Laboratório da UFSC organiza minicurso sobre Marxismo. Inscrições abertas

04/09/2019 16:45

O Laboratório Interdisciplinar de Ensino de Filosofia e Sociologia (Lefis) da UFSC organiza minicurso de Marxismo, dividido em módulos com 20 horas cada, com ênfase a temas específicos abordados pela teoria marxiana e marxista, em suas acepções filosóficas e científicas. As aulas serão ministradas pelo professor professor Valcionir Corrêa, dias 13, 20 e 27 de setembro e 4 de outubro, nas sextas-feiras, das 14h30 às 17h30. Estão disponíveis 20 vagas.

Módulo 1– Concepção, princípios e o sistema filosófico do Materialismo Histórico-Dialético;
Módulo 2 – Epistemologia e o Método Dialético;
Módulo 3 – Ser social e a teoria sociológica;
Módulo 4 – Teoria da Economia Política;
Módulo 5 – Teoria política e a práxis revolucionária;
Módulo 6 – Perspectivas teóricas marxistas (marxismos);
Módulo 7 – Teoria psicológica e pedagógica, e
Módulo 8 – Teoria ambientalista. Outros temas poderão ser sistematizados em novos módulos, atendendo interesses dos participantes.
(mais…)

Tags: LefismarxismoUFSC

Instituto de Estudos Latino-Americanos da UFSC promove lançamento do livro ‘Teoria Marxista da Dependência’

21/09/2018 16:36

O Instituto de Estudos Latino-Americanos (IELA/UFSC) da Universidade Federal de Santa Catarina promove o lançamento do livro “Teoria Marxista da dependência: problemas e categorias, uma visão histórica”. O evento ocorre na próxima quinta-feira, 27 de setembro, às 18h30, no Auditório do Centro Socioeconômico (CSE/UFSC). O livro é de autoria do professor de História da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Mathias SeibelLuce. Durante o lançamento haverá debate sobre o tema da dependência.
(mais…)

Tags: Centro SocioeconômicoIELAInstituto de Estudos Latino-Americanolançamentolivromarxismoteoria marxista da dependênciaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

‘Marx 200 anos: heranças marxistas’ é tema de mesa-redonda no dia 19 de junho

15/06/2018 15:19

A mesa-redonda “Marx 200 anos: heranças marxistas”, que integra uma série de eventos críticos comemorativos do segundo centenário do nascimento de Karl Marx, ocorre na próxima terça-feira, 19 de junho, às 18h30. A atividade é organizada pelos professores Luiz Gustavo da Cunha de Souza e Raúl Burgos, do curso de Sociologia e Ciência Política, e tem o apoio do Programa de Pós-graduação em Sociologia Política (PPGSP/UFSC). Além dos coordenadores, também participarão da mesa-redonda os professores José Carlos Mendonça, Ricardo Müller e Sônia Maluf. O evento, que será realizado no auditório do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH/UFSC), é aberto a todos.

O objetivo da mesa-redonda é discutir algumas das diferentes tradições de pensamento originadas na obra do filósofo alemão. As exposições partem do marxismo ocidental e seu ceticismo quanto às possibilidades revolucionárias, até o conselhismo operário e sua permanente ênfase na centralidade radical da classe operária e suas instituições, passando pelas interpretações de Gramsci e sua teoria da hegemonia, por Lukács e Thompson analisando a complexidade da constituição da classe social e seus elementos de consciência, pelas perspectivas marxistas no interior do feminismo contemporâneo, assim como outras variantes teóricas envolvidas nos discursos teóricos e políticos dos participantes.

Mais informações pelo e-mail 

 

Tags: heranças marxistasLukácsMarxMarx 200 anosmarxismomesa-redondaUFSC

Jornadas Bolivarianas discutem marxismo e revolução

02/05/2018 10:31

A 14ª Edição das jornadas Bolivarianas ocorre de 7 a 9 de maio, no auditório da Reitoria da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e no auditório do Centro Socioeconômico (CSE). O tema dessa edição é “Marxismo e Revolução: Teoria e Transformação social na América Latina”.

As jornadas Bolivarianas são um ciclo de conferências promovido pelo Instituto de Estudos Latino Americanos (IELA/UFSC), que discute temas sobre a América Latina. O IELA pretende que nessa edição seja elaborado, junto a pensadores brasileiros e de países vizinhos, um diagnóstico sobre a situação social e econômica em toda América Latina e seus possíveis desdobramentos, bem como alternativas de enfrentamento.

Mais informações na página do IELA ou pelo e-mail  ou pelo telefone (48) 37216483.

Confira a programação completa abaixo ou aqui. Inscrições gratuitas no local.

Dia 07 de maio – 8h30 – Auditório da Reitoria

Abertura oficial das Jornadas Bolivarianas

Conferência – As guerras do século XXI e o pensamento crítico

Ana Esther Ceceña (México)

Conferência: Marxismo e Revolução na América Latina

Nildo Ouriques (IELA/UFSC)

14h30 – Apresentação de Trabalhos – Auditório da Reitoria

1 – “Produção, Reprodução e Valor: Revisitando conceitos para um novo debate de gênero, classe e trabalho”, de Elisabeth Zorgetz Loureiro (UESC – Ilhéus, BA)

2 – “O editorialismo programático de vanguarda de Mariátegui”, de Carmen Susana Tornquist (UDESC – Florianópolis, SC)

3  – “A condição periférica brasileira na era do capital especulativo pós 1994: estágio superior da dependência”, de Fernando Augusto de Assis (UNSAM – Argentina)

4 – “Considerações acerca do neoliberlaismo na América Latina e suas alternativas”, de Jales Dantas da Costa (UnB – Brasília, DF) e Wolney Roberto Carvalho (UNILA – Foz do Iguaçú, PR)

18h30 – Auditório da Reitoria

Conferência “Revendo a dependência e suas alternativas: Uma leitura andino-marxista a partir da experiência equatoriana”

John Cajas-Guijarro (Equador)

Conferência “Capitalismo contemporâneo, acumulação fictícia e os dilemas latino-americanos”
Marisa Amaral (UFU)

Dia 08 de maio – 09h – Auditório da Reitoria

Conferência “Novos atores na luta e a busca pelas representações políticas no Paraguai”

Henrique Ferreira Bueno (Paraguai)

Conferência “Caio Prado Jr. e o Socialismo”
Luiz Bernardo Pericás (USP)

15h30 às 18h – Auditório do CSE

Exibição e debate do filme “Araguaia, presente”

Filme de André Queiroz e Arthur Moura.

18h30 – Auditório da Reitoria

Conferência “A transformação política em Nuestramérica e a transição do capitalismo ao socialismo”.

Julio Gambina (Argentina)

Conferência “Centralidade operária e corrente autonomista no Brasil: crítica à revisão do marxismo nos anos 1980/1990”

Angélica Lovatto (UNESP)

Dia 09 de maio – 09h

Conferência “Grito Latino, fotografia documental de Nuestra América maiúscula”

Facundo Cardella (Argentina)

Conferência “Teoria Social, ideologia e trabalho”

Ricardo Lara (UFSC)

Conferência “A Teoria Social de Marx: uma teoria revolucionária”

Sandra de Faria (PUC-Goiás)

14h30  às 18h –  Apresentação de Trabalhos – Auditório da Reitoria

1 – “Os ninguéns do ser nacional: sobre um povo à procura de si mesmo em Darcy Ribeiro”, de Demetrius Ricco Ávila (PUC-RS – Porto Alegre, RS)

2 – “Academia Militar de Venezuela, cuna de la Revolución Bolivariana: la formación de Hugo Rafael Chávez Frías en ‘La casa de los sueños azules’. 1971-1975”, de Santiago Giantomasi (UNILA – Foz do Iguaçú, PR)

3 – “O desenvolvimento local no Socialismo cubano e as contribuições da Universidade com sua Ciência, Tecnologia e Inovação”, de Nelson A. Garcia Santos (FURB – Blumenau, SC)

4 – “O pensamento político em saúde latino-americano: a contribuição de Floreal Antonio Ferrara para a crítica da Saúde Coletiva – primeiras notas”, de Leonardo Carnut (USP – São Paulo, SP) e Áurea Maria Zöllner Ianni (USP – São Paulo, SP)

Às 14h30 –  Exibição do filme “Bautista Vidal: Socialismo limpo, Capitalismo sujeira” – Auditório do CSE

Filme de Gilberto Felisberto Vasconcellos e Bruno Abdias Rocha.

18h30 – Auditório da Reitoria

Conferência “Acontrarevoluçãopoppósmoderna contra o marxismo”

Gilberto Felisberto Vasconcellos (UFJF)

Conferência “200 anos do nascimento de Marx e sua importância na Economia atual”

Orlando Caputo (Chile)

Tags: Estudos latino americanosIELAmarxismoUFSC

Ciclo de Estudos Marxismo e Forma discute obra do crítico literário Fredric Jameson

29/09/2017 10:29

O Ciclo de Estudos Marxismo e Forma, do Núcleo de Estudos História, Literatura e Sociedade, irá promover a discussão sistemática da obra Marxismo e Forma, do crítico literário Fredric Jameson. O evento será no dia 4 de outubro, às 18h30, na sala 10 do Departamento de História. 

A ideia do encontro é reunir pessoas interessadas nas relações entre história e literatura.

Mais informações pelo Facebook.

 

Tags: marxismoMarxismo e formaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC sedia V Encontro Brasileiro de Educação e Marxismo de 11 a 14 de abril

08/04/2011 16:15

O V Encontro Brasileiro de Educação e Marxismo (EBEM) será realizado no Centro de Eventos e outros locais da UFSC de 11 a 14 de abril. O tema será Marxismo, Educação e Emancipação Humana.

Organizado por pesquisadores e professores da UFSC, vinculados aos programas de pós-graduação em Educação (CED) e  em Sociologia Política (CFH), o evento contará com participantes dos Estados Unidos, Argentina e de várias universidades brasileiras.

A conferência de abertura será proferida por John Bellamy Foster, da University of Oregon/EUA. Ele é escritor, editor e professor de sociologia. Mesas temáticas acontecerão durante todos os dias contando com a presença, no segundo dia, de representantes de movimentos de trabalhadores do ensino e rurais. Além das mesas haverá lançamentos de livros e a apresentação de trabalhos.

O Encontro Brasileiro de Educação e Marxismo teve sua primeira edição no campus da Universidade Estadual de São Paulo em Bauru, São Paulo, em 2005. Nos anos seguintes o evento foi realizado na UFPR, na UFBA e no campus da UNESP de São José do Rio Preto – SP. Aqui na UFSC o evento é coordenado pelo Programa de Pós Graduação em Educação – PPGE.

Mais informações: www.5ebem.ufsc.br

Por José Fontenele/ bolsista de jornalismo na Agecom

Tags: educaçãomarxismo