Calendário institucional 2021 está disponível para impressão

19/01/2021 10:08

Encontra-se disponível na página do Sistema de Identidade Visual da UFSC o calendário institucional 2021 que, assim como no ano passado, traz um formato de planner mensal de mesa, com o tema da campanha “UFSC 60 anos de Excelência”.

O projeto gráfico foi desenvolvido pela Coordenadoria de Design e Programação Visual da Agência de Comunicação da UFSC (Agecom), que disponibilizou aos alunos e servidores técnico-administrativos e professores da UFSC uma versão em PDF para impressão. O calendário foi feito também considerando propósitos da Agecom e da Administração Central em produzir materiais efetivamente úteis à comunidade universitária, e atendendo a critérios de sustentabilidade.

Tags: 60 anos de ExcelênciaAgecomcalendário 2021coordenadoria de design e programação visualUFSCUFSC 60 anos

Com animações produzidas na UFSC, pianista Pablo Rossi apresenta música de Schubert

08/01/2021 13:03

Animações de criaturas de Franklin Cascaes produzidas por alunos e professores da UFSC encantam o pianista catarinense Pablo Rossi e fazem parte da apresentação “Uma ode à vida: concerto de Pablo Rossi em homenagem aos 60 anos da UFSC”. O concerto, gravado sem a presença de público no Teatro Governador Pedro Ivo Campos, em Florianópolis, estreou no dia 19 de dezembro de 2020 no canal do YouTube da UFSC e marcou as comemorações dos 60 anos da Universidade Federal de Santa Catarina.
(mais…)

Tags: concertoPablo RossiSeCArteUFSC 60 anos

UFSC celebra 60 anos em sessão solene que enfatiza a importância de quem faz a universidade

18/12/2020 17:05

Uma cerimônia de reconhecimento às pessoas que fazem da Universidade Federal de Santa Catarina um lugar de excelência marcou a celebração dos 60 anos da instituição. De forma remota e com transmissão pelo YouTube, a sessão solene do Conselho Universitário, que ocorreu nesta sexta-feira, 18 de dezembro, foi marcada pela posse de 12 novos diretores de centro e pela diplomação dois doutores Honoris Causa e dois professores e uma professora eméritos. Além disso, o reitor Ubaldo Cesar Balthazar também anunciou o nome da nova vice-reitora da UFSC, cujo mandato inicia em janeiro de 2021: Catia Regina Silva de Carvalho Pinto, do quadro permanente no Programa de Pós Graduação em Engenharia Ambiental e ex-diretora da UFSC Joinville.

O reitor celebrou a história da Universidade, reforçando a importância de momentos felizes, tais como a implementação das políticas de inclusão de minorias. Também salientou o quanto servidores docentes e técnicos e os acadêmicos abraçam a UFSC, “vestindo a camisa”, mesmo quando os recursos investidos são escassos. O resultado disso, segundo ele, é o sucesso nos rankings universitários, que sempre trazem a instituição como destaque. “É uma classificação que decorre do trabalho de todos”, disse. Aos homenageados, Ubaldo lembrou que eles marcam a história da UFSC e apontam para a excelência institucional.
(mais…)

Tags: 60 anos de ExcelênciaAniversário da UFSCConselho Universitário (CUn)Doutor Honoris CausaProfessor Eméritosessão soleneUFSCUFSC 60 anos

UFSC celebra ’60 anos de excelência’ com sessão solene nesta sexta-feira, 18 de dezembro

18/12/2020 14:44

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), em comemoração aos seus 60 anos, convida a sociedade para acompanhar em ambiente virtual a Sessão Solene do Conselho Universitário, que será realizada no dia 18 de dezembro, próxima sexta-feira, às 14h30.

Acompanhe a transmissão da solenidade no canal da UFSC no Youtube. Para manter a dinâmica da sessão, será permitida apenas a presença de conselheiros titulares e pessoas homenageadas na sala virtual.

Na ocasião serão empossados os novos titulares das direções dos Centros de Ensino da UFSC e concedidas as Dignidades Universitárias – títulos de Professor Emérito e Doutor Honoris Causa – aos seguintes homenageados(as):

Eméritos(as), “concedido a membro de pessoal docente aposentado, pelos altos méritos profissionais ou por relevantes serviços prestados à Instituição”:

Ilse Scherer-Warren – Departamento de Sociologia e Ciência Política do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH);

Antônio Carlos Wolkmer – Departamento de Direito do Centro de Ciências Jurídicas (CCJ);

Dilvo Ilvo Ristoff – Departamento de Língua e Literatura Estrangeiras do Centro de Comunicação e Expressão (CCE).

Doutor Honoris Causa, “concedido por universidades a pessoas eminentes, que não necessariamente sejam portadoras de um diploma universitário mas que se tenham destacado em determinada área (artes, ciências, filosofia, letras, promoção da paz, de causas humanitárias etc.), por sua boa reputação, virtude, mérito ou ações de serviço que transcendam famílias, pessoas ou instituições”:

Sylvio Carlos Back – cineasta, poeta, roteirista, escritor e produtor.

Eugenio Raúl Zaffaroni jurista e magistrado argentino. Atua, desde 2015, da Corte Interamericana de Direitos Humanos.

Leia mais:

UFSC 60 anos – linha do tempo

 

 

 

Tags: 60 anos60 anos de Excelênciaeméritopossesessão soleneUFSCUFSC 60 anos

UFSC 60 anos: live especial Rock’n Camerata celebra aniversário da UFSC  

17/12/2020 08:00

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) completa 60 anos de fundação na próxima sexta-feira. Para comemorar a data, a Camerata Florianópolis apresenta no dia do aniversário da UFSC, 18 de dezembro, sexta-feira, às 20h, uma live do projeto Rock’n Camerata, em homenagem à Universidade. A exibição será no canal da UFSC no YouTube.

O evento terá a regência do maestro Jeferson Della Rocca, e as vozes de Carla Domingues, Daniel Galvão e Rodrigo (Gnomo) Mattos, juntamente com a Brasil Papaya Instrumental. O Rock’n Camerata é o espetáculo de maior sucesso da Camerata Florianópolis nos últimos anos. A apresentação não se limita apenas em ser uma releitura acústica dos clássicos do Rock, os elementos principais dos arranjos compostos pelas respectivas bandas são preservados, mas é incluída uma orquestração sobreposta aos arranjos dos clássicos. 

>> Assista à live aqui

A Camerata combina, na sua versão das músicas, instrumentos elétricos e a orquestra amplificada, e agrada, assim, tanto o público acostumado a ouvir música erudita como aqueles que preferem outros estilos. O repertório para o show da UFSC terá algumas das músicas mais conhecidas de lendárias bandas de Rock dos últimos 50 anos. Dentre elas, The Beatles, The Rolling Stones, Led Zeppelin, Pink Floyd, Nightwish, Metallica, Ozzy Osbourne, Kiss, Europe, Guns´n Roses e roqueiros brasileiros como Rita Lee e Raul Seixas.

A apresentação do Rock’n Camerata integra a programação artística em comemoração dos 60 anos da UFSC, a ação é uma realização da Universidade Federal de Santa Catarina e a Secretaria de Cultura e Arte (SeCArte/UFSC).

Programação

O aniversário de 60 anos da UFSC contará com uma programação extensa e variada de eventos on-line, com apresentações musicais e culturais acontecendo no canal da UFSC no YouTube. Confira a agenda:

18 de dezembro, 20h
Rock’n Camerata

19 de dezembro, 20h
Pablo Rossi

Serviço: 

O quê: espetáculo Rock’n Camerata
Quando: 18 de dezembro | sexta-feira | 20h
Onde: canal da UFSC no YouTube
Informações: secarte@contato.ufsc.br  

 

Acesse 60anos.ufsc.br para acompanhar as notícias sobre as comemorações dos 60 anos e navegar pela história da UFSC, por meio de uma linha do tempo virtual.

Tags: 60 anos de ExcelênciaCamerata FlorianópoliscoronavírusRock'n CamerataSeCArteUFSCUFSC 60 anosUniversidade Federal de Santa Catarina

Uma ode à vida: concerto de Pablo Rossi em homenagem aos 60 anos da UFSC ocorre neste sábado, 19 de dezembro

16/12/2020 14:36

Encerrando a programação artística em comemoração aos 60 anos da UFSC, a Universidade Federal de Santa Catarina e a Secretaria de Cultura e Arte (SeCArte) apresentam no sábado, 19 de dezembro, às 20h, no canal da UFSC no YouTube o vídeo “Uma ode à vida: concerto de Pablo Rossi em homenagem aos 60 anos da UFSC”. O pianista catarinense, que possui destacada carreira internacional, apresentará um repertório escolhido especialmente para a UFSC, com obras de Beethoven, Chopin, Liszt, Mozart, Villa-Lobos, Oswald e Nepomuceno.

“Além dos 60 anos da UFSC, o concerto comemora os 250 anos de Beethoven, resgatando seus valores iluministas, numa defesa da liberdade, da vida e da nossa capacidade de crítica à realidade”, salienta a secretária de Cultura e Arte, Maria de Lourdes Borges. “Num momento em que vivemos em meio à mais terrível pandemia, o iluminismo significa uma aposta na razão e na ciência para que a vida seja possível”, ressalta.

O vídeo é resultado do registro de um concerto realizado sem público, conforme as medidas necessárias de isolamento social durante a pandemia, no Teatro Pedro Ivo, em Florianópolis. No entanto, a obra a ser apresentada no dia 19 não se limita apenas à apresentação musical. “Ele foi pensado como uma obra audiovisual que estabelece um diálogo entre diversas linguagens artísticas”, acrescenta Maria de Lourdes, que atuou ativamente na produção do material audiovisual.

Enquanto Pablo Rossi executa, por exemplo, o Erlkönig de Schubert/Liszt, a música encanta a animação das obras de Franklin Cascaes, realizada pelo DesignLab da UFSC, com imagens do acervo do Museu de Arqueologia e Etnologia Oswaldo Rodrigues Cabral (MArquE/UFSC). Villa-Lobos, por sua vez,  dialoga com as imagens do recém-restaurado Mural Humanidade, de Hassis. As obras de Rodrigo de Haro e Martinho de Haro também farão parte dessa obra audiovisual, orquestrada pela música de Rossi. O público poderá acompanhar o vídeo no canal da UFSC no YouTube, com reprise durante a semana seguinte, na TV UFSC. 
(mais…)

Tags: 60 anos de ExcelênciacoronavírusDACSeCArteUFSCUFSC 60 anosUniversidade Federal de Santa Catarina

Sylvio Back: título ‘Doutor Honoris Causa’ reconhece legado de catarinense para literatura e cinema brasileiros

16/12/2020 10:33

Sylvio Back contabiliza 38 obras em sua filmografia, sendo 12 longas-metragens. Foto: Martin Gamaler

Sylvio Back tinha apenas cinco anos quando vivenciou o seu primeiro contato com o cinema: no andar superior do Cine Luz, na Curitiba de 1942, assistiu à exibição da animação Bambi, dos estúdios Disney. “De pé, segurando a mão da minha vó”, lembrou em uma de suas entrevistas. A memória desta experiência e o amor pela literatura desde a infância não tardaram a levá-lo em definitivo para a aventura do cinema. Hoje, aos 83 anos, Back tem um invejável currículo com 38 filmes, sendo 12 longas-metragens, e 25 livros (roteiros, poesia e ensaios) que amealharam 77 prêmios nacionais e internacionais.

Pelo conjunto da sua obra literária e cinematográfica dedicadas à arte e à cultura catarinenses e brasileiras, a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) concedeu o título Doutor Honoris Causa a Sylvio Back. Homenagem da Universidade conferida a pessoas eminentes que se tenham destacado em determinada área “por sua boa reputação, virtude, mérito ou ações de serviço que transcendam famílias, pessoas ou instituições”, a honraria será outorgada em sessão solene do Conselho Universitário, às 14h30 da próxima sexta-feira, 18 de dezembro – data de comemoração do aniversário de 60 anos da UFSC.

Back ingressou no jornalismo na década de 1950. Foto: Arquivo pessoal

O título é um gesto de reconhecimento ao legado do realizador de Lance Maior (1968) e de Aleluia, Gretchen (1976). “Quantas vezes falei e escrevi, até em tom de brincadeira, que cada filme, pelo tempo de realização (entre quatro e cinco anos, da ideia à primeira cópia) era como se fora um doutorado. Jamais pensei em receber tamanho reconhecimento pela minha obra, autodidata que sou, pois aprendi cinema vendo e ‘lendo’ filmes sem ter sido antes assistente de nenhum diretor. O mérito em tela homenageia todos os criadores do país, cineastas, poetas e escritores. Melhor impossível!”, avaliou Sylvio.

Filho de imigrantes, pai húngaro e mãe alemã, Back nasceu no município de Blumenau em 1937. Residiu em Florianópolis até 1940, quando a família mudou-se para Curitiba. Lá, na juventude, foi professor de francês e inglês e, mais tarde, cursou Ciências Econômicas. Na década de 1950, ingressou no jornalismo. Autor de todos os roteiros de sua filmografia, sempre se declarou “um jornalista que faz filmes”. Enquanto trabalhava como copydesk na redação do Diário do Paraná, dirigiu o suplemento literário Letras & Artes do jornal, publicando seus primeiros ensaios sobre cinema e teatro.
(mais…)

Tags: 60 anos de ExcelênciaSylvio BackSylvio Carlos BackUFSCUFSC 60 anosUniversidade Federal de Santa Catarina

Antonio Carlos Wolkmer: professor emérito tem trajetória dedicada a um Direito crítico e transformador

15/12/2020 08:00

Professor Antonio Carlos Wolkmer. Foto: arquivo pessoal

Reconhecido internacionalmente como um dos nomes mais expressivos da Ciência Jurídica contemporânea, entre os mais destacados pensadores críticos do Direito na América do Sul, premiado por sua produção científica e cuja vasta obra e incontáveis conferências proferidas difundiram o nome da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) pelo Brasil e por todo o mundo. Esses são alguns dos atributos destacados na proposta de concessão de título de professor emérito a Antonio Carlos Wolkmer, docente do Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) aposentado após mais de 20 anos dedicados ao ensino, à pesquisa e à extensão. O título, uma homenagem da Universidade conferida a professores aposentados pelos altos méritos profissionais e relevantes serviços prestados à instituição, será outorgado em sessão solene do Conselho Universitário, às 14h30 da próxima sexta-feira, 18 de dezembro – data de comemoração do aniversário de 60 anos da UFSC.

