Projeto de extensão da UFSC promove exibição de filme e debate no Museu Victor Meirelles nesta sexta

16/10/2023 14:53

O projeto de extensão da Universidade Federal de Santa Catarina ATA-ME – CINENUVIC/NÓS promove, nesta sexta-feira, 20 de outubro, a exibição do filme “Marte Um”, seguida de debate. A atividade ocorre às 19h, no Museu Victor Meirelles (Ibram/MinC), localizado no Centro de Florianópolis (Rua Victor Meirelles, 59 ). A sessão é gratuita e aberta a todos.

O Ciclo ATA-ME – CINENUVIC/NÓS é articulado entre dois Núcleos de Pesquisa do Centro de Ciências da Educação da UFSC: o Núcleo Vida e Cuidado: estudos e pesquisas sobre violências (NUVIC) e o Núcleo de Estudos sobre Gênero e Sexualidade (NÓS). O objetivo do projeto é exibir filmes e fomentar discussões sobre temas cotidianos como feminismo, sexualidade e relações de gênero e étnico-raciais. A cada sessão são convidados dois debatedores para problematizar questões suscitadas pelos filmes.
(mais…)

Tags: ATA-MECentro de Ciências da EducaçãoCiclo ATA-MECINENUVICMarte UmMuseu Victor MeirellesNósNúcleo Vida e Cuidado: estudos e pesquisas sobre violênciasNUVICUFSC

‘Má educação’, de Almodóvar, é atração do Ciclo de Cinema ATA-ME CINENUVIC, no dia 11 de agosto

01/08/2023 16:41

O Ciclo de Cinema ATA-ME – CINENUVIC exibe no auditório do Museu Victor Meirelles (Ibram/MinC), às 19h de 11 de agosto, sexta-feira, o filme espanhol Má educação (La mala educación, 2004), dirigido por Pedro Almodóvar. O enredo aborda os impactos do ensino religioso sobre dois amigos de infância e os abusos sofridos por eles. Após a exibição, haverá uma conversa com a professora Jane Felipe (PPEGEdu/UFRGS) e com o professor Antonio Reis de Sá Júnior (CCS/UFSC). A entrada é gratuita, a partir das 18h30, com limite máximo de 45 pessoas na plateia. A tolerância de atraso após o início da sessão é de até 15 minutos.

O projeto de extensão é articulado entre dois Núcleos de Pesquisa do Centro de Ciências da Educação da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC): o Núcleo Vida e Cuidado: estudos e pesquisas sobre violências (NUVIC) e o Núcleo de Estudos sobre Gênero e Sexualidade (NÓS). A cada ano, delineia-se uma temática para o ciclo, que em 2023 é a articulação das infâncias, gênero e cinema. A cada sessão serão convidados dois debatedores para problematizar questões suscitadas pelos filmes abordados, totalizando sete encontros. A participação no ciclo dá direito a certificado de 25 horas.

O ciclo relaciona diferentes abordagens do conceito de gênero com a linguagem cinematográfica e discute como as diferentes concepções de gênero têm sido utilizadas pelos estudiosos e estudiosas feministas para fazer referência às relações de poder entre elas. Tais relações são constituídas no âmbito das diversas culturas, possuindo características bastante diferentes nas formas de ser homem ou mulher, menino ou menina, dependendo do contexto e de seus múltiplos atravessamentos: classe social, geração, grau de instrução, raça, etnia, etc.

Busca-se fomentar discussões e problematizações sobre temas presentes/silenciados no cotidiano. O ciclo tem como objetivo agenciar as diferentes possibilidades estéticas e imagéticas propiciadas pelo cinema a partir de desdobramentos pedagógicos acessíveis ao público interno e externo à UFSC; dar a oportunidade de se refletir sobre feminismo, sexualidade e relações de gênero, e, também, sobre a importância do respeito e do reconhecimento das diferenças expressas em realidades desconhecidas.

O museu está localizado na rua Victor Meirelles, 59, no Centro de Florianópolis.

A programação completa do ciclo pode ser conferida aqui.

Mais informações na página do Museu.

 

Tags: ATA-ME CINENUVICNósNúcleo de Estudos sobre Gênero e SexualidadeNúcleo Vida e Cuidado: estudos e pesquisas sobre violênciasNUVICPedro AlmodóvarUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Projeto de extensão da UFSC exibe filme ‘Close’ no Museu Victor Meirelles nesta sexta-feira, 16

14/06/2023 11:25

O projeto de extensão ATA-ME – CINENUVIC da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) exibirá, mensalmente, filmes longa-metragem com o objetivo de fomentar discussões sobre temas cotidianos como feminismo, sexualidade e relações de gênero e étnico-raciais. As exibições ocorrem no Museu Victor Meirelles (Ibram/MinC), e inclui a participação de debatedores convidados para problematizar questões suscitadas pelos filmes abordados. Serão ao todo sete encontros, e o primeiro deles ocorre nesta sexta-feira, 16 de junho, às 19h, com o filme “Close” (2022), dirigido por Lukas Dhont. Conduzem a conversa posterior ao filme o professor Alexandre Bello e a professora Carolina Votto, ambos do Departamento de Metodologia de Ensino da UFSC.

A entrada é gratuita. A programação completa está disponível no site museuvictormeirelles.museus.gov.br. O museu é localizado à Rua Victor Meirelles, número 59, no Centro de Florianópolis. Não é preciso fazer inscrição prévia, e a participação integral no projeto dá direito a certificado de 25 horas.

Sobre o Projeto

O projeto é articulado entre dois Núcleos de Pesquisa do Centro de Ciências da Educação (CED) da UFSC: o Núcleo Vida e Cuidado (NUVIC) e o Núcleo de Estudos sobre Gênero e Sexualidade (NÓS). O NUVIC é um espaço interinstitucional que se organiza interdisciplinarmente, compreendendo as violências como fenômenos complexos, multifacetados e situados em termos geopolíticos, culturais e institucionais. Já o NÓS é um grupo de estudos e pesquisas de caráter multi/interdisciplinar, interinstitucional e acadêmico, composto por profissionais de diferentes áreas do conhecimento com interesse em gênero e sexualidade no campo da Educação.

Segundo os organizadores, o Ciclo tem como objetivo agenciar as diferentes possibilidades estéticas e imagéticas propiciadas pelo cinema a partir de desdobramentos pedagógicos acessíveis ao público interno e externo à UFSC; dar a oportunidade de se refletir sobre feminismo, sexualidade e relações de gênero, e, também, sobre a importância do respeito e do reconhecimento das diferenças expressas em realidades que desconhecemos.

 

Mais informações no site do Museu 

Tags: CEDNósNUVICUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Curso gratuito de Iniciação à Biodanza está com inscrições abertas

10/05/2022 15:47

O Núcleo Vida e Cuidado: Estudos e Pesquisas sobre as Violências da Universidade Federal de Santa Catarina (NUVIC/UFSC), em parceria com a Escola Catarinense de Biodanza, promove o Curso de Iniciação à Biodanza. A atividade é gratuita e aberta a toda a comunidade.

Há vagas abertas para dois grupos, que ocorrerão em dois dias da semanas: nas segundas-feiras, às 18h30, e às sextas-feiras, às 9h. As aulas serão realizadas na Sala do Corpo, localizada no Bloco A do Centro de Ciências da Educação (CED/UFSC). As inscrições devem ser feitas pelos telefones: (48) 991613939 ou (48) 988198669. As atividades iniciam a partir do dia 13 de maio e vão até 29 de agosto.
(mais…)

Tags: biodanzaCEDNúcleo Vida e Cuidado: Estudos e Pesquisas sobre Violências (NUVIC)NUVICPrática Integrativa Completar

