Espetáculo Viandeiros se apresenta no Teatro da UFSC

30/09/2011 19:22
.

O monólogo traz narrativas como a história do homem branco que faz simpatia para virar índio

O espetáculo Viandeiros, vencedor de três prêmios – espetáculo, figurino e sonoplastia – no 17º Concurso Nacional de Monólogos de Festival de Teatro de Teresina, em 2009, se apresenta nos dias 30 de setembro e 1 e 2 de outubro, sempre às 20 horas, no Teatro da UFSC, ao lado da Igrejinha. Os ingressos custam R$ 20,00 a inteira e R$10,00 a meia.

Fruto de pesquisas realizadas em diversas regiões do Brasil, Viandeiros, de Luiz Canoa, é um espetáculo que passa pela música, dança e teatro, transportando o público para uma viagem pela diversidade cultural brasileira. É através dos personagens representados pelo ator e músico Luiz Canoa, em suas transformações vocais e corporais que trazem sotaques e comportamentos diversos, que está o passaporte para essa viagem. Em um ambiente lúdico, mas ao mesmo tempo sagrado, o espetáculo, que tem duração de 50 minutos, aborda temas como liberdade, poder, tradição, contemporaneidade e religião.

O monólogo traz narrativas como a história do homem branco que faz simpatia para virar índio. A religiosidade e a arte também fazem parte do espetáculo. “Desde a infância tive contato com a religiosidade brasileira, como umbanda e candomblé. Depois comecei a viajar pelo Brasil e notei que o lúdico e religioso estão muito interligados e presentes na arte popular”, comenta o ator Luiz Canoa.

Além de ter sido premiado no único concurso de monólogos do Brasil (Concurso Nacional de Monólogos de Festival de Teatro de Teresina), o espetáculo Viandeiros, criado em 2004, também recebeu os prêmios de melhor ator, direção e sonoplastia no 7º Festival de Teatro de Campo Mourão, em 2007.

Sobre Luiz Canoa

Luiz Canoa, nome artístico de Luiz Naim Haddad, nasceu em São Paulo, no dia 16 de julho de 1969. Filho único de um casal de surdos e mudos, Georgina Cilento Haddad e Naim Haddad, Luiz formou-se músico, ator, professor e pesquisador.

Desde muito cedo pôde estabelecer um contato próximo com a religiosidade popular afro-brasileira, o que lhe despertou a curiosidade sobre a existência de planos sobre a realidade. Com 15 anos, Canoa começou a fazer parte de grupos folclóricos, onde se deparou com a dança, a música e o teatro. Na mesma época, passou a participar de grupos de música e teatro amadores.

Em 1992, Luiz começou a estudar música na UNICAMP, em São Paulo. Ingressou na Universidade como baterista e desenvolveu trabalhos em grupos como Salsambando, Banda Folela e Big Band, além de tocar em alguns concertos com a Orquestra Sinfônica de Campinas.

.

Viandeiros recebeu os prêmios de melhor ator, direção e sonoplastia no 7º Festival de Teatro de Campo Mourão, em 2007

Durante a faculdade, Luiz Canoa criou diversos projetos como os grupos Choro Bandido e Grupo Gandaiá. Após passar por grupos paulistas como o Mais Patadas e Cia Cirandolé, Luiz passou a interagir sua arte musical com o teatro. Foi quando conheceu o trabalho do LUME, através de um curso com Carlos Roberto Simione. Nessa época, Canoa começou a se dedicar em apresentações onde ele tocava, dançava e representava.

Luiz Ingressou no mestrado em artes da Unicamp com o trabalho intitulado “A Presença Cênica na Obra de Antônio Nóbrega”. O contato com Nóbrega proporcionou um mergulho na relação da dança popular como treinamento e possibilidades criativas. Foi durante o mestrado que Luiz viajou por diversas regiões do Brasil estudando as manifestações populares, de onde saiu a inspiração para o espetáculo Viandeiros.

De 2003 a 2005, Canoa ministrou disciplinas de Interpretação, Improvisação e expressão Vocal na UDESC. Na mesma época, começou a circular pelo SESC como contador de Histórias e professor do curso de Formação de Contadores de Histórias, onde segue até hoje.

Em Florianópolis, trabalhou com o Grupo Teatro Jabuti como ator, músico, preparador vocal e corporal nos espetáculos Eleontina (Premio Palco Habitasul de montagem Cênica) e com o Circo sem Lona (Premio Miriam Muniz).

SERVIÇO

O QUÊ: Apresentação do espetáculo Viandeiros, de Luiz Canoa.

QUANDO: Dias 30 de setembro, e 1 e 2 de outubro de 2011, às 20horas

ONDE: Teatro da UFSC, ao lado da Igrejinha, praça Santos Dumont, Trindade, Florianópolis

QUANTO: R$ 20,00 a inteira e R$10,00 a meia

CONTATO: Produção – Luiz Canoa (48) 9994-3855

Fonte: Rafael Gomes – Acadêmico de Jornalismo, Assessoria de Imprensa do Departamento Artístico Cultural (DAC): SECARTE: UFSC

Tags: DACEspetáculo Viandeirosteatro

Espetáculo Viandeiros se apresenta no Teatro da UFSC

29/09/2011 16:00

O espetáculo Viandeiros, vencedor de três prêmios – espetáculo, figurino e sonoplastia – no 17º Concurso Nacional de Monólogos de Festival de Teatro de Teresina, em 2009, se apresenta nos dias 30 de setembro e 1 e 2 de outubro, sempre às 20 horas, no Teatro da UFSC, ao lado da Igrejinha. Os ingressos custam R$ 20,00 a inteira e R$10,00 a meia

(mais…)

Tags: Espetáculo ViandeirosTeatro UFSC