Circuito FAM de Cinema completa 15 anos e percorre 10 cidades de SC

04/06/2019 15:56

De 8 a 28 de junho os filmes vencedores do Florianópolis Audiovisual no ano passado estão na mostra itinerante em parceria com o Sesc. Realizado desde 2005, o Circuito FAM de Cinema exibe os filmes premiados pelo Júri Oficial e Popular na edição passada do Florianópolis Audiovisual Mercosul e este ano é uma parceria com o Sesc.

Entre os dias 08 e 28 de junho, as cidades de Caçador, Chapecó, Concórdia, Curitibanos, Brusque, Florianópolis, Lages, Palhoça, Joinville e São João Batista recebem a mostra itinerante que não possui caráter competitivo.

Pela primeira vez, nestes 15 anos de Circuito FAM de Cinema, o evento prevê a realização de pontuais debates com a presença da equipe organizadora do festival. Com o objetivo que vai além do fortalecimento da cinematografia latino-americana, do acesso à cultura, como também o apoio e reconhecimento do trabalho dos agentes locais de promoção cultural, educativa e social de Santa Catarina.

Toda a programação possui Legendagem para Surdos e Ensurdecidos – LSE – e foi dividida em três programas – Infantojuvenil (Menção Honrosa Júri Oficial, ARRAIGO, direção Maria laura Reina (Venezuela); Prêmio Mercosul de Direitos Humanos, FESTA DOS ENCANTADOS, direção de Masanori Ohashy (Brasil); Prêmio Júri Popular Melhor Filme, LUIZ, direção de Alexandre Estrevanato (Brasil); Prêmio Júri Popular Melhor Filme, MÉDICO DE MONSTRO, direção Gustavo Teixeira (Brasil); Debate Social (Júri Oficial, Melhor Som, Mostra Curtas Catarinense, DOMINGOS BUGREIRO, direção Sander Hahn (Brasil); Júri Oficial, Melhor Atris, Mostra Curtas Mercosul, CASA CHEIA, direção Carlos Nigro (Brasil); Prêmio Júri Oficial, Menção Honrosa, Mostra Curtas Mercosul, ANTOLINA, direção de Miguel Agüero (Paraguai); Prêmio Júri Oficial, Melhor Ator, MOT, direção Andrew Kastenmeier (Brasil); Prêmio Júri Oficial, Menção Honrosa, Mostra Videoclipe, POR AMOR, direção de Antonella Schiavoni e Daniela Miokovitch (Argentina); Prêmio Júri Oficial, Menção Honrosa, Mostra Curtas Catarinense, BERRO, direção de Paula Barbabela e Marina Simões (Brasil); Prêmio Júri Oficial, Melhor Filme Mostra Curtas Catarinense – TORRE, direção de Nádia Mangolini (Brasil) e Classificação Livre (Prêmio Júri Oficial, Melhor Filme, Rally Universitário Floripa 2018, SOCIEDADE ETIQUETADA, direção de Helena Creczynski (Brasil); Prêmio Júri Oficial, Melhor Ficção, Mostra Curtas Catarinense, GAROTO VHS, direção de Carlos Daniel Reichel (Brasil); Prêmio Júri Oficial, Melhor filme, Mostra Curtas Catarinense, FLECHA DOURADA, direção de Cíntia Domit Bittar (Brasil); Prêmio Júri Popular, Melhor Filme Prêmio Júri Oficial, Melhor trilha sonora original, Mostra Curtas Mercosul, O MALABARISTA, direção de Iuri Moreno (Brasil); Prêmio Júri Popular, Melhor Filme, Mostra Curtas Catarinense, SEVERO, SEVERINO, direção de Kátia Klock e Marco Martins (Brasil); Prêmio Júri Oficial, Melhor Videoclipe – SÓLIDO, direção de Camilo Duarte (Bolívia); Prêmio Júri Oficial, Melhor Documentário, Melhor Fotografia, Melhor Direção, Mostra Curtas Mercosul, BOCA DE FOGO, direção de Luciano Pérez Fernández (Brasil).

A abertura do Circuito FAM de Cinema 2019 será no dia 08 de junho, sábado, no Cinema do CIC – Cineclube Unisul – e contará com com debate com os organizadores do Florianópolis Audiovisual Mercosul.

Toda a programação do Circuito FAM de Cinema está disponível no site www.famdetodos.com.br

 

Cidades

Caçador – Salão Vermelho da Estação Ferroviária, R. Osório Timermmann, 400; Chapecó – Teatro do Sesc – Rua Brasília 475-D – J. Itália; Concórdia – Centro Cultural Concórdia – R. Dr. Maruri, 865 – Centro; Curitibanos – Sala Multiuso – Sesc – Rua Francisco Rauen, nº 675 – Nossa Senhora Aparecida; Brusque – Auditório da Faculdade São Luiz – Av. das Comunidades, 233 – Centro 1; Florianópolis – Cinema do CIC, Cineclube Unisul, Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 – Agronômica; Lages – Sala de Cinema – Centro Cultural Vidal Ramos – Rua Vidal Ramos Júnior, 152 – Centro; Palhoça – Auditório Sesc – Rua João Pereira dos Santos, 303 – Ponte Imaruim; Joinville – Teatro do Sesc – Rua Itaiópolis, 470 – América e São João Batista – Sesc -Avenida Egídio Manoel Cordeiro, s/nº – Centro.

 

FAM2019

Consolidado como um dos principais Festivais de Cinema, único no mundo com foco no Mercosul, o 23º Florianópolis Audiovisual Mercosul – FAM 2019 – registrou recorde de inscritos com 1164 produções. Com nova data de realização, este ano será de 26 de setembro a 02 de outubro.

 

PROGRAMAÇÃO Circuito FAM de Cinema

 

  • Florianópolis – Cinema do CIC

08/06, às 20h (Sábado)

Abertura do Circuito FAM de Cinema e Debate

Duração: 86 minutos

Classificação: Livre

Filmes: Sociedade Etiquetada; Garoto VHS; Flecha Dourada; O Malabarista; Severo, Severino; Sólido; Boca de Fogo.

 

09/06, às 20h (Domingo)

Circuito FAM de Cinema

Duração:105 minutos

Filmes: Domingos Bugreiro; Casa Cheia; Antolina; moT; Por Amor; Berro; Torre.

 

  • Chapecó – Teatro do Sesc

11/06 às 14h  – Sessão infantojuvenil

Duração: 50 minutos

Classificação: 10 anos

Filmes: Arraigo; Festa dos Encantados; Luiz; Médico de Monstro.

Após a sessão, debate com a equipe do FAM

 

12/06 às 14h – Sessão Debate Social

Duração: 105 minutos

Classificação: 18 anos

Filmes: Domingos Bugreiro; Casa Cheia; Antolina; moT; Por Amor; Berro; Torre.

 

13/06 às 14h  – Sessão Classificação Livre

Duração: 86 min

Classificação: Livre

Filmes: Sociedade Etiquetada; Garoto VHS; Flecha Dourada; O Malabarista; Severo,Severino; Sólido; Boca de Fogo.

 

  • Concórdia – Centro Cultural Concórdia

12/06 às 8h15min – Sessão Infantojuvenil

Duração: 50 minutos

Classificação: 10 anos

Filmes: Arraigo; Festa dos Encantados; Luiz; Médico de Monstro.

 

12/06 às 13h45 – Sessão Classificação Livre

Duração: 86 min

Classificação: Livre

Filmes: Sociedade Etiquetada; Garoto VHS; Flecha Dourada; O Malabarista; Severo,Severino; Sólido; Boca de Fogo.

Após a sessão, debate com a equipe do FAM

 

12/06 às 19h – Sessão Debate Social

Duração: 105 minutos

Classificação: 18 anos

Filmes: Domingos Bugreiro; Casa Cheia; Antolina; moT; Por Amor; Berro; Torre.

 

  • Caçador – Salão Vermelho da Estação Ferroviária

11/06 às 9h30 – Sessão Infantojuvenil

Duração: 50 minutos

Classificação: 10 anos

Filmes: Arraigo; Festa dos Encantados; Luiz; Médico de Monstro.

