Estudantes da UFSC criam aplicativos de celulares para facilitar o dia a dia

03/07/2013 15:16

Pedro Braga e Gabriel Langer, do curso de Engenharia Mecânica e Ciências da Computação, desenvolveram aplicativo para a festa Metal Mecânica. Foto: Henrique Almeida / Agecom / UFSC

Verificar trajetos e horários de ônibus, acessar o cardápio atualizado do Restaurante Universitário, saber os detalhes da festa do fim de semana e acompanhar letras de música em tempo real. Essas são algumas das funções dos aplicativos criados por alunos da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), atentos à popularização das tecnologias móveis. Segundo pesquisa da consultoria IDC, só em 2012 o Brasil registrou a venda de 30 smartphones por minuto, um crescimento de 78% em relação ao ano anterior.

Seja como Trabalho de Conclusão de Curso ou como hobby, o fato é que estudantes ligados a áreas de tecnologia e programação desenvolvem cada vez mais produtos para este nicho de mercado recente e a resposta dos usuários é positiva: juntos, cinco dos aplicativos criados na Universidade somam aproximadamente 25 mil downloads e a média das avaliações é de 4,6, em uma escala de cinco.

Apenas o aplicativo Music Max, do estudante Max Müller, da quinta fase do curso de Engenharia de Controle e Automação, acumula cerca de 20 mil downloads desde que foi lançado, há pouco mais de um mês. Foi a dificuldade em decorar letras de música que motivou o aluno a produzir o aplicativo, que faz download automaticamente da letra da canção selecionada pelo usuário e a reproduz em sincronia, como a legenda de um filme. “Comecei a desenvolvê-lo no início de janeiro, durante o recesso escolar, e finalizei a primeira versão no final de maio. Foi como um hobby para mim, programava nas horas vagas entre os estudos”.

Já para o estudante Lucas Oceano, da quinta fase de Sistemas de Informação, o interesse em criar o RU da UFSC surgiu como uma forma de facilitar o acesso ao cardápio do Restaurante Universitário através de smartphones. O funcionamento do aplicativo, que conta com uma média de dois mil downloads, é dividido em duas partes: a primeira, o servidor, verifica se há alguma alteração no site do RU. A segunda, o cliente, busca atualizações no servidor através de um comando do usuário, que recebe as informações das refeições da semana na tela do celular. O aluno Lucas Kurth, da quarta fase de Engenharia de Materiais, usa o aplicativo todos os dias e comprova sua utilidade. Ele conta que o programa funciona bem e está sempre atualizado.

Foi também pensando nos estudantes que Gabriel Langer e Pedro Braga, da primeira fase dos cursos de Ciências da Computação e Engenharia Mecânica, respectivamente, desenvolveram o aplicativo para a festa Metal Mecânica, organizada por alunos do curso desde 2012. A finalidade do programa é divertir e informar o público com recursos como câmera personalizada com a marca do evento, programação dos shows e informações sobre a festa. E os alunos querem mais: “desejamos que todas as festas da UFSC possuam um aplicativo oficial, pois acreditamos que, com o surgimento de novas tecnologias, novas formas de entreter o público são necessárias”.

Com a intenção de diminuir o tempo de espera nos pontos de ônibus, os alunos do curso de Engenharia de Controle e Automação Leandro Shimanuki, Thiago Gouvea e Vinícius Neves criaram o Rotas e Mapas. O aplicativo oferece informações como horários de saída de ônibus, valor da tarifa, distância percorrida e mapa da rota, por enquanto, apenas de linhas que se conectem à Universidade. Michele Freitas, estudante da quarta fase de Arquitetura e Urbanismo, testou o produto e aprovou. “Achei bem interessante e o mais legal é que é possível usá-lo mesmo sem estar conectado à internet”.

Com o mesmo objetivo, o estudante da sétima fase do curso de Ciências da Computação Matheus Villela desenvolveu o Bus Maps. O aluno, que entre 2010 e 2012 participou da criação da versão móvel do Windows Live Messenger para duas operadoras de celular, produziu o aplicativo como Trabalho de Conclusão de Curso. Além dos horários e mapas dos trajetos de toda as linhas municipais, o programa disponibiliza a localização aproximada e previsão de chegada do ônibus desejado. Até agora, o “Bus Maps” acumula cerca de dois mil downloads e a meta de seu criador é que atinja o público de dez mil usuários.

Fernanda Costa / Estagiária de Jornalismo da Agecom / UFSC

Fotos: Jair Filipe Quint e Henrique Almeida / Agecom / UFSC
e

Saiba mais:

:: Music Max

:: RU da UFSC

:: Metal Mecânica

:: Rotas e Mapas

:: Bus Maps

Tags: aplicativos de celularesCTCRUUFSC