Gestão Ambiental realiza minicurso sobre gerenciamento de resíduos laboratoriais da UFSC

11/10/2019 09:48

A Coordenadoria de Gestão Ambiental irá realizar o minicurso “Gerenciamento de resíduos laboratoriais da UFSC – Campus Trindade”. As inscrições vão do dia 15 a 22 de outubro. As atividades serão realizadas no Auditório do Centro Socioeconômico (CSE) no dia 31 de outubro, das 9 às 12h e das 13h30 às 16h30. A participação dá direito a certificado de seis horas.

O minicurso irá oferecer aos participantes, servidores e alunos da UFSC que trabalham em laboratórios do Campus Trindade, uma fundamentação teórica sobre o correto gerenciamento de resíduos laboratoriais. Isso engloba um conjunto de procedimentos necessários para lidar de modo seguro com os resíduos desde a sua geração até a sua destinação final, de modo a contribuir para a adoção de boas práticas que favoreçam a segurança pessoal, coletiva e ambiental.

Mais informações pelo telefone (48) 3721-4229 e no site da Gestão de Resíduos.

 

Tags: Coordenadoria de Gestão AmbientalGestão de resíduosUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

‘O que fazer quando encontrar um animal na UFSC?’: Gestão Ambiental divulga cartilha

27/09/2019 10:50

Quem passa pelos campi da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) provavelmente já se deparou com animais, o que ocorre com naturalidade por conta da localização geográfica dos locais, inseridos em fragmentos florestais e áreas de preservação que funcionam como habitat ou como corredor ecológico para muitos animais. Em alguns campi, como o de Florianópolis por exemplo, há uma intensa urbanização e com isso acontecem algumas situações indesejadas que impactam na fauna, sem contar com o abandono de animais no campus, que é legalmente proibida, mas que infelizmente acontece.
(mais…)

Tags: Coordenadoria de Gestão AmbientalUFSC

Controle de desperdícios reduz conta de água na UFSC pelo quinto mês seguido

25/09/2019 09:48

Um esforço para combater vazamentos e identificar desperdício de água, iniciado em 2018, provocou economia nas contas da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). O resultado do período entre 19 de julho e 20 de agosto deste ano surpreendeu de maneira positiva: a UFSC consumiu 16.527 m³ de água ao custo de R$ 275.336. Esses valores mostram uma redução de 13,24 % (2.523 m³) em comparação com o mês anterior, julho de 2019. Agosto foi o mês com menor consumo de água mensal registrado desde fevereiro de 2014 e foi o quinto mês seguido com reduções de consumo em 2019.

Esta redução em relação ao mês de julho já era esperada, pois durante o período não letivo o movimento no campus diminui. No entanto, comparado com o mês de agosto de 2018, a UFSC apresentou uma redução de 31,34% (-7.543 m³), o equivalente a R$ 80.571 poupados. A economia registrada de abril a agosto representa R$ 214.704, ou 23.565 m³ de água, em relação com os mesmos meses de 2018. Com o valor economizado pode-se pagar um mês inteiro de consumo de água na UFSC. 

A redução ocorreu, sobretudo, depois da normalização do consumo do Centro de Desportos (CDS/UFSC). Após ações de controle de vazamentos iniciadas em maio, o centro registrou o uso de 422 m³. Até março de 2019, a média registrada era de 4.600 m³, ou seja, 89% superior que o normal. Outros locais que tiveram grande redução no consumo em função de ações de controle de vazamentos foram: Colégio de Aplicação, Centro de Filosofias e Humanas (CFH/UFSC) e Centro de Educação (CED/UFSC).
(mais…)

Tags: Centro de Desportos (CDS)consumo de águaCoordenadoria de Gestão AmbientalDepartamento de Manutenção Predial e Instalaçõeseconomia de águaUFSC

UFSC promove ações na semana estadual de combate ao Aedes aegypti

26/11/2018 07:30

Nos dias 28 e 30 de novembro, a UFSC em parceria com o Centro de Zoonoses da Prefeitura Municipal de Florianópolis, promoverá ações de conscientização para o combate ao Aedes aegypti. Estas ações são vinculadas a semana estadual e ao ‘dia D’ de combate ao Aedes.

Será instalada na praça da cidadania (em frente a Reitoria I) tenda com microscópio para observação dos estágios de desenvolvimento do mosquito, Agentes de Combate a Endemias da CCZ/ PMF também estarão no local panfletando e tirando dúvidas sobre a biologia e combate ao Aedes aegypti.

A Coordenadoria de Gestão Ambiental da UFSC colocará placas no campus chamando a atenção quanto ao combate ao mosquito. Já foram instalados três banners no campus informando os canais de denuncia quando observados possíveis focos dentro da UFSC. Ainda, nos próximos dias será lançada cartilha voltada para os alunos com informações de como combate o Aedes aegypti no campus.
(mais…)

Tags: CGACoordenadoria de Gestão AmbientalUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Semana Campus Lixo Zero UFSC promove sustentabilidade e mudança de atitudes

29/10/2018 14:00

A Coordenadoria de Gestão Ambiental e o Projeto UFSC Sem Plástico promovem a 4ª edição da Semana Campus Lixo Zero UFSC de 29 de outubro a 1º de novembro. O evento, gratuito e aberto ao público, tem por objetivo a promoção da sustentabilidade, buscando a mudança de atitudes por meio de reflexão e vivências de temas atuais relacionados a resíduos.
(mais…)

Tags: Coordenadoria de Gestão AmbientalSemana Campus Lixo ZerosustentabilidadeUFSCUFSC Sem Plástico

Semana da Árvore na UFSC + World Cleanup Day 2018: oficinas, ações e conscientização

18/09/2018 16:58

Na sexta-feira, 21 de setembro, é comemorado o Dia da Árvore. Para a semana do dia 17 até o dia  22 de setembro, a Coordenadoria de Gestão Ambiental da UFSC em parceria coma Sala verde, o Núcleo de Permacultura da UFSC e a iniciativa estudantil UFSC Sem Plástico organizaram diversas ações para a Semana da Árvore, como oficinas, um mutirão de recuperação do Bosque do CFH e uma ação de limpeza pela universidade, inserindo no movimento World Cleanup Day 2018. Todas atividades gratuitas e as oficinas têm certificação de horas de participação.
(mais…)

Tags: Coordenadoria de Gestão AmbientalSemana da ÁrvoreUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Semana do Meio Ambiente UFSC inicia-se com mesa-redonda sobre sustentabilidade em universidades

30/05/2018 15:11

Foto: Ítalo Padilha/Agecom/UFSC

“Nada é mais potente que uma ideia cujo tempo chegou.” A sentença de Leonardo Secchi sobre a permeabilidade das ideias sustentáveis animou o auditório da reitoria na mesa-redonda sobre sustentabilidade em campi universitários, primeira atividade da Semana do Meio Ambiente da UFSC.

A partir das 9h desta terça, 29 de maio, representantes dos setores responsáveis pela gestão ambiental da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Universidade Federal de Lavras (UFLA) e Universidade de São Paulo (USP) apresentaram suas políticas e desafios inerentes à implantação e gerenciamento de medidas dessa natureza ao grande público presente  no auditório da reitoria, no Campus Trindade, em Florianópolis.

Cada membro da mesa apresentou a experiência recente de sua instituição, mediados por representante da UFSC. As conquistas da política de lixo zero da UDESC, cujo impacto tem mudado a universidade e, inclusive, municípios em que a instituição tem campus; a abrangente política de sustentabilidade da UFLA, onde o tratamento de água e esgoto são realizados pela própria universidade; e os desafios que uma das maiores e mais tradicionais instituições de ensino superior do Brasil, a USP, têm enfrentado na institucionalização da política ambiental foram debatidos durante toda a manhã.
(mais…)

Tags: Coordenadoria de Gestão Ambientalgestão ambientalmesa-redondaSemana do Meio Ambiente UFSCSemana do Meio Ambiente UFSC 2018UDESCUFLAUFSCUniversidade Federal de Santa CatarinaUSP

UFSC vai substituir árvores não-nativas do Bosque do CFH, Fazenda da Ressacada e Barra da Lagoa

30/01/2018 10:08

Bosque do CFH, em Florianópolis, é um dos lugares da Universidade onde haverá remoção de árvores exóticas e plantio de árvores nativas. (Foto: Jair Quint/Agecom/UFSC)

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) irá substituir a partir de fevereiro árvores exóticas não-nativas (eucaliptos, casuarinas e pinheiros) de três locais do campus de Florianópolis: no Bosque do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH), na Fazenda Experimental da Ressacada e na Estação de Maricultura Elpídio Beltrame, na Barra da Lagoa. Entre os motivos estão questões ambientais, de segurança e o cumprimento da Lei Municipal n° 9.097/2012, que determina a remoção e a substituição de árvores exóticas por espécies nativas até 2022. Nas áreas de retirada das árvores será realizado reflorestamento gradual com vegetação nativa.

A administradora Gabriela Zampieri, da Coordenadoria de Gestão Ambiental, explica o processo, que pode gerar um estranhamento inicial, mas garante que a medida é necessária e ambientalmente correta. “Embora, por um tempo, a retirada das árvores gere um aspecto visual que não estamos acostumados, em poucos anos a área estará recuperada. Infelizmente a retirada das árvores faz parte do processo de requalificação. No futuro ficará melhor do que está”, explica Gabriela. Para realizar o trabalho, a UFSC promoverá um leilão, com um lote para cada local, a ser realizado em fevereiro.

Zampieri afirma que “o plano de recuperação da área está sendo pensado com a ajuda de agrônomos, biólogos e arquitetos da Universidade, e sua execução deve começar logo”. A recuperação da área também inclui o auxílio do grupo de permacultura, que já atua por meio do Projeto “Recuperação e Educação Ambiental no Bosque do CFH” utilizando sistemas agroflorestais. “Hoje o solo perto dos eucaliptos encontra-se compactado e com baixa disponibilidade de nutrientes. Com a retirada dessas árvores a área será recuperada mais rapidamente” afirma Allisson Castro, biólogo da Coordenadoria de Gestão Ambiental e um dos membros do projeto.

Bosque do CFH

Entre os motivos para a remoção estão questões ambientais, de segurança e o cumprimento da lei municipal 9.097/2012, que determina a remoção e substituição de árvores exóticas por espécies nativas até 2022. (Foto: Jair Quint/Agecom/UFSC)

No Bosque do CFH serão retirados 78 exemplares de eucaliptos, além de 11 casuarinas, situados em área de preservação permanente e de mata ciliar. São árvores que impedem o desenvolvimento das mais de 60 mudas nativas plantadas nos últimos três anos. O biólogo da Coordenadoria de Gestão Ambiental, Allisson Castro, comenta que “na situação do bosque hoje, se queremos plantar árvores nativas, os eucaliptos sugam água do solo e prejudicam o restabelecimento destas espécies vegetais. Tentaram plantar mudas embaixo, mas não cresceu nada”.

O local também é um espaço de compensação ambiental da UFSC: em virtude da construção dos novos blocos do CFH, a Fundação Municipal do Meio Ambiente (Floram) exigiu como compensação ambiental a recuperação da área, incluindo a remoção das plantas exóticas com substituição pelas nativas.

De acordo com o coordenador de Gestão Ambiental, Rogério Portanova, “esta é uma ação conjunta da Coordenadoria de Gestão Ambiental e do Centro de Filosofia e Ciências Humanas, além de outros colaboradores de diversos setores da UFSC. A ideia é reflorestar com nativas e, em longo prazo, transformar o local numa espécie de parque para utilização da comunidade. A UFSC já tem uma comissão, coordenada pelo CFH , que estuda a ocupação deste espaço”.

Vice-diretor do CFH, Rogério Luiz de Souza diz que um estudo preliminar, realizado com a equipe do professor Sergio Moraes (Departamento de Arquitetura) a convite da professora Miriam Hartung, diretora do CFH, já existe. Agora é preciso “coletar opiniões e informações para dar sequência a um projeto conceitual. A ideia é preparar uma apresentação para ser exibida na semana de início do primeiro semestre de 2018, no CFH. O professor Sérgio, com a professora Miriam estão vendo a possibilidade de uma nova etapa do projeto em 2018, para a elaboração de um projeto físico-estrutural e de paisagem para dinamizar o espaço juntamente com a Comissão do Bosque do CFH”.

Professor do departamento de Botânica, João de Deus Medeiros elaborou um laudo técnico sobre as condições das árvores do Bosque do CFH. No documento, ele aponta sete exemplares com algum grau de comprometimento, mas a preocupação se dá com todas as árvores. “Ressaltei que essa espécie de eucaliptos tem uma degradação dos ramos laterais, ou seja, a queda de ramos. Nesta área, de uso público com circulação de crianças, é preocupante. Não é a condição adequada termos esta espécie pela maneira como a área é utilizada, com pessoas deitando e descansando no local”.

Medeiros lembra que houve um caso similar nos anos 1980: ao lado do Centro Socioeconômico, à direita da entrada da UFSC pela Trindade, havia um bosque de uma espécie diferente de eucalipto, que precisava ser retirado. Na época, houve resistência da comunidade universitária, mas com o diálogo, os ânimos foram acalmados. “Era muito mais denso, tinha até conotação de floresta. O solo lá é instável, lodoso, e aquela espécie de eucalipto tem problemas de estabilidade, sem uma ancoragem suficiente. Nós fizemos uma intervenção na época porque as pessoas viram o corte e tentaram brecar, mas explicamos que era a pior espécie para aquela condição e haveria árvores mais adaptadas”. Hoje ele vê a situação “mais tranquila”. “Vários setores já estão se envolvendo com a renovação do bosque para recuperação com nativas. A reação mais enfática, hoje, se dá pela derrubada para ocupação pelo setor imobiliário”.

O professor José Afonso Voltolini, do Centro de Ciências Agrárias (CCA) que também atua no Grupo Escoteiro que reúne cerca de 120 famílias no Bosque do CFH aos fins de semana acrescenta que o ganho que a área terá com a retirada das árvores exóticas será muito mais significativo que a perda inicial. “O Bosque ganha a possibilidade de investir numa arborização com espécies que irão atrair a fauna nativa, que darão frutos como o araçá, o ingá. Frutos que atraem pássaros. Por mais que ao longo dos anos tivessem iniciativas de plantio dessas espécies nativas, a concorrência delas com essas árvores exóticas é desleal. A única possibilidade é com a retirada, para que as plantas nativas possam crescer com exuberância”, reforça.
(mais…)

Tags: Barra da LagoaBosque do CFHCoordenadoria de Gestão AmbientalEstação de MariculturaFazenda Experimental da RessacadaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

‘UFSC contra o Aedes’ leva conscientização a diversos setores

28/11/2017 18:29

Com o objetivo de desenvolver ações de conscientização à comunidade universitária no combate à dengue, zika vírus e chikungunya, todas transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti, a campanha “UFSC contra o Aedes” iniciou com uma intervenção que mobilizou o campus Florianópolis, no bairro Trindade. A manhã de 23 de novembro foi atípica: com cerca de 1,8 metro de altura, um mosquito foi visto percorrendo três centros de ensino, a Reitoria e até o Restaurante Universitário (RU).

A campanha que animou o campus, no entanto, possuía muito mais do que alguém fantasiado do famigerado mosquito. A iniciativa da Coordenadoria de Gestão Ambiental (CGA) da UFSC visa ao combate às doenças associadas ao Aedes aegypti como transmissor. As ações desse dia marcam tanto o início da campanha quanto a retomada dos trabalhos da Comissão de Combate à Dengue. A data escolhida é estratégica por se tratar do princípio da época de maior risco de contágio, entre novembro e maio.
(mais…)

Tags: AgecomCGAChikungunyaCoordenadoria de Gestão AmbientaldenguePrefeitura da UFSCPrefeitura Municipal de FlorianópolisPrefeitura Universitáriarestaurante universitárioUFSCUFSC contra o aedeszika vírus

‘Eu me importo! e você?’: Coleta Seletiva Solidária é inédita na UFSC

07/06/2017 11:15

Foto: Ítalo Padilha/Agecom/UFSC

Muitas pessoas se importam e vestiram a camisa, literalmente, para a inauguração da Coleta Seletiva Solidária (CSS) da UFSC, nesta terça-feira, 6 de junho, no auditório “Teixeirão” do Centro Tecnológico (CTC).

E você? Convencer a comunidade universitária e externa será, a partir deste marco, um desafio diário para todos que se preocupam com as questões ambientais. Com essa ação inédita na UFSC, a instituição assume um compromisso ambiental, educacional e ético, com forte viés social, uma vez que integra ao processo as cooperativas e associações de catadores.

A iniciativa prevê que todo resíduo segregado pela comunidade universitária seja depositado nos coletores seletivos, para serem selecionados e supervisionados. Na sequência, associações e cooperativas de catadores farão a destinação correta do material. Em média, a UFSC produz 60 toneladas de recicláveis por mês, que eram despejados nos aterros sanitários.

A princípio serão distribuídos 20 coletores, com divisão para Recicláveis e Rejeitos, no campus de Florianópolis, no bairro Trindade, e no Centro de Ciências Agrárias (CCA), no Itacorubi. Nesta primeira fase de implantação da CSS, será feita a reciclagem de papel, plástico, vidro e metal. Atualmente a equipe de Gestão de Resíduos trabalha para a implementação da coleta de orgânicos.
(mais…)

Tags: Coleta Seletiva SolidáriaCoordenadoria de Gestão AmbientalSara MeirelesUFSC

Semana do Meio Ambiente da UFSC inicia nesta segunda com programação até 5 de junho

29/05/2017 10:41

A  Semana do Meio Ambiente da UFSC, promovida pela Coordenadoria de Gestão Ambiental em conjunto com a Sala Verde e Gestão de Resíduos, ocorrerá de 29 de maio a 5 de junho. O evento é gratuito e a programação inclui mesas-redondas, oficinas, visitas técnicas e exibição de filmes. O objetivo é promover temas de sustentabilidade no âmbito interno e externo da universidade, buscando a reflexão e o desenvolvimento de um pensamento mais consciente e responsável com relação ao meio ambiente.

As inscrições podem ser feitas na página do evento. Para todas as atividades serão emitidos certificados de horas complementares para os participantes. A programação completa está disponível aqui.

Mais informações no Facebook do evento ou pelo telefone (48) 3721-4202.

Tags: Coordenadoria de Gestão Ambientalgestão ambientalGestão de resíduosmeio ambienteSala VerdeSemana do Meio Ambiente 2017UFSC

Semana do Meio Ambiente UFSC com diversas atividades de 6 a 10 de junho

06/06/2016 08:05

A Universidade Federal de Santa Catarina convida a comunidade a participar da Semana do Meio Ambiente UFSC 2016, que ocorrerá de 6 a 10 de junho. No evento, que será gratuito, serão realizadas mesas-redondas, oficinas, visitas técnicas, minicursos e exibição de filmes que terão como finalidade a promoção de temas de sustentabilidade no âmbito interno e externo da universidade, buscando a reflexão e o desenvolvimento de um pensamento mais consciente e responsável com relação ao meio ambiente.

As mesas-redondas serão no dia 7 de junho, a partir das 9h30, no Auditório do Centro Socioeconômico (CSE). Os temas abordados foram os escolhidos através de votação pela comunidade, são eles: “Tragédia de Mariana”, “Consumo colaborativo e consciente”, “Balneabilidade das praias de Florianópolis” e “Ciclovias em Florianópolis”. Na Mesa da Tragédia de Mariana, por exemplo, estarão presentes: Fernanda Cunha Pirillo Inojosa, representante do Ibama e Coordenadora-Geral de Emergências Ambientais de Desastres, uma das responsáveis pela elaboração do relatório técnico da tragédia; Maurício Sens, professor da UFSC e líder de pesquisa em tratamento de água da UFSC; e Guilherme Pontes, ex-morador da localidade devastada e participante de movimentos sociais. O objetivo das mesas é gerar o debate e trazer tais discussões para dentro da Universidade. 
(mais…)

Tags: Coordenadoria de Gestão AmbientalSemana do Meio Ambiente UFSCUFSC

UFSC Sustentável lança campanha para redução de consumo

04/04/2016 15:05

Após os bons resultados com a implantação do novo horário de verão na UFSC, que resultou em economia de R$ 132.895,06 (cerca de 5% em relação ao modelo de horário de verão antigo), a UFSC lança nesta segunda-feira, 4 de abril, a campanha “Reduzir o Consumo é Transformar o Mundo”, incentivando a comunidade universitária a continuar gastando menos energia elétrica durante todo o ano.

A campanha integra o UFSC Sustentável, programa desenvolvido pela Comissão Permanente de Sustentabilidade da UFSC, juntamente com a Coordenadoria de Gestão Ambiental, para promover a adoção de ações de sustentabilidade. O objetivo é fomentar a economia de recursos como energia, água, copos plásticos, materiais de expediente, entre outros, com o primeiro eixo da campanha centrado na redução do consumo de energia elétrica.

Vídeos, banners para redes sociais e peças gráficas, protagonizadas por estudantes, professores e técnicos, mostram situações comuns a todos em salas de aula, laboratórios e outros espaços da UFSC. Entre as dicas para economizar estão priorizar, sempre que possível, a iluminação e a ventilação natural e manter a temperatura do ar condicionado em 23°C. 
(mais…)

Tags: consumoCoordenadoria de Gestão AmbientalReduzir o Consumo é Transformar o MundosustentabilidadeUFSCUFSC SustentávelUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC lança campanha de combate ao Aedes aegypti

09/12/2015 17:30

Lançamento da Campanha contra a Dengue - Foto Henrique Almeida-6“Se deixarmos ter o Aedes aegypti, com certeza vai ter a doença”, alertou o professor Carlos Pinto, do Centro de Ciências Biológicas (CCB), durante o lançamento da campanha Evite a Dengue na UFSC, na tarde desta quarta-feira. E “a doença”, no caso, não é apenas a dengue, que já tem em Santa Catarina 3.274 casos autóctones (ou seja, de pessoas que contraíram a doença aqui mesmo), 260 pacientes que contraíram em outros estados e 59 sob investigação. Além disso, o mesmo mosquito transmite também a febre chikungunya (1 caso autóctone no estado, dois importados e 17 sob investigação) e o zika (sete casos importados em SC).

A Comissão de Prevenção da Dengue e Controle de Vetores, ligada à Coordenadoria de Gestão Ambiental, foi formada após a notificação de de focos do Aedes na Universidade. A função é simples: evitar a formação de novos focos. Para isso, a campanha busca esclarecer sobre o alto risco de surgimento de epidemias das doenças. Os principais cuidados a serem tomados são colocar o lixo em lixeiras, manter as lixeiras fechadas, preencher com areias os pratos de vasos de plantas e manter fechados todos os recipientes que possam acumular água. Os locais sombreados com água parada são propícios para o desenvolvimento do mosquito.

Além dos cartazes, que já estão espalhados pela UFSC, e dos meios de comunicação, a Comissão trabalha também com capacitação dos profissionais para identificar e neutralizar os focos de reprodução do mosquito. A primeira etapa é o treino dos administradores de edifícios da Universidade, a ser realizado na manhã de 16 de dezembro. Duas tarefas importantes no controle são a retirada do lixo e a destinação de sucata espalhada em locais inapropriados. O professor Fernando Santana, da Coordenadoria de Gestão Ambiental, ressalta ainda que o mosquito deve ser combatido também nos arredores da Universidade.

Em casos de suspeita de focos do Aedes aegypti, a comissão pede que se entre em contato pelo e-mail

Mais informações no site www.gestaoambiental.ufsc.br
.

Tags: Comissão de Prevenção da Dengue e Controle de VetoresCoordenadoria de Gestão AmbientalUFSC

UFSC organiza atividades gratuitas na Semana do Meio Ambiente

25/05/2015 10:00

dest_semana_meio_ambiente

A Coordenadoria de Gestão Ambiental (CGA) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) realiza a Semana do Meio Ambiente, de 27 de maio a 3 de junho, em homenagem ao Dia Mundial do Meio Ambiente (5 de junho). Na palestras, exibição de filmes, oficinas e visitas externas que visa promover o cuidado ao meio ambiente e a sustentabilidade. As atividades serão realizadas em diversos locais na UFSC, além de visitas externas, que podem ser conferidas na programação do evento. Todos os centros acadêmicos da Universidade foram convidados a participar e também o Diretório Central dos Estudantes (DCE).

A arquiteta Carolina Fernandes, da equipe da CGA, trabalha na divulgação da Semana, além de participar da organização geral do evento. A CGA conta com a parceria da Sala Verde, projeto de extensão voltado a promover atividades sobre o meio ambiente. “Eles vão contribuir com vários palestrantes para oficinas durante a Semana”, comenta Carolina. Ela menciona que os destaques do evento são as palestras e a exibição do documentário “Água Vida”, produzido pela TV UFSC, com roteiro de Luiz Fernando Scheibe e Arthur Nanni, e contará com a presença dos roteiristas e do diretor Zeca Pires para debate posterior.
(mais…)

Tags: Coordenadoria de Gestão AmbientalSemana do Meio AmbienteUFSC

Semana do Meio Ambiente UFSC: agende-se e participe de atividades gratuitas

18/05/2015 08:26

banner_Semana

A UFSC realizará, entre os dias 27 de maio e 3 de junho, a “Semana do Meio Ambiente”, que contará com seminários, palestras, oficinas, exibição de filmes, visitas técnicas e apresentações artísticas. Evento gratuito e aberto à comunidade.

Em breve, a programação será disponibilizada no Facebook  e no site gestaoambiental.ufsc.br.

Mais informações:

Coordenadoria de Gestão Ambiental: (48) 3721-6103.

Tags: Coordenadoria de Gestão AmbientalProplanSemana do Meio AmbienteUFSC