UFSC homenageia Antonieta de Barros com título de Doutora Honoris Causa

10/12/2021 14:59

Nesta sexta-feira, 10 de dezembro, o Conselho Universitário da Universidade Federal de Santa Catarina (CUn/UFSC) aprovou, por unanimidade, a concessão do título de Doutora Honoris Causa (in memorian) à professora Antonieta de Barros (1901-1952), por sua importância para a educação estadual e nacional. A homenagem foi uma iniciativa de três pesquisadoras do Centro de Educação (CED) – Joana Célia dos Passos, Eliane Debus e Patrícia de Moraes Lima –, representantes dos seguintes núcleos de pesquisa: Alteritas: diferença, arte e educação, Literalise e Nuvic: estudos sobre as violências. 

Na proposta, que também teve a participação da Associação de Educadores Negras, Negres e Negros de Santa Catarina (AENSC), as docentes argumentam que Antonieta de Barros foi “uma das mulheres mais importantes da história de Santa Catarina e do país”. Desde a infância e juventude, conforme descrevem, a homenageada soube “o que significava ser mulher negra e pobre, num estado do sul do Brasil, majoritariamente branco e com forte adesão à eugenia como política social”.

(mais…)

Tags: AENSCAlteritasAntonieta de BarrosAssociação de Educadores NegrasConselho Universitário (CUn)CUnDoutora Honoris CausaLiteralisemulher negraNegres e Negros de Santa CatarinaNUVICUFSC

‘A importância de Antonieta de Barros para a educação catarinense’ é tema de evento nesta quinta

12/07/2021 11:39

“A importância de Antonieta de Barros para a educação catarinense” é o tema do evento que ocorre nesta quinta-feira, 15 de julho, às 18h. A atividade, que será ministrada pela professora Jeruse Romão, será transmitida ao vivo pelo Youtube.

O evento é organizado pelo grupo de pesquisa sobre diferença, arte e educação (Alteritas), o Núcleo de Estudos e Pesquisas Sobre Violências (NUVIC), o Grupo de pesquisa sobre literatura infantil e juvenil (Literalise), a  Associação de Educadorxs Negrxs de Santa Catarina (AENSC).

Não é preciso fazer inscrição. Para participar, basta acessar o canal do Alteritas no Youtube.

Mais informações pela página do Alteritas, pelo Facebook ou pelo e-mail alteritas96@gmail.com

Tags: AlteritasAntonieta de Barroseducação catarinenseJeruse RomãoLiteraliseNúcleo de Estudos e Pesquisas Sobre ViolênciasNUVICUFSCyoutube

Núcleo sobre as Violências exibe documentário ‘Gênero e Alteridades: LGBT (Sobre)Vivências’, nesta sexta

04/09/2019 12:08

O Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre as Violências  (Nuvic) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) realiza no dia 06 de setembro, sexta-feira, a partir das 19 horas, na Fundação Cultural Badesc (Rua Visconde de Ouro Preto, 216 – Centro/Florianópolis), a exibição do documentário ‘Gênero e Alteridades: LGBT (Sobre)Vivências’.

Após a exibição será realizado um debate com Maria Zanela e Gabriela Silva, doutorandas em Educação na UFSC (PPGE), e os diretores do filme, Leonidas Taschetto e Gabriel Celestino.

MAIS

O Ciclo que retrata as diferentes abordagens do conceito de gênero com a linguagem cinematográfica se justifica na medida em que se pode pensar como as diferentes concepções de gênero tem sido utilizadas pelos estudiosos e estudiosas feministas para fazer referência às relações de poder entre os sexos.

Tais relações são constituídas no âmbito das diversas culturas, possuindo características bastante diferentes nas formas de ser homem ou mulher, menino ou menina, dependendo do contexto e de seus múltiplos atravessamentos: classe social, geração, grau de instrução, raça, etnia, etc. Assim, o projeto busca fomentar discussões e problematizar temas presentes/silenciados em nossos cotidianos.

O Ciclo tem como objetivo agenciar as diferentes possibilidades estéticas e imagéticas propiciadas pelo cinema a partir de desdobramentos pedagógicos acessíveis ao público interno e externo à UFSC; dar a oportunidade de se refletir sobre feminismo, sexualidade e relações de gênero, e, também, sobre a importância do respeito e do reconhecimento das diferenças expressas em realidades que desconhecemos.

Tags: Núcleo Vida e Cuidado: Estudos e Pesquisas sobre Violências (NUVIC)NUVICUFSC

Pesquisadores da UFSC divulgam nota pública sobre evento ‘Adoção na Passarela’

24/05/2019 18:50

O Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre as Violências (NUVIC/UFSC) e o Núcleo de Pesquisa Diferença, Arte e Educação (ALTERITAS/UFSC) publicaram uma nota pública em resposta ao evento “Adoção na Passarela”.
(mais…)

Tags: adoçãoAlteritasArte e Educaçãocriançasnota públicaNúcleo de Estudos e Pesquisas sobre as violênciasNúcleo de Pesquisa DiferençaNUVICUFSC

Projeto de extensão Biodanza tem início nesta quinta, 16

14/08/2018 11:06

O Núcleo Vida e Cuidado: estudos e pesquisas sobre violências do Centro de Ciências da Educação (NUVIC/CED) e a Escola Catarinense de Biodanza (ECB) promovem o “Curso de Iniciação Biodanza”, nesta quinta, dia 16 de agosto. As aulas serão realizadas na Sala do Corpo, no CED, bloco A, das 18h30min às 20h30min. Ministrado pela professora Susana Pasinatto, o projeto é gratuito e aberto à comunidade, garantindo certificado de 30 horas. As inscrições podem ser feitas no local, até o dia 30 de agosto.

A Biodanza é um sistema de desenvolvimento humano em grupo, que se dá por meio de músicas e exercícios específicos. Mais informações pelo e-mail: escola@biodanzasc.com ou por meio do telefone (48) 99161-3939.

Tags: aulas gratuitas de biodanzabiodanzaCEDECBEscola Catarinense de BiodanzaNUVICprojeto de extensãoUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Núcleo Vida e Cuidado promove atividade que auxilia na redução do estresse

08/05/2018 10:34

O grupo de extensão Núcleo Vida e Cuidado: Estudo e Pesquisas sobre a violência (Nuvic), em parceria com a Escola Catarinense de Biodanza (ECB), desenvolve a atividade ‘Biodanza: uma aprendizagem vivencial sobre o cuidado’. Os encontros serão iniciados nesta quinta-feira, 10 de maio, a partir das 18h30, na Sala do Corpo (bloco A) do Centro de Ciências da Educação (CED), e tem por objetivo aumentar a resistência ao estresse e melhorar a comunicação do praticante, por meio de exercícios com música.
(mais…)

Tags: biodanzaestresseNúcleo Vida e CuidadoNUVICUFSC

Projeto de extensão ‘Biodanza: aprendizagem vivencial sobre o cuidado’ inicia-se dia 23

16/04/2015 16:35

O projeto de extensão “Biodanza: aprendizagem vivencial sobre o ‘cuidado’” será realizado de 23 de abril a 10 de dezembro de 2015, às quintas-feiras, das 19h20 às 21h20, na sala de ginástica do Centro de Desportos (CDS) da UFSC. As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas no próprio local e horário das aulas. A atividade tem como público educadores(as), servidores e estudantes da UFSC e comunidade em geral.

A Biodanza é uma atividade em grupo, com metodologia teórico-vivencial, que visa integrar à corporeidade os temas relacionados ao “cuidado”, por meio da música, do movimento e do encontro em grupo. O projeto ocorre desde 2013 sob a mediação da professora Susana Pasinatto.

Mais informações no site do Núcleo Vida e Cuidado: estudos e pesquisas sobre violências e pelo telefone (48) 9161-3939.

Tags: biodanzaCDSNUVICUFSC

Núcleo Vida e Cuidado – Estudos e Pesquisas sobre Violência comemora 10 anos

25/10/2012 16:39

O Núcleo Vida e Cuidado –  Estudos e Pesquisas sobre Violências (NUVIC), vinculado ao Centro de Educação- UFSC, comemora 10 anos de atuação com evento aberto ao público em 25 de outubro, a partir das 17h, no Auditório do CED.

Na programação está previsto às 17h, fala da professora Ana Maria Borges de Sousa, uma das fundadoras do Núcleo sobre Violências e Gestão do Cuidado e depoimento de representante da Comunidade  Vida Nueva

Mesa-redonda às 18h30min com a exibição do documentário ” O que o destino me mandar”  e diálogos com as professora Sônia Maluf (PPGAS/UFSC) e Ana Maria Borges de Sousa (CED) e a  jornalista Angela Bastos.

Tags: Ana Maria Borges de SousaAngela BastosNUVICSônia Maluf

Núcleo Vida e Cuidado: Estudos e Pesquisas sobre Violências comemora 10 anos

17/10/2012 15:31

O Núcleo Vida e Cuidado: Estudos e Pesquisas sobre Violências (NUVIC), vinculado ao Centro de Ciências da Educação (CED) da UFSC, comemora 10 anos de atuação com evento aberto ao público no dia 25 de outubro, quinta-feira, a partir das 17h, no auditório do CED.

Estão previstas palestras de uma das fundadoras do NUVIC, a professora Ana Maria Borges de Sousa, e de representantes da Comunidade Vida Nueva, situada na Enseada de Brito. Às 18h30 haverá mesa-redonda com a exibição do documentário “O que o destino me mandar” e diálogos com as professoras Ana Maria Borges de Sousa e Sônia Maluf (PPGAS/UFSC), e a jornalista Angela Bastos.

Sobre o NUVIC:

O Núcleo Vida e Cuidado: Estudos e Pesquisas sobre Violências, criado em 2002, é um espaço interinstitucional vinculado ao Centro de Ciências da Educação da Universidade Federal de Santa Catarina (CED/UFSC).

O grupo, de escolha interdisciplinar, reúne pessoas cujo interesse em comum é realizar pesquisas e ações que recusem as violências, pois elas silenciam diálogos, transfiguram o respeito mútuo em relações verticais de poder que operam com atitudes de mando e de obediência; são multifacetadas, inesgotáveis nas explicações que provocam, mas questionáveis em todas as esferas.

As ações do Núcleo têm o cuidado como paradigma das relações, o reconhecimento e o prestígio da/à vida como princípio ético.

Tem como prioridade:

– Desenvolver estudos e pesquisas sobre diferentes formas de violências construídas e praticadas socialmente, que afetam: crianças, jovens, mulheres; pessoas com história de deficiências; negros, homossexuais; comunidades empobrecidas; população em contexto de moradia nas ruas e andarilhos; sujeitos em contexto de uso de drogas; adolescentes em contexto de infração, entre outros;

– Realizar assessorias na área das políticas públicas destinadas à infância, à juventude, à educação;

– Construir indicadores sobre violências;

– Orientar trabalhos em cursos de pós-graduação;

– Aplicar metodologias de monitoramento de ações, com ênfase no desenvolvimento tecnológico;

– Divulgar suas ações através da participação em eventos; de publicações para produção de literatura especializada; da formação de educadores das redes pública e privada de ensino e da rede de atenção à criança e ao adolescente; de cursos de extensão junto às comunidades;

– Participar de mesas e apresentar trabalhos em eventos científicos, regionais, nacionais e internacionais, com o objetivo de aprofundar teorias e métodos de estudos e pesquisas neste campo de conhecimento;

– Formar educadores no campo da gestão do cuidado e os integrantes do núcleo.

Outras informações sobre o Núcleo em www.nuvic.com.br.

Tags: CEDNUVICUFSC