 

12/06 às 15h30 – Sessão Debate Social

Duração: 105 minutos

Classificação: 18 anos

Filmes: Domingos Bugreiro; Casa Cheia; Antolina; moT; Por Amor; Berro; Torre.

 

13/06 às 19h30 – Sessão Classificação Livre

Duração: 86 min

Classificação: Livre

Filmes: Sociedade Etiquetada; Garoto VHS; Flecha Dourada; O Malabarista; Severo,Severino; Sólido; Boca de Fogo.

Após a sessão, debate com a equipe do FAM

 

  • Palhoça – Auditório Sesc

17/06 às 15h30  – Sessão Debate Social

Duração: 105 minutos

Classificação: 18 anos

Filmes: Domingos Bugreiro; Casa Cheia; Antolina; moT; Por Amor; Berro; Torre.

Após a sessão, debate com a equipe do FAM

 

18/06 às 19h30 – Sessão Infantojuvenil

Duração: 50 minutos

Classificação: 10 anos

Filmes: Arraigo; Festa dos Encantados; Luiz; Médico de Monstro.

 

19/06 às 19h30  – Sessão Classificação Livre

Duração: 86 min

Classificação: Livre

Filmes: Sociedade Etiquetada; Garoto VHS; Flecha Dourada; O Malabarista; Severo,Severino; Sólido; Boca de Fogo.

 

  • São João Batista – Sesc

17/06 às 14h  – Sessão Infantojuvenil

Duração: 50 minutos

Classificação: 10 anos

Filmes: Arraigo; Festa dos Encantados; Luiz; Médico de Monstro.

 

18/06 às 14h – Sessão Debate Social

Duração: 105 minutos

Classificação: 18 anos

Filmes: Domingos Bugreiro; Casa Cheia; Antolina; moT; Por Amor; Berro; Torre.

Após a sessão, debate com a equipe do FAM

 

19/06 às 14h  – Sessão Classificação Livre

Duração: 86 min

Classificação: Livre

Filmes: Sociedade Etiquetada; Garoto VHS; Flecha Dourada; O Malabarista; Severo,Severino; Sólido; Boca de Fogo.

 

  • Brusque – Auditório da Faculdade São Luiz

17/06 às 19h30  – Sessão Infantojuvenil

Duração: 50 minutos

Classificação: 10 anos

Filmes: Arraigo; Festa dos Encantados; Luiz; Médico de Monstro.

 

18/06 às 19h30  – Sessão Debate Social

Duração: 105 minutos

Classificação: 18 anos

Filmes: Domingos Bugreiro; Casa Cheia; Antolina; moT; Por Amor; Berro; Torre.

Após a sessão, debate com a equipe do FAM

 

19/06 às 19h30  – Sessão Classificação Livre

Duração: 86 min

Classificação: Livre

Filmes: Sociedade Etiquetada; Garoto VHS; Flecha Dourada; O Malabarista; Severo,Severino; Sólido; Boca de Fogo.

 

  • Lages – Sala de Cinema – Centro Cultural Vidal Ramos

26/06 às 19h – Sessão Debate Social

Duração: 105 minutos

Classificação: 18 anos

Filmes: Domingos Bugreiro; Casa Cheia; Antolina; moT; Por Amor; Berro; Torre.

Após a sessão, debate com a equipe do FAM

 

27/06 às 15h – Sessão Infantojuvenil

Duração: 50 minutos

Classificação: 10 anos

Filmes: Arraigo; Festa dos Encantados; Luiz; Médico de Monstro.

 

28/06 às 15h – Sessão Classificação Livre

Duração: 86 min

Classificação: Livre

Filmes: Sociedade Etiquetada; Garoto VHS; Flecha Dourada; O Malabarista; Severo,Severino; Sólido; Boca de Fogo.

 

  • Curitibanos

26/06 às 19h – Sessão Debate Social

Duração: 105 minutos

Classificação: 18 anos

Filmes: Domingos Bugreiro; Casa Cheia; Antolina; moT; Por Amor; Berro; Torre.

