Projeto gratuito de capoeira está com inscrições abertas

13/08/2018 12:55

O Projeto de Extensão Capoeira da Ilha: Jogo de Resistência Na Roda, Na Vida está com inscrições abertas. Promovido pela Secretaria de Cultura e Arte e pelo Centro de Desportos da Universidade Federal de Santa Catarina (SeCArte/CDS/UFSC), a iniciativa tem como objetivo preservar, organizar e manter viva a prática cultural e artística da Capoeira Angola, ressaltando seu valor histórico. Interessados podem se inscrever no local dos treinos, e a participação na atividade é gratuita. Confira o local e os horários das práticas abaixo:

 Serviço
Local: Ginásio de Alumínio – CDS
Horários:
Segunda – 20h40 às 22h
Terça e Quinta – 12h às 13h30
Quarta – 20h10 às 22h
Sexta – 18h30 às 22h
Todo primeiro sábado do mês ocorre uma roda na frente do Mercado Público de Florianópolis, às 10h.

 

Tags: Capoeira da IlhaJogo de Resistência Na RodaNa VidaUFSC

Projeto ‘Capoeira da Ilha’ abre inscrições para aulas na UFSC

08/03/2018 10:06

O projeto de extensão ‘Capoeira da Ilha’ está com inscrições abertas para a prática na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). As vagas são gratuitas, com início das aulas no dia 12 de março, e visa fomentar a capoeira na UFSC e em Florianópolis.

A atividade é ministrada no ginásio de alumínio do Centro de Desportos (CDS), pelo mestre “Polegar” nas segundas e sextas-feiras. Quinzenalmente, nas terças e quintas-feiras acontecem rodas no Centro de Comunicação e Expressão (CCE). Também haverá rodas aos sábados no Mercado Público.

Mais informações sobre horários e o calendário de atividades na imagem abaixo ou por meio do e-mail

 

Tags: capoeiraCapoeira da IlhaCCECDSUFSC

Projeto Capoeira da Ilha abre inscrições para aulas na UFSC

31/07/2017 14:46

O projeto de extensão Capoeira da Ilha, cujo objetivo é promover a prática da Capoeira dentro da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e na cidade de Florianópolis, está com vagas abertas. As aulas acontecem de segunda a sexta-feira, e não possuem limites de alunos.

A atividade é ministrada no ginásio de alumínio do Centro de Desportos (CDS), pelo mestre “Polegar”. Também haverá rodas aos sábados no Mercado Público.

Mais informações: 

Tags: Capoeira da IlhaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Projeto Capoeira da Ilha abre inscrições para aulas na UFSC

19/05/2017 14:14

O projeto de extensão Capoeira da Ilha, cujo objetivo é promover a prática da Capoeira dentro da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e na cidade de Florianópolis, está com vagas abertas. As aulas acontecem de segunda a sexta-feira, e não possuem limites de alunos.

A atividade é ministrada no ginásio de alumínio do Centro de Desportos (CDS), pelo mestre “Polegar”. Também haverá rodas aos sábados no Mercado Público.

 Mais informações: 
Tags: Capoeira da IlhaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Projeto Capoeira da Ilha promove aulas na UFSC

26/04/2017 14:33

O projeto de extensão Capoeira da Ilha, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), promove capoeira no campus de Florianópolis e na cidade. As aulas são realizadas de segunda a sexta-feira e não há limite de vagas. A atividade será ministrada no ginásio de alumínio do Centro de Desportos (CDS), pelo professor “Polegar”. No Colégio de Aplicação, as aulas serão com o contramestre Kiko. Também haverá aulas no Mercado Público.

Mais informações pelo e-mail: .

Tags: AulascapoeiraCapoeira da IlhaCDScentro de desportosUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Mestre Nô recebe reconhecimento de Notório Saber do Centro de Educação

16/10/2015 19:31

O Centro de Educação (CED) marcou o dia do professor com a cerimônia de passagem e aprovação, pelo Centro, do reconhecimento e título de Notório Saber de Norival Moreira de Oliveira, o Mestre Nô, por sua atuação como educador popular e mestre de capoeira. O evento de 15 de outubro marcou também o lançamento do livro Cadernos de Capoeira – Capoeira da Ilha e do filme Nego Bom de Pulo.

A homenagem foi inspirada pela atuação de Mestre Nô (Ilha de Itaparica, BA, 22/06/1945) como divulgador da capoeira e da cultura afro-brasileira em todo o país e também no exterior. Diplomado por Mestre Nilton como Mestre de Capoeira em 1964, em Salvador, ele começou a dar aulas, formar outros mestres e trabalhar na organização da arte. “Quando um trabalho é feito com respeito, com amor e com carinho, é coroado de êxito”, resumiu, durante a cerimônia no CED.

Em 1979, fundou a Associação Brasileira Cultural de Capoeira Angola Palmares, que exerceu papel decisivo na divulgação dos princípios não apenas esportivos, mas éticos, culturais e filosóficos da capoeira. Em 1987, veio a Florianópolis pela primeira vez. Desde então, tomou parte de diversos eventos na cidade, até fixar raízes aqui. “Sempre pensei em ensinar, educar, fazer o bem”, disse. Durante os agradecimentos, explicou que via a distinção como um reconhecimento não apenas para si mesmo, mas principalmente para a cultura popular e arte da capoeira. Também lembrou de outros mestres que receberam homenagens parecidas, mas apenas depois de mortos ou então de instituições de fora do Brasil.
(mais…)

Tags: Cadernos de CapoeiracapoeiraCapoeira da IlhaCEDCentro de EducaçãoMestre NôNego Bom de PuloNotório SaberUFSC

Projeto de Extensão Capoeira da Ilha promove Roda da Figueira

19/04/2013 11:28

O Projeto de Extensão Capoeira da Ilha, coordenado pelo professor Fábio Machado Pinto (Departamento de Metodologia de Ensino), da UFSC, promove no dia 20 de abril, às 12h, sábado, a Roda da Figueira. O evento tem como proposta o resgate e a preservação do caráter histórico-cultural e artístico da Capoeira da Ilha – Florianópolis.

(mais…)

Tags: Capoeira da IlhaextensãoRoda da FigueiraUFSC

Projeto Capoeira da Ilha: rodadas de abertura 2012

27/03/2012 10:09

O projeto de extensão da UFSC Capoeira da Ilha, que oferece aulas gratuitas abertas à comunidade, realiza nas próximas semanas rodadas de abertura do ano 2012. Estão programadas atividades para os dias 28 de março (19h e 20h, Ginásio do Centro de Desportos da UFSC); 29 de março (12h, Prédio do Básico/UFSC, e 19h, Boca do Vento, Morro do Mocotó) e no dia 7 de abril (10h, no Mercado Público de Florianópolis).

Mais informações:

Fábio Machado Pinto

Celular: 9102-0461

/

Tags: Capoeira da IlhaUFSC

Florianópolis sedia II Festival de Capoeira Angola

27/09/2011 11:09

Com a presença dos mestres Nô e Lazaro (de Salvador); Bandeira e Braulino (de São Paulo); Pop, Pinóquio, Calunga e Polegar (de Florianópolis) e Dindo (de Porto Alegre), começa nesta quarta-feira, 28 de setembro, o II Festival de Capoeira Angola da Ilha de Santa Catarina.  As atividades seguem até o dia 2 de outubro, domingo, com rodas de capoeira, oficinas e batismos.

A abertura será às 19h desta quarta-feira, com  os mestres falando de sua história, no auditório do Centro de Desportos (CDS) da UFSC. A primeira edição do festival aconteceu em 1998, no Morro do Mocotó. Este ano a programação se divide entre o campus da UFSC, o Centro de Florianópolis, os bairros Estreito e Monte Serrat, também na Capital, além de atividades no município de São José.

O evento é organizado pelos grupos Palmares e Quilombola, sendo coordenado pelos mestres Nô e Pinóquio. A realização é do projeto de extensão Capoeira Ilha, da UFSC, da Central Catarinense de Capoeira Angola e do Ponto de Cultura Quilombola. Tem apoio financeiro do MEC/SESU e apoio institucional do Núcleo de Estudo e Pesquisa Educação e Sociedade Contemporânea, do Centro de Educação e do Centro de Desportos da UFSC, entre outras entidades.

O professor Fabio Machado Pinto, do Centro de Educação da UFSC, um dos organizadores do festival, explica que a capoeira é uma luta além de física, social. “Temos a missão de resgatar a memória da miséria e da desigualdade, de promover um diálogo entre a academia e o meio popular”, destaca . Ele explica que os grupos praticam e divulgam a capoeira como cultura, uma manifestação afrobrasileira que batalha por princípios e liberdade.

“A luta traz conscientização aos jovens, mostrando outros caminhos a serem seguidos. Muitos dos mestres de hoje eram menores abandonados que viram na capoeira outras possibilidades para o futuro”, complementa.

Mais informações: www.associacaoquilombola.org.br ou com o professor Fabio, fone (48) 9164-0461

As inscrições podem ser feitas pelos e-mails ,  pelos telefones (48) 8421-0976 / (48) 8447-9032 ou ainda no local da abertura do evento.

Por Carolina Lisboa / Bolsista de Jornalismo na Agecom

II Festival de Capoeira Angola da Ilha

Programação:

DIA 28/09 – Quarta-feira

Abertura: 19h às 21h30min – Fala de Mestres:
Nô, Lazaro
(Salvador);
Bandeira e Braulino
(São Paulo);
Pop, Pinóquio, Calunga e Polegar (Florianópolis);
Dindo (Porto Alegre).
Local:
Auditório do CDS – UFSC.

DIA 29/09 – QUINTA-FEIRA
12h às 13h –
RODA do Básico
Local: UFSC (Contra Mestre Khorvo)

19h – Fala Mestre
Bandeira: Treino na Rua e Roda Infantil
Local: Associação Cultural de Capoeira QUILOMBOLA – Areias/São José.
Responsável:
Professor Pai de Santo.

DIA 30/09 – SEXTA-FEIRA

11h às 13h30min – Fala Mestre:
Nô: Oficina: Movimento e comportamento de roda
Local: Ginásio de Alumínio – UFSC.
Responsável:
Contra Mestre Khorvo.

11h às 13h30min – Fala Mestre: Virgilio.
Oficina:
Canto e fundamentos de roda
Local: Associação Cultural de Capoeira Angola Quilombola/Balneário do Estreito.
Responsável:
Mestre Pinóquio.

19h – Batismo da Associação Cultural de Capoeira Angola Quilombola
Local:
Associação Cultural de Capoeira Angola Quilombola/Balneário do Estreito.
Responsável:
Mestre Pinóquio.

DIA 01/10 – SÁBADO

10h – 12h – RODA do Mercado
Local:
Praça XV. Responsável: Mestre Pinóquio.

12h – 14h – RODA da Figueira
Local:
Praça XV. Responsável: Mestre Pinóquio.
17h – Evento da Associação Cultural de Capoeira Angola Filhos da Resistência Areias/São José.
Responsável:
Mestre Pinóquio e Professor Pai de Santo.

DIA 02/10 – DOMINGO

9h30min – Roda Infantil embalada pelos mestres e Batismo do Grupo Quilombola.
Local:
Centro Cultural Escrava Anastácia – Monte Serrat
Responsáveis:
Mestre Pinóquio e Professor Biano.

16h – Batismo de Capoeira e Troca de Cordéis do Grupo Palmares.
Local:
CDS/UFSC.
Responsáveis:
Mestre Polegar, Contramestre Khorvo, professora Danuza e  Instrutor Bagé.

Tags: Capoeira da Ilha

UFSC realiza evento especial alusivo à abolição da escravatura no Brasil

04/05/2011 15:45

Apresentação na Sepex

O Projeto de Extensão “Capoeira da Ilha” promove de 10 a 13 de maio a primeira edição do evento Dona Isabel que história é essa?, com a proposta de refletir a situação da população e da cultura afrodescendente em Florianópolis e no Brasil. O evento é coordenado por professores do Departamento de Educação Física e Centro de Ciências da Educação (CED) da UFSC, e conta com a colaboração dos mestres e contramestres da Central Catarinense de Capoeira Angola (CECCA).

A programação será realizada no auditório do Centro de Desportos (CDS) da UFSC e inclui mesa-redonda sobre a história da capoeira na Ilha; relato da experiência da capoeira em Moçambique; rodas de capoeira; e conferência sobre relações raciais em Santa Catarina e no Brasil.

O projeto “Capoeira da Ilha” é realizado nas dependências do Centro de Desportos (CDS), sob a coordenação do professor Fábio Machado Pinto (MEN/CED/UFSC).

PROGRAMAÇÃO:

Terça-feira -10/5

18h30 – Mesa-redonda “História da Capoeira da Ilha”, com mestres de capoeira (Pop, Calunga, Pinóquio, Alemão).

Coordenador: Ac. Dalton Lopes Reis Junior (História)

Quarta-feira – 11/5

18h30 – “História de uma relação Brasil e África”: Relato da experiência da capoeira em Moçambique pela professora Danuza Meneghello e Edson Siof (mestre Polegar)

Coordenador: Ac. Arestides Macamo (Educação Física)

20h – Roda de Capoeira (mestre Polegar)

Quinta-feira -12/5

12h – Roda do Básico (C.M Khorvão)

18h30 – Conferência “Relações Raciais em Santa Catarina e no Brasil”, com

O professor Jeruse Romão.

Coordenador: professor Carlos Eduardo dos Reis (NEPESC/CED)

Sexta-feira – 13/5

18h – Feijoada “13 de maio”, no Centro Comunitário do Pantanal (CCPAN). O convite será vendido por R$ 15.

Coordenação: C.M Khorvão

Sabado – 14/5

12h – Roda da Figueira (mestre Pinóquio)

Inscrições e informações pelo e-mail .

Por Margareth Rossi/Jornalista da Agecom

Tags: Capoeira da IlhaCECCAcultura afrodescendenteprojeto de extensão