Oceanografia 10 anos: curso reúne importantes projetos na área de Ciências do Mar

19/09/2018 17:09

A criação de uma comissão para elaborar o projeto pedagógico de um curso na área de Ciências do Mar na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) surgiu como uma resposta da Pró-Reitoria de Graduação (Prograd) ao movimento de divulgação da área, iniciado pelo único grupo local especializado no campo, o MarUFSC, em agosto de 2006. 

O MarUFSC uniu cerca de 50 professores e técnicos-administrativos de diferentes departamentos com o objetivo de fomentar o estudo e pesquisa na área. O grupo funcionou entre 2003 e 2005 e promoveu debates e ações de integração entre os pesquisadores que já estudavam o campo da Oceanografia. O crescimento da mobilização representou para a Universidade a necessidade de um curso específico para os estudos relacionados ao mar.

A introdução da Oceanografia na UFSC foi oficializada em 2007, mas a data escolhida para comemoração foi 31 de março do ano seguinte, em 2008, quando foi realizada a aula inaugural para a primeira turma, ministrada pelo professor José Maria Landim Dominguez, da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Desde o primeiro ano, o curso tem se destacado, com a segunda maior procura no primeiro vestibular de que fez parte, em 2008, com 21 candidatos para cada uma vaga.

Reunião do grupo MARUFSC em 2003 na fortaleza da Ilha do Ratones

Inicialmente vinculado ao Departamento de Geociências, no Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) a grade curricular da Oceanografia estava estruturada no formato “multicentro”, com disciplinas sendo ministradas nos centros de Biologia (CCB), Física e Matemática (CFM), Tecnologia (CTC) e Ciências Agrárias (CCA).

A distribuição de disciplinas entre os centros foi a medida tomada para garantir o funcionamento adequado do curso em relação às diretrizes do Ministério da Educação (MEC), utilizando a infraestrutura e capacitação docente disponível no campus, como conta Jarbas Bonetti, professor do curso desde o início e um dos participantes da comissão de elaboração do projeto pedagógico. Desde então, era intenção do grupo criar laboratórios para cobrir as quatro maiores áreas da Oceanografia: Física, Química, Geológica e Biológica.

Em 2017, o curso de Oceanografia recebeu algumas melhorias na infraestrutura, como a secretaria de apoio a docentes e discentes. A mudança do Departamento para o Centro de Ciências Físicas e Matemáticas também agregou novos espaços, como uma sala específica para o desenvolvimento das disciplinas.

O curso de Oceanografia tem reunido importantes projetos na área das Ciências do Mar durante os mais de dez anos de funcionamento. O Veleiro de Expedições Científicas Oceanográficas (ECO), o primeiro projetado com tecnologia integralmente desenvolvida na Universidade, entrou em operacionalização este ano, em parceria com o Departamento de Engenharia Mecânica. O veleiro tem capacidade para hospedar até dez pessoas e permite expedições científicas de grande porte, como expedições polares. Outro projeto recente, em parceria com o Departamento de Engenharia Mecânica e o Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), é a base de observação do oceano e atmosfera, inaugurado em agosto.

Em 2012, no mesmo movimento que deu início à criação do curso de graduação, 11 professores foram reunidos em uma comissão para elaborar o Programa de Pós-Graduação em Oceanografia da UFSC. O PPGOceano foi aprovado em 2014 pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) com conceito 3. No mesmo ano, foi realizada a primeira seleção e composição da turma de mestrado, composta por 11 alunos. A primeira turma de mestrandos no Programa concluíram o curso no primeiro semestre de 2016.

Histórico

Os esforços nos estudos da Oceanografia na Universidade começaram décadas antes da implantação do curso ou mesmo da criação do MarUFSC. A estruturação da UFSC na forma de Centros de Ensino e Departamentos promoveu uma fragmentação dos estudos voltados às Ciências do Mar, que se desenvolveram de forma relativamente independente em distintos departamentos.

O Núcleo de Estudos do Mar (NEMAR) foi criado em 1983 e realizava a integração multidisciplinar dos estudos relacionados à Oceanografia. Segundo o professor Jarbas, no final da década de 1990, a UFSC contava com diversos laboratórios envolvidos em estudos oceanográficos, e desenvolvendo relevantes pesquisas junto aos departamentos de Aquicultura, Geociências, Ecologia e Zoologia, Química, Bioquímica e Engenharia Sanitária e Ambiental, entre outros.

A criação do MarUFSC foi resultado de encontros realizados após a declaração da UNESCO, que considerou o ano de 1998 como o Ano Internacional dos Oceanos e criou d Comissão Nacional Independentes sobre os Oceanos.

Imagens e informações do artigo História da Oceano, pelo professor Jarbas Bonetti

Erick Souza / Estagiário de Jornalismo da Agecom / UFSC

Tags: Centro de Ciências Físicas e MatemáticasCentro de Filosofia e Ciências HumanasCFHCFMCiências do MarDepartamento de GeociênciasMarUFSCoceanografiaPró Reitoria de Ensino de GraduaçãoVeleiro ECO