Local: Sala Multiuso – Sesc

Endereço: Rua Francisco Rauen, nº 675 – Nossa Senhora Aparecida

 

27/06 às 13h30 – Sessão Classificação Livre

Duração: 86 min

Classificação: Livre

Filmes: Sociedade Etiquetada; Garoto VHS; Flecha Dourada; O Malabarista; Severo,Severino; Sólido; Boca de Fogo.

Após a sessão, debate com a equipe do FAM

Local: Escola de Educação Básica Casimiro de Abreu

Endereço: Rua Luiz Dacol, 63 – Centro

 

28/06 às 10h30 – Sessão Infantojuvenil

Duração: 50 minutos

Classificação: 10 anos

Filmes: Arraigo; Festa dos Encantados; Luiz; Médico de Monstro.

 

28/06 às 14h – Sessão Infantojuvenil

Duração: 50 minutos

Classificação: 10 anos

Filmes: Arraigo; Festa dos Encantados; Luiz; Médico de Monstro.

Local: Escola de Educação Básica Professor Antônio Francisco de Campos

Endereço: Rua Pedro Fernandes de Souza, 230

 

  • Joinville

26/06 às 19h30 – Sessão Infantojuvenil

Duração: 50 minutos

Classificação: 10 anos

Filmes: Arraigo; Festa dos Encantados; Luiz; Médico de Monstro.

 

27/06 às 19h30 – Sessão Debate Social

Duração: 105 minutos

Classificação: 18 anos

Filmes: Domingos Bugreiro; Casa Cheia; Antolina; moT; Por Amor; Berro; Torre.

 

28/06 às 19h30 – Sessão Classificação Livre

Duração: 86 min

Classificação: Livre

Filmes: Sociedade Etiquetada; Garoto VHS; Flecha Dourada; O Malabarista; Severo,Severino; Sólido; Boca de Fogo.

Após a sessão, debate com a equipe do FAM

 

SINOPSE dos Filmes

  • Sessão Infantojuvenil

 

Arraigo

*Prêmio Júri Oficial – Menção Honrosa – Mostra Infantojuvenil

Classificação indicativa: Livre

7 min

Diretora: Maria Laura Reina;

País: Venezuela; Categorias: Ficção; Roteiro: María Laura Reina;

Direção de Fotografia: Miguel Lujano; Direção de Arte: Tábata Briceño Montagem/Edição: Miguel Lujano, María Laura Reina;

Som Direto e Edição de Som: Abilio Salmerón;

Produtor Executivo: María Laura Reina;

Sinopse:

Maria, uma menina de 10 anos, não aceita que seu irmão mais velho tenha que sair de casa em busca de melhores oportunidades, deixando-a ao cuidado de uma vizinha. Ela se recusa a dizer adeus, mas terá que se enfrentar a sua realidade.

A Festa dos Encantados

*Prêmio Mercosul de Direitos Humanos

Classificação indicativa: 10 Anos

13 min

Diretor: Masanori Ohashy; Estado: Distrito Federal; Categorias: Animação; Roteiro: Mauro Siqueira;

Direção de Fotografia: Masanori Ohashy;

Montagem/Edição: Masanori Ohashy;

Som Direto e Edição de Som: Daniel Mioju, Derez Marques;

Produtor Executivo: Sônia Guajajara, Julio Pinho;

Sinopse:

A festa dos encantados narra a saga de um índio Guajajara que, procurando pelo irmão perdido, encontrou um mundo subterrâneo habitado por seres encantados e ali permaneceu até aprender todos os rituais e cânticos de várias celebrações. Com saudade da família, voltou para seu povo e passou a contar sua história e a ensinar, na sua aldeia de origem, tudo o que havia aprendido com aqueles seres.

Luiz

*Prêmio Júri Popular – Melhor Filme – Mostra Infantojuvenil

Classificação indicativa: Livre

17 min

Diretor: Alexandre Estevanato;

Estado: São paulo; Categorias: Ficção; Roteiro: Cintia Sumitani;

Direção de Fotografia: Fábio Roger; Direção de Arte: Flávia Facin; Montagem/Edição: Alexandre Estevanato; Som Direto e Edição de Som: Leandro Fermino;

Produtor Executivo: Alexandre Estevanato;

 

Sinopse:

Luiz é uma daquelas doces crianças que tem olhos de ver, vê pureza, vê bondade, vê o mundo com inocência, vê até um amigo imaginário! Junte-se a eles nessa delicada aventura e descubra o que há de bom na vida. E você, tem olhos de criança?

