1º Encontro sobre Memória e Direitos Humanos abre período para submissão de trabalhos

24/06/2019 15:28

O 1º Encontro sobre Memória e Direitos Humanos, organizado pelo Instituto Memória e Direitos Humanos da UFSC, convida os estudantes, professores, pesquisadores e membros da comunidade para envio de trabalhos relacionados à temática proposta para o Encontro até dia 12 de agosto de 2019. O Encontro tem como tema Violências de Estado no Passado e no Presente e abordará o assunto com enfoque em seus avanços, recuos, e desafios atuais e futuros. Além de mesas redondas e palestras, estão programadas sessões de apresentação de trabalhos. Todas as propostas deverão ser submetidas exclusivamente pelo e-mail oficial do evento. O evento ocorrerá nos dias 25 e 26 de setembro, no Auditório da Reitoria e Hall da Reitoria para exposição.

Sobre a submissão

A proposta de trabalho a ser enviada deve abordar um dos seguintes tópicos:

• Violência de Estado no período da ditadura civil-militar de 1964: violência política, de gênero e étnico-raciais: indígenas, negros
• Violência de Estado pós-Constituinte: violência política, de gênero e étnico-raciais: indígenas, negros
• Lei de Anistia, Justiça de Transição
• A reconstrução da Memória

Formato do Trabalho:

• Resumo contendo título, nome do(s) autor/a(s), vinculação institucional, endereço eletrônico;
• Texto com até 2.500 caracteres, contabilizando espaços. Título, autores, instituições e referências (máximo de 3) não são incluídos na contagem de caracteres;
• O texto de ser enviado em formato A4, fonte Times New Roman tamanho 12 e espaçamento 1,5.

A versão final do artigo a ser publicada eletronicamente no site do Instituto Memória e Direitos Humanos deverá seguir as mesmas instruções, com alteração somente no número de caracteres aceitos – até 5.000, contabilizando espaços.

Programação

25 setembro

9h30 – 10h: Abertura do evento

10h – 12h: Apresentação de trabalhos sobre Direitos Humanos (15 minutos cada)

14h – 17h: Mesa Redonda Violência de Estado no período da ditadura civil-militar de 1964

Tópicos abordados:

A repressão politica e as violências durante a ditadura (conceituação geral), Mariana Rangel Joffily (professora UDESC);
Violência de gênero, Luisa Dornelles Briggmann (pesquisadora LEGH – UFSC);
Violência contra os indígenos, Luisa Tombini Wiitmann (professora UDESC).
Violência no campo, Paulo Pinheiro Machado (professor UFSC)
19h00 – 22h00: Palestra Justiça de Transição incompleta e debilidade da democracia, Marlon Alberto Weichert (procurador federal dos Direitos do Cidadão Adjunto – MPF).

26 setembro

10h – 12h: Apresentação de trabalhos sobre Direitos Humanos (15 minutos)
14h – 17h: Mesa Redonda Violência de Estado pós Constituinte: ocorrências do cotidiano

Tópicos abordados:

Violência de gênero, Miriam Grossi (professora UFSC);
Violência contra os índios, Kerexu Yxapyry (cacique do Morro dos Cavalos);
Violência contra os negros, Vanda de Oliveira Gomes Pinedo (MNU);
Violência e perseguição política, Fernando Ponte (professor UFSC).
18h – 19h: Lançamento do Instituto Memória e Direitos Humanos, do novo Acervo Digital e da Exposição Virtual.

19h – 22h: Palestra Direitos Humanos e Democracia no Brasil de hoje, Edson Teles (professor Unifesp).

E-mail para submissão: 

Mais informações no site.

Tags: Acervo Memória e Direitos HumanosEncontro sobre Memória e Direitos HumanosInstituto Memória e Direitos HumanosUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina