UFSC na mídia: reportagem destaca o ‘Constelação Catarina’, programa de desenvolvimento de sistemas espaciais

14/06/2021 14:03

Foto: divulgação/TV Brasil

O último episódio do programa Ciência é Tudo, da TV Brasil, que foi ao ar no último sábado, 12 de junho, apresentou o programa Constelação Catarina, que prevê o desenvolvimento, a fabricação e o lançamento de uma “constelação de satélites” voltados à defesa civil e a levar melhorias à agricultura de precisão. O projeto é desenvolvido pela Agência Espacial Brasileira, em parceria com instituições de Santa Catarina, e criado por meio de portaria publicada em 10 de maio de 2021.

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) é uma das integrantes do programa. Sua participação se dá por meio de dois laboratórios: o Spacelab, que opera na área de desenvolvimento; e o SC2C, com atuação na área gerencial da missão.

A reportagem pode ser conferida no site da TV Brasil e no Youtube.

Tags: nanossatélitePrograma Constelação CatarinasatéliteSC2C.Aerosistemas espaciaisSpaceLabUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC integra Programa Constelação Catarina, voltado ao desenvolvimento de sistemas espaciais

14/05/2021 11:10

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) integra o Programa Constelação Catarina e o Consórcio Catarina, criado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações. O programa “compreende um conjunto de iniciativas consorciais voltadas para o desenvolvimento de sistemas espaciais baseados no uso de nanossatélites, que se complementam por meio do compartilhamento colaborativo de infraestruturas espaciais, de conhecimento, de dados, de serviços e de aplicações espaciais”.

> Acesse a íntegra da portaria de criação

De acordo com a portaria, a Constelação Catarina é um conjunto de sistemas espaciais que atenderá, prioritariamente, aos setores agropecuário e de defesa civil nacionais, de maneira a contribuir para a agenda de desenvolvimento socioeconômico sustentável do país. A UFSC terá, até este momento, duas participações por meio dos laboratórios: SPACELAB/UFSC, atuando na área de desenvolvimento; e o SC2C/UFSC, atuando na área gerencial da missão.

A UFSC tem expertise em sistemas satelitais para os nanossatélites da constelação, da mesma forma que tem atuado no FloripaSat. A participação da Universidade se dará pela assinatura de Termos de Adesão, que são os documentos de associação à Constelação Catarina. A parceria é um trabalho da Pró-Reitoria de Pesquisa (Propesq/UFSC), a Bancada Catarinense, a Agência Espacial Brasileira (AEB), o Instituto Senai de Inovação e Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

 

Mais informações:
propesq@contato.ufsc.br

Tags: nanossatélitePrograma Constelação Catarinasatélitesistemas espaciaisUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina