Calendário

ago
31
sex
Cine Paredão exibe ‘Crepúsculo dos deuses’, de Billy Wilder
ago 31 @ 20:00 – 22:00

O Cine Paredão exibe o filme “Crepúsculo dos Deuses”, de Billy Wilder, nesta sexta-feira, dia 31 de agosto, às 20h, no gramado da parte externa do Centro de Ciências da Educação (CED), ou, em caso de chuva, no Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH), da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). O filme fecha a Mostra de Cinema Noir, realizada durante o mês de agosto. O Cinema Noir é um estilo de filme nascido no pós-guerra, na década de 40, e que se estende até, aproximadamente, a década de 60. Os filmes eram geralmente produzidos por pequenos estúdios, atores não convencionais e em ambientes urbanos realistas. Com personagens que vivem em sociedades frias e cínicas, as histórias tratam de suspenses, crimes, romances e investigações policiais.

Sobre o filme

Um roteirista é contratado para revisar o roteiro de um filme que marca a volta de uma antiga estrela do cinema mudo. Ele não sabia, contudo, da perigosa relação que desenvolveria com ela. Direção: Billy Wilder Roteiro: Billy Wilder, Charles Brackett, D.M. Marshman Jr.

Elenco: William Holden, Gloria Swanson, Erich von Stroheim, Nancy Olson

Ano: 1950

Duração: 1h50min

Classificação indicativa: Livre

 

Serviço

Onde: Gramado da parte externa do CED, entre os blocos A e B, ao lado do auditório. Em caso de chuva, no Auditório do CFH.

Quando: Sexta-feira, dia 31 de agosto, às 20h.

out
9
ter
Cinema sem Fronteiras exibe filme Kini e Adams (Burkina Faso, 1997) @ Auditório Elke Hering
out 9 @ 19:00

Cinema sem Fronteiras exibe o filme Kini e Adams (Burkina Faso, 1997) no dia 9 de outubro (terça-feira), às 19h, no auditório Elke Hering, na Biblioteca Universitária.

out
25
qui
CineBuñuel exibe ‘Cabeza de Vaca’
out 25 @ 19:00

O CineBuñuel exibirá o filme “Cabeza de Vaca” (México, 1991), escrito e dirigido por Nicolás Echevarría e Guillermo Sheridan, baseado na história de Álvar Núñez Cabeza de Vaca, um explorador espanhol. A sessão ocorrerá na quinta-feira,  dia 25 de outubro, às 19h, na Sala de Projeção do Centro de Comunicação e Expressão (CCE). O filme será exibido com áudio original e legendas em português, e será seguido de um bate-papo. A sessão é franca e aberta ao público.

O filme é parte do ciclo “Abya Yala na Tela”, promovido pelo CineBuñuel, e traz como tema central as nações indígenas.

nov
8
qui
Projeto Cinema Mundo exibe ‘Salò ou os 120 Dias de Sodoma’
nov 8 @ 18:30

A próxima sessão do Projeto Cinema Mundo, promovido pela Biblioteca Universitária da Universidade Federal de Santa Catarina (BU/UFSC) apresenta “Salò ou os 120 Dias de Sodoma” (1975, Itália/França). Dirigido por Pier Paolo Pasolini, o filme remonta à época do fascismo de Mussolini e foi inspirado no livro “120 Dias de Sodoma”, escrito pelo Marquês de Sade. A exibição ocorrerá no quinta-feira, dia 8 de novembro, às 18h30min, no Auditório Elke Hering da Biblioteca Universitária da UFSC. O evento contará com Caroline Marins e Iur Gomez como debatedores da noite.

Sinopse:

Em 1944, na cidade de Saló ocupada por nazistas, no norte da Itália, quatro fascistas sequestram 16 jovens saudáveis e os aprisionam em um palácio perto de Marzabotto. Além deles, há quatro mulheres de meia-idade, sendo que três delas relatam as histórias de Dante e de Sade, e a quarta acompanha ao piano. Na mansão vigiada por guardas, os fascistas vão cometer todo tipo de experiências com os jovens, que passam a ser usados como uma fonte de prazer sexual, masoquismo e morte.

Mais informações sobre o evento no site.

CineBuñuel apresenta “El abrazo de la Serpiente”, de Ciro Guerra
nov 8 @ 19:00

CineBuñuel apresenta “El abrazo de la serpiente” (Colômbia, 2015), de Ciro Guerra.  A sessão ocorrerá dia 8 de novembro, quinta-feira, às 19h, na Sala de Projeção do CCE, Bloco D, 1º andar. O ciclo “Abya Yala na Tela” tem como temática as nações indígenas.

“El abrazo de la serpiente” foi escrito por Jacques Toulemonde Vidal, baseado em histórias de Theodor Koch-Grunberg e Richard Evans Schultes. A exibição do filme com áudio original e legendas em português é seguida de bate-papo. A sessão é aberta ao público e com entrada franca.