Ações informativas marcam o mês da prematuridade no HU/UFSC

10/11/2020 10:55

A data de 17 de novembro marca o Dia Mundial da Prematuridade e, neste mês, profissionais de saúde e familiares de todo o mundo promovem atividades para reforçar a importância da prevenção da prematuridade, cuidados especiais e acompanhamento dos bebês nascidos pré-termo (prematuros), trazendo informações e reflexões sobre a humanização demandada para esse tipo de atendimento multiprofissional.

Tradicionalmente, no Novembro Roxo, são realizadas atividades científicas, encontros de mães e jovens que nasceram prematuros, além de uma caminhada para marcar o Dia da Prematuridade. Neste ano, devido à pandemia, o foco principal será a realização de conferências on-line e divulgação por meios virtuais.

No Hospital Universitário Professor Polydoro Ernani de São Thiago da Universidade Federal de Santa Catarina (HU/UFSC), as comemorações do Novembro Roxo já começaram, com a decoração da Unidade Neonatal e o lançamento de um painel da Estratégia QualiNEO, com os dez passos do cuidado neonatal.

Na sexta-feira, dia 13, profissionais do HU/UFSC vão participar de uma webconferência, juntamente com especialistas da maternidade Darcy Vargas, de Joinville, em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde de Santa Catarina. O evento terá como temas: “Intervenções pré-natais para reduzir o impacto da prematuridade”; “Estimulação precoce para o desenvolvimento das crianças nascidas pré-termo”; “Cuidados voltados à neuroproteção do recém-nascido pré-termo” e “Acompanhamento do crescimento de crianças nascidas pré-termo”.

A webconferência será mediada pela enfermeira-chefe da Unidade Neonatal do HU-UFSC, Carolina Frescura Junges, e será transmitida pela plataforma EducaSaúdeSC. O evento é voltado para profissionais de saúde de Santa Catarina e estudantes da área de saúde, na ocasião será disponibilizada uma lista de inscrições e os participantes vão receber certificado.

Na segunda-feira, dia 16, será realizado um webnário nacional, promovido pelo Ministério da Saúde, aberto ao público no período da manhã e voltado para centros nacionais e estaduais de referência na parte da tarde. Na terça-feira, dia 17, haverá um encontro com mães da Unidade Neonatal, tomando todos os cuidados como o uso de máscara e distanciamento social.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), 15 milhões de bebês nascem prematuramente a cada ano, isso é mais do que um em cada 10 bebês.

Texto: Unidade de Comunicação Social do HU/UFSC

Tags: Dia Mundial da PrematuridadeHospital Universitário Prof. Polydoro Ernani de São Thiago (HU/UFSC)UFSC