MArquE recebe a exposição ‘Vivo ou Morto?’ até 28 de junho

06/06/2019 13:43

O Museu de Arqueologia e Etnologia da UFSC (MArquE) recebe de 04 a 28 de junho, das 9h às 19 h, de terça a sexta-feira, a exposição “Vivo ou Morto?”, que propõe uma reflexão acerca do tema “morte” sob a perspectiva do patrimônio  nacional.

A atividade foi idealizada pelos estudantes do curso de Museologia da UFSC durante a disciplina de Prática de Exposição 2019 e visa estimular a reflexão acerca do que vem a ser o patrimônio de uma nação demonstrando, dessa forma, a importância de ser preservado e não apagado de nossas memórias.

Mais informações na página da exposição.

Tags: exposição Vivo ou Morto?MArquEMuseologia UFSCUFSC

MArquE recebe exposição de estudantes de Museologia da UFSC

30/05/2019 13:58

O Museu de Arqueologia e Etnologia da UFSC (MArquE) recebe de 04 a 28 de julho, das 9 às 19 horas, de terça a sexta-feira, a exposição “Vivo ou Morto?”, que propõe uma reflexão acerca do tema “morte” sob a perspectiva do patrimônio  nacional.

A atividade foi idealizada pelos estudantes do curso de Museologia da UFSC durante a disciplina de Prática de Exposição 2019 e visa estimular a reflexão acerca do que vem a ser o patrimônio de uma nação demonstrando, dessa forma, a importância de ser preservado e não apagado de nossas memórias.

Mais informações em  https://www.instagram.com/vivomortoexpo/

Tags: exposição MuseologiaMArquEMuseologia UFSCUFSC

UFSC apresenta podcast para divulgação da produção científica

30/04/2019 13:20

Luciane a Simon foram os primeiros entrevistados do podcast UFSC Ciência. Foto: Caetano Machado/Agecom/UFSC

Figurando no ranking de produção científica no Brasil como a décima instituição que mais produz ciência, a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) desenvolve diversas atividades de ensino, pesquisa e extensão em seus mais de 108 cursos de graduação presenciais e 14 cursos de educação a distância. A partir desta terça-feira, dia 30 de abril, toda essa produção científica ganha um novo espaço: o podcast UFSC Ciência.

Podcasts são arquivos de áudio disponíveis para o usuário escutar a hora que quiser. Os episódios serão quinzenais, a partir desta terça-feira, 30 de abril, e estarão em diversas plataformas, como Spotify, iTunes e Soundcloud.
(mais…)

Tags: AgecomDivulgação CientíficaLEIAMArquEpodcastsambaquisUFSC Ciência

MArquE pesquisa esqueleto encontrado em sambaqui no Rio Tavares

18/12/2018 11:11

Esqueleto no Laboratório do MArquE. Foto: Pipo Quint/Agecom

Ele tinha baixa estatura, possivelmente circulava na região do Rio Tavares e áreas adjacentes, comia bastante peixe e suas atividades diárias deveriam estar voltadas muito mais para o mar. É possível que não sentisse dor ou incômodo por conta de dois de seus caninos permanentes que permaneceram inclusos. Quando morreu, ao que tudo indica, com mais de 25 anos, teve o corpo pintado com pigmento vermelho, o ocre, e enterrado estendido de barriga para baixo e com a face voltada para o chão, presumivelmente antes de Cristo, e talvez um dos primeiros a ser sepultado no sítio arqueológico chamado Sambaqui do Rio Tavares III.

Estas são algumas informações das análises preliminares do esqueleto encontrado em agosto, durante as obras para construção do elevado do Rio Tavares, no entroncamento das rodovias SC-405 e SC-406. O relatório final, com todos os dados de análises sobre este esqueleto e outros dois encontrados na primeira etapa das escavações, será enviado ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em 2019, explica a arqueóloga da UFSC Luciane Zanenga Scherer.

O documento incluirá todas as metodologias utilizadas para estimativa de sexo, idade, e estatura, bem como a descrição de patologias ósseas e dentárias, caso constatadas, e análises de marcadores de estresse ocupacional. Além disso, os materiais associados ao sepultamento, incluindo os artefatos e ecofatos evidenciados e coletados durante a escavação, serão analisados pela empresa Geoarqueologia Pesquisa Científica, responsável pela pesquisa arqueológica. Uma amostra de osso será separada para a realização de datação por radiocarbono.
(mais…)

Tags: arqueologiaEsqueletoMArquEMuseu de Arqueologia e Etnologia Professor Oswaldo Rodrigues CabralossadaRio TavaressambaquiUFSC

Resistência é fator primordial para a manutenção dos museus no Brasil

27/09/2018 10:27

Não por acaso resistência foi a palavra de ordem na abertura do ciclo de debates “Museu em Curso”, promovido pelo Museu de Arqueologia e Etnologia Professor Oswaldo Rodrigues Cabral (MArquE) e pelo curso de Graduação em Museologia da UFSC, e realizada no Auditório do Centro Socioeconômico (CSE). Se já batizava o nome da edição do evento, “Museus e Resistência”, ganhou mais força após o incêndio no Museu Nacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro, no dia 2 de setembro deste ano.

Diretora do MArquE e professora do curso de Museologia, Luciana Cardoso destacou que realizar este evento, em momento como a atual, é simbólico. Na semana seguinte ao incêndio no Rio de Janeiro, o MarquE lançou carta aberta e suspendeu a visitação.  “É uma prova de que nós resistimos, que a Universidade resiste e a museologia resiste. A consolidação deste projeto se dá porque vocês (referindo-se aos estudantes presentes), resistem. O movimento de vocês é o combustível da nossa luta”.
(mais…)

Tags: MArquEmuseologiaMuseus e Resistênciamuseus no Brasilresistência dos museusUFSC

Abertas inscrições para o ciclo de debates Museu e Resistência

19/09/2018 17:46

As inscrições para o ciclo de debates “Museu em curso” estão abertasO evento é promovido pelo Museu de Arqueologia e Etnologia (MArquE) e o curso de Museologia da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), sob o tema “Museu e Resistência”. A programação será realizada entre os dias 26 e 28 de setembro com mesas e conferências nos dois primeiros dias, com início às 8h30, no Auditório do Centro Socioeconômico (CSE). O último dia do evento é reservado às oficinas, que começarão às 10h do dia 28, conforme programação abaixo:
(mais…)

Tags: Centro SocioeconômicoCSEMArquEMuseu de Arqueologia e EtnologiaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Projeto LEIA na Sexta aborda ‘Os sítios Rio do Meio e Canto dos Araçás: uma abordagem multidisciplinar’

26/06/2018 11:37

Nesta sexta-feira, 29 de junho, acontece mais uma edição do ciclo de palestras do LEIA na Sexta. O tema dessa semana será ‘Os sítios Rio do Meio e Canto dos Araçás: uma abordagem multidisciplinar’, a partir das 14h, no auditório do Museu de Arqueologia e Etnologia Oswaldo Rodrigues Cabral (MArquE).

O evento LEIA na Sexta é realizado desde 2013 e consiste em um ciclo de palestras sobre Arqueologia cujo objetivo é aproximar pesquisadores e estudantes com formações e perspectivas distintas. As atividades são gratuitas, abertas à comunidade e terá encontros ao longo de 2018 sempre às sextas-feiras, no mesmo local e horário informados acima.

 

Tags: Leia na sextaMArquEUFSC

Museu da UFSC e Euclides Vargas: histórias entrelaçadas

30/05/2018 08:32

Em tom amarelo, janelas e portas brancas, com um ar bem diferente dos outros prédios ao seu redor, a primeira sede do Museu da UFSC chega aos 50 anos de idade em 29 de maio de 2018. A casa, que guarda muito das características originais de sua fundação, foi a princípio Instituto de Antropologia e alguns anos depois museu. A construção já era anterior a 1968 e um fato bem interessante, servia de estábulo para a Fazenda “Assis Brasil”, terreno que mais tarde seria o endereço da então Universidade de Santa Catarina. São paredes repletas de história, que respiram vida e memória, envoltas em um clima bem característico do local.
(mais…)

Tags: 50 anosEuclides VargasMArquEMuseu da UFSCUFSC

Projeto ‘LEIA na Sexta’ analisa cerâmica de coleções arqueológicas em mesa-redonda nesta sexta

21/05/2018 10:26

O Laboratório de Estudos Interdisciplinares em Arqueologia da UFSC realiza nesta sexta-feira, 25 de maio, a partir das 14h, no Auditório do Museu de Arqueologia e Etnologia (MArquE) o projeto LEIA na Sexta. A atividade dessa semana propõe a mesa redonda ‘Análise cerâmica de coleções arqueológicas no LEIA’ e contará com a participação de Victoria Pozzebon Scabora, Bianca Costi Farias, Francisco Gonzaga, Isabela da Silva Müller e Juliana Salles Machado (mediadora).

O projeto é desenvolvido desde 2013 e consiste em um ciclo de palestras sobre Arqueologia que visa aproximar pesquisadores e estudantes com formações e perspectivas distintas. A última sessão do semestre está prevista para o dia 29 de junho e abordará o tema ‘Revisitando o acervo arqueológico do sítio Rio do Meio’, com a participação de Simon-Pierre Gilson, Monique Piacentini, Leticia da Silva Gondim. 
(mais…)

Tags: Análise cerâmica de coleções arqueológicasLeia na sextaMArquEPPGHUFSC

MarquE recebe encontro entre professores indígenas e não indígenas

20/05/2018 16:00

Nesta quinta, 24 de maio, das 14 às 18h, o MarquE recebe o encontro entre professores indígenas e não indígenas: ampliando o olhar sobre a história e a cultura dos povos originários do Brasil.

Com o objetivo de fomentar o diálogo entre as comunidades escolares para refletir conjuntamente desafios, esclarecer dúvidas e enriquecer repertórios, a partir da experiência e do olhar dos protagonistas dessa história, com apoio da exposição intitulada Tecendo Saberes pelos Caminhos Guarani, Kaingang e Laklãnõ-Xokleng. 
As vagas são limitadas e as inscrições devem ser realizadas aqui.
Tags: Encontro entre professores indígenas e não indígenasMArquEMArquE – Museu de Arqueologia e EtnologiaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Acadêmicos de Museologia da UFSC promovem a exposição ‘Mamilo Manifesto’

03/05/2018 08:01

A exposição Mamilo Manifesto, promovida pelos acadêmicos de Museologia da UFSC, segue até 30 de maio de 2018, das 9h às 18h30, de terça a sexta-feira, e no dia 5 (sábado), das 13 às 18 horas, no Museu de Arqueologia e Etnologia da UFSC (MArquE). O evento pretende desmistificar o assunto “mamilos” e criar um debate sobre amamentação, sutiã, câncer, estética e sexualidade.

Entre os objetivos da mostra está o de reconhecer o papel social do museu, para questões que estão em pauta na contemporaneidade e são considerados tabu pela sociedade. Os subtemas que permeiam a exposição (amamentação, sutiã, câncer, estética e sexualidade) foram pesquisados e são abordados por diferentes caminhos: contexto histórico e social, questões atuais e representações na arte e na mídia, através do Ciclo de Vida (o início, a transição e a maturidade).

Além das intervenções apresentadas na exposição pelos 20 estudantes do curso de Museologia da UFSC durante a disciplina Prática de exposição, o público pode acompanhar nas quartas-feiras do mês de maio, sempre às 16 horas, a exibição de filmes no Auditório do MArquE. No dia 2 será exibido Corpo Manifesto; dia 9 o filme O começo da Vida; dia 16 o curta Habeas Corpus; Dia 23, Quem são elas; e no dia 30, Luiza. Confira abaixo a sinopse de cada um dos filmes.

Dentro da programação do MArquE, que abre as portas aos visitantes no primeiro sábado de cada mês, a exposição Mamilo Manifesto preparou para o dia 5 de maio, das 13 às 18 horas, a participação do grupo BATEU. Os DJs convidados Artimpakt e Broerin e o performer Yoko_Mizú farão apresentações de músicas eletrônicas e o artista e educador físico Thiago Schmitz conduzirá a Oficina de Movimento Criativo, com início programado para às 14 horas.

O visitante encontrará no MArquE a seguinte programação neste sábado (5): 𝐓é𝐫𝐫𝐞𝐨 – 𝐓𝐞𝐜𝐞𝐧𝐝𝐨 𝐒𝐚𝐛𝐞𝐫𝐞𝐬 𝐩𝐞𝐥𝐨𝐬 𝐂𝐚𝐦𝐢𝐧𝐡𝐨𝐬 𝐆𝐮𝐚𝐫𝐚𝐧𝐢, 𝐊𝐚𝐢𝐧𝐠𝐚𝐧𝐠 𝐞 𝐋𝐚𝐤𝐥ã𝐧õ-𝐗𝐨𝐤𝐥𝐞𝐧𝐠; 𝟐º 𝐀𝐧𝐝𝐚𝐫 – 𝐀𝐫𝐪𝐮𝐞𝐨𝐥𝐨𝐠𝐢𝐚 𝐞𝐦 𝐐𝐮𝐞𝐬𝐭ã𝐨: 𝐏𝐞𝐫𝐜𝐨𝐫𝐫𝐞𝐧𝐝𝐨 𝐨 𝐋𝐢𝐭𝐨𝐫𝐚𝐥 𝐂𝐚𝐭𝐚𝐫𝐢𝐧𝐞𝐧𝐬𝐞; 3º 𝐀𝐧𝐝𝐚𝐫 – 𝐌𝐀𝐌𝐈𝐋𝐎 𝐌𝐀𝐍𝐈𝐅𝐄𝐒𝐓𝐎. Programação completa AQUI.

 

(mais…)

Tags: Centro de Filosofia e Ciências HumanasCFHexposição Mamilo ManifestoMArquEmuseologiaUFSC

Nota de pesar: falece servidora aposentada Teresa Domitila Fossari

10/04/2018 16:24

Teresa trabalhando em um sítio arqueológico,.

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) comunica, com pesar, o falecimento da servidora aposentada Teresa Domitila Fossari, ocorrido no dia 7 de abril. Teresa estava lutando contra um câncer no pâncreas e faleceu em decorrência de uma complicação cardíaca.

Teresa ocupava o cargo de arqueóloga e era reconhecida pesquisadora em sua área. A trajetória de Teresa se entrelaça com a do MArquE, onde atuou desde sua graduação em História (concluída em 1968) até sua aposentadoria – foi, inclusive, diretora da instituição de 1992 a 1996 e de 2008 a 2013. Teresa era mestre em Ciência Social (Antropologia Social) pela Universidade de São Paulo (1979) e doutora em Geografia pela Universidade Federal de Santa Catarina (2001).

Tags: Antropologia SocialfalecimentoMArquENota de pesarservidora aposentadaUFSC

‘Leia na Sexta’ promove palestra sobre Arqueologia em Alfredo Wagner

12/03/2018 09:46

O Laboratório de Estudos Interdisciplinares em Arqueologia (Leia) promove os encontros Leia na Sexta, às sextas-feiras, a partir das 14h, no auditório do Museu de Arqueologia e Etnologia Oswaldo Rodrigues Cabral (MarquE). As atividades são gratuitas e abertas ao público.

Realizado desde 2013, o Leia na Sexta é um ciclo de palestras sobre Arqueologia, cujo objetivo é aproximar pesquisadores e alunos com formações e perspectivas distintas.

16/03 – Arqueologia em Alfredo Wagner: paisagens e assentamentos

Fernando Silva de Almeida, Aline Pereira Cruz, Lucas Bond Reis, Thiago Umberto Pereira

Confira o calendário completo (em construção) do semestre aqui.

Mais informações:
Telefone: (48) 3721-6438
E-mail:

Tags: Laboratório de Estudos Interdisciplinares em Arqueologia (Leia)Leia na sextaMArquEUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Museu da UFSC publica edital para ocupação do Espaço Aberto

21/02/2018 11:06

O Museu de Arqueologia e Etnologia da UFSC (MArquE) publicou Edital Interno de ocupação do Espaço Aberto, localizado no Pavilhão de Exposições Antropólogo Silvio Coelho dos Santos, campus Florianópolis, bairro Trindade.

Alunos e servidores docentes e técnico-administrativos podem apresentar propostas de mostras e exposições de curta duração para o Espaço Aberto. As inscrições estarão abertas de 20 de fevereiro a 20 de março de 2018.

Mais informações no Edital Espaço Aberto MArquE 2018 ou pelo site museu.ufsc.br.

Tags: Espaço AbertoMArquEmuseuUFSC

Experiências de Educação Patrimonial é tema de palestra no dia 7

01/11/2017 13:25

A palestra “Experiências de Educação Patrimonial em Laguna”, ministrada pelo professor Douglas Heidtmann Junior, ocorre no dia 7 de novembro, às 15h, no auditório do Museu de Arqueologia e Etnologia (MArquE) da UFSC.

Palestrante

Douglas é pesquisador graduado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Pelotas, Mestrado e Doutorado pela UFSC, na área de Preservação do Patrimônio Cultural. Especialista em Gestão da Paisagens Culturais junto ao curso “Formation des experts internationaux en Conservation, gestion et valorisation durables des Paysages culturels et des systemes et sites patrimoniaux” por meio do consórcio de universidades europeias (Université Jean Monnet, França, Università degli Studi di Napoli Federico II, Itália e Universität Stuttgart, Alemanha).

Mais informações por telefone (48) 3721-9325

Tags: Douglas Heidtmann JuniorEducação patrimoniallagunaMArquEpalestraUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

MArquE recebe exposição ‘Tecendo saberes pelos caminhos guarani, kaingang e laklãnõ-xokleng’

23/10/2017 16:42

O Museu de Arqueologia e Etnologia (MArquE) da UFSC recebe entre outubro de 2017 a 29 de junho de 2018 a exposição “Tecendo saberes pelos caminhos Guarani, Kaingang e Laklãnõ-xokleng”, aberta oficialmente na noite do último dia 18, quarta-feira. A mostra resultada da Ação Saberes Indígenas na Escola em Santa Catarina (UFSC, SED SC, Secadi/MEC), que possui o eixo norteador Territórios de Ocupação Tradicional em Santa Catarina: Passado e Presente.

A exposição trata de conhecimentos, de saberes, envolvendo histórias e experiências vividas e repassadas de geração a geração desde tempos imemoriais, usando a palavra falada, a oralidade. Estimula o diálogo com a pluralidade étnica. Mostra diferenças e semelhanças entre os três povos indígenas.
(mais…)

Tags: Guarani Kaingang e Laklãnõ-XoklengMArquEmuseuUFSC

Museu da UFSC promove exposição ‘Invisíveis na cidade: rastros e restos de um Abrigo de Alienados’

16/10/2017 15:26

O Museu de Arqueologia e Etnologia (Marque) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) promove a exposição “Invisíveis na cidade: rastros e restos de um Abrigo de Alienados”, de terça a sexta, das 9h às 17h, e vai até o dia 27 de outubro, no Espaço Aberto. 

Esta exposição artística trata sobre os vestígios de existência do Abrigo Municipal de Alienados Oscar Schneider (1923-1942) e das vidas a ele tramadas. O Abrigo foi a primeira instituição psiquiátrica de Joinville e teve papel importante nos primórdios da história da saúde mental do estado de Santa Catarina. A exposição se baseia na dissertação produzida por Mariana Zabot Pasqualotto no Programa de Pós-Graduação em Psicologia da UFSC.

 

Tags: MArquEMArquE – Museu de Arqueologia e EtnologiaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

MArquE participa da Primavera nos Museus com apresentação de palestra e documentário

18/09/2017 17:57

A 11ª Primavera nos Museus, realizada de 18 a 24 de outubro, contará com a participação do Museu de Arqueologia e Etnologia Oswaldo Rodrigues Cabral (MArquE/UFSC) . O evento é realizado em parceria com o Instituto Brasileiro de Museus Ibram e visa celebrar o início da primavera, aumentar o público que frequenta museus e fortalecer os laços entre os museus e a sociedade. 

Na programação do MArquE, a palestra “Construção Narrativas e Materiais de Arquivo” e o filme Cascaes documentarista (30m, 2017) serão apresentados no dia 21 de setembro, às 15 horas.

Mais informações na página do MArquE.

 

Tags: MArquEMuseu de Arqueologia e Etnologia Oswaldo Rodrigues Cabral (MArquE/UFSC)UFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Professora da UFSC integra o GT do primeiro concurso público para professores indígenas em SC

17/08/2017 16:27

A professora Maria Dorothea Post Darella, do Museu de Arqueologia e Etnologia da UFSC (MArquE), foi indicada para compor o grupo de trabalho do primeiro concurso público destinado a professores indígenas de Santa Catarina. O edital do concurso foi publicado do Diário Oficial do Estado e sua concepção teve a participação de integrantes de organizações governamentais e lideranças indígenas Guarani, Kaingang e Laklãnõ-Xokleng em reuniões realizadas na Secretaria Estadual de Educação. A prova objetiva será realizada no próximo dia 8 de outubro.

Foram estabelecidas diversas condições para as inscrições e provas referentes a cada etnia, respeitando-se as diferenças culturais. É necessário ser indígena da etnia específica para concorrer à respectiva vaga, já que parte da prova será composta de perguntas na língua materna, e ter o curso de Licenciatura Indígena, oferecido em Santa Catarina pela UFSC.

O concurso atende às normas constitucionais e legais que determinam ao poder público proteger a cultura dos povos indígenas, seus costumes, línguas e tradições, bem como promover uma educação diferenciada, com a utilização de suas línguas maternas e processos próprios de aprendizagem. Observou-se também a obrigação do Estado de garantir a participação dos povos indígenas na construção das medidas administrativas que os afetem diretamente.

O desejo dos indígenas por um concurso público específico era antigo, pois até então os professores eram admitidos em caráter temporário (ACTs) para atuação nas escolas indígenas. Foi no Seminário “Desafios da Educação Escolar Indígena”, promovido pelo Ministério Público Federal em Chapecó em abril deste ano, e coordenado pelo procurador da República Carlos Humberto Prola Júnior, que o secretário de educação Eduardo Deschamps se comprometeu a criar o referido grupo de trabalho e a viabilizar o concurso.

Mais informações pelos fones (48) 2107-2466 e 98848-1506, -mail:

www.mpf.mp.br/sc, Twitter: @MPF_SC.

 

Tags: concursoDarellaindígenasMArquEUFSC

Museu em Curso apresenta palestra ‘Olhares compartilhados: experiências expositivas com grupos indígenas’

09/08/2017 08:52

O Ciclo de Debates Museu em Curso – 2017 inicia no dia 10 de agosto com a palestra “Olhares compartilhados: experiências expositivas com grupos indígenas”, proferida pela museóloga Viviane Wermelinger Guimarães (Museu de Arqueologia e Etnologia da Universidade de São Paulo – MAE/US). O encontro será às 15horas, no Auditório do Museu de Arqueologia e Etnologia Professor Oswaldo Rodrigues Cabral (MArquE/UFSC), entidade que organiza o evento. 

Contemplado no Edital ProCultura, o Ciclo de Debates em como objetivo viabilizar um programa de palestras abertas ao público promovidas pelo MArquE que enfocam temas diversos relacionados à teoria e à prática museológica.

Iniciado em 2010, por uma parceria entre Secretaria de Cultura e Arte, Museu Universitário (atual MArquE) e Associação de Amigos do Museu Universitário, o Museu em Curso já recebeu profissionais de diversos campos de atuação, oriundos de diferentes departamentos da UFSC e de outras instituições de Santa Catarina e outros estados brasileiros.

As palestras têm como público-alvo a comunidade universitária, mas também os profissionais de outras instituições museológicas, e a comunidade de forma mais abrangente. É também uma oportunidade ímpar de formação continuada da equipe técnica do Museu e uma possibilidade de discussão, junto a especialistas, de questões relevantes para seu cotidiano.

Mais informações na página do MArquE.

Tags: MArquEmuseuUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Museu da UFSC promove palestra sobre ‘Olhares compartilhados: experiências expositivas com grupos indígenas’

02/08/2017 08:11

O projeto ‘Museu em Curso’ do Museu de Arqueologia e Etnologia (MArquE) da Universidade Federal de Santa Catarina promove a palestra  “Olhares compartilhados: experiências expositivas com grupos indígenas”. O evento será dia 10 de agosto, às 15h no auditório do MArquE. A palestra será ministrada pela museóloga Viviane Wermelinger Guimarães.  

Tags: MArquEUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Exposição ‘Rendas de Bilro – coleção MArquE’ acessível para pessoas com deficiência

27/06/2017 12:25

A exposição Rendas de Bilro – Coleção Museu de Arqueologia e Etnologia (MArquE) da UFSC, baseada na percepção da delicadeza da renda, da dificuldade do ponto e da habilidade necessária para a sua confecção, segue até o dia 20 de julho. O evento tem entrada franca e conta com acessibilidade para pessoas com deficiência.

O objetivo da exposição, segundo a curadora Vanilde Ghizoni, é apresentar parte das coleções de rendas de bilro que o Museu possui, “para que a universidade saiba, conheça ou volte a ter contato com o acervo”. Lucas Figueiredo Lopes, que também é curador, ressalta a prática das rendeiras pelo seu valor estético, como objeto artístico e uma cultura de resistência. Também diz que “hoje tem alguns grupos que mantêm essa prática ativa, mas pela questão da modernização e urbanização da cidade, ela sempre está em risco de se perder”, e salienta a importância do acervo para perpetuar a

A exposição conta com reproduções acessíveis das rendas em papel

cultura, tendo em vista que já foi consultado como forma de resgate do aprendizado de pontos que já não eram mais transmitidos de geração para geração.
(mais…)

Tags: acessibilidadeMArquErenda de bilroUFSC

MArquE abre edital para ocupação do ‘Espaço Aberto’

20/06/2017 14:30

O Museu de Arqueologia e Etnologia Professor Oswaldo Rodrigues Cabral (MArquE) da UFSC torna pública, por meio de edital, seleção de projetos de mostras e exposições de curta duração para ocupação do “Espaço Aberto”, localizado no térreo do Pavilhão de Exposições Silvio Coelho dos Santos, entre os meses de agosto de 2017 e abril de 2018. As inscrições estão abertas até 5 de julho de 2017.

Mais informações pelos telefones (48) 3721-7356 e 3721-9325.

Tags: editalEspaço AbertoMArquEMuseu de Arqueologia e Etnologia Professor Oswaldo Rodrigues CabralUFSC

Museu de Arqueologia e Etnologia da UFSC divulga edital de seleção de projetos

05/06/2017 17:08

O Museu de Arqueologia e Etnologia Professor Oswaldo Rodrigues Cabral (MArquE) divulga o edital de seleção de projetos de mostras e exposições de curta duração para ocupação do “Espaço Aberto”, localizado no térreo do Pavilhão de Exposições Silvio Coelho dos Santos, entre os meses de agosto de 2017 e abril de 2018. As inscrições estão abertas até 5 de julho.

Para inscrever projetos, é preciso estar vinculado à UFSC, seja como docente, discente ou técnico-administrativo. Todas as informações e regras estão no Edital Espaço Aberto MArquE 2017.

Mais informações na página do MArquE.

Tags: editalMArquEMuseu de Arqueologia e Etnologia Professor Oswaldo Rodrigues Cabralseleção de projetosUFSC
  • Página 1 de 4
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4