Produção de alunos da UFSC é premiada no festival de cinema É Tudo Verdade

26/04/2023 09:33

Jucelino Almeida, indígena do povo Xokleng e produtor local do curta metragem. Foto: acervo pessoal

O documentário  Vãnh gõ tõ Laklãnõ venceu o troféu Canal Brasil – premiação paralela do É Tudo Verdade – Festival Internacional de Documentários. A cerimônia de entrega dos troféus aconteceu neste sábado, 22 de abril, em São Paulo. O Vãnh gõ tõ Laklãnõ, com duração de 25 minutos, reconstrói, em imagens de arquivo, poemas, cantigas e entrevistas, parte da história do povo Laklãnõ/Xokleng, que habitava os três estados Sul do país. O filme é parte do Portal de Saberes, projeto de exposição da memória e luta Laklãnõ-Xokleng.

O filme tem roteiro e direção de Flávia Person, Barbara Pettres, egressa jornalismo e do Agroecossistemas da UFSC, e Walderes Coctá Priprá, que é mestra pelo Programa de Pós-Graduação em História da UFSC e primeira indígena a defender um título de pós-graduação na área de Arqueologia no Brasil. Coprodução Calêndula Filmes, contemplada com o Prêmio Catarinense de Cinema 2019 e apoio Núcleo de Produção Digital (NPD/IFSC) Florianópolis, o curta-metragem tem como produtor local Jucelino Filho, aluno do curso de Jornalismo da UFSC. Na trilha sonora, há uma composição inédita de Fernando Xokleng, também graduando indígena da UFSC em Jornalismo.

 

Tags: cinemaCurso de Jornalismo da UFSCdocumentário Vãnh gõ tõ LaklãnõÉ Tudo VerdadeindígenasUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina