Artista Rodrigo de Haro é homenageado na UFSC

02/12/2019 16:24

O Consulado Honorário da França em Florianópolis homenageou com uma placa o artista Rodrigo de Haro no sábado, 30 de novembro, na Reitoria da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Rodrigo nasceu em Paris, na França, em maio 1939, quando seu pai usufruía de uma bolsa de estudos na Académie de La Grande Chaumière. A bolsa de estudos foi conquistada no Salão Nacional de Belas Artes de 1937. Com o início da Segunda Guerra, em setembro 1939, a família voltou às pressas para o Brasil.

Homenagem ocorreu no sábado, 30 de novembro. Foto: Henrique Almeida.

O nascimento parisiense marcará para sempre a trajetória de Rodrigo no cenário artístico. Crescendo num meio de arte e cultura, seguiu o caminho ditado pela genética da família: a pintura lhe veio dos conselhos paternais e a literatura graças à biblioteca do avô maternal Antônio Palma. E foi entre quadros, pinturas e pinceis, saraus, livros e leituras que Rodrigo se consolidou como pintor, desenhista, gravador, escritor, poeta e contista.

Rodrigo recebeu uma placa nas línguas portuguesa e francesa. O prêmio simboliza o reconhecimento e relevância da obra do artista na UFSC e no estado de Santa Catarina. A placa foi entregue pelo Cônsul Honorário da França em Florianópolis, Jean-Victor Martin, e pela Secretária de Cultura e Arte da UFSC, Maria de Lourdes Alves Borges, que representou o reitor Ubaldo Cesar Balthazar na ocasião.

Participaram também da solenidade a presidente da Fundação Catarinense de Cultura (FCC), Ana Lúcia Coutinho, que representou o governador do estado de Santa Catarina, Carlos Moisés da Silva, Antônio Diomário de Queiroz, reitor da UFSC entre 1992 a 1996, Lincoln Fernandes, Secretário de Relações Internacionais (Sinter),  além de servidores da Universidade, membros da Academia Catarinense de Letras, de entidades de classe e personalidades do meio artístico e cultural do estado.

A homenagem a Rodrigo de Haro foi uma realização Consulado Honorário da França em Florianópolis, com o apoio da Coordenadoria de Eventos do Departamento de Cultura e Eventos da Secretaria de Cultura e Arte da UFSC (DCEVEN/SeCArte) e da Sinter.