Núcleo de Estudos Afro-brasileiros, Indígenas, Latino-americanos e Quilombolas participa de ação na Câmara Municipal de Araranguá

24/11/2021 08:53

Foto: divulgação

O Núcleo de Estudos Afro-brasileiros, Indígenas, Latino-americanos e Quilombolas (Neabi) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), representado pela assistente social Jessica Saraiva, participou de uma sessão da Câmara de Vereadores de Araranguá alusiva à Semana da Consciência Negra. A atividade ocorreu na noite da última segunda-feira, 22 de novembro, após requerimento do vereador Jair Arcênego Anastácio (PT).

Servidora do Campus de Araranguá e uma das fundadoras do Neabi, Jessica discursou sobre a importância das políticas de ações afirmativas nos cursos de graduação das instituições federais e as várias desigualdades que constituem as vidas de mulheres negras, além de ressaltar a necessidade de acabarmos de uma vez por todas com a escravidão contemporânea. Demarcou, ainda, a presença da comunidade quilombola Maria Rosalinda no município e sua invisibilidade. 

Jessica é também pesquisadora do Grupo de Pesquisa em Antropologia e Sociologia da Saúde (Ilera), no qual estuda a saúde mental da população negra, e tem lutado, no Campus de Araranguá, por uma práxis antirracista junto de estudantes e servidores técnico-administrativos e docentes.

Tags: AraranguáCampus Araranguáconsciência negraNEABIUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina