Workshop aborda questões da climatologia e energia eólica nesta segunda feira

02/09/2019 08:39

O auditório do Departamento de Engenharia Mecânica da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) receberá pesquisadores e empresários da WEG, Voltalia, Camargo Schubert e Atlantic Energias Renováveis para o Workshop em Climatologia e Previsão Eólica nesta segunda-feira, 2 de setembro.

Pela manhã, serão mostrados os resultados obtidos com um projeto de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) executado pelo Grupo de Eólica do Lepten (Laboratórios de Engenharia de Processos de Conversão e Tecnologia de Energia) e o Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), em parceria com a Atlantic.

Um dos estudos que integra o projeto foi apresentado junho passado no Wind Energy Science Conference 2019 (WESC 2019), principal evento mundial da comunidade científica do setor, realizado na Irlanda.  O doutorando da UFSC William Radünz – acompanhado pelo professor Yoshiaki Sakagami, do IFSC –, apresentou conclusões sobre a estabilidade atmosférica no Complexo Eólico Morrinhos, empreendimento da Atlantic na Bahia.  O Gerente de Ativos e P&D da empresa, Eduardo Dias é co-autor do trabalho.

“Trazem muito orgulho tanto a seleção para a apresentação no WESC 2019 como nos outros eventos que temos participado ao longo dos últimos 2 anos do convênio UFSC-IFSC-Atlantic. Demonstra que estamos atingindo um dos nossos objetivos que é estar na vanguarda do conhecimento” , disse Dias.

Para Randünz, “ter o trabalho selecionado para um evento como o Wind Energy Science Conference mostra a pertinência e seriedade dos estudos que vêm sendo desenvolvidos no projeto de pesquisa e desenvolvimento entre Atlantic, UFSC e IFSC”. Ele acrescenta que a Atlantic oferece uma oportunidade única de analisar dados meteorológicos e de geração dos Complexos Eólicos de Morrinhos e Santa Vitória do Palmar, cujas peculiaridades são de grande interesse tanto para a indústria como para academia.

Em se tratando de energia eólica, os estudos englobam diversas áreas da engenharia, meteorologia, ciência da computação, entre outras. Por conta disso, os avanços científicos e tecnológicos da área ocorrem em grande parte a partir da cooperação entre governos, universidades, centros de pesquisa e indústria, sobretudo da Europa e Estados Unidos.

“A parceria com a Atlantic permite que a equipe realize diversos estudos sobre a estabilidade atmosférica em parques eólicos pioneiros no país”, revela o Prof.  Sakagami. Segundo ele, enquanto geralmente nos parques eólicos pesquisadores realizam medições apenas de velocidade e direção do vento (além da temperatura, umidade e pressão), o estudo apresentado no WESC 2019 possibilita investigar com mais detalhes características como perfil do vento e estrutura turbulenta.

Detalhes serão abordados no Workshop em Climatologia e Previsão Eólica, que inicia às 9 h do dia 2 de setembro.

Confira a programação do evento.

Mais informações na página do departamento de Engenharia Mecânica.

Fonte: Divulgação/EMC, com dados do LEPTEN/UFSC e Atlantic.

Tags: ClimatologiaEngenharia MecânicaPrevisão EólicaUFSCUniversidade Federal de Santa Catarina