Agentes de comunicação apresentam sugestões para aperfeiçoamento do Portal de Egressos da UFSC

26/02/2021 16:47

Integrantes do grupo de trabalho Agentes de Comunicação apresentaram nesta quinta-feira, 25 de fevereiro, a membros da Administração Central da UFSC uma proposta de aperfeiçoamento do Portal de Egressos da Universidade e sugestões para o estabelecimento de uma política de gestão de ex-alunos.

Com apoio da diretora da Agência de Comunicação (Agecom), Mayra Cajueiro Warren, os agentes fizeram uma apresentação remota ao reitor Ubaldo Cesar Balthazar, ao pró-reitor de Graduação, Daniel de Santana Vasconcelos, ao diretor do Departamento de Integração Acadêmica e Profissional (DIP), Alexandre Lenzi, e ao representante da pró-reitoria de Pós-Graduação, João Henrique de Medeiros. A professora Andressa Sasaki Vasques Pacheco, do Programa de Pós-Graduação em Administração Universitária (PPGAU), participou como convidada.

Os agentes apresentaram aos administradores o resultado de um trabalho desenvolvido desde 2019. A partir da constatação de que o Portal de Egressos da UFSC estava sem atualização e com sua capacidade de interação com ex-alunos subaproveitada, o grupo temático “Egressos” do GT se dedicou à tarefa de buscar propostas de aperfeiçoamento. O trabalho envolveu diagnóstico do site, consulta a portais de universidades nacionais e internacionais e também análise de bibliografia a respeito do assunto.

Em síntese, o grupo propôs ações de curto, médio e longo prazo para o Portal de Egressos da UFSC e apresentou um plano de ação e estratégias para alcançar os objetivos, além de sugestões para uma política de gestão de egressos. Também foram apresentadas inciativas e potencialidades das redes sociais para alcance e estabelecimento de contato com ex-alunos. De acordo com dados apresentados por Alexandre Lenzi, a UFSC tem hoje 96 mil alunos egressos da graduação e 48 mil egressos da pós-graduação.

Após a apresentação, o reitor Ubaldo César Balthazar declarou disposição da Reitoria em fazer avançar as propostas apresentadas. Ele afirmou que tem mais simpatia pelo termo “alumni“, que significa ex-aluno, do que à expressão “egresso”, que tem uma conotação de quem já deixou a Universidade. Também lembrou que muitas associações de ex-alunos, no Brasil e principalmente no exterior, são independentes das Universidades e algumas colaboram com a obtenção de recursos financeiros para as instituições.

A professora Andressa salientou que deve-se usar duas estratégias diferentes na abordagem da questão dos ex-alunos: uma voltada aos atuais egressos, tendo o Portal como ferramenta, e outra centrada nos atuais alunos da UFSC, para desenvolver vínculos com a instituição que possam ir além do período de estudos.

O pró-reitor Daniel Vasconcelos mostrou apoio à iniciativa e afirmou que a Prograd pretende melhorar a comunicação com os coordenadores de cursos para que eles também se envolvam na criação, entre os alunos, dessa cultura de pertencimento à Universidade.

 

 

Tags: agentes de comunicaçãoAlumniEgressos UFSCEx-alunosportal de egressosUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Única conselheira da Associação de Ex-alunos da Engenharia Mecânica é exemplo de dedicação

03/03/2020 12:08

Com previsão de se tornar doutora em 2020, Priscila da Costa Gonçalves foi a primeira pessoa da família a obter diploma universitário. Ela fez estágio e mestrado-sanduíche na Alemanha – tendo se mudado sozinha para estudar no país quando tinha 25 anos. Desde 2017, conduz pesquisas de solda no estado sólido com um forno avaliado em R$ 4 milhões e instalado num laboratório da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). E como aceitar desafios é uma peculiaridade desta pesquisadora, tornou-se a única mulher – entre 24 homens – a ocupar posto de decisão na Associação de Ex-alunos do Departamento de Engenharia Mecânica (Alumni EMC).

Em 2008, a blumenauense veio de São Carlos – onde estudava Física –, para fazer Engenharia de Materiais em Florianópolis. Logo no primeiro ano do curso, para se manter na capital catarinense, começou a trabalhar das 14h às 22h. A cada 15 dias, folgava nos domingos. A folga era relativa, pois servia para estudar, como fazia também em muitas madrugadas.

Foi por causa de um 10 obtido numa avaliação da disciplina Introdução a Engenharia de Materiais que o professor Aloisio Nelmo Kein começou a apostar no potencial da graduanda e ofereceu a ela uma bolsa de Iniciação Científica no Laboratório de Materiais (LabMat). Entre seus temas de pesquisa nesta fase constavam Metalurgia do pó, Aços sinterizados auto-lubrificantes e Tratamentos de superfície assistidos por plasma.
(mais…)

Tags: AlumniAlumni EMCLaboratório de Engenharia de Processos de Conversão e Tecnologia de Energia (Lepten)Laboratório de Materiais (LabMat)Laboratório de tubos de calor (LABTUCAL)Programa de Pós-Graduação em Ciência e Engenharia de Materiais (PGMAT)UFSC