 

Médico de Monstro

*Prêmio Júri Popular Melhor Filme – Mostra Infantojuvenil

Classificação indicativa: Livre

11 min

Diretor: Gustavo Teixeira; Estado: São Paulo; Categorias: Ficção;

Roteiro: Gustavo Teixeira, Rodrigo Estravini; Direção de Fotografia: Alice Andrade Drummond;

Direção de Arte: Rafael Blas; Montagem/Edição: Gustavo Teixeira, Thiago Ricarte, Daniel Mascarenhas;

Som Direto e Edição de Som: Rafael Prego; Produtor Executivo: Gustavo Teixeira, Daniel Mascarenhas

 

Sinopse:

Dudu já escolheu sua futura profissão, agora terá que enfrentar seus medos para se tornar um médico de monstros.

 

  • Debate Social

 

Domingos Bugreiro

*Prêmio Júri Oficial – Melhor Som – Mostra Curtas Catarinense

Classificação indicativa: 18 anos

19 min

Diretor: Sander Hahn; Estado: Santa Catarina; Categorias: Ficção;

Roteiro: Sander Hahn, Leandro De Bona Dias, Marcello Zapelini;

Direção de Fotografia: Marx Vamerlatti; Direção de Arte: Agnaldo Stein; Montagem/Edição: Josué Genuíno;

Som Direto e Edição de Som: Gustavo de Souza;

Trilha Sonora Original: Raul Galli, Felipe Vier;

Produtor Executivo: Sander Hahn;

Sinopse:

Na década de 30, o interior de Santa Catarina é palco de um conflito entre os nativos da tribo Xokleng e os imigrantes europeus. Em meio a isso, uma família de colonos vive sua rotina de trabalho em sua propriedade quando é vítima de um massacre. Passados trinta anos, o único sobrevivente, Antônio, atormentado por lembranças sai em busca de vingança.

 

Casa Cheia

*Prêmio Júri Oficial – Melhor Atriz – Mostra Curtas Mercosul

Classificação indicativa: 12 anos

15 min

Diretor: Carlos Nigro; Estado: Pernambuco; Categorias: Ficção; Roteiro: Carlos Nigro;

Direção de Fotografia: Roberto Iuri; Direção de Arte: Helga Queiroz; Montagem/Edição: Paulo Sano;

Som Direto e Edição de Som: Nicolau Domingues;

Produtor Executivo: Anny Fernandes, Leandro Siqueira;

 

Sinopse:

Abandono – Ação de deixar uma coisa, uma pessoa, uma função, um lugar: abandono da família; abandono do posto; abandono do lar. Esquecimento, renúncia: abandono de si mesmo.

Antolina

*Prêmio Júri Oficial – Menção Honrosa – Mostra Curtas Mercosul

Classificação indicativa: 12 anos

7 min

Diretor: Miguel Agüero; País: Paraguai; Categorias: Ficção; Roteiro: Miguel Agüero;

Direção de Fotografia: Jeisson Rodríguez; Direção de Arte: Miguel Agüero; Montagem/Edição: Ángel Molina;

Som Direto e Edição de Som: Julio Chansin;

Produtor Executivo: Nidia González;

 

Sinopse:

Antolina se despede com a dor de seu misterioso amigo. Em um lugar onde não há mais florestas, nem animais, e apenas as lembranças de seu filho morto estão à espera dela, ela prepara o último charuto que ela pode oferecer a ela.

 

moT

*Prêmio Júri Oficial – Melhor Ator – Mostra Curtas Catarinense

Classificação indicativa: 12 anos

22 min

Diretor: Andrew Kastenmeier; Estado: Santa Catarina; Categorias: Ficção;

Roteiro: Andrew Kastenmeier; Direção de Fotografia: Ralf Tambke; