo de São José, Coletivo Kurima – Estudantes Negros e Negras da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE). 
A programação do “Novembro Consciência Negra” ainda traz exposições; oficinas de dança, música e literatura; exibição de documentários e filmes, seguidos de rodas de conversa em escolas e universidades; seminários; shows musicais; mostra de filmes e curtas afro-brasileiros.
Programação

28 de novembro

12h10min – Negras Sonoridades

Apresentação musical com Nefferkturu, Anélita Danna e Roberta Lira.

Local: Varandão do CCE/UFSC.

12h30min  às 14h30min – Roda de conversa especial de novembro do Coletivo Kurima – Estudantes Negros e Negras da UFSC.

Tema: “Consciência Negra,  Nação Maracatu Aurora Africana(PE), Resgate, Preservação e Inventários”.

15h às 18h – Oficina com Nação do Maracatu Aurora Africana(PE), participação Vocal Vozes de Zambi e  Maracatu Arrasta Ilha

Local: sala 403 – prédio redondo do CFM, próximo da entrada do CCE.

 29 novembro

 Negras Sonoridades – apresentações artísticas.

10h30min – Baque do Arrsta Ilha pelas ruas do Centro de Florianópolis – Palácio Cruz e Sousa.

10h30min – Vozes de Zambi/UFSC  – Cena performática: Senzala – Direção: Leandro Batz e Roberta Lira.

11h – Apresentação do  Mestre Danillo e Fábio Sotero, da Nação Maracatu Aurora Africana, com Maracatu Arrasta Ilha.

12h – Akins Kintê.

12h30min – Afoxé  Omo Olorum.

Local: Palácio Cruz e Sousa.

Mais informações:  http://diversifica.ufsc.br/kurima/

 

 

 

Tags: apresentação musicaldia nacional da consciência negraoficina de maracatuRoda de Conversa

Agenda Cultural: exibição do filme ‘A negação do Brasil’ e roda de conversa com Coletivo Kurima nesta quarta na UFSC

19/11/2014 11:40

joel 19.11 coletivo kurimaNesta quarta, 19 de novembro,  às 18h30min, no varandão do CCE, haverá exibição do filme A negação do Brasil:  o negro nas telenovelas brasileiras, de Joel Zito Araujo. Após, às 20h, haverá uma roda de conversa especial com o Coletivo Kurima- Estudantes Negros e Negras da UFSC, com o tema” Diálogos sobre a personagem negra na ficção dramática”.

Em alusão ao Dia Nacional da Consciência Negra, 20 de novembro, a Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte e a Fundação Catarinense de Cultura (FCC) preparam diversas atividades a serem realizadas entre os dias 17 e 29 de novembro, em Florianópolis e São José. O evento conta com o apoio da Prefeitura e Fundação Municipal de Cultura e Turismo de São José, Coletivo Kurima – Estudantes Negros e Negras da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE).

No dia 20, em “Celebração à memória de Zumbi dos Palmares”, várias atividades acontecerão no Palácio Cruz e Sousa, a partir das 14h. Para as 17h, estão agendadas apresentações musicais de Anelita Danna, Roberta Lira e Nefferkturu. Às 19h30, lançamento do livro “Um Griot e Dois Orikis”, de Lau Santos, seguido da exibição do documentário “Raça”, do cineasta Joel Zito Araújo. No mesmo dia, às 13h30, no Centro Multiuso de São José, será realizado o Seminário Equidade Racial e Gênero.
A programação do “Novembro Consciência Negra” ainda traz exposições, oficinas de dança, música e literatura, exibição de documentários e filmes seguidos de rodas de conversa em escolas, seminários, shows musicais, mostra de filmes e curtas afro-brasileiros.

Sobre o filme: A negação do Brasil , de Joel Zito Araujo, documentário, 2000,  longa metragem.

Joel Zito Araujo, premiado cineasta brasileiro, há vinte anos produz documentários e filmes de ficção sobre temas sociais relevantes para o país, especialmente aqueles ligados à população afro-brasileira. Seu primeiro longa-metragem A Negação do Brasil, sobre a história do negro nas telenovelas brasileiras, ganhou o prêmio de melhor documentário no festival “É Tudo Verdade”, além de ter sido também premiado no Festival de Recife em 2001. O longa-metragem de ficção Filhas do Vento reuniu o maior elenco negro da história do cinema brasileiro e ganhou oito kikitos no Festival de Gramado, além de ter sido o filme vencedor do Festival de Tiradentes, em 2006. O longa-metragem de documentário “Cinderelas, Lobos e um Príncipe Encantado”, sobre o turismo sexual no país, foi exibido no Brasil e no exterior. Joel, que tem dois livros publicados, escreve extensamente sobre a mídia e a questão racial no país. Joel é PhD em Comunicação pela Universidade de São Paulo (USP) e foi professor-visitante na Universidade do Texas, em Austin (EUA), onde fez seu pós-doutorado.

 

 

Tags: A negação do BrasilColetivo KurimaRoda de ConversaUFSC

Roda de conversa ‘Corpo, Sexualidade e Autodeterminação’ nesta terça na UFSC

23/09/2014 10:14

O Núcleo de Ecologia Humana e Sociologia da Saúde (Ecos) promove a roda de conversa “Corpo, Sexualidade e Autodeterminação”, nesta terça-feira, 23 de setembro, às 14h, no Centro de Cultura e Eventos UFSC – sala Goiabeira. Informações: (48) 3721-9250, ramal 27; http://ecos.ufsc.br/category/noticia/.

Tags: autodeterminaçãocorpoECOSRoda de Conversasexualidade

Roda de conversa: Gozze! no Enuds

02/07/2013 15:55

Nesta sexta-feira, 5 de julho, às 18h, no Hall da Reitoria da UFSC, o Coletivo de Luta pela Diversidade Sexual – Gozze! da UFSC realizará uma roda de conversa sobre a participação do grupo no 11º Encontro Nacional Universitário de Diversidade Sexual (ENUDS). O encontro nacional será realizado entre os dias 22 e 25 de agosto, na UFPR, em Matinhos, PR, sobre o tema “Fritando as políticas de enfrentamento ao heterossexismo. Fofocas e cochichos: os rumores laterais”. 
(mais…)

Tags: EnudsGozze!Roda de ConversaUFSC

Roda de Conversa: Ser Estudante na UFSC

12/06/2013 11:14

O Grupo de Pesquisa e Extensão em Saúde do Estudante (Gpese), do Departamento de Saúde Pública, e a Psicologia da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (PRAE) convidam os estudantes da UFSC  para participar de uma Roda de Conversa: como é ser estudante da/na UFSC? O primeiro encontro será no dia 17 de junho, às 16h30, na Sala de Capacitação do HU (atrás do Grêmio do HU) e tem como proposta um espaço de diálogo, questionamento, reflexão e transformação desta vivência.
(mais…)

Tags: GpesePRAERoda de Conversasaúde públicaUFSC