Estudantes da UFSC deflagram greve e outras categorias debatem situação em assembleias

11/09/2019 09:50

As categorias discente, docente e técnica-administrativa em Educação da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) debatem em assembleias as ações a serem tomadas diante dos cortes orçamentários que a Universidade vem sofrendo nos últimos meses.

Nesta terça-feira, 10 de setembro, foi realizada uma Assembleia Estudantil que deliberou a paralisação dos estudantes de graduação da UFSC. Os motivos que levaram à decisão estão apresentados na Carta de Deflagração da Greve Estudantil, divulgada pelo Diretório Central dos Estudantes Luís Travassos da Universidade Federal de Santa Catarina (DCE/UFSC) ainda no dia 10.

Na tarde de quarta-feira, dia 11, a reitora em exercício, Alacoque Lorenzini Erdmann recebeu, em seu gabinete, representantes do movimento estudantil que entregaram a Carta de Deflagração com as reivindicações.

Os professores da UFSC realizaram uma Reunião Ampliada, também na terça-feira, dia 10/09, e promovem na próxima segunda-feira, dia 16, a Assembleia Geral Extraordinária da Apufsc para decidir se a categoria deflagra ou não greve em função dos cortes orçamentários.

Os técnicos-administrativos em Educação têm Assembleia convocada pelo Sintufsc para esta quinta-feira, dia 12 de setembro, às 14 horas, no hall da Reitoria.

A Administração Central avalia os desdobramentos do movimento estudantil na UFSC; mais informações podem ser acompanhadas nos sites das entidades: DCEApufsc e Sintufsc.

Acesse a Carta de Deflagração da Greve Estudantil da UFSC

Tags: corte orçamentário UFSCCortes na Educaçãogreve UFSCUFSC

Mesa de conversa discute cortes na educação e reforma da previdência nesta segunda-feira, 12 de agosto

12/08/2019 09:52

O Centro Acadêmico Livre de Psicologia (Calpsi) promove a mesa de conversa “Cortes na Educação e Reforma da Previdência”, no auditório do Centro de Filosofia e Ciências Humanas nesta segunda-feira, 12 de agosto, às 15h. 

A mesa terá a participação de Elenira Vilela, professora do Instituto Federal de Santa Catarina e integrante do Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica (Sinasefe) e João Silvestre, integrante do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde e Previdência do Serviço Público Federal (Sindprevs).

Mais informações pelo Facebook.

 

Tags: Cortes na EducaçãoprevidênciaReforma da PrevidênciaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina