Palestrante reflete sobre eficácia do uso da tecnologia no combate à criminalidade

29/06/2018 14:58

O professor Lucas Melgaço foi o último palestrante do evento Seminário Internacional de Ciência, Tecnologia e Inovação em Segurança Pública. Foto: Jair Quint/Agecom/UFSC

A tecnologia previne crimes? O que é mais eficaz, investir em iluminação pública ou em câmeras de vigilância? O uso de câmeras corporais é inovador? Questionamentos como esses fizeram parte da reflexão trazida pelo professor Lucas de Melo Melgaço, pesquisador da Vrije Universiteit Brussel, em Bruxelas, Bélgica. Melgaço foi o último palestrante do Seminário Internacional de Ciência, Tecnologia e Inovação em Segurança Pública (Sicti), encerrado nesta sexta-feira, 29 de junho, no Centro de Cultura e Eventos da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Com a palestra intitulada “O que há de novo no front? Uma reflexão sobre a eficiência das novas tecnologias da informação em segurança pública”, Melgaço buscou confrontar concepções já difundidas a respeito do uso de tecnologias no combate à criminalidade com inovações que têm surgido e sua eficácia. Geógrafo formado pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), atua nas áreas de planejamento urbano e segurança pública, violência, vigilância informacional, conflitos em espaços públicos, movimentos sociais e novas tecnologias da informação e comunicação. Além disso, é editor-chefe da revista Criminological Encounters.
(mais…)

Tags: CTCEGCEngenharia e Gestão do ConhecimentoLucas de Melo MelgaçoSeminário Internacional de CiênciaSICTITecnologia e Inovação em Segurança PúblicaUFSCUniversidade Federal de Santa CatarinaVrije Universiteit Brussel