Estudantes da UFSC se classificam para final brasileira da Maratona de Programação

28/09/2012 14:04

A equipe Gargamel’s, formada por alunos de Ciências da Computação (CCO) do Centro Tecnológico da UFSC, venceu a etapa regional da Maratona de Programação que aconteceu na Univali, em Itajaí, no dia 15 de setembro. Os estudantes se classificaram para a final nacional, que acontece em Londrina, no Paraná, nos dias 9 e 10 de novembro.

Distribuídas em 38 sedes regionais, 379 equipes de todo o país disputaram as 50 vagas disponíveis para a final. Do total, 44 times eram catarinenses, vindos de 11 instituições diferentes (UFSC, FURB, Univali, Unisul, Unesc, Udesc – que teve duas cidades participantes, Joinville e Ibirama –, Unoesc, Uniplac, Unochapecó e Horus Faculdades). A prova tinha 12 questões e envolvia temas diversos, como geometria, programação dinâmica, minimax, números inteiros, otimização, processamento de strings e grafos. Apenas duas equipes, no país inteiro, resolveram dez dos 12 problemas e somente 14 resolveram mais do que seis questões.

Cada time é composto por um coach, três integrantes e um reserva. A Gargamel’s, que resolveu seis problemas, é formada pelos alunos Gabriel Arthur Gerber Andrade, Gabriel Garcia Gava, Vinícius Abou Hatem e pelo professor Daniel Santana . Além de apresentarem o melhor resultado entre os times catarinenses, os estudantes tiveram a 19ª melhor pontuação do Brasil. A segunda equipe catarinense classificada para a etapa nacional é a Spanish Inquisition, da Udesc, que resolveu três questões. Outra equipe também competiu pela UFSC, a Ineficiente. Formado pelos alunos Vinícius Zambaldi, Leonardo Zambaldi e Felipe Piovezan, o time terminou em sétimo lugar.

Desde 2007, devido ao envolvimento do ex-aluno Luís Fernando Schultz, o CCO participa regularmente da Maratona e já se classificou para a etapa nacional cinco vezes, com medalha de prata em 2008 e bronze em 2009. Também em 2008 e 2009, as equipes da UFSC representaram o Brasil no International Collegiate Programming Contest (ICPC), na Suécia e na China, respectivamente.

Na etapa nacional, seis times serão classificados para representar o Brasil na final mundial do ICPC na St. Petersburg National Research University of Information Technologies, Mechanics and Optics, em São Petersburgo, Rússia. O ICPC é patrocinada pela IBM e organizada pela Association for Computing Machinery (ACM). A Gargamel’s já começou a se preparar para a próxima etapa. “Há uma boa chance desta equipe confirmar e até melhorar o excelente resultado da primeira fase, fazendo jus ao histórico de boas participações da UFSC nos últimos anos”, afirma o coordenador do CCO, Vitório Mazzola. A final brasileira acontecerá em dois dias. No primeiro, ocorre a abertura, a sessão de aquecimento e outros eventos importantes. No segundo, a competição e a festa de encerramento. A realização é do Departamento de Computação da Universidade Estadual de Londrina.

A Maratona de Programação é um evento da Sociedade Brasileira de Computação que existe desde 1996. Desde 2006, vem sendo realizado em parceria com a Fundação Carlos Chagas, de São Paulo. A Maratona foi criada a partir das competições regionais classificatórias para as finais mundiais do ICPC, a mais importante competição de programação do mundo. É destinada a alunos de graduação e início de pós-graduação nas áreas de Ciência da Computação, Engenharia da Computação, Sistemas de Informação, Matemática, entre outras. Em 2011, mais de 24 mil estudantes vindos de duas mil instituições de mais de 80 países competiram em regionais de todo o planeta.

Mais informações: Daniel Santana, pelo e Vitório Mazzola, pelo . Site nacional da competição (http://maratona.ime.usp.br/) e UFSC na Maratona (http://www.inf.ufsc.br/~santana/maratona/).

Isadora Ruschel / Estagiária de Jornalismo da Agecom/ UFSC

Tags: Ciências da Computaçãoequipe Gargamel ´sMaratona de Programação