UFSC perde reitor comprometido com a política pública de comunicação

03/10/2017 09:25

A Agência de Comunicação da UFSC, ao resgatar sua política pública de comunicação, pauta sua atuação profissional em cima de valores como autonomia, comprometimento, cooperação, equidade, ética e transparência e pluralismo. Trata-se de uma receita que voltou a ser implementada a partir de maio de 2016 após quatro anos de estagnação.

Foi justamente com o início da nova gestão, liderada pelo reitor Luiz Carlos Cancellier de Olivo e pela vice-reitora Alacoque Erdmann, eleitos em novembro de 2015, que a Agecom voltou a recuperar esses valores, o status de direção administrativa que lhe havia sido retirado e o locus que lhe era devido na divulgação institucional da universidade.

Um valor em especial, o da autonomia, tinha importância estratégica para Cancellier, porque não significava que as pautas jornalísticas tinham que ficar atreladas ao Gabinete do Reitor, mas sim à instituição, à UFSC. Com experiência nas lidas diárias do jornalismo, repórter e editor que foi, levava muito a sério um princípio básico do Jornalismo, o do contraditório: contar os dois lados de uma mesma história.
(mais…)

Tags: comunicaçãoLuiz Carlos Cancellierpolítica públicareitorUFSC