Estudantes podem contribuir para melhores condições de ensino e permanência

06/04/2018 12:52

Ser aprovado para um curso em uma universidade pública é aspiração de muitas pessoas no Brasil. Após a aprovação, um novo universo de possibilidades se abre. É possível mergulhar no mundo da pesquisa, estabelecer relações com a comunidade por meio da extensão universitária, participar de grupos de estudos, atléticas, projetos culturais, coletivos políticos etc. No entanto, a caminhada pela vida acadêmica tem seus altos e baixos. É na busca de compreender mais profundamente o cenário em que se encontram os estudantes de graduação da universidades federais brasileiras e das unidades de Educação Tecnológica que está em andamento a quinta edição da Pesquisa Nacional do Perfil do Graduando.

A fase de coleta dos dados vai até junho de 2018 e nela se busca reunir informações sobre os estudantes que vão desde dados socioeconômicos até questões mais sensíveis, como a saúde mental e emocional. Ainda, cabe destacar que os dados disponibilizados pelos alunos têm seu uso restrito à pesquisa. Embora o aluno precise digitar o CPF para acessar a pesquisa, ele não será identificado. A pesquisa é completamente anônima, o questionário é simples e para responder todas as questões leva-se, em média, cinco a seis minutos.
(mais…)

Tags: Pesquisa Nacional do Perfil do Graduando 2018PnaesUFSC

Conselho Pleno da Andifes manifesta-se quanto à falta de investimentos para assistência estudantil

27/03/2018 18:03

Durante a 115ª reunião do Conselho Pleno da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), realizada dia 20 de março no Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (Cefet-MG), os reitores manifestaram grande preocupação com a falta de recursos para a manutenção da assistência estudantil nas universidades, sobretudo, com o que diz respeito aos restaurantes universitários (RU).

115ª reunião da Andifes. Foto: divulgação

O presidente da Andifes, reitor Emmanuel Tourinho (UFPA), explicou que a associação tem, reiteradamente, levado ao Ministério da Educação (MEC) a questão do congelamento de recursos do Plano Nacional de Assistência Estudantil (Pnaes). “Toda vez que vamos ao MEC apresentamos as questões da assistência estudantil. Não há dúvida de que exista a necessidade de recursos adicionais para que as políticas assistenciais e de inclusão tenham continuidade nas universidades. O que mais insistimos no ano passado foi a questão do PNAES. A ampliação do recurso do PNAES sempre era retirada da pauta”.
(mais…)

Tags: AndifesPnaesreunião conselho pleno da AndifesUFSC

Coperve informa sobre nota do Enem nos processos seletivos para vagas suplementares e Sisu

13/05/2016 12:16

A Comissão Permanente do Vestibular (Coperve) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), vinculada à Pró-Reitoria de Graduação (Prograd), comunica, por meio de nota oficial divulgada na última quinta-feira, 12 de maio, que a seleção dos candidatos às vagas suplementares para negros, indígenas e quilombolas para ingresso em 2017 será realizada por meio das notas obtidas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2014, 2015 ou 2016. As inscrições para o Enem seguem até o dia 20 de maio.

Os interessados em concorrer às vagas via Sistema de Seleção Unificada (Sisu) devem participar do Enem 2016. “Queremos reforçar a necessidade de fazer o Enem àqueles que pretendem disputar essas vagas. As suplementares contribuem para o processo de inclusão. O Sisu também tem esse objetivo – qualquer pessoa, de qualquer lugar, pode fazer. Outro objetivo é a possibilidade de mobilidade. Candidatos de outros estados podem participar e se inscrever pelo Sisu, assim como estudantes de Santa Catarina podem se candidatar para vagas em outros estados”, avalia o presidente da Coperve, Olinto Furtado.
(mais…)

Tags: coperveCUnEnemnotaPnaesprogradprograma de ações afirmativasSisuUFSCvagas suplementares