“Desnecessário observar o quanto me emociona e me honra o título recebido de Professor Emérito da Universidade Federal de Santa Catarina, aprovado pelo Conselho Universitário em março deste ano de 2020. Não tenho como agradecer a proposta e a iniciativa do Centro de Ciências Jurídicas, coordenada, de forma louvável e meritória, pelo seu ilustre diretor, Prof. Dr. José Isaac Pilati, bem como o apoio do Prof. Dr. Arno Dal Ri Junior, durante sua gestão no PPGD [Programa de Pós-Graduação em Direito]. Recebo com elevada consideração tal homenagem, como consequência e retribuição a uma carreira exitosa, ao longo de quase três décadas dedicadas à docência e à pesquisa na UFSC. Uma carreira que se construiu e se consolidou em nível regional, nacional e internacional como pesquisador, docente e educador na missão de formar agentes transformadores do Direito e da Justiça, comprometidos com sua prática social”, declara Wolkmer. 

Segundo Pilati, o professor “foi um dos grandes destaques do Curso de Direito, especialmente da pós-graduação, pela obra que produziu”. Seus trabalhos englobam as áreas de Pluralismo Jurídico, Direitos Humanos, Teoria Crítica, Interdisciplinaridade no Direito, Interculturalidade, Constitucionalismo Latinoamericano, História e Cultura Jurídica na América Latina e Estudos Descoloniais. “Antonio Carlos Wolkmer é conhecido no Brasil inteiro, no mundo inteiro, como um grande intelectual. É um grande conferencista e um intelectual de grande envergadura”, complementa o diretor do CCJ, ressaltando o quanto Wolkmer inovou em sua área de atuação e colaborou para o engrandecimento da graduação e da pós-graduação em Direito da UFSC: “é um professor que eleva o nível intelectual do país, que traz reconhecimento para nossa Universidade”.
(mais…)

Tags: 60 anos de ExcelênciaAntonio Carlos WolkmerCCJProfessor EméritoUFSCUFSC 60 anosUniversidade Federal de Santa Catarina

Ilse Scherer-Warren: a jornada emérita da pesquisadora em movimentos sociais

14/12/2020 14:00

Em uma pequena vila chamada Portão, hoje município da Grande Porto Alegre (RS), Ilse Scherer-Warren nasceu (1944). Os pais, descendentes de alemães, criaram nove filhos: sete homens e duas mulheres. Somente dois, ela e um irmão, continuaram os estudos, algo bastante incomum para uma região agrícola e que possuía apenas uma escola primária. Adquiriu muito cedo o gosto pela leitura. Em casa tinha um armário repleto de livros e assim que aprendeu a ler, era ali que se debruçava em temas de seu interesse. Gostava também de jornal e sempre lia a segunda página do periódico O Dia, do qual o pai tinha assinatura e onde encontrava matérias relacionadas às Ciências Humanas.

Distante do que a sua cidade natal poderia lhe proporcionar e na contramão do que imaginavam para o seu futuro, Ilse apostou nos estudos para transformar sua vida. Por vontade própria, frequentou por um ano o internato, fez curso de preparação – ou, como era chamado, Artigo 99 – para suplementar o colegial (atual fundamental) e, estudando de forma autônoma, passou no exame para o ginásio (atual ensino médio). Ao mesmo tempo ingressou no curso de Secretariado na Escola Técnica da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), em Porto Alegre, que foi a sua primeira aproximação com o ambiente universitário.

Assim que saiu de Portão, morou na capital gaúcha em casas de duas famílias. Eles pagavam seus estudos e, em troca, Ilse auxiliava nas atividades domésticas. Na sequência, trabalhou no Instituto de Física da UFRGS, no período entre o final da escola secundária e a entrada na graduação.

Na escolha de qual profissão a seguir, chegou a ter dúvidas. Cientista Social ou Jornalista? Na UFRGS era o mesmo concurso para, coincidentemente, as duas áreas que Ilse mais se identificava, podendo optar ao final por uma delas. Mas não foi preciso. Por influência de seu irmão mais velho que havia lhe emprestado um manual de Sociologia, percebeu que este era o seu único caminho. Tão logo saiu a aprovação no vestibular, procurou viabilizar outro desejo, o de aprender o idioma francês. Persistiu e conseguiu uma bolsa de estudos na Aliança Francesa. Também foi aprovada em concurso público para a Secretaria do Trabalho do Rio Grande do Sul, o que lhe ajudou a custear as despesas como estudante do ensino superior.
(mais…)

Tags: 60 anos60 anos de ExcelênciaCFHIlse Scherer-WarrenNúcleo de Pesquisa em Movimentos SociaisProfessora EméritaPrograma de Pós-Graduação em Sociologia PolíticaUFSCUFSC 60 anos

UFSC 60 anos: Dandara Manoela faz show de Voz e Violão nesta terça-feira, dia 15

14/12/2020 07:35

A cantora e compositora Dandara Manoela, que também é egressa do curso de Serviço Social da UFSC, apresenta ao vivo, no dia 15 de dezembro, terça-feira, às 20h no canal da UFSC no YouTube, o espectáculo “Dandara Manoela Voz e Violão”.

No espetáculo serão abordados, por meio das composições e canções, temas como racismo, feminismo, LGTQIA+, a fim de proporcionar reflexões, trocas e aprendizados. Canções que falam de vivências e observações da cantora, dialogando com questões estruturais que atravessam a vida de tantas pessoas.

>> Assista à live no Canal da UFSC no YouTube

Dandara Manoela é cantora e compositora. Sua pluralidade musical representa um símbolo de resistência das manifestações culturais afro-brasileiras e de afirmação da mulher negra e lésbica no campo artístico. Vencedora dos prêmios catarinenses de melhor cantora (2017) e melhor álbum (2018), Dandara Manoela transita pelo samba e pela MPB, trazendo à tona lutas e afetos subjetivos que encontram espaço na multidão.  

Em seu trabalho, Dandara tem como inspiração principal mulheres negras e faz da arte um espaço para que as histórias de suas ancestrais sejam ouvidas. Também se inspira nas relações interpessoais de afeto e cuidado, por acreditar ser uma forma efetiva de resistência.

A apresentação de Dandara Manoela integra a programação artística em comemoração dos 60 anos da UFSC, a ação é uma realização da Universidade Federal de Santa Catarina e a Secretaria de Cultura e Arte (SeCArte/UFSC).

Programação

O aniversário de 60 anos da UFSC contará com uma programação extensa e variada de eventos on-line, com apresentações musicais e culturais acontecendo no canal da UFSC no YouTube. Confira a agenda:

15 de dezembro, 20h
Dandara Manoela apresenta “Dandara Manoela Voz e Violão”

18 de dezembro, 20h
Rock’n Camerata

19 de dezembro, 20h
Pablo Rossi

Serviço: 

O quê: espetáculo “Dandara Manoela Voz e Violão”
Quando: 15 de dezembro | terça-feira | 20h
Onde: canal da UFSC no YouTube
Informações: secarte@contato.ufsc.br  
Acesse 60anos.ufsc.br para acompanhar as notícias sobre as comemorações dos 60 anos e navegar pela história da UFSC, por meio de uma linha do tempo virtual.

Tags: 60 anos de ExcelênciacoronavírusSeCArteUFSCUFSC 60 anosUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC 60 anos: comunidade universitária vota em repertório do show Rock’n Camerata

10/12/2020 10:20

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) comemora seus 60 anos de fundação no próximo dia 18 de dezembro. Nessa data, às 20h, acontece o espetáculo ao vivo “Rock’n Camerata” com o melhor do rock nacional e internacional em uma performance que combina instrumentos clássicos e modernos. 

>> Conheça o site especial 60anos.ufsc.br 

A comunidade universitária escolheu, por meio das redes sociais, parte do repertório a ser apresentado no show de aniversário. Com mais de 7.700 votos pelos stories do Instagram @universidadeufsc no dia 25 de novembro, as músicas escolhidas foram: 

  • AC/DC – You Shook Me All Night Long
  • Metallica – Enter Sandman
  • Led Zeppelin – Immigrant Song

O setlist completo será conhecido na noite do dia 18, ao vivo no canal da UFSC no YouTube.

Programação Cultural

O aniversário de 60 anos da UFSC contará com uma programação extensa e variada de eventos on-line, com apresentações musicais e culturais acontecendo no canal da UFSC no YouTube. Confira a agenda:

8 de dezembro, 20h
Coral e Madrigal da UFSC apresentam “O Trenzinho do Caipira”, de Heitor Villa-Lobos

15 de dezembro, 20h
Dandara Manoela apresenta “Dandara Manoela Voz e Violão”

18 de dezembro, 20h
Rock’n Camerata

19 de dezembro, 20h
Pablo Rossi

Acesse 60anos.ufsc.br para acompanhar as notícias sobre as comemorações dos 60 anos e navegar pela história da UFSC, por meio de uma linha do tempo virtual.

Tags: Rock'n CamerataUFSCUFSC 60 anosUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC 60 anos: ajude a escolher o repertório do show Rock’n Camerata

09/12/2020 08:08

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) comemora seus 60 anos de fundação no próximo dia 18 de dezembro. Nessa data, às 20h, acontece o espetáculo ao vivo Rock’n Camerata com o melhor do rock nacional e internacional em uma performance que combina instrumentos clássicos e modernos. 

>> Conheça o site especial 60anos.ufsc.br 

A comunidade universitária pode participar da escolha do repertório, exclusivamente pelo Instagram, nesta quarta-feira, 9 de dezembro. Para votar na enquete, basta acessar os stories do Instagram @universidadeufsc durante todo o dia e votar. A enquete ficará aberta por 24 horas, a partir das 8h. 
(mais…)

Tags: 60 anos de ExcelênciaCamerata FlorianópoliscoronavírusRock'n CamerataSeCArteUFSCUFSC 60 anosUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC 60 anos: Coral, Madrigal e Orquestra fazem homenagem pelo aniversário da Universidade

07/12/2020 07:27

Para homenagear os 60 anos da Universidade Federal de Santa Catarina o Coral, Madrigal e a Orquestra da UFSC apresentam, nesta terça-feira, 8 de dezembro às 20h, no canal da UFSC no YouTube a canção “O Trenzinho do Caipira”, composição de Villa Lobos e Ferreira Gullar, com arranjo de Ana Yara Campos.

A maestrina do Coral, Miriam Moritz, destaca que a escolha da música está ligada ao que ela acredita representar a passagem das vidas dos estudantes pela UFSC. A apresentação dá início ao calendário de eventos culturais e artísticos em homenagem à Universidade. 

>> Assista aqui ao vídeo com a apresentação do Coral da UFSC

Para a realização dos ensaios e da gravação do vídeo com a música, a regente gravou a parte instrumental (piano e voz) e as vozes individuais com acompanhamento para estudo de cada cantor; os coralistas gravam as vozes e instrumentos musicais em suas casas utilizando celulares ou computadores; depois a maestrina edita todos os áudios gravados. No final do processo, o vídeo é finalizado pelo bolsista Claudio Felippio Junior, que atua junto ao Coral, projeto do Departamento Artístico Cultural, da Secretaria de Cultura e Arte (DAC/SeCArte).

Esta é quarta apresentação virtual do Coral da UFSC. Em agosto, o grupo interpretou Oceano, de Djavan; em setembro foi Encontros e Despedidas, de Milton Nascimento e Fernando Brant; e no mês de novembro foi lançada a música Canção do Sal, de Milton Nascimento. Além de integrantes do Coral, participaram alguns integrantes do Madrigal e da Orquestra de Câmara da UFSC.   

(mais…)

Tags: 60 anos de ExcelênciaCoral Madrigal e Orquestra de Câmara da UFSCcoronavírusDepartamento Artístico Cultual (DAC)/SeCArte/UFSCSecretaria de Cultura e Arte (SeCArte)UFSCUFSC 60 anosUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC 60 anos: programação cultural de aniversário oferece música e arte

23/11/2020 14:22

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) comemora seus 60 anos de fundação no próximo dia 18 de dezembro. A data será lembrada com uma programação especial, on-line, com apresentações musicais e culturais e solenidades em homenagem à Universidade, além do reconhecimento de pessoas ligadas à UFSC. 

>> Conheça o site especial 60anos.ufsc.br 

Desde outubro, a UFSC celebra sua história na campanha #60anos60dias, com posts diários nas redes sociais, e a TV UFSC lançou programas especiais, como o EdUFSC 40 anos, Fragmentos Filosóficos e Estação Conhecimento. Além disso, eventos como a Sepex, o Experimenta, e a Semana da Dança também estão ligados à comemoração da data especial. 

A celebração também incluirá uma sessão solene do Conselho Universitário, com transmissão ao vivo, para conceder honrarias acadêmicas, além da posse dos novos Diretores dos Centro de Ensino.
(mais…)

Tags: SeCArteUFSCUFSC 60 anosUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC 60 anos: 60 dias de comemoração

20/10/2020 08:08

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) comemora seus 60 anos de fundação no próximo dia 18 de dezembro. A história da instituição, seus fatos marcantes e um pouco do que compõe sua cultura será contada aos poucos, ao longo dos próximos 60 dias, a partir desta terça-feira, 20 de outubro.

>> Conheça o site especial 60anos.ufsc.br 

Diariamente, a Agência de Comunicação da UFSC veiculará, nas redes sociais da instituição, uma imagem do passado histórico da Universidade, com um texto explicativo e a oportunidade para que o leitor acesse mais informações. Além disso, os eventos a partir do mês de outubro trarão a identidade comemorativa dos 60 anos, e eventos culturais especiais para celebrar o marco. O objetivo é informar, e comemorar, mesmo a distância, o legado de excelência que a UFSC deixa todos os dias, nas vidas de tantas pessoas. 

O reitor Ubaldo Cesar Balthazar lembra, em um texto sobre os 60 anos, que “A trajetória de nossa UFSC revela, ao longo dos seus 60 anos, uma instituição que foi, aos poucos, se consolidando”. “Resistimos, enfrentamos uma pandemia, e estamos vivos. Cada vez mais vivos! Que tenhamos, todos, muito a comemorar e a refletir. Com a força que construiu, consolidou e projetou esta que é uma das melhores universidades brasileiras. E isso, amigos, não é por acaso.” 

>> Leia na íntegra “UFSC, 60 anos, por Ubaldo Cesar Balthazar”
(mais…)

Tags: 60 anos de ExcelênciacoronavírusSeCArteTV UFSCUFSCUFSC 60 anosUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC, 60 anos, por Ubaldo Cesar Balthazar

20/10/2020 08:03

A trajetória de nossa UFSC revela, ao longo dos seus 60 anos, uma instituição que foi, aos poucos, se consolidando. Basta relembrar – para aqueles que têm essa condição – o que era nosso estado na década de 1960. E a dimensão que a UFSC conferiu a Santa Catarina e a Florianópolis ao longo destas últimas seis décadas.

De sua criação, em 18 de dezembro de 1960, passando pela efetiva implantação dois anos depois, surgem na memória os desafios, as dúvidas, as incertezas. Fruto da incorporação de faculdades isoladas então existentes, a constituição da então Universidade de Santa Catarina deve muito de sua história ao protagonismo e à coragem dos primeiros servidores técnicos, docentes e estudantes.

A década seguinte foi de consolidação. Lenta e gradativamente a instituição tomou corpo, cresceu, ampliou-se, passou a oferecer alternativas de desenvolvimento e a gerar em torno de si não mais aquelas primeiras incertezas e dúvidas, mas a crença de que seu papel de protagonista estava desenhado. A cidade e o estado passaram a enxergá-la, não mais como o esforço de abnegados, mas como a realização concreta de um projeto de um ensino superior de qualidade.

Nos anos da década de 1980 a UFSC revelou sua face acadêmica, após a criação e consolidação da Pós-Graduação, do papel de alta relevância no desenvolvimento tecnológico, na inauguração do Hospital Universitário, na formação de profissionais de alta qualidade e sua disseminação por todo o estado. Ainda nesta década a UFSC inaugura a escolha por eleição de seu Reitor. E aí o papel político da Universidade se aprofunda, mostrando à sociedade que o exercício da cidadania começa por aqui.

Os anos de 1990 fortaleceram ainda mais o protagonismo da UFSC na discussão, reflexão e proposição como ente estatal profundamente relacionado ao dia a dia do cidadão. Promoveu muito mais arte, cultura, ciência e tecnologia. Aos 30 anos, demonstrava estar madura, disposta a enfrentar os “novos tempos” do acesso às redes como facilidades e de unir tecnologia e humanismo como valores indissociáveis.

Vieram os anos de 2000, marco na sociedade e na UFSC. Ali começaram as primeiras iniciativas de inclusão, de cotas de acesso, de ampliação para novos municípios: ganhávamos a UFSC em Araranguá, Curitibanos e Joinville, depois Blumenau, estendendo a excelência e a possibilidade de acesso a muitos mais catarinenses e brasileiros. E na esfera internacional, a UFSC ganhava o mundo.

Por fim, a segunda década dos anos 2000. Um universo de tecnologias, um caleidoscópio de diversidades – mais indígenas, mais quilombolas, mais pretos e pardos, mais diversidade de gênero, mais o retrato da sociedade. Transformamos a Universidade num universo de diversos e diversas pessoas. Mas sofremos: com o abuso de autoridade, com os ataques, com as ameaças a nossa autonomia. 

Resistimos, enfrentamos uma pandemia, e estamos vivos. Cada vez mais vivos!

Que tenhamos, todos, muito a comemorar e a refletir. Com a força que construiu, consolidou e projetou esta que é uma das melhores universidades brasileiras. E isso, amigos, não é por acaso.

Parabéns a todas e todos da UFSC!

 

Ubaldo Cesar Balthazar
Reitor

Tags: 60 anos de Excelênciareitor Ubaldo Cesar BalthazarUFSCUFSC 60 anosUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC na mídia: jornalista divulga série histórica sobre a Universidade

31/08/2020 14:54

Antiga Casa da Estudante Universitária (CEU), moradia exclusivamente feminina, na rua Esteves Júnior. Foto: Carlos Damião

Em seu blog, o jornalista Carlos Damião deu início no último domingo, 30 de agosto, a uma série de postagens sobre os 60 anos da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), que se completam em 18 de dezembro deste ano. Os posts destacam aspectos da história da universidade que mexeram com Florianópolis. 

O primeiro texto aborda a moradia estudantil. Dois imóveis da área central da cidade serviram para abrigar os alunos que vinham de fora e não tinham recursos para alugar imóveis na capital catarinense. A antiga Casa da Estudante Universitária (CEU), localizada na rua Esteves Júnior, era estritamente feminina e de propriedade da professora Alice Guilhon Gonzaga Petrelli, que a alugou para moradia estudantil durante cerca de 25 anos.

O outro prédio que serviu como moradia para os estudantes da UFSC na década de 1960 ficava próximo à casa em que funcionava a CEU, na esquina da Praça Esteves Júnior com a rua Almirante Lamego, onde hoje se localiza o Shopping Praia de Fora. A construção original abrigou, no fim da década de 1950 e início da década seguinte, a revendedora de automóveis da marca francesa Simca, de propriedade do empresário José Carlos Daux. Quando desativou a firma, Daux adaptou a construção para acomodar estudantes da UFSC.

O texto completo pode ser lido no blog de Carlos Damião.

Tags: UFSCUFSC 60 anosUFSC na mídiaUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC lança selo comemorativo de aniversário de 60 anos

19/12/2019 10:15

O ano de 2020 marca as comemorações pelos 60 anos da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), que começam a ser comemorados desde já. O selo, criado pela Agência de Comunicação da UFSC (Agecom), foi lançado no evento de aniversário dos 59 anos, em formato de vídeo. Confira abaixo a apresentação da campanha “UFSC – 60 anos de Excelência | 1960 – 2020”.

Saiba mais sobre a marca

Criado pela equipe da Coordenadoria de Design e Programação Visual da Agecom, o selo em alusão aos sessenta anos da UFSC traz, em sua composição, símbolos da instituição, e elementos que identificam a Universidade. A composição traz claras referências à bandeira da UFSC: suas cores (azul e amarelo) e o círculo presente em seu centro.

O principal objetivo, segundo o coordenador Airton Jordani, “é evidenciar a excelência da Universidade durante este período, em uma homenagem que ressalta seu amadurecimento enquanto instituição de ensino superior, sem esquecer de sua história, nem tampouco do futuro promissor que se avizinha”, ressalta. 

Oficializada em 1976, pelo reitor da Universidade à época, Roberto Mündell de Lacerda, por meio da portaria Nº 266/76, a bandeira foi criada em 1971 pelo artista Hassis, e consiste em uma área retangular azul (que simboliza o Universo), que tem ao centro uma circunferência amarela (que representa o Sol, o centro das energias e, em última análise, o campus universitário.

Dentro do elemento circular apresentam-se dois Us graficamente posicionados para cima e para baixo, unidos. O próprio Hassis descreveu este grafismo como “um centro de energia viva, em que suas linhas contínuas cruzam o mesmo ideal, daí a ponte para o relacionamento humano, universidade aberta, consciência, comunidade e

Bandeira da UFSC.

desenvolvimento”.

“A concepção do selo, em resumo, buscou inspiração nas origens da UFSC e de seus símbolos hoje tão presentes no cotidiano da instituição, baseando-se, assim, na metáfora de Aloisio Magalhães que apresenta a história como um estilingue: quanto mais se puxa o elástico para trás, mais longe se alcançará”, salienta Airton Jordani.

Quem foi Hassis?

Hiedy de Assis Corrêa – ou, simplesmente, Hassis – nasceu em Curitiba/PR, em 1926, tendo se radicado em Florianópolis, ainda criança. Teve uma marcante carreira como artista visual, pintando registros de infância, situações do cotidiano, as marinhas, os temas sociais e sempre o folclore ilhéu, os lugares e personagens da terra catarinense. 

Iniciou sua carreira de ilustrador trabalhando com Aníbal Nunes Pires e Salim Miguel. Nas décadas de 1940 e 50, contribuiu com o movimento literário e artístico conhecido por “Grupo Sul”. Hassis foi, durante mais de duas décadas, responsável pela decoração de carnaval dos principais clubes de Florianópolis, sendo a mais tradicional a do Clube 12 de agosto. Além disso, desenvolveu diversos murais que foram instalados em locais como o Aeroporto Hercílio Luz, Museu do Contestado, Agência do Banco do Brasil na cidade do Porto, em Portugal, entre outros. 

A partir de 1944 trabalhou em publicidade, símbolos, logotipos, cartazes, capas de revista e livros. Foi ilustrador, desenhista e pintor autodidata. Hassis foi também cineasta, escultor, fotógrafo e artista gráfico. Trabalhou, durante muitos anos, na Imprensa Universitária da UFSC, onde foi responsável pela criação de cartazes, capas de livros e diversos outros materiais impressos. 

 Conheça seu trabalho no site http://www.fundacaohassis.org.br/.

 

Tags: 60 anos de ExcelênciaAgecomselo comemorativoUFSCUFSC 60 anosUniversidade Federal de Santa Catarina