UFSC firma termo de cooperação para oferta de mestrado em Educação no Timor-Leste

30/10/2023 16:15

Professor Irlan von Linsingen e o reitor Irineu. Fotos: Divulgação

O reitor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Irineu Manoel de Souza, assinou em 23 de outubro um Acordo de Cooperação Técnica com a Universidade Nacional Timor Lorosa’e (UNTL), do Timor-Leste, para implementação de um curso regular de Mestrado em Educação na universidade timorense. O mestrado terá coordenação técnica das professoras Suzani Cassiani e Patrícia Giraldi, do Centro de Ciências de Educação (CED), e do professor Irlan von Linsingen, todos do Programa de Pós-Graduação em Educação Científica e Tecnológica (PPGECT).
O acordo é assinado pela Associação Brasileira de Cooperação (ABC), do Ministério das Relações Exteriores (MRE), governo do Timor-Leste, UFSC e UNTL, sendo a UFSC a executora das atividades do projeto de cooperação, pelo lado brasileiro.

Além dos três coordenadores, outros oito professores da UFSC estão envolvidos na iniciativa. São cinco docentes do PPGECT e do PPG em Educação, que atuarão como professores orientadores, e três do Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação (PPGCIN), que vão auxiliar na organização de bibliotecas e realização de oficinas.

A equipe pedagógica do curso é formada por 33 professores doutores, dos quais 13 são timorenses da UNTL e 20 são docentes brasileiros: além do grupo da UFSC, participam também professores de instituições públicas de ensino superior de Pernambuco, Goiás, Tocantins, Rio Grande do Norte, São Paulo e Paraná e outros que atuam na Austrália, Portugal e China.
(more…)

Tags: cooperação técnicamestradoMestrado em Educaçãoreitor Irineu Manoel de Souzareitoriatermo de cooperaçãoTimor-LesteUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC e Ministério Público Federal assinam termo de cooperação técnica

09/06/2017 09:48

Fabre e Cancellier: parcerias. Foto: Marcus Vinícius/GR/UFSC

O reitor Luiz Carlos Cancellier recebeu nesta quinta, 8 de junho, o procurador-chefe da Procuradoria Federal de Santa Catarina, Roger Fabre, para assinatura de um Termo de Cooperação Técnica entre UFSC e MPF-SC. De acordo com o termo, a cooperação entre ambas instituições visa estabelecer uma sistemática de cooperação técnica, operacional e cientifica, voltada para o desenvolvimento de projetos ou atividades de interesses comuns no âmbito de suas respectivas competências.

Cancellier destacou que “parcerias como essas são de grande importância para a Universidade, uma vez que aproximam ainda mais instituições de Estado e ambas com foco na sociedade”. Uma das ideias é que a UFSC possa oferecer ao MPF resultados de pesquisas em diferentes áreas ligadas às várias atribuições do MPF, como Educação, Cidadania e Meio Ambiente, por exemplo.
(more…)

Tags: Ministério Públicoreitortermo de cooperaçãoUFSC

UFSC formaliza Termo de Cooperação com a Fiesc

20/05/2016 11:50
Foto: Divulgação FIESC

Foto: Divulgação Fiesc

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) formalizou um Termo de Cooperação para o desenvolvimento de um conjunto de atividades, em reunião na sede da Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc), na manhã do dia 20 de maio. A parceria entre as instituições se estenderá às áreas de ensino, pesquisa e extensão, além da realização de eventos. Entre os as atividades a serem desenvolvidas estão o intercâmbio de conhecimento e tecnologias e a realização de conferências, seminários, treinamentos, capacitações empresariais e outros eventos científicos, tecnológicos e de inovação conjuntos, além do desenvolvimento de projetos conjuntos de Pesquisa & Desenvolvimento, pesquisa aplicada, atividades de avaliação, inovação, experimentos e consulta a organizações públicas e privadas, com a elaboração de publicações conjuntas.

O Termo de Cooperação terá validade por 48 (quarenta e oito) meses, podendo ser renovado ou prorrogado até o limite máximo de 60 (sessenta) meses. A assinatura foi um dos atos de uma solenidade incluída na programação da Semana da Indústria e teve a presença de várias autoridades e dirigentes do setor produtivo catarinense.

Tags: Fiescgestãotermo de cooperaçãoUFSC

UFSC e Sapiens Parque assinam acordo para implantação de parque científico-tecnológico

13/08/2015 17:54

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e o Sapiens Parque S/A assinaram, na manhã da quinta-feira, 13 de agosto, termo de cooperação para a implantação do Parque Científico-Tecnológico da UFSC.  O acordo começou a ser discutido no segundo semestre de 2012 e foi elaborado por uma comissão bilateral. A cerimônia foi realizada na sede do Inpetro, no Sapiens Parque, em Canasvieiras.

O acordo mantém uma área de 250 mil metros quadrados de potencial construtivo para a UFSC e inclui um plano de ação que prevê a ocupação de 30% do espaço pela Universidade até 2021. Segundo a reitora Roselane Neckel, a assinatura é um marco da pesquisa e a inovação, inclusive no desenvolvimento das chamadas tecnologias sociais.“Poderemos nos aproximar das demandas e necessidades das empresas, ao mesmo tempo em que teremos a oportunidade de utilizar esse espaço para inovação. Neste momento, a Sapiens entra no planejamento da UFSC como um espaço para investimentos”, afirmou.

Reitora Roselane Neckel assina acordo para implantação de parque científico-tecnológico - Foto Jair Quint/Agecom/DGC/UFSC

Reitora Roselane Neckel assina acordo para implantação de parque científico-tecnológico. Foto Jair Quint/Agecom/DGC/UFSC

O documento formaliza o papel da Universidade como interveniente direta, juntamente com o Sapiens Parque. A gestão científica dos laboratórios será exclusiva da UFSC, e as instalações de novos ambientes de pesquisa serão feitas de forma coordenada. O próximo passo será definir as regras pelas quais os empreendimentos poderão atuar no local, afirma o pró-reitor de Pesquisa, Jamil Assreuy Filho. “O maior ganho desse acordo é que a UFSC vai ter o seu parque. Com isso, estamos prontos para ter a nossa incubadora tecnológica e a Agência de Inovação da UFSC. Abre-se uma oportunidade muito preciosa para os alunos de graduação e pós-graduação.” A vice-reitora Lúcia Helena Martins Pacheco avalia que “a incubação de novas empresas vai contribuir para a economia local e estadual e, em alguns aspectos, garantir soberania tecnológica para o país”.

O Sapiens Parque S/A, maior polo de inovação do estado, localizado em Canasvieiras, Florianópolis, é controlado pelo governo de Santa Catarina. Para seu diretor-executivo, José Eduardo Fiates, trata-se de um momento histórico para o empreendimento. “A tendência, agora, é ampliar o número de projetos de centros de pesquisa e institutos de tecnologia nesse conceito do Parque Científico e Tecnológico da UFSC dentro do Sapiens Parque”, explicou.

“O evento de hoje é o coroamento de dois esforços: do Sapiens e da Universidade. Quem ganha é a cidade de Florianópolis, o estado de Santa Catarina e toda a comunidade acadêmica, porque o acordo materializado é uma janela imensa para a inovação, a tecnologia e o desenvolvimento sustentável”, afirmou o diretor-presidente Saulo Vieira.

O  secretário adjunto de Desenvolvimento Sustentável do Estado de Santa Catarina, Marco Aurélio Andrade Dutra, representou o governador Raimundo Colombo na cerimônia. Em seu discurso, saudou a iniciativa e reafirmou a importância do incentivo à pesquisa científica no estado de Santa Catarina.

Para o prefeito César Souza Junior, “a vinda da UFSC é emblemática, porque é a junção de duas grandes forças da cidade, que é o seu ensino universitário, a maior e mais qualificada universidade do estado, que é a UFSC, vindo e apostando no Sapiens Parque. Essa presença da UFSC  fortalece ainda mais esse processo de termos Florianópolis cada vez mais uma cidade digital e focada na economia criativa”.

Também estiveram presentes o diretor de Ciência, Tecnologia e Inovação do Sapiens Parque e ex-reitor da UFSC, Diomário Queiroz;  o secretário de Ciência e Tecnologia de Florianópolis, José Henrique Domingues; e o  diretor de Projetos da Pró-Reitoria de Pesquisa (Propesq) da UFSC, Elias Machado  O evento contou ainda com a presença de diretores de centros, pró-reitores, secretários, técnicos e docentes da UFSC, e autoridades da Fundação Certi.

Parceria antiga

A UFSC participa do projeto Sapiens desde o seu início, em 2001, pela atuação de pesquisadores e pela participação no Conselho de Administração e nos Conselhos Consultivos do Sapiens Parque S/A. Nos projetos de pesquisa e inovação, a atuação da Universidade no Sapiens começou em junho de 2008, quando se iniciaram as negociações para a implantação do Instituto de Petróleo, Energia e Gás (Inpetro). O prédio, construído com recursos da Petrobrás, está em fase final de construção. Outros dois empreendimentos com a participação da Universidade estão implantados no local: o Laboratório de Energia Fotovoltáica, com recursos do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI); e o Centro de Análises de Fármacos, com recursos da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc), e dos ministérios da Saúde e da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). O acordo assinado nesta quinta-feira foi aprovado pelo Conselho Universitário (CUn) em dezembro de 2014 e pelo Conselho de Curadores da UFSC em fevereiro de 2015.

 

Bruna Bertoldi Gonçalves/Jornalista/ DGC/UFSC
imprensa.gr@contato.ufsc.br

Tags: implantação do Parque Científico-Tecnológico da UFSCSapiens Parquetermo de cooperaçãoUFSC