Conselho Universitário aprova adesão parcial ao Sisu

02/06/2015 09:54

O Conselho Universitário (CUn) aprovou na tarde da sexta-feira, 29 de maio, o relatório que propõe a adesão parcial e gradual da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) ao Sistema de Seleção Unificada (Sisu) com base em estudo iniciado no ano passado. O documento – elaborado pelo Grupo de Trabalho (GT) sobre Avaliação de Novas Modalidades de Ingresso na Universidade, instituído pela Portaria nº 303/PROGRAD/2014, de 25 de setembro – foi aprovado pela Câmara de Graduação em reunião realizada em dezembro de 2014.  “A adesão ao Sisu  será de 30% das vagas oferecidas e acontece já para o Vestibular de 2016. A gradualidade propõe que sejam feitas avaliações anuais e, a partir daí, são feitas definições do percentual do ano seguinte”, explica o pró-reitor de graduação e presidente do GT, Julian Borba.

O Sisu foi desenvolvido pelo MEC em 2009 e já é aplicado em mais de 94% das instituições públicas federais. Por meio do Sistema, as instituições públicas de ensino superior podem oferecer vagas em seus cursos de graduação para candidatos que realizaram as provas do Enem no ano anterior e que obtiveram nota da redação maior do que zero. O estudante inscrito no Sisu pode optar por até dois cursos. A concorrência de vagas ocorre para todas as universidades cadastradas. Com seleção semestral, a adesão é voluntária a cada novo processo.

O MEC estabelece, via Plano Nacional de Assistência Estudantil (PNAES), porcentagens para recebimento de recursos proporcionais de acordo com a participação no Sisu. Atualmente, a Universidade conta com benefício pela adesão parcial, configurada pelo uso do Enem para compor a nota do Vestibular. As universidades que ofertam mais de 50% das vagas via Sistema Unificado contam com ampliação de 75% dos recursos. Entre 10 e 50% das vagas, 50% a mais são destinadas à instituição. Com 100% das vagas oferecidas pelo Sisu, o montante para assistência estudantil é duplicado.

 

Trabalho do GT

O GT foi instituído com o objetivo de propor novas modalidades de ingresso na UFSC. A equipe, composta por sete docentes e discentes integrantes da Câmara de Graduação, levantou dados sobre a adesão das instituições federais ao Sisu para avaliar como a distribuição se apresenta no plano nacional. Constatou-se que a grande maioria das instituições já aderiu com 100% das vagas ao Sisu. Informações relacionadas ao perfil do ingressante da UFSC através do Vestibular também foram apuradas: cerca de 70% dos candidatos são de Santa Catarina, e os demais estão distribuídos principalmente entre os estados do Rio Grande do Sul, Paraná e São Paulo.

Além disso, o GT reuniu, anexos ao relatório, dados dos últimos três processos seletivos sobre ocupantes de vagas por curso, material sobre regulamentação das formas de ingresso na UFSC e legislações que embasaram a Câmara.

O GT segue com os trabalhos em 2015 para discutir habilidades específicas em cursos como Artes Cênicas e Letras LIBRAS, questão não contemplada pelo Vestibular e que também não seria atendia pelo Sisu inicialmente. A proposta é identificar formas de ingresso que contemplem esses cursos.

 

Histórico de discussões com a comunidade universitária

No segundo semestre de 2010, a UFSC ofertou vagas remanescentes pelo Sisu. Em 2013, o Gabinete da Reitoria, em parceria com a Pró-Reitoria de Graduação, promoveu umapalestra com o professor Luiz Cláudio Costa, diretor à época do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), órgão responsável pela realização do Enem e do Sisu. O debate reuniu membros da Câmara de Graduação e do Conselho Universitário, além de pró-reitores e diretores de unidades administrativas.

Como atividade da Câmara de Graduação, a discussão iniciou em julho de 2014, quando o órgão realizou uma sessão extraordinária para conhecer e discutir o Sisu. A coordenadora-geral de projetos especiais para a graduação da Secretaria de Ensino Superior do Ministério da Educação (SESU/MEC), Lilian Carvalho do Nascimento, fez a apresentação do tema.

No dia 4 novembro de 2014, a UFSC e o GT organizaram um evento em que representantes da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) e da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) apresentaram relatos e experiência da implantação do Sisu nas instituições. No dia 25 do mesmo mês, o GT realizou um evento aberto à comunidade universitária, intitulado “A UFSC e a questão da adesão ao Sisu: subsídios para a discussão”. A terceira reunião aberta do GT reuniu membros da equipe de trabalho, da Câmara de Graduação e da comunidade universitária. O grupo apresentou os dados coletados durante o segundo semestre de 2014 e manifestou posicionamento favorável à adesão parcial e gradual ao Sisu.

 

Sisu e Ações Afirmativas

Atualmente, 55 instituições federais já aderiram ao Sisu. Dessas, 44 tiveram adesão de 100% das vagas. As formas de ingresso envolvem também a Política de Ações Afirmativas. “A ideia é que aquilo que foi definido para o Vestibular seja também válido para o Sisu”, afirma o presidente do GT. O Programa de Ações Afirmativas da UFSC foi criado em 2008, ano em que a criação de vagas suplementares para candidatos pertencentes a povos indígenas foi definida pelo CUn.

Em 2012, a Lei nº 12.711, de abrangência nacional, tornou obrigatória, em instituições federais de ensino, um sistema de cotas para alunos que tenham cursado integralmente o ensino médio na rede pública, estipuladas de acordo com a renda familiar. Em cada uma delas, há percentuais para grupos étnico-raciais. Naquele ano, a UFSC ratificou os tipos de cotas e percentuais e, desde então, vem se adequando à legislação e ampliando a reserva. Até 2016, a Universidade deverá ofertar 50% das vagas para candidatos da rede pública.

O Sistema tem uma concepção pedagógica que é objeto de avaliação contínua pelo MEC. “O Sisu amplia e democratiza as oportunidades de ingressar na universidade, colocando a oferta de vagas públicas de várias instituições a disposição de todos os interessados. É democrático também porque a realização de provas acontece em vários locais do país pelo Enem, e é gratuito”, avalia o presidente do GT.

 

Bruna Bertoldi Gonçalves

Jornalista / Diretoria-Geral de Comunicação / UFSC

Tags: conselho universitárioCUnMinistério da EducaçãoPnaesSistema de Seleção UnificadaSisuUFSC

Câmara de Graduação da UFSC aprova adesão parcial e gradual ao Sisu

10/02/2015 17:24
O presidente do GT, Julian Borba, apresentou dados coletados durante o semestre em reunião realizada no dia 25 de novembro de 2014. Foto: Wagner Behr/Agecom/UFSC

O presidente do GT, Julian Borba, apresentou dados coletados durante o semestre em reunião realizada no dia 25 de novembro de 2014. Foto: Wagner Behr/Agecom/UFSC

O Grupo de Trabalho (GT) sobre Avaliação de Novas Modalidades de Ingresso na Universidade, instituído pela Portaria nº 303/PROGRAD/2014, de 25 de setembro, elaborou relatório que propõe a adesão parcial e gradual da Universidade ao Sistema de Seleção Unificada (Sisu) com base em estudo iniciado em julho de 2014. O documento foi encaminhado e aprovado pela Câmara de Graduação em reunião realizada em dezembro. A próxima etapa será o encaminhamento do processo ao Conselho Universitário (CUn) para apreciação.

“Feita a discussão e dependendo da deliberação, poderá haver a adesão ao Sisu em 2016. A gradualidade propõe que sejam feitas avaliações anuais e, a partir daí, são feitas definições do percentual do ano seguinte, podendo chegar a 100%”, explica o pró-reitor de graduação e presidente do GT, Julian Borba.
(mais…)

Tags: ações afirmativasCâmara de GraduaçãocomunidadeCUndiscussãoGTingressoMECmodalidadesPnaesSESuSisuUFSC

Quem é o aluno da graduação?: pesquisa de perfil até dia 15

09/12/2014 16:52

Uma pesquisa vai traçar o perfil socioeconômico dos graduandos das universidades federais brasileiras, promovida pela Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) e pelo Fórum Nacional de Pró-Reitores de Assistência Comunitária e Estudantis (Fonaprace). O levantamento começou a ser realizado no dia 18 de novembro e segue até 15 de dezembro. Acesse o questionário on-line aqui.

Com o estudo, pretende-se obter um diagnóstico sobre o corpo discente das Instituições Federais de Ensino Superior (Ifes) e subsidiar a formulação de políticas públicas e programas 1educacionais. Os formulários são preenchidos após a inserção do CPF do estudante e encaminhados automaticamente ao Centro de Pesquisa Econômica e Social da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), responsável pelo sistema.

De acordo com o pró-reitor Adjunto de Assuntos Estudantis da UFSC, Mauricio Mello Petrucio, a pesquisa também auxiliará no desenvolvimento de ações dentro da UFSC. “Se acompanharmos esses dados com frequência regular, certamente vão mostrar quais são os resultados das políticas implementadas – se está resultando em qualificação dos estudantes – e subsidiar medidas futuras de permanência e assistência estudantil”, avalia.
(mais…)

Tags: AndifesFonapracegraduandoIFESLei de CotasperfilpesquisaPnaesSisuUFSC

PRAE amplia em quase 42% número de bolsas em dois anos

22/04/2014 12:37

A Administração Central da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), por meio da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (PRAE), viabilizou 860 novas bolsas do Programa Bolsa Estudantil UFSC entre maio de 2012 e março de 2014. O edital do processo seletivo publicado no dia 26 de março de 2014 disponibilizou 305 novas bolsas, em uma ação que faz parte da política de permanência estudantil da Universidade. Alunos dos campi de Florianópolis, Araranguá, Curitibanos e Joinville são atendidos pelo programa, conforme o Relatório de Gestão da PRAE referente a 2013.

Em abril de 2014, o número de vagas para o Programa Bolsa Estudantil corresponde a 2.050, informa o diretor do Departamento de Assuntos Estudantis (DeAE), Sergio Luis Schlatter Junior. Para a pró-reitora de Assuntos Estudantis, Denise Cord, esse incremento reflete o compromisso da Administração Central com o atendimento efetivo dos estudantes com fragilidade socioeconômica. “É uma preocupação que visa à permanência com sucesso desses estudantes. A meta é aprimorar o atendimento, ou seja, atender ao maior número possível de estudantes e integrar a essas ações outras, voltadas à assistência psicossocial, à convivência, ao lazer, à cultura e à saúde”, anuncia. A pró-reitora explica que estão sendo feitos estudos para viabilizar essas propostas.
(mais…)

Tags: Bolsa Estudantil UFSCbolsasDeAEPnaesPRAE

Publicado edital para isenção de passes para Restaurante Universitário

28/02/2014 10:40

A Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (Prae) da Universidade Federal de Santa Catarina publicou nesta sexta-feira, 28 de fevereiro, o edital de isenção do passe para almoço e jantar no Restaurante Universitário no semestre 2014.1. O edital é voltado para estudantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica. Os recursos advêm do Programa Nacional de Assistência Estudantil (PNAES).

(mais…)

Tags: isenção de passes do RUPnaesPRAErestaurante universitárioUFSC

Fórum Nacional de Pró-Reitores de Assuntos Comunitários e Estudantis inicia na UFSC nesta quarta

06/11/2013 09:12

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Campus de Forianópolis, sediará, de 6 a 8 de novembro, a 54ª Reunião Ordinária do Fórum Nacional de Pró-Reitores de Assuntos Comunitários e Estudantis (Fonaprace), que discutirá a Política Nacional de Assistência Estudantil (PNAES) e as novas modalidades de bolsas. O evento será organizado pela Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (Prae). 
(mais…)

Tags: CSEFórum Nacional de Pró-Reitores de Assuntos Comunitários e EstudantisPnaesPRAEUFSC