#QuarentenaArte apresenta documentário com memórias do Colégio de Aplicação

07/05/2020 13:47

#QuarentenaArte apresenta o documentário Memórias do Colégio. O vídeo é uma parceria entre o Departamento Artístico Cultural (DAC), da Secretaria de Cultura e Arte (SeCArte) e o Colégio de Aplicação (CA), do Centro de Educação (CED) da UFSC. É a primeira produção do recente Núcleo de Documentário, criado junto ao DAC. Patrícia Orofino (ex-aluna do CA), Toninho Farias (professor do CA) e Zeca Nunes Pires (ex-aluno do CA e atual diretor do DAC) assinam a pesquisa e a produção do documentário.

O trabalho demorou três anos para ser produzido e conta com depoimentos de ex e atuais alunos, professores e funcionários. Confira:

Com entrevistas emocionadas, o documentário expõe as possibilidades de oferecer um ensino público e de qualidade. ´Memórias do Colégio` tem aproximadamente 50 minutos, mostrando a importância de uma boa educação, utilizando como meio as vivências esportivas, culturais e artísticas da formação do cidadão.

A ideia principal era retratar as Olimpíadas de Educação Física do Colégio de Aplicação, que acontecem há 41 anos, e estão inseridas na memória do CA. A partir disso, os produtores do documentário – alguns também são ex-alunos ou professores – começaram a reunir documentos, fotos, depoimentos das pessoas que estudaram ou trabalharam no colégio. Ao recolher os materiais também nas festas realizadas periodicamente por ex-alunos, a equipe decidiu que só um documentário sobre o colégio poderia expor tudo o que os organizadores queriam.

Colégio de Aplicação

O Colégio de Aplicação foi criado em 1961, sob a denominação de Ginásio de Aplicação e com o objetivo de servir de campo de estágio destinado à prática docente dos alunos matriculados nos cursos de Didática (Geral e Específica) da Faculdade Catarinense de Filosofia (FCF, hoje UFSC).

No ano de 1970 foi substituído o nome Ginásio de Aplicação para Colégio de Aplicação, e a escola passou a ter a primeira série do segundo ciclo, com os cursos Clássico e Científico.

Atualmente o Colégio de Aplicação, ligado ao Centro de Ciências da Educação da UFSC, é uma unidade educacional que atende ao ensino fundamental e médio, funciona em prédio próprio, no Campus Universitário, e está localizado no Bairro da Trindade, município de Florianópolis.

O Colégio de Aplicação segue a política educacional adotada pela Universidade Federal de Santa Catarina que visa atender à trilogia de ensino, pesquisa e extensão.

Núcleo de Documentário

A criação do Núcleo de Documentário junto ao Departamento Artístico Cultural, da Secretaria de Cultura e Arte da UFSC, é aspiração dos que trabalham com educação, cultura e audiovisual no DAC. É também uma consequência das atividades que os profissionais do Setor de Cinema do DAC vêm realizando durante anos. Produções e apoio a ações do cinema catarinense, pesquisas, cursos e eventos estão entre as formas de atuação desse setor da UFSC.

O Núcleo de Documentário foi criado com o intuito de realizar vídeos de interesse da Universidade. Segundo Zeca Pires, cineasta e coordenador, os documentários são institucionais enquanto produção, mas a abordagem não é chapa branca e há muita liberdade no trabalho.

A ideia é manter um intercâmbio de produção com alunos do curso de cinema, artes cênicas, jornalismo, história e outras graduações da UFSC. “O Curso de Cinema da UFSC está muito bem, os alunos estão sendo bem preparados e aqui praticam a realização”, Explica Zeca Pires. “Apesar de cada um ter uma função determinada, nada é fixo e imutável, todos se ajudam, como é normal quando se faz cinema. Cinema é uma arte coletiva”, destaca.

Entre os projetos do Núcleo de Documentário estão: Memórias do Colégio, documentário sobre o Colégio de Aplicação; 50 anos da UFSC; Salim Miguel na intimidade; painel de Rodrigo de Haro; Poemas Visuais e outros.

Ficha Técnica:

Pesquisa e Produção: Patrícia Orofino, Toninho Farias e Zeca Nunes Pires
Direção: Zeca Nunes Pires
Edição: Andersson de Brito Vicente, Gustavo Remor Moritz
Imagens: Zeca Nunes Pires, Andersson de Brito Vicente, Érico Verícimo
Supervisão de edição e imagem: Érico Verícimo
Trilha musical: Eliana Taulois, Ryoolq Chenlin
Animação: Andersson de Brito Vicente, Gustavo Remor Moritz
Arte da capa: Andersson de Brito Vicente, Gustavo Remor Moritz

#QuarentenaArte é uma ação da Secretaria de Cultura e Arte (SeCArte), em parceria com o Departamento Artístico Cultural (DAC) e TV UFSC, que oferece alternativas artísticas culturais que podem ser apreciadas a distância por meio de internet. A iniciativa também objetiva valorizar e difundir a arte e a cultura produzidas na UFSC.

Tags: #QuarentenaArteColégio de AplicaçãocoronavírusDAC/SeCArteMemórias do ColégioUFSC