UFSC oferece capacitação a professores do ensino fundamental de Araranguá

28/04/2020 10:47

Desde o dia 14 de abril, aproximadamente 150 professores da rede municipal de Araranguá participam do curso Tecnologias Interativas na Sala de Aula: atualização das práticas docentes – Edição Emergencial – Mídias Digitais na Educação (tecinterativas-ufsc.tk), ofertado pelo Campus Araranguá da Universidade Federal de Santa Catarina (USFC), por meio do Laboratório de Mídia e Conhecimento (Labmidia). O curso, integralmente on-line e com 20 horas de duração, apresenta tecnologias digitais interativas, seu uso, possibilidades didáticas e recursos pedagógicos para os professores da rede trabalharem atividades virtuais com os alunos de ensino fundamental.

O curso faz parte do portfólio de ações que o Labmidia oferece por meio de projetos de extensão e foi ministrado pelos professores Fernando José Spanhol, Patricia Jantsch Fiuza e Jonatan Santos Bereta, e contou com a colaboração das alunas de mestrado do Programa de Pós-Graduação em Tecnologias da Informação e Comunicação (PPGTIC) Lilian Isana Gonçalves Rocha Oenning, Maria Helena Machado Sorato, Paula Behenck Machado e Vitoria Gabrielle Miliolli e do aluno de doutorado do Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento (PPGEGC) Rangel Machado Simon.

Além do curso ministrado pelos integrantes do Laboratório, os professores e estudantes da rede municipal de ensino também contam com o apoio do Laboratório de Tecnologias Computacionais (LabTeC) da UFSC Araranguá, que capacita os professores para usarem o Sistema Tutor Inteligente Mazk.

O Mazk é um tutor inteligente que possui uma proposta diferente das demais tecnologias educacionais porque utiliza técnicas de Inteligência Artificial para acompanhamento do desempenho do aluno, correção automática das questões dissertativas, chatbot para auxiliar o professor, automatização do nível de conhecimento dos alunos e das questões, além do reconhecimento de expressões faciais (que está em fase de implantação).

Atualmente, aproximadamente 5,7 mil alunos do ensino pré-escolar e fundamental de Araranguá e outros municípios da região da Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense (Amesc) utilizam o Sistema Tutor Inteligente. O Mazk é um projeto coordenado pela professora Eliane Pozzebon e foi integralmente desenvolvido por pesquisadores e alunos do Campus Araranguá.

Os professores, alunos e pais que fazem uso do Mazk também contam com uma equipe de suporte do LabTeC, que fica à disposição para auxiliar no esclarecimento de dúvidas quanto à utilização do sistema. Existe ainda o suporte realizado via WhatsApp e a disponibilização de vídeos tutoriais em um canal do Youtube, que é atualizado com videoaulas das professoras Edilene Valeriano e Susi Oliveira, da rede municipal de Educação.

Participam também do projeto do Mazk: os alunos de graduação em Engenharia de Computação da UFSC Campus Araranguá Nicolas Baumle e Julio Carraro, responsáveis pela orientação dos alunos e professores; Vinicius Capistrano, Luiza Castilho e Jimy Li Yan, responsáveis pela autorização de novos usuários (professores) e pela edição dos vídeos e divulgação dos tutoriais; Felipe Zago Canal e Tobias Rossi Müller, responsáveis pelo desenvolvimento do sistema.

Além de todo o apoio da equipe do LabTeC, o Mazk possui um tutorial interativo, manuais e um chatbot para auxiliar os professores. Destaca-se que, além do Labmidia e do LabTeC, na UFSC Araranguá existem outros grupos e laboratórios de pesquisa que colaboram com as escolas municipais na implantação das aulas na modalidade a distância.

Tags: capacitaçãoLabmidiaLabtecMazkUFSC Araranguá