Pesquisadores da UFSC divulgam nota pública sobre evento ‘Adoção na Passarela’

24/05/2019 18:50

O Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre as Violências (NUVIC/UFSC) e o Núcleo de Pesquisa Diferença, Arte e Educação (ALTERITAS/UFSC) publicaram uma nota pública em resposta ao evento “Adoção na Passarela”.

Nota Pública

Os núcleos de pesquisa NUVIC e ALTERITAS, da Universidade de Federal de Santa Catarina, vem por meio dessa nota se manifestar sobre o evento “Adoção na Passarela” realizado no Pantanal Shopping promovido pela Associação Mato-grossense de Pesquisa e Apoio à Adoção (AMPARA) que em parceria, para nosso espanto, com a Comissão de Infância e Juventude (CIJ) da OAB-MT expuseram crianças de 4 a 17 anos como mercadorias no último dia 21 de maio sob alegação que “estariam dando maior visibilidade às crianças aptas para adoção”. Entendemos que esse evento viola os direitos das crianças e dos adolescentes e que fere todo processo histórico e lutas na elaboração das metodologias que atuam para proteção e cuidado das crianças em condições de vulnerabilidade em nosso país. Ressaltamos que essas crianças têm suas vidas expostas, desrespeitadas, constrangidas e desamparadas por órgãos que deveriam atuar na promoção, defesa e garantia dos seus direitos, tais como a OAB e a AMPARA e com isso, indicamos que possam ser apuradas a responsabilidade sobre esse ato desumano que infringe diretamente a defesa irrestrita das crianças como sujeitos de direitos . Os núcleos de pesquisa NUVIC e ALTERITAS da Universidade Federal de Santa Catarina colocam publicamente sua indignação com os rumos da sociedade brasileira que banaliza suas conquistas e que destrói gradativamente um Estado de Direitos. Estaremos enquanto núcleos desta universidade atentos e participativos na Defesa dos Direitos da Infância e Adolescência em nosso país.

Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre as Violências-NUVIC

Núcleo de Pesquisa Diferença, Arte e Educação- ALTERITAS

Florianópolis, 22 de maio 2019.

Tags: adoçãoAlteritasArte e Educaçãocriançasnota públicaNúcleo de Estudos e Pesquisas sobre as violênciasNúcleo de Pesquisa DiferençaNUVICUFSC