O universo em expansão de Hawking: influências do cientista são avaliadas por professores da UFSC

03/04/2018 13:03

Neste sábado, 30 de março, foi realizado o velório de um dos mais renomados cientistas contemporâneos, Stephen Hawking. Falecido em 14 de março, o físico terá suas cinzas sepultadas na Abadia de Westminster e ficará ao lado de Isaac Newton e Charles Darwin, dois dos mais proeminentes cientistas britânicos de todos os tempos.

A deferência a Hawking não é sem motivos. Sua influência extrapolou seu campo de atuação científica e para buscar sintetizá-la, a Agência de Comunicação da UFSC (Agecom) entrevistou dois professores do Departamento de Física (FSC/CFM/UFSC), Débora Peres Menezes e Roberto Kalbusch Saito, para que ambos analisassem o impacto do trabalho de Hawking.

A singularidade de Hawking

Notório e notável, Stephen Hawking, trouxe originais avanços teóricos à cosmologia e astrofísica. Débora é explícita em dizer: “para o campo da cosmologia, Hawking era o maior cientista vivo”. Além de sua grande contribuição à área, no entanto, o físico inglês ganhou relevo por sua incrível capacidade de divulgação de temas complexos como singularidade, universo primordial, buracos negros e horizonte de eventos, por exemplo. Em best-sellers mundiais, ele disseminou para iniciantes em ciências conceitos até então herméticos.

Débora afirma que “a ciência normalmente se desenvolve assim: cada um vai contribuindo com uma migalhinha. Revendo aqui e ali e, de repente, alguém aparece e dá um salto. É difícil avaliar o quanto de migalha e quanto de salto tem Hawking, mas que ele possui uma contribuição relevante é indiscutível”.

Segundo Roberto, “além de um trabalho científico de excelência, o físico teve verdadeiro brilhantismo em divulgação”. O professor ainda acrescenta que “Hawking conseguiu explicar ao público em geral o que mesmo os astrofísicos tinham dificuldade em entender”.
(mais…)

Tags: Agecomastrofísicaburacos negrosCFMcosmologiaDébora Peres Menezesdepartamento de FísicaRoberto Kalbush SaitoStephen HawkingUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Professora da UFSC realiza seminário gratuito sobre mecânica quântica

17/07/2015 17:30

O projeto de extensão Parque Viva a Ciência da UFSC promove, no dia 19 de agosto àss 18h30min, a palestra “O Universo e a Mecânica Quântica” no Auditório do Departamento de Química (CFM) com a professora Débora Peres Menezes. Não é necessário se inscrever para participar: os interessados precisam apenas comparecer ao auditório até o horário de início do seminário. Considerando que a palestra deve ser um primeiro contato de vários dos participantes com a mecânica quântica, a professora vai apresentar diversos conteúdos introdutórios sobre o assunto.

O desenvolvimento da mecânica quântica deu-se no início do século passado, como uma tentativa de explicar certos resultados experimentais que não puderam ser explicados pelas teorias clássicas existentes na época. A palestra abordará inconsistências das teorias clássicas com resultados experimentais no fim do século XIX, seguida de uma introdução à mecânica quântica, mostrando que, apesar de ser uma teoria probabilística e nada intuitiva, ela é precisa e possui um rigoroso formalismo matemático que a embasa. Algumas aplicações da mecânica quântica utilizadas no nosso dia a dia também serão mostradas.

A professora Débora Peres Menezes é doutora em física pela University of Oxford (Reino Unido), com pós-doutorado pela Universidade de Coimbra (Portugal). Ela é professora titular do Departamento de Física da UFSC e ministra aulas para o Curso de Física e diversos dos cursos de Engenharia, entre as disciplinas que leciona estão Mecânica Quântica, Física Nuclear e Estrutura da Matéria. Também atua como assessora ad hoc para instituições como o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc).

 

Tags: Débora Peres MenezesDepartamento de QuímicaMecânica QuânticaUFSC