Hospital Universitário recebe 31 novos profissionais

02/03/2018 13:12

Reitor discursa em evento de integração de novos profissionais para o HU. (Foto: GR/Divulgação)

O Hospital Universitário Polydoro Ernani de São Thiago (HU) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) integrou, na manhã desta quinta-feira, 1º de março, 31 novos contratados pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh). A Ebserh é uma empresa pública vinculada ao Ministério da Educação que é parceira da UFSC na administração do HU desde 2016.

A cerimônia de integração contou com a presença do reitor pro tempore Ubaldo Balthazar e da superintendente do HU, Maria de Lourdes Rovaris, além  da equipe da direção do Hospital.

Os novos contratados são:

Adriana Schutel Lacerda Derner – Pedagoga
Alexandre da Silva Martins – Técnico em Farmácia
Allisson Roberto Izauro – Técnico em Farmácia
Aloisio Luiz Benedetti – Farmacêutico
Anderson da Silva Sousa – Enfermeiro
Andrea Correa de Souza – Técnica em Enfermagem
Angela Somavilla Higioka – Farmacêutica
Bruno Cesar Tourinho – Médico – Anestesiologia
Camila Biribio Woerner Pedron – Assistente Social
Caroline Fernanda Reis – Técnica em Enfermagem
Clarissa Hoehr – Técnica em Farmácia
Cleide Araújo do Santos Santos – Técnica em Enfermagem
Cleonice Marques da Silva Santos – Técnica em Enfermagem
Ester Azevedo Razzolini de Almeida – Técnica em Enfermagem
Giovana Schmidt – Técnica em Radiologia
Glaucia Marcelle Souza de Jesus – Enfermeira
Heloisa Zorzi Costa – Técnica em Análises Clínicas
Janaina de Oliveira Cruciani – Médica – Neonatologia
Lindsai de Oliveira Correa – Técnica em Enfermagem
Loiza Broereing – Enfermeira
Luciane Cristina Barros dos Santos Druzian – Técnica em Enfermagem
Magali Stival Berlesi – Técnica em Análises Clínicas
Maria Conceição Alves de Sousa – Técnica em Enfermagem
Mariana Alves da Silva – Técnica em Enfermagem
Mayara Xavier da Silva – Farmacêutica
Nya Lhullier – Técnica em Enfermagem
Paula Aparecida de Jesus – Técnica em Enfermagem
Renata Capistrano Duarte – Enfermeira – Obstetrícia
Sheila Godinho da Rocha Trombini – Enfermeira
Vander Clemente da Silva – Técnico em Enfermagem
Victor Hugo Konart – Técnico em Análises Clínicas
Tags: EbserhEmpresa Brasileira de Serviços HospitalaresHospital UniversitárioHospital Universitário Polydoro Ernani de São ThiagoHUUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

UFSC e Ebserh integram 17 novos servidores ao Hospital Universitário

01/08/2017 15:57

Servidores e autoridades da UFSC
Foto: Ítalo Padilha

O Hospital Universitário Polydoro Ernani de São Thiago (HU) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) apresentou na manhã desta terça-feira, 1º de agosto, os 17 novos contratados pela Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh). A Ebserh é uma empresa pública vinculada ao Ministério da Educação e através de contrato, assinado em 2016, passou a ser parceira na administração do HU.
(more…)

Tags: concursoEbserhEmpresa Brasileira de Serviços HospitalaresHUUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Reitora viaja a Brasília para tratar da adesão à Ebserh e discutir situação dos campi

09/12/2015 14:36

A reitora Roselane Neckel viajou a Brasília na última quinta-feira, 3 de dezembro, para entregar ao presidente da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), Newton Lima Neto, o ofício que informa a decisão do Conselho Universitário (CUn) de iniciar as tratativas para adesão à empresa. No mesmo dia, a reitora participou de uma audiência pública da Comissão de Educação da Câmara dos Deputados para discutir os problemas e os desafios dos campi fora das sedes das universidades federais do Brasil.

Com a decisão do CUn, feita na sessão do dia 1º de dezembro, a Reitoria e a Direção do HU farão estudos para dimensionar as necessidades atuais e futuras do hospital. O contrato será submetido à apreciação do órgão deliberativo antes da assinatura. A Ebserh foi criada pelo governo federal em 2011, por meio da Lei nº 12.550, com a finalidade de gerir os hospitais universitários federais.

A audiência pública realizada pela Comissão de Educação da Câmara dos Deputados durante a manhã do dia 3 de dezembro discutiu a situação dos campi fora de sede das universidades públicas brasileiras. “Os presentes propuseram o que já vem sendo proposto pelos reitores, que é uma avaliação das condições atuais dos campi, dos problemas decorrentes da pactuação com o Reuni realizada após a implantação deles e da importância da consolidação antes da realização de qualquer outra expansão”, afirma Roselane. Vagas para professores e recursos financeiros destinados especificamente para a consolidação dos campi também foram pleiteados.

Vice-diretor do Campus Araranguá da UFSC, Fabrício de Oliveira Ourique (E) participou da audiência pública. Foto: Divulgaçõ

Vice-diretor do Campus Araranguá da UFSC, Fabrício de Oliveira Ourique (E) participou da audiência pública. Foto: Divulgação

(more…)

Tags: EbserhEmpresa Brasileira de Serviços HospitalaresUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Conselho Universitário aprova início de tratativas para adesão do HU à Ebserh

02/12/2015 08:23

O Conselho Universitário aprovou por 35 votos a 2 o parecer do conselheiro Carlos Locatelli, que autoriza a Reitoria e a Direção do HU iniciarem as tratativas para adesão à Ebserh e determina ainda que, após a elaboração do contrato para a adesão, este seja submetido à avaliação do Conselho, para então ser assinado ou não. O outro parecer que havia sido colocado em votação era o de vistas, escrito pelo conselheiro Paulo Pinheiro Machado. A votação foi nominal.

A elaboração do contrato com a Ebserh será acompanhada por uma comissão executiva formada pela vice-diretora do HU, Maria de Lourdes Rovaris, a vice-reitora, Lucia Pacheco, e o vice-diretor do Centro de Ciências Jurídicas (CCJ), Ubaldo Cesar Balthazar.

A reunião foi realizada no Centro de Ensino da Polícia Militar, na Trindade, na tarde da terça-feira, 1º de dezembro. A escolha do local motivou diversos conselheiros, entre eles os pareceristas, a não participarem da reunião, que era continuação da sessão da semana passada, interrompida quando um grupo de manifestantes entrou na Sala dos Conselhos. Participaram 37 dos 67 conselheiros. Em abril, foi realizada consulta pública sobre o assunto.

Tags: conselho universitárioCUnEbserhEmpresa Brasileira de Serviços HospitalaresHospital UniversitárioHUUFSC

Reunião do Conselho Universitário sobre Ebserh é interrompida

24/11/2015 19:15

A reunião desta terça-feira, 24 de novembro, do Conselho Universitário, que debatia a adesão do Hospital Universitário à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), foi interrompida, no momento em que se iniciava a votação do parecer do conselheiro Carlos Locatelli, quando um grupo de manifestantes entrou na Sala dos Conselhos. Assim, a sessão foi suspensa e a a continuidade será convocada pela Presidência do Conselho. A pauta corria em regime de urgência.

Além dos conselheiros, a sessão teve participação de convidados: o professor Nelson Albuquerque de Souza e Silva, da UFRJ, para falar da experiência do hospital universitário de sua instituição, que não aderiu à Ebserh; o procurador do Ministério Público Federal de Santa Catarina, Mauricio Pessuto, que participou de audiência pública sobre o assunto; o professor Irineu Manoel de Souza, que integrou a comissão que analisou a situação do HU e a proposta de adesão; e do diretor do HU, Carlos Alberto Justo da Silva. A discussão começou com a leitura do parecer de vistas do conselheiro Paulo Pinheiro Machado; ele pediu as vistas na reunião da última sexta-feira, realizada no Auditório do Espaço Físico Integrado (EFI). Após a leitura do parecer e as falas dos conselheiros, a sessão se encaminhava para a votação, em regime nominal.

Em abril, foi realizada Consulta Pública sobre a Ebserh.

 

Tags: conselho universitárioCUnEbserhEmpresa Brasileira de Serviços HospitalaresHospital UniversitárioHospital Universitário Professor Polydoro Ernani de São ThiagoHUUFSC

Em visita a parlamentares e ministérios, Roselane Neckel solicita recursos para projetos da UFSC

09/11/2015 18:18

A reitora Roselane Neckel esteve em Brasília, nos dias 4 e 5 de novembro, para negociar com o Ministério da Educação e o Ministério do Esporte. A reitora visitou, ainda, gabinetes de deputados federais da bancada catarinense para discutir a elaboração de emendas parlamentares à UFSC para o exercício de 2016. Durante as visitas foi confirmado que na Lei Orçamentária Anual de 2016 há a solicitação de uma emenda coletiva de R$ 100 milhões destinada à Universidade.
(more…)

Tags: Empresa Brasileira de Serviços HospitalaresFundação de Amparo à Pesquisa e à Extensão Universitáriareitora Roselane NeckelUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina

Comunidade acadêmica questiona privatização dos hospitais universitários

05/05/2011 11:36

Fotos: Francisca Nery / Bolsista de Jornalismo na Agecom

A aprovação, esta semana, da Medida Provisória 520/2010, que autoriza a terceirização dos hospitais universitários federais, na Câmara dos Deputados, causou revolta entre os sindicalistas e na comunidade universitária. A emenda que propõe a criação da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) – de responsabilidade do Ministério da Educação e que administrará ao todo 46 HUs – é de autoria do deputado federal Danilo Fortes (PMDB-CE).

A MP 520 foi editada no último dia do mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (31 de dezembro de 2010) e deveria ser votada até 1° de junho. A intenção do governo é regularizar a situação de mais de 26 mil funcionários contratados por fundações de apoio – no caso da UFSC, 155 são mantidos pela Fundação de Amparo à Pesquisa e Extensão Universitária (Fapeu), em um quadro de 1.300 funcionários ativos.

Durante uma manifestação, nesta quarta-feira, dia 4, Celso Ramos Martins e Terezinha Cecato, sindicalistas filiados ao Sintufsc, alertaram a população a respeito das consequências da privatização do hospital. Segundo eles, a criação dessa subsidiária amparada pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão descaracteriza os hospitais universitários. Entre outros aspectos, a gratuidade concedida pelo Serviço Único de Saúde (SUS) será extinta.

Durante café servido em frente ao Hospital Universitário na tarde de quarta-feira, servidores, aposentados, técnicos, médicos e usuários puderam debater de que forma essa medida mudará a realidade do HU. O Sintufsc também está recolhendo assinaturas para levar ao plenário do Congresso, em Brasília, nos próximos dias 13, 14 e 15 de maio. O documento foi proposto pela Federação dos Sindicatos dos Trabalhadores das Universidades Públicas Brasileiras (Fasubra), órgão máximo dos hospitais universitários, logo após a criação da MPV 520 e guiado, na UFSC, pelo sindicato dos servidores. O Conselho Universitário (CUn) também já aprovou uma audiência pública para discutir o assunto.

Para Celso Ramos Martins, a desvinculação do hospital da UFSC ignora os princípios de ensino, pesquisa e extensão das universidades, além de criar uma relação de trabalho que não tem como focos a saúde do usuário e o atendimento social. “A terceirização dos HUs fere a Constituição brasileira e vai prejudicar muita gente. O serviço vai deixar de ser 100% gratuito para depender de planos de saúde e pagamentos de consulta, tudo isso feito sem o conhecimento do povo”, diz Celso. A medida também afeta a contratação de servidores, que será feita através da CLT e não mais por concurso público.

Luta de todos
Técnico em radiologia e funcionário do HU da UFSC há mais de 25 anos, Carlos Alberto Pedrini alerta para o fato de que a extinção dos concursos para preenchimento de vagas vai diminuir o quadro técnico e, consequentemente, reduzir a prestação de serviços. “Cada vez mais os pacientes têm dificuldades no acesso ao HU, devido às medidas restritivas impostas pelo governo, e acredito que essa seja uma razão para a população se ‘conformar’ com a privatização”, afirma Pedrini. Para a aposentada da Universidade Enaura Graciosa, em 20 anos de prestação de serviços o HU evoluiu de enfermaria e hospital de caridade para um dos hospitais mais procurados de Florianópolis e do Estado. “Eu não dependo diretamente do HU, mas sei como tantas pessoas precisam e, por isso, a luta deve ser de todos”. Na Universidade de Brasília (UnB), muitos dirigentes pediram demissão de seus cargos devido a essa decisão, de acordo com Celso Martins. Na UFSC, a reitoria já se mostrou contrária à privatização do Hospital Universitário.

Mais informações com o vice-reitor Carlos Alberto Justo da Silva, pelo tel: (48) 3721-6311/3721-6022

Leia também: Vice-reitor é contra criação de empresa para administrar Hospitais Universitários

Por Gabriele Duarte / Bolsista de Jornalismo na Agecom

Tags: Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares