Abertura da Caravana da Juventude Negra Viva na UFSC conta com a presença de integrantes do Ministério da Igualdade Racial

22/08/2023 16:54

“O grande salto para conseguirmos pensar as políticas do Plano Juventude Negra Viva é entender o racismo como principal causador do extermínio dos projetos democráticos, seja o extermínio físico ou na construção dos movimentos. A partir disso, a nossa Universidade precisa ser um ambiente que dê segurança para os enfrentamentos ao racismo e à discriminação”, destacou a vice-reitora Joana Célia dos Passos, na abertura do encontro. 

O evento começou na manhã desta segunda-feira, no auditório do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Foi servido um café para os participantes, seguido da apresentação cultural da percussionista de terreiro e cantora Dandara Abayomi.

Da esquerda para direita: Cleude Pereira Soares, Lucas Pretti Cypreste, Michele Monguilhott, Joana Célia dos Passos, Márcia Regina Lima, Regina da Silva Suenes e Janay Mendes
Foto: Kauê Alberguini/Agecom/ UFSC

A cerimônia de abertura contou com a participação do Ministério da Igualdade Racial (MIR), representado pela Secretária de Políticas de Ações Afirmativas, Combate e Superação do Racismo, Márcia Regina Lima, e do Coordenador de Projetos da Secretaria Nacional da Juventude, Lucas Pretti Cypreste. Compondo a mesa, estavam a professora Michele Monguilhott, vice-diretora do CFH; Regina da Silva Suenes, da Gerência de Políticas para Igualdade Racial e Imigrantes, da Diretoria de Direitos Humanos da Secretaria de Estado de Assistência Social, Mulher e Família; Cleude Pereira Soares, assessora de Políticas Públicas para Igualdade Racial e Combate à Intolerância Religiosa de Florianópolis; e Janay Mendes, representante da Juventude Negra Viva.

Durante a tarde, foram realizadas rodas de conversa e escuta sobre o contexto social em que a juventude negra se encontra inserida no estado e problemas relacionados a esta realidade. As atividades fazem parte da 20ª Caravana do Plano Juventude Negra Viva, promovida pelo MIR e pela Secretaria Nacional de Juventude da Secretaria-Geral da Presidência da República. “As caravanas e todo o nosso movimento tem como objetivo encontrar estratégias de luta no enfrentamento às desigualdades”, afirma Janay Mendes.

A caravana seguiu nesta terça-feira, com escutas das proposições, expectativas, sugestões e propostas para possíveis soluções dos problemas levantados na segunda-feira. O evento contou com o apoio em sua realização da Pró-Reitoria de Ações Afirmativas e Equidade (PROAFE) da UFSC.

Tags: Centro de Filosofia e Ciências Humanasenfrentamento ao racismoMinistério da Igualdade RacialPlano Juventude Negra VivaPROAFEUFSCUniversidade Federal de Santa Catarinavice-reitora