Orgulho e emoção marcaram as comemorações de 10 anos da UFSC em Joinville

06/08/2019 16:53

Visitação ao campus durante as comemorações dos 10 anos da UFSC Joinville.

Estudantes e servidores aguardaram os visitantes para celebrar os 10 anos de implantação da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em Joinville. Durante todo o dia 05 de agosto de 2019, segunda-feira, o sorriso e as falas de alegria ecoaram pelos corredores do campus universitário instalado no condomínio industrial Perini Business Park. Antes de fixar residência no condomínio em março de 2018, a UFSC Joinville passou por diversos endereços e o resgate dessa memória fez parte dos discursos proferidos durante a Solenidade de Comemoração, iniciada às 10 horas, e a sessão do Conselho do Centro Tecnológico de Joinville, às 15 horas.

As atividades da UFSC em Joinville começaram em 4 de agosto de 2009 nas dependências da Universidade da Região de Joinville (Univille), local em que permaneceu até 2012, ano em que se mudou para o Bairro Santo Antônio. Foi em 2012 que começaram as obras de construção da sede própria da universidade às margens da BR 101, no local conhecido como ‘Curva do Arroz’. Paralisada em 2013 por falta de verba, a obra não retomada exigiu que a UFSC alugasse prédios para atender a demanda educacional de uma comunidade sedenta por educação pública, gratuita e de excelência no norte de Santa Catarina.

Nascido por meio do projeto de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni, lançado pelo Decreto nº 6.096, de 24 de abril de 2007), em 10 anos o Campus de Joinville saltou da inexistência de sede, servidores, cursos e estudantes para uma estrutura composta por 1.780 alunos de graduação e pós-graduação, 100 docentes, 47 servidores técnico-administrativos, oito cursos de graduação e dois mestrados acadêmicos. Instalado em um condomínio industrial serve de exemplo para outras instituições de ensino que almejam a parceria público-privada, além de proporcionar aos estudantes a oportunidade de estar em contato constante com os avanços e as exigências do mercado de trabalho.

Cátia Regina de Carvalho Pinto, diretora-geral da UFSC Joinville, relata que para a construção dessa história foi necessária muita dedicação e empenho. “Vencemos dificuldades típicas de quem começa do zero. Ao comemorar essa data celebramos, também, a formação dos jovens aptos a tornar este país cada vez mais autônomo, capaz de gerar sua própria tecnologia e melhorar a qualidade de vida das pessoas”.

Ubaldo César Balthazar, reitor da UFSC, frisou a importância de dar continuidade à consolidação da UFSC Joinville para os próximos anos. “Precisamos continuar investindo e dando força às universidades.  Os primeiros 10 anos são de construção e os próximos serão de desenvolvimento para que a UFSC em Joinville seja forte e, para isso, o apoio da comunidade catarinense é fundamental. O modelo que temos em Joinville é um ‘sonho de consumo’ de muitas universidades brasileiras, que este projeto se mantenha, que venha mais 10 anos. Parabéns Joinville, parabéns UFSC, parabéns a todos que deram um pouco de si para que essa data pudesse ser comemorada hoje”.

Acires Dias, primeiro diretor-geral do campus, lembrou com entusiasmo as etapas de instalação da unidade. “Pelo Reuni a UFSC se tornou multicampi, com campus definidos para Araranguá, Curitibanos e Joinville, sendo que nós nos comprometemos com este. Várias comissões foram montadas para pensar os cursos de engenharias e em 10 de dezembro de 2008 foi assinada a portaria de criação dos cursos para Joinville”.

Com servidores cedidos de Florianópolis para atuar nas aulas e fazer as matrículas, a UFSC Joinville surgiu com o propósito de montar uma estrutura de ensino, pesquisa e extensão destinada à formação de pessoas com liderança e competência técnica para planejar, projetar e gerenciar sistemas técnicos utilizados para transportar pessoas, produtos e informações. “Os cursos de engenharia tinham uma abordagem inovadora, sendo que o projeto Político-Pedagógico foi pensado para integrar os fundamentos teóricos e aulas práticas na formação de alunos questionadores e empreendedores”, diz Acires.

Equipe de competição Nisus Aerodesign.

É isso que sentem os estudantes que integram as equipes de competição da UFSC Joinville, que expuseram as suas pesquisas durante a comemoração dos 10 anos do campus. Isabelle de Geus, Júlia Schenckel e Lucas B’Abruzzo estão no curso de Engenharia Aeroespacial e compõem o grupo Nisus Aerodesign, que projeta aeronaves cargueiras rádio controladas. “Conseguimos colocar o conhecimento que estudamos em sala de aula em prática, como também aprofundar conteúdos por meio do projeto. Precisamos desenvolver pesquisas para toda a parte do aeromodelo, analisar os materiais, a estrutura da asa, trem de pouso, fuselagem, carga, aerodinâmica, pois o nosso objetivo final é fazer com que o avião voe com carga”, explica eles.

Rodrigo Esquitino e Gustavo Luiz Fuckner são do curso de Engenharia Automotiva e junto com Bryan Kruger, que cursa Engenharia Ferroviária e Metroviária, integram a equipe de competição CTJ Baja. Para eles, a atividade exercita a pesquisa e a extensão. “Na hora de colocar em prática os conhecimentos vemos o caso real, surgem as dúvidas e as dificuldades de um projeto de engenharia que, sem a teoria, seria impossível de executar. É uma expediência única”.

Equipe de competição CTJ Baja

Ao comemorar os 10 anos da UFSC Joiville, o estudante Rodrigo, que está na sétima fase do curso, se sente feliz. “O desenvolvimento do campus desde que eu entrei foi gigantesco, principalmente a vinda para o Perini, que deu outra estrutura para a universidade e para nós estudarmos, isso nos entusiasma mais ainda a melhorar sempre e conseguir dando conta do que a UFSC exige”.

Com mais espaço, mais laboratórios, mais alunos e servidores, a UFSC Joinville comemora 10 anos mostrando a capacidade da Universidade Federal de Santa Catarina de se reinventar e inovar a cada instante. “A UFSC cresceu muito em questão de espaço e a nossa equipe foi beneficiada porque, agora, conseguimos testar o avião, coisa que não era possível”, recorda Júlia.

Lucas, apaixonado por aviação desde criança, é joinvilense e viu nascer na cidade a oportunidade de estudar a sua paixão. “Foi o primeiro e único vestibular que eu fiz. Nesses 10 anos, vejo a UFSC como um modelo, um nome forte que chegou em Joinville e está crescendo junto com a cidade”.

O reconhecimento dos apoiadores

Na Solenidade de Comemoração aos 10 anos de implantação da UFSC em Joinville, realizada na manhã do dia 5 de agosto, membros da comunidade externa foram reconhecidos pela sua participação e apoio ao projeto. O primeiro deles foi o reitor da UFSC de 2016 a 2017, Luiz Carlos Cancellier de Olivo, falecido em outubro de 2017, rememorado em todas as falas e durante um minuto de silêncio em homenagem a sua memória inesquecível.

O ex-prefeito de Joinville, Carlito Meers, participou do processo de implantação do campus e reforçou a importância de um polo educacional na cidade. “Era fundamental ampliar as universidades e as escolas técnicas para que o Brasil voltasse ao seu processo de desenvolvimento, e a UFSC em Joinville foi uma luta. Não há outra saída para o país que não seja através da educação, por isso, mais do que comemorar estes 10 anos nós todos precisamos nos unir para manter e ampliar o acesso ao ensino”.

O prefeito Udo Döhler atuou para a vinda da UFSC para Joinville enquanto presidente da Associação Empresarial de Joinville (ACIJ). “Os alunos são a razão dessa construção que nos surpreende a todo instante. Aprendemos que a pressa é amiga da perfeição, e Joinville, o Estado de Santa Catarina e o Brasil têm pressa para que esse país seja mais justo, forte e igual. A UFSC dará uma grande contribuição para o desenvolvimento dos projetos de Joinville, principalmente na inovação por meio da Engenharia Ferroviária, que é pioneira no Brasil, esse é mais um feito da UFSC. Parabéns UFSC e seus alunos que orgulham a nossa universidade”.

Ivete Appel da Silveira recebeu uma homenagem que reconhece o apoio e a dedicação do governador Luiz Henrique da Silveira ao ensino público e gratuito em Joinville. “Estou muito feliz e honrada com essa placa que recebo em nome do meu marido. O Luiz Henrique sempre foi um grande batalhador da educação, dizia que uma cidade sem cultura e sem educação era como um depósito de gente. A UFSC implantada em Joinville torna o sonho dele realidade”.

Representando o atual governador do Estado, Carlos Moisés da Silva, o secretário de Estado da Educação, Natalino Uggione resgatou na solenidade de 10 anos do campus a sua participação como conselheiro na UFSC quando a instituição estudava a sua instalação em Joinville. “Acompanhei toda a batalha, o esforço e o empenho para trazer para Joinville o campus da UFSC, ele precisa ser valorizado e reconhecido. A nossa saudação e valorização a todos aqueles que, incansavelmente, lutaram e continuam lutando para que esse espaço tenha cada vez mais as condições necessárias para prover a sociedade de mentes criativas. Vida longa à UFSC, e vida longa à UFSC Joinville”.

A homenagem aos pioneiros da UFSC Joinville

10 anos da UFSC Joinville

Durante a sessão do Conselho do Centro Tecnológico de Joinville, realiza a tarde e presidida pelo reitor Ubaldo, foram homenageados grandes nomes, precursores e idealizadores do campus em Joinville: Álvaro Prata, reitor de 2008 a 2012 da UFSC; Acires Dias, primeiro diretor-geral do Campus Joinville; Álvaro Lezana, primeiro diretor Acadêmico do Campus Joinville; e Luís Fernando Peres Calil, diretor-geral do Campus Joinville 2013-2014.

Prata parabenizou a todos que estão construindo uma instituição maravilhosa. “Desde o início da expansão decidimos que ela seria enriquecedora, trazendo novas experiências e tentando corrigir os erros, as deficiências e as fragilidades passadas, pensando em novas formas de estruturação de operação, novas maneiras de organização. Comemoramos 10 anos de criação desse campus, um campus que adquiriu a sua identidade e a sua personalidade e, no seu futuro, o imagino grande, forte, potente”.

Acires celebrou a estrutura acadêmica e administrativa do campus próprio da UFSC em Joinville. “O Campus de Joinville tem a força e a competência da juventude, o empreendedorismo para ultrapassar as barreiras, o conhecimento para uma apropriada formação dos alunos, a responsabilidade com a juventude brasileira, o comprometimento com a ética para o trabalho e para a produção científica, técnica e Educacional”.

Calil relembrou os vários endereços que o campus já passou, os servidores e os estudantes que também por ali passaram. “Nos damos conta de que realmente estamos passando pela Universidade, nós vamos embora e a universidade vai continuar. O que interessa é a instituição, é a UFSC. Devemos trabalhar juntos, de maneira harmoniosa, com o objetivo único de fazer essa instituição mais forte e melhor no ensino, na pesquisa e na extensão”.

Na sessão foram homenageados, ainda, os estudantes e servidores pioneiros na UFSC Joinville. Em nome dos estudantes, Bianca Madrona disse que a comemorar os 10 anos do campus da perspectiva discente é celebrar a possibilidade de acesso ao conhecimento e a formação profissional, caminhos que são cruciais para a mudança da vida individual e coletivo. “Enquanto estudantes agradecemos a todos que participaram da construção do CTJ, e celebramos tudo que conquistamos ano após ano”.

Em nome dos servidores técnico-administrativos, Leila Melo disse que são esses que cuidam da burocracia para que os colegas professores possam priorizar o ensino, a pesquisa e a extensão. “A direção administrativa sob nossa responsabilidade é um reconhecimento da importância que tem a aquisição de móveis e equipamentos, a capacitação dos alunos, a atualização da base de dados bibliográficas, o início e a manutenção de contratos para assegurar a comodidade e a tranquilidade de todos. Em nome dos colegas quero agradecer a confiança e o respeito, permitindo-nos cumprir a nossa parte no processo que tem como objetivo final a formação de jovens para que possam conquistar uma vida melhor em nosso país. A oportunidade do Reuni permitiu implantar aqui um campus da UFSC, realizando o sonho da população trabalhadora desta cidade que passou a poder ir estudar sem ter que sair do seu lugar”.

André Condino Fujarra falou em nome dos docentes e revelou orgulho em de fazer parte da comemoração de 10 anos do campus. “Parabenizo os docentes que tiver uma participação corajosa e decisiva nos primeiros passos da nossa unidade, sem eles muito do que alcançamos hoje não seria possível. Comemoramos 10 anos tempo, que são os nossos primeiros passos, agora temos que seguir a caminhada e para isso precisamos do esforço de todos. Enalteço e agradeço a participação dos alunos que ao longo desses 10 anos têm se aprimorado e ajudado a difundir nosso nome pelo mundo, continuem empenhados cada vez mais e orgulhosos da sua origem acadêmica, a UFSC”.

O encerramento da sessão contou com as falas emocionadas da diretora-geral Cátia e do reitor Ubaldo. “Agradecemos a todos pelo empenho de tocar um projeto de qualidade e excelência. A presença de todos torna esse dia maior e mais valioso para cada um de nós. Ao longo desses 10 anos a determinação e a competência imperaram no nosso meio, por isso somos um projeto exitoso. Que venham os próximos 10 anos e que possamos comemorar a mesma alegria e com a mesma sensação de dever cumprido”, disse no encerramento a diretora-geral.

“Parabenizo a todos que deram a sua contribuição na construção desse campus, vamos continuar trabalhando para que ele se consolide ainda mais e esses 10 anos sejam vistos como um primeiro passo”, frisou o reitor Ubaldo ao encerrar a sessão.

Todas as imagens do evento podem ser acessadas nas galerias de fotos em Solenidade de 10 anos e Sessão do Conselho.

Nicole Trevisol / Jornalista da Agecom / UFSC

*Fotos: Marcelo Kunde / Comunicação UFSC Joinville

Tags: 10 anos JoinvilleUFSCUFSc JoinvilleUFSC Joinville 10 anos