Planetário da UFSC divulga programação do semestre

11/03/2019 19:04

O Planetário da Universidade Federal de Santa Catarina divulga a programação deste semestre. Nesta sexta-feira, 15 de março, será realizada a primeira palestra de 2019, com o título “O Céu do Semestre”. Na sexta-feira seguinte, dia 22, o tema da palestra será “Vida e obra do Físico greco-brasileiro Constantino Tsallis”. Confira a programação completa das palestras aqui. Informações sobre os cursos de Astronomia para a comunidade estão disponíveis aqui.

Mais informações na página do Planetário, na página do Grupo de Estudos de Astronomia, pelo e-mail  e pelo telefone (48) 37214133.

Tags: grupo de estudos de astronomiapalestraplanetárioProgramaçãoUFSC

Planetário da UFSC recebe selo de qualidade da Sociedade Astronômica Brasileira (SAB)

14/12/2018 10:04

Planetário da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)  recebeu nesta sexta, dia 14 de dezembro, o Selo de Qualidade de Conteúdo da Sociedade Astronômica Brasileira (SAB), por divulgar conteúdos astronômicos de bom nível e valor científico. O Selo de Qualidade SAB consiste em certificar conteúdos de sites, blogs, grupos, canais, etc.

A Sociedade Astronômica Brasileira (SAB) é uma entidade científica sem fins lucrativos, fundada em 1974, cujos objetivos são congregar astrônomos do Brasil; estimular as pesquisas e o ensino de Astronomia no país; promover reuniões científicas, congressos especializados, cursos e conferências, entre outros.

Selo de certificação da Sociedade Astronômica Brasileira. Imagem: SAB

Tags: planetárioselo de qualidadeSociedade Astronômica BrasileiraUFSC

Planetário da UFSC promove palestra sobre estações espaciais nesta sexta, 30 de novembro

26/11/2018 10:19

O Planetário da UFSC promove a palestra de divulgação científica “Estações Espaciais”. O evento, que é gratuito, terá a participação do professor Cléber Chaves e será realizado no dia 30 de novembro, sexta-feira, às 20 horas.

O encontro ocorre no Planetário da UFSC e tem horário previsto de término às 22 horas.

Mais informações no site do Planetário

Tags: estações espaciaisplanetárioPlanetário da UFSCUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Observação do eclipse lunar reúne mais de 100 pessoas no Observatório Astronômico da UFSC

30/07/2018 18:35

Público observando o eclipse nos telescópios e a olho nu. Foto: Henrique Almeida/Agecom

A noite fria e o céu nublado não foram obstáculos para as mais de 100 pessoas que compareceram ao Observatório Astronômico da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), na noite da última sexta-feira, 27 de julho. A razão da multidão foi o eclipse lunar, o maior em duração do século 21. O fenômeno, que durou 3 horas e 55 minutos, ficou visível para a América do Sul, Europa, África, Ásia e Austrália.

Infelizmente, em Florianópolis, só foi possível observar parcialmente o acontecimento, por conta da nebulosidade. Mas o fato não desanimou o público presente, que contava com crianças, jovens, adultos e idosos. Com telescópios espalhados pelo pátio, as pessoas se reuniam em grupos em volta dos objetos, empolgados pela chance de enxergar a lua mais de perto. A noite também presenteou os amantes do universo com a aparição do planeta Marte, que brilhava com sua luz vermelha, devido à oposição ao sol e por estar em seu período mais próximo da Terra. O astro, cultuado na cultura romana como o deus da guerra e agricultura, estava visível próximo à lua, porém com um tamanho muito menor, devido a sua distância de quase 60 milhões de quilômetros da Terra.
(mais…)

Tags: eclipseEclipse lunarObservatório AstronômicoplanetárioUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Astrônomo Adolfo Stoltz Neto lança segundo livro e palestra no Teatro da UFSC

02/06/2016 16:27
Foto: Nilson Só

Foto: Nilson Só

Que os fatores humanos como explosão demográfica, desigualdade social, consumismo, arsenal destrutivo, desmatamentos e queimadas fragilizam a vida no planeta parece algo compreensível. Mas as muitas ameaças existentes e latentes apontadas pela Astronomia é o que deixou o público – que assistiu à palestra de Adolfo Stotz Neto – visivelmente curioso, perplexo, preocupado e, até mesmo, com olhar mais atento sobre o tema.

Carmen Fossari, diretora teatral do Departamento Artístico-Cultural (DAC) da UFSC, escreveu as orelhas do livro e, na abertura do evento, ressaltou a importância das atividades do Planetário (CFH) e da retomada do Teatro da UFSC como espaço de difusão da cultura, que segundo Carmen ficou esquecido nos últimos anos. Na plateia, o reitor da UFSC, Luis Carlos Cancellier, amigos, familiares, profissionais do Planetário e interessados.

Capa Livro, Um cavalo sem nomeNo encontro de quarta-feira, 1º de junho, que tratou do tema “A fragilidade e o valor da vida”, foi demonstrada a relação da existência humana com os planetas, os satélites, os cometas e as galáxias. Este sistema infinito interfere no processo vital, que levou 4 bilhões de anos para amadurecer. “O que eu sou é uma cópia do universo”, afirma Adolfo, já que 90% da nossa composição é formada dos elementos-base da vida (carbono, oxigênio, hidrogênio).

Após a exposição, Adolfo – que escreve para todo tipo de leitor, de maneira a explicar a Ciência de forma poética, descomplicada e bem-humorada – lançou e autografou seu segundo livro, Um cavalo sem nome, que narra histórias fictícias e reais vivenciadas pelo autor. 
(mais…)

Tags: Adolfo Stotz NetoDACplanetárioUFSC

Planetário da UFSC comemora Dia da Astronomia com programação especial

02/12/2015 08:28

O Planetário da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) comemora – na quarta-feira, 2 de dezembro – o Dia da Astronomia, com diversas atividades incluídas na programação, como sessões infantis, para adultos, observações e palestras. Outra atração do evento é o lançamento do Anuário Astronômico Catarinense 2016, de Alexandre Amorim, com exemplares a R$ 25.

O evento inicia-se às 17h, com sessão infantil do Planetário e outra de observação solar, além do início de distribuição de senha para a sessão adulta, às 18h.

Uma sequência de apresentações está programada para as 19h, com os temas “Como surgiu o Dia da Astronomia?”, “Data especial da fundação do GEA: 30 anos”; e “Por que usar um anuário na era da informática?”, quando ocorrerá o lançamento do anuário. Quem já possui o livro é encorajado a levá-lo para sessão de autógrafos ou para considerações durante a terceira palestra.

Por fim, às 20h, está programada visita ao Observatório da UFSC, coordenada pelo Grupo de Astrofísica da Universidade. O grupo está na organização do evento, assim como o Planetário, o Núcleo de Estudo e Observação Astronômica José Brazilício de Souza (NEOA/JBS) e o Grupo de Estudos de Astronomia.

Quem fizer parte de um clube de astronomia e quiser garantir sua participação no evento pode entrar em contato pelo e-mail .

Programação (sujeita a alterações)
(mais…)

Tags: anuário astronômico catarinenseGrupo de Astrofísicagrupo de estudos de astronomiaNeoaplanetárioUFSC

Observação da Lua e apresentação de instrumentos no Planetário da UFSC

05/05/2015 15:08

Principal astro da noite, a Lua pouco apareceu, dando espaço para o brilho de Vênus, Júpiter e Saturno ser observado pelas dezenas de visitantes que compareceram ao Planetário da UFSC no início da noite de segunda-feira, 4 de maio. A observação do satélite da Terra foi organizada pelo projeto “Astronomia e Física vão à escola e à comunidade”, que apresentou equipamentos interativos inspirados em instrumentos astronômicos históricos.

Projeto disponibilizou instrumentos. Foto: Henrique Almeida/Fotógrafo da Agecom/DGC/UFSC

Projeto disponibilizou instrumentos. Foto: Henrique Almeida/Fotógrafo da Agecom/DGC/UFSC

Entre os visitantes mais animados e curiosos estavam os irmãos Felipe e Ana Beatriz, de 9 e 10 anos, filhos do gestor social e estudante de Ciências Sociais da UFSC, Fabiano Martins Antunes. “É muito legal a oportunidade de eles terem contato com os instrumentos astronômicos”, diz o pai. Ana Beatriz adorou poder “ver os planetas brilhando, só não gostei deste ventinho gelado”.

O vento trazia e levava nuvens, atrapalhando a observação da Lua, que pôde ser vista logo depois das 19h, por poucos minutos, através de uma luneta (ampliação de 25 vezes), com mediação de Alexandre Amorim, membro do Núcleo de Estudo e Observação Astronômica José Brazilício de Souza (Neoa-JBS), entidade vinculada ao Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) e parceira do projeto “Astronomia e Física vão à escola e à comunidade”. Com bom humor, ele explicou o funcionamento dos instrumentos e guiou os visitantes na observação, avisando sobre o local e momento da aparição de satélites artificiais.

Crianças foram as mais animadas. Foto: Henrique Almeida/Fotógrafo da Agecom/DGC/UFSC

Crianças também participaram. Foto: Henrique Almeida/Agecom/DGC/UFSC

No Observatório, as filas se formavam para o telescópio – que tem o dobro de alcance, o que torna possível observar melhor os quatro maiores satélites de Júpiter. Como uma árvore encobria a Lua no momento em que esta surgia, ela só pôde ser observada novamente, entre nuvens, às 21h, quando metade dos visitantes já havia deixado o local.

“Parece que a gente se desligou do céu. A maioria da população vive em grandes cidades e não observa mais o Sol e a Lua. Esquecem coisas básicas do dia a dia que realmente acontecem no cotidiano. Em geral, a televisão traz muita informação e pouco conhecimento”, afirma o físico Ricardo Gutierrez, um dos coordenadores da iniciativa que percorre escolas e espaços sociocomunitários para disponibilizar conhecimento astronômico.

Os instrumentos apresentados pelo projeto são bem simples, conforme Ricardo. “As comunidades ancestrais, como egípcios, maias, incas, começaram do mesmo jeito e lançaram as raízes do conhecimento científico, que nasceu  junto com a Astronomia.”

De acordo com Ricardo, o projeto surgiu da necessidade de divulgar conhecimento astronômico. “Florianópolis tem certas particularidades, não possui um museu de ciência e tecnologia e não é uma cidade centralizada. Nós temos versatilidade e podemos levar a informação com instrumentos a ajudar na construção de observatórios solares.”

Visitantes no telescópio do observatório. Foto: Henrique Almeida/Fotógrafo da Agecom/DGC/UFSC

Visitantes no telescópio do observatório. Foto: Henrique Almeida/Agecom/DGC/UFSC

Além da exposição interativa, o projeto “Astronomia e Física vão à escola e à comunidade” realiza curso de mediadores científicos e de formação de professores de Ciências, Geografia e da Educação de Jovens e Adultos (EJA). Também são realizados encontros de construção de observatórios para registro dos movimentos aparentes do Sol.

Às quartas-feiras, o Planetário da UFSC promove sessões gratuitas para crianças acima de 5 anos às 17h, e para adultos, às 18 horas.

Quando as condições meteorológicas permitem, o Observatório apresenta o “De olho no céu de Floripa”, de segunda a sexta-feira, das 9h às 11h, para observação de manchas solares (quando presentes), ejeções da matéria e detalhes da superfície do Sol; e nas quartas, das 18h30 às 22h, para observação do céu noturno.

 

Mais informações sobre o projeto pelo e-mail  e na página do Facebook.

Mais informações sobre o Observatório da UFSC na página observatorio.ufsc.br.

Mais informações sobre o Planetário da UFSC na página planetario.ufsc.br.

 

Caetano Machado/Jornalista da Agecom/DGC/UFSC

Tags: Astronomia e Física vão à escola e à comunidadeIFSCobservatórioplanetárioUFSC

Quarta é dia de sessões abertas do Planetário

01/09/2014 09:15

Nas quartas-feiras, o Planetário da UFSC oferece duas sessões abertas para a comunidade. A primeira é a Sessão Infantil, a partir das 15h e recomendada para crianças a partir de 5 anos. Às 18h começa a sessão para o público em geral. As entradas são gratuitas e cada sessão dura em média cerca de uma hora. Após a sessão das 18h, começa a funcionar o observatório astronômico, também com entrada gratuita, quando há condições meteorológicas favoráveis. Para turmas de colégios, deve haver agendamento prévio pelo telefone (48) 3721.4133. A temperatura média da cúpula é 20°C.

As sessões do Planetário para Escolas devem ser agendas pelo link www.planetario.ufsc.br

Site do observatório: www.astro.ufsc.br

Cursos e Palestras de Astronomia: planetario.ufsc.br/programacao

 

Tags: Observatório AstronômicoplanetárioUFSC

Projeto ‘Astronomia e Física vão à Escola e à Comunidade’ realiza 4º Curso de Mediação Científica

08/08/2014 14:03

Curso de Introdução à Mediação Científica da UFSC. Foto: Henrique Almeida/Agecom/UFSC

Na segunda-feira próxima, 11 de agosto, às 13h, no Planetário da UFSC, inicia o IV Curso de Mediação Científica do Projeto “Astronomia e Física Vão à Escola e à Comunidade”, com a participação dos mediadores científicos que já fazem parte do projeto de extensão, além de alunos do PET-GEO da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc). Os três cursos anteriores foram feitos no primeiro semestre de 2014 na Udesc, no IFSC e na UFSC. Para efetuar a inscrição deve enviar e-mail para  com nome, CPF, RG e telefone.

O objetivo é divulgar entre os estudantes dos cursos de graduação e pós-graduação da UFSC a função edu-comunicativa do mediador científico no projeto e aprofundar sobre alguns aspectos como relação dos estudos sociais da Ciência e da Tecnologia, a acessibilidade em exposições científicas e a mediação científica em sites, blogs e redes sociais.
(mais…)

Tags: Curso de Mediação CientíficaplanetárioProjeto Astronomia e Física vão à escola e à comunidadeUFSC

Estudantes da UFSC podem inscrever-se em curso de mediação científica

28/03/2014 17:30

O Curso de Introdução à Mediação Científica é a primeira ação pública do projeto “Astronomia e a Física vão à Escola e à Comunidade” na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), a ser realizado nos dias 1º, 3 e 4 de abril, das 14h às 17h, no Planetário. O curso é aberto aos estudantes de todos os cursos da UFSC. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas pelo e-mail . O projeto teve início em 2012 e tem como principal meta fomentar o interesse da comunidade escolar e local pela Astronomia e ciências afins.

O mesmo curso está sendo ministrado na Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), nos dias 25, 27 e 28 de março, em parceria com a professora da disciplina de Astronomia (obrigatória no bacharelado e na licenciatura em Geografia) da Faed, Daniela de Souza Onça. São três encontros – de três horas -, e o último será realizado no Planetário. Na segunda semana de abril – dias 8, 10 e 11 – o mesmo curso será realizado no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), com a participação do professor de Física e coordenador geral do Núcleo de Estudos e Observação Astronômica “José Brazilício de Souza” (Neoa), Marcos Aurélio Neves, com o último encontro também no Planetário.Descrição: http://noticias.paginas.ufsc.br/wp-includes/js/tinymce/plugins/wordpress/img/trans.gif
(mais…)

Tags: Astronomia e a Física vão à Escola e à ComunidadeGEANeoaplanetárioUFSC

Projeto ‘Astronomia e Física vão à Escola e à Comunidade’ realiza curso de mediação científica para alunos da UFSC

27/03/2014 15:27

O Curso de Introdução à Mediação Científica é a primeira ação pública do projeto “Astronomia e a Física vão à Escola e à Comunidade” na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), a ser realizado nos dias 1º, 3 e 4 de abril, das 14h às 17h, no Planetário. O curso é aberto aos estudantes de todos os cursos da UFSC. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas pelo e-mail . O projeto teve início em 2012 e tem como principal meta fomentar o interesse da comunidade escolar e local pela Astronomia e ciências afins.

O mesmo curso está sendo ministrado na Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), nos dias 25, 27 e 28 de março, em parceria com a professora da disciplina de Astronomia (obrigatória no bacharelado e na licenciatura em Geografia) da Faed, Daniela de Souza Onça. São três encontros – de três horas -, e o último será realizado no Planetário. Na segunda semana de abril – dias 8, 10 e 11 – o mesmo curso será realizado no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), com a participação do professor de Física e coordenador geral do Núcleo de Estudos e Observação Astronômica “José Brazilício de Souza” (Neoa), Marcos Aurélio Neves, com o último encontro também no Planetário.
(mais…)

Tags: Astronomia e a Física vão à Escola e à ComunidadeGEANeoaplanetárioUFSC

CNPq apoia UFSC em projeto que insere Astronomia e Física nas escolas e comunidade

18/02/2014 14:30

Esfera Armilar é um dos instrumentos que fará parte das exposições itinerantes previstas no projeto. Foto: Henrique Almeida/Agecom/UFSC

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) está entre 40 instituições brasileiras contempladas pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) na Chamada 85/2013 – “Apoio à criação e ao desenvolvimento de Centros e Museus de Ciência e Tecnologia”. O projeto selecionado, “A Astronomia e a Física vão à Escola e à Comunidade”, teve início em 2012 e tem como principal meta “fomentar o interesse da comunidade escolar e local pela Astronomia e ciências afins”.

A proposta será executada em articulação direta com o Planetário e o Observatório da UFSC – espaços tradicionais de disseminação do conhecimento dessas áreas no estado de Santa Catarina – e conta com a parceria do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), de grupos de astronomia amadores – Grupo de Estudos de Astronomia (GEA) e Núcleo de Estudos e Observação Astronômica José Brazilício de Souza (NEOA) – e da Oficina do Aprendiz.

(mais…)

Tags: astronomiaCFHCNPqEverton da SilvafísicaGEAplanetárioUFSC

Planetário da UFSC recebe apoio do CNPq para projeto junto a escolas

29/01/2014 16:48

O projeto “A Astronomia e a Física vão à Escola e à Comunidade”, coordenado pelo professor da UFSC Everton da Silva, do Departamento de Geociências do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH), foi contemplado pela chamada MCTI/CNPq/SECIS n. 85/2013, recentemente divulgada, junto com outros 39 projetos de outras instituições brasileiras.
(mais…)

Tags: CNPqEverton da SilvaplanetárioUFSC

Inscrições encerradas para o Curso de Introdução à Astronomia

24/06/2013 09:52

Devido à grande procura, o Grupo de Estudos de Astronomia (GEA), que desenvolve suas atividades junto ao Planetário da UFSC, encerrou as inscrições para o 58º edição do Curso de Introdução à Astronomia “Leitura de Céu”, a ser realizado entre os dias 8 e 12 de julho, no Anfiteatro do Planetário. A próxima turma será em setembro.

O conteúdo do curso envolve história da astronomia, conceitos básicos, instrumentos astronômicos, constelações, sistema solar, aula laboratorial no equipamento de projeção do céu e prática com telescópio.

Conteúdo programático e horários: http://www.gea.org.br/curso.html.

Mais informações: (48) 3721-4133 e 9932-3650.

Leonardo Lorenzoni/
Estagiário de Jornalismo da Agecom/UFSC

Tags: cursoIntrodução à AstronomiaplanetárioUFSC

Planetário da UFSC promove sessões gratuitas para crianças e adultos

28/09/2012 14:41

O Planetário da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) está promovendo sessões gratuitas para crianças e adultos, com duração de aproximadamente uma hora, sempre às quartas-feiras, na cúpula do local.

As sessões infantis começam pontualmente às 15h, e são recomendadas para crianças acima de 5 anos. Já os adultos podem participar das atividades às 18 horas. Não é permitida a entrada após o horário.

O Planetário tem como principal objetivo a divulgação dos conhecimentos da ciência astronômica, inserindo-se particularmente nas atividades de ensino e extensão.

Principais atividades:

– Atendimento a escolas, com a realização de sessões para estudantes e professores, as quais devem ser marcadas com antecedência;

– Realização de sessões regulares para o público em geral, às quartas-feiras, nos períodos vespertino e noturno;

– Promoção de cursos e palestras;

– Atendimento a estudantes e professores da UFSC que estejam envolvidos com disciplinas afins à Astronomia;

– Atendimento à imprensa no que diz respeito a informações sobre fenômenos astronômicos;

– Orientação a estudantes e professores quanto à construção de modelos que facilitem o entendimento de fenômenos astronômicos;

– Acompanhamento e divulgação dos principais fenômenos astronômicos.

Outras informações e a programação completa do Planetário, Observatório, Parque de Física e Grupo de Estudos de Astronomia (GEA) pelo telefone (48) 3721-4133 ou pelo endereço www.planetario.ufsc.br.

Margareth Rossi/Jornalista da Agecom/UFSC

Tags: adultoscriançasplanetáriosessões gratuitasUFSC

Curso de Introdução à Astronomia inicia na próxima segunda-feira

12/09/2012 16:53

Eclipse total do sol

O Grupo de Estudos de Astronomia (GEA) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) está com inscrições abertas para o 56º Curso de Introdução à Astronomia: Estrelas, Galáxias e Cosmologia . O curso será realizado entre os dias 17 e 28 de setembro e não há pré-requisitos. As aulas acontecem de segunda a sexta, das 19h30min às 21h30min, no anfiteatro do Planetário da UFSC (campus Trindade). A carga horária é de 30 horas/aula, sendo 20 horas de aulas teóricas e 10 de práticas de observação com telescópio.

As inscrições podem ser feitas na Secretaria do Planetário, em horário comercial, e custam R$ 50 para estudantes e R$ 70 para a comunidade (pagamento por depósito bancário). Restam apenas dez vagas. A grade de horários das aulas e o conteúdo programático do curso podem ser consultados pelo site http://www.gea.org.br/curso.html.

O GEA é uma entidade sem fins lucrativos que mantém um acordo de cooperação técnica com o Departamento de Geociências da UFSC. Atua na área de extensão e educação, desenvolvendo suas atividades junto ao Planetário.

Mais informações: (48) 3721-4133, 9932-3650 ou .

Isadora Ruschel / Estagiária de Jornalismo na Agecom

Tags: cursoGEAIntrodução à AstronomiaplanetárioUFSC

Planetário da UFSC reinicia atividades no dia 1º de fevereiro

31/01/2012 18:20

O Planetário da UFSC inicia amanhã, 1º de fevereiro, sua primeira atividade de 2012: a Sessão de Planetário Aberta à Comunidade, que começa pontualmente às 18 horas. Com duração de aproximadamente uma hora, a sessão acontece na cúpula do Planetário, é gratuita, aberta a adultos e crianças, mas não permite a entrada após o horário estabelecido.

Também a partir de 1º de fevereiro estudantes, pesquisadores e comunidade podem participar das observações astronômicas ao telescópio. A sessão acontece após a atividade do Planetário e tem entrada gratuita. As atividades no observatório só acontecerão se as condições meteorológicas permitirem. Mais informações pelo site e pelo fone (48) 3721-9241.

No dia 15 de fevereiro começam os agendamentos para visitas de escolas ao Planetário e também ao Parque Viva Ciência. As visitas serão marcadas para os meses de março, abril e maio, com início a partir de 8 de março. Mais informações pelo site: http://www.vivaciencia.ufsc.br/agenda.html.

Por Laura Tuyama, jornalista na Agecom.

Tags: parque viva ciênciaplanetárioUFSC

Planetário da UFSC completa quatro décadas nesta segunda-feira

11/12/2011 17:12

Atualmente o planetário localizado no campus da UFSC no bairro Trindade está integrado ao Observatório Astronômico e a brinquedos interativos que representam um “embrião” do Parque Viva Ciência que a Universidade busca implantar no aterro da Baía Sul

Único em Santa Catarina, o Planetário da UFSC completa 40 anos no dia 12 de dezembro. Neste dia haverá sessões abertas ao público às 9h e 10h, às 14h30min e 16h. “Os planetários são simuladores do céu”, explica Edna Maria Esteves da Silva, que coordena o setor na UFSC. “Contemplar o céu estrelado numa noite sem Lua, longe da iluminação da cidade, desperta profunda emoção e encantamento nas pessoas. Os equipamentos de planetário fascinam pessoas de todas as idades, despertando muita emoção”, complementa a geógrafa.

Com 38 lugares, há anos o setor funciona em capacidade máxima, atendendo 15 mil pessoas por ano. Os visitantes são principalmente estudantes da educação básica. Em uma hora a turma recebe  informações sobre o céu da época, sobre constelações e acontecimentos astronômicos que possam ser destacados, como constelações visíveis naquele mês, eclipses ou a passagem de cometas.

Em seguida, os visitantes acompanham a exibição de filmes na cúpula do planetário, com material escolhido de acordo com a faixa etária. Toda quarta-feira o espaço é aberto ao público, a partir de 18h. Neste dia os visitantes podem também conhecer o Observatório Astronômico da Universidade, aberto para que a comunidade possa usar seus telescópios e fazer observações reais de estrelas e planetas. Todas as sextas-feiras o planetário é aberto para palestras do Grupo de Estudos de Astronomia.

Imagens e interatividade
Segundo a coordenadora do planetário, ainda que seja pequeno para atender a demanda (há sempre uma lista de espera), o setor tem como diferencial o fato de não trabalhar somente com a exibição de filmes. “A harmoniosa combinação do tema de uma sessão no planetário, com recursos de imagem, som e a interação de um apresentador podem levar o expectador a experiências ímpares de emoção”, defende Edna.

“Sempre recebemos as turmas com uma conversa, explicando fenômenos como as estações do ano, mostrando o sistema solar, respondendo perguntas, e assim percebemos que tipo de filme é mais adequado para a faixa etária que nos visita”, conta Edna.

Atuando desde 1971, o planetário da UFSC durante muitos anos funcionou com um projetor mecânico. Desde 2008 as apresentações ganharam qualidade com a instalação de um projetor digital, o Digistar, segundo do gênero na América do Sul. O equipamento foi adquirido com recursos da Finep, obtidos em projeto conjunto com a Pró-Reitoria de Pesquisa e Extensão. Como contrapartida, a UFSC reformou as instalações do planetário para receber o novo projetor, um poderoso banco de dados sobre Astronomia. Com ele, as sessões que eram realizadas de forma verbal, utilizando como recursos didáticos a projeção do céu, um projetor de slides e um projetor de vídeo, passaram também a ser “shows” de imagens, locução e música.

“O novo equipamento pode projetar qualquer tema. Possui um potencial multidisciplinar, combinando com a vocação do Parque Viva Ciência que a UFSC busca implantar no aterro da Baía Sul, em Florianópolis”, lembra Edna. A expectativa da equipe é que com a construção do novo espaço mais pessoas possam ser atendidas.

Mais informações sobre o planetário: / 3721-9241

Por Arley Reis / Jornalista da Agecom

Tags: planetário

Planetário da UFSC completa quatro décadas encantando visitantes

09/12/2011 12:59

Atualmente o planetário localizado no campus da UFSC no bairro Trindade está integrado ao Observatório Astronômico e brinquedos interativos que representam um "embrião" do Parque Viva Ciência que a Universidade busca implantar no aterro da Baía Sul

Único em Santa Catarina, o Planetário da UFSC completa 40 anos no dia 12 de dezembro. Neste dia haverá sessões abertas ao público às 9h e 10h, às 14h30min e 16h. “Os planetários são simuladores do céu”, explica Edna Maria Esteves da Silva, que coordena o setor na UFSC. “Contemplar o céu estrelado numa noite sem Lua, longe da iluminação da cidade, desperta profunda emoção e encantamento nas pessoas. Os equipamentos de planetário fascinam pessoas de todas as idades, despertando muita emoção”, complementa a geógrafa.

Com 38 lugares, há anos o setor funciona em capacidade máxima, atendendo 15 mil pessoas por ano. Os visitantes são principalmente estudantes da educação básica. Em uma hora a turma recebe  informações sobre o céu da época, sobre constelações e acontecimentos astronômicos que possam ser destacados, como constelações visíveis naquele mês, eclipses ou a passagem de cometas.

Em seguida, os visitantes acompanham a exibição de filmes na cúpula do planetário, com material escolhido de acordo com a faixa etária. Toda quarta-feira o espaço é aberto ao público, a partir de 18h. Neste dia os visitantes podem também conhecer o Observatório Astronômico da Universidade, aberto para que a comunidade possa usar seus telescópios e fazer observações reais de estrelas e planetas. Todas as sextas-feiras o planetário é aberto para palestras do Grupo de Estudos de Astronomia.

Imagens e interatividade
Segundo a coordenadora do planetário, ainda que seja pequeno para atender a demanda (há sempre uma lista de espera), o setor tem como diferencial o fato de não trabalhar somente com a exibição de filmes. “A harmoniosa combinação do tema de uma sessão no planetário, com recursos de imagem, som e a interação de um apresentador podem levar o expectador a experiências ímpares de emoção”, defende Edna.

“Sempre recebemos as turmas com uma conversa, explicando fenômenos como as estações do ano, mostrando o sistema solar, respondendo perguntas, e assim percebemos que tipo de filme é mais adequado para a faixa etária que nos visita”, conta Edna.

Atuando desde 1971, o planetário da UFSC durante muitos anos funcionou com um projetor mecânico. Desde 2008 as apresentações ganharam qualidade com a instalação de um projetor digital, o Digistar, segundo do gênero na América do Sul. O equipamento foi adquirido com recursos da Finep, e como contrapartida a UFSC reformou as instalações do planetário para receber o novo projetor, um poderoso banco de dados sobre Astronomia. Com ele, as sessões que eram realizadas de forma verbal, utilizando como recursos didáticos a projeção do céu, um projetor de slides e um projetor de vídeo, passaram também a ser “shows” de imagens, locução e música.

“O novo equipamento pode projetar qualquer tema. Possui um potencial multidisciplinar, combinando com a vocação do Parque Viva Ciência que a UFSC busca implantar no aterro da Baía Sul, em Florianópolis”, lembra Edna. A expectativa da equipe é que com a construção do novo espaço mais pessoas possam ser atendidas.

Mais informações sobre o planetário: / 3721-9241

Por Arley Reis / Jornalista da Agecom

Tags: planetário

Planetário da UFSC completa quatro décadas encantando visitantes

06/12/2011 10:31

Localizado no campus da UFSC no bairro Trindade, atualmente o planetário está integrado ao Observatório Astronômico e a brinquedos interativos que representam um "embrião" do Parque Viva Ciência que a Universidade busca implantar no aterro da Baía Sul. Fotos: Lucas Sampaio

 

Único em Santa Catarina, o Planetário da UFSC completa 40 anos no dia 12 de dezembro. Neste dia haverá sessões abertas ao público às 9h e 10h, às 14h30min e 16h. “Os planetários são simuladores do céu”, explica Edna Maria Esteves da Silva, que coordena o setor na UFSC. “Contemplar o céu estrelado numa noite sem Lua, longe da iluminação da cidade, desperta profunda emoção e encantamento nas pessoas. Os equipamentos de planetário fascinam pessoas de todas as idades, despertando muita emoção”, complementa a geógrafa.

Com 38 lugares, há anos o setor funciona em capacidade máxima, atendendo 15 mil pessoas por ano. Os visitantes são principalmente estudantes da educação básica. Em uma hora a turma recebe  informações sobre o céu da época, sobre constelações e acontecimentos astronômicos que possam ser destacados, como constelações visíveis naquele mês, eclipses ou a passagem de cometas.

Em seguida, os visitantes acompanham a exibição de filmes na cúpula do planetário, com material escolhido de acordo com a faixa etária. Toda quarta-feira o espaço é aberto ao público, a partir de 18h. Neste dia os visitantes podem também conhecer o Observatório Astronômico da Universidade, aberto para que a comunidade possa usar seus telescópios e fazer observações reais de estrelas e planetas. Todas as sextas-feiras o planetário é aberto para palestras do Grupo de Estudos de Astronomia.

Imagens e interatividade
Segundo a coordenadora do planetário, ainda que seja pequeno para atender a demanda (há sempre uma lista de espera), o setor tem como diferencial o fato de não trabalhar somente com a exibição de filmes. “A harmoniosa combinação do tema de uma sessão no planetário, com recursos de imagem, som e a interação de um apresentador podem levar o expectador a experiências ímpares de emoção”, defende Edna.

“Sempre recebemos as turmas com uma conversa, explicando fenômenos como as estações do ano, mostrando o sistema solar, respondendo perguntas, e assim percebemos que tipo de filme é mais adequado para a faixa etária que nos visita”, conta Edna.

Atuando desde 1971, o planetário da UFSC durante muitos anos funcionou com um projetor mecânico. Desde 2008 as apresentações ganharam qualidade com a instalação de um projetor digital, o Digistar, segundo do gênero na América do Sul. O equipamento foi adquirido com recursos da Finep, e como contrapartida a UFSC reformou as instalações do planetário para receber o novo projetor, um poderoso banco de dados sobre Astronomia. Com ele, as sessões que eram realizadas de forma verbal, utilizando como recursos didáticos a projeção do céu, um projetor de slides e um projetor de vídeo, passaram também a ser “shows” de imagens, locução e música.

“O novo equipamento pode projetar qualquer tema. Possui um potencial multidisciplinar, combinando com a vocação do Parque Viva Ciência que a UFSC busca implantar no aterro da Baía Sul, em Florianópolis”, lembra Edna. A expectativa da equipe é que com a construção do novo espaço mais pessoas possam ser atendidas.

Mais informações sobre o planetário: / 3721-9241

Por Arley Reis / Jornalista da Agecom

Tags: planetário