Avaliação de Desempenho dos TAEs da UFSC segue até 1º de outubro

13/09/2021 08:24

Está em andamento, desde 1º de setembro, o período de Avaliação de Desempenho dos TAEs, etapa 2021. Servidores técnico-administrativos em Educação (TAEs) e suas chefias devem preencher os formulários on-line até o dia 1º de outubro.

A iniciativa anual é da Pró-Reitoria de Desenvolvimento e Gestão de Pessoas (Prodegesp) da UFSC, por meio da  Coordenadoria de Avaliação e Desenvolvimento na Carreira (CADC) do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas (DDP). 

A avaliação é realizada por meio do Sistema Gestor de Avaliação de Desempenho (Sigad). Para essa edição, que ocorre nos moldes dos anos anteriores, será considerado o período de 2 de setembro de 2020 a 1º de setembro de 2021, conforme descrito na Portaria Normativa nº 404/2021/GR, que dispõe sobre o processo. De acordo com a Lei nº 11.091/2005, para ter direito à progressão por mérito profissional – mudança para o padrão de vencimento imediatamente subsequente – o servidor deve apresentar resultado fixado em Programa de Avaliação de Desempenho.

Carla Cristina Dutra Búrigo, pró-reitora de Desenvolvimento e Gestão de Pessoas, observa que a Avaliação de Desempenho é uma etapa fundamental no processo de desenvolvimento da vida funcional do servidor. “Estamos iniciando mais uma etapa do Processo de Avaliação de Desempenho dos STAE. Esta etapa é de fundamental importância para o desenvolvimento profissional dos nossos servidores e para a Instituição.  Mesmo com os desafios vivenciados com a Pandemia, na etapa de 2020, foram realizadas 5.875 Avaliações. Um saldo extremamente positivo. O ano de 2021 é o segundo ano em que a avaliação de desempenho será realizada durante o período da pandemia. Mesmo diante deste cenário desafiador, é de suma relevância a participação de todos, em um processo dialógico, de construção e de desenvolvimento de cada servidor e da Instituição”.

A Avaliação de Desempenho dos TAEs da UFSC é realizada por sistema on-line desde 2017, por meio do Sigad, um sistema produzido por analistas de sistemas da UFSC em conjunto com a CADC. É de responsabilidade da chefia imediata dar suporte à realização da avaliação para aqueles que não tiverem acesso à internet ou enfrentarem dificuldades para fazer a avaliação. Também é atribuição do gestor promover a comunicação e interação com a equipe e proporcionar o feedback, conforme orientações no Manual criado pela CADC.

Avaliação de Desempenho

A Avaliação de Desempenho, que não substitui o estágio probatório, tem como objetivos fornecer indicadores que subsidiem o planejamento institucional, oportunizar o desenvolvimento dos servidores e avaliar o desempenho no cargo. Possibilita ações com vistas à melhoria dos processos de trabalho e fornece dados para a elaboração dos programas de capacitação e o dimensionamento das necessidades institucionais de pessoal e de políticas de saúde ocupacional. Além disso, visa ampliar os canais de comunicação entre as equipes de trabalho e subsidiar a concessão da progressão por mérito profissional.

Na autoavaliação, o servidor explicita o julgamento sobre o próprio desempenho, o que proporciona a oportunidade de esclarecimentos entre avaliador e avaliado. Dessa forma, o processo não ocorre sob a responsabilidade exclusiva da chefia, e divergências de percepção podem ser discutidas, com a possibilidade de orientação conduzida pelo gestor. 

A avaliação feita pelo gestor imediato deve contemplar a análise do desempenho do servidor na realização de suas atividades, e considerar o desenvolvimento de competências durante o período avaliado.

Confira a legislação, o Manual e outros materiais de apoio disponibilizados pela equipe da  CADC no site avaliacaodedesempenho.ufsc.br. Dúvidas e pedidos de informação devem ser encaminhados à equipe pelo e-mail cadc.ddp@contato.ufsc.br.

Tags: Avaliação de DesempenhoPró-Reitoria de Desenvolvimento e Gestão de Pessoas (PRODEGESP)Sistema Gestor de Avaliação de Desempenho (SIGAD)UFSCUniversidade Federal de Santa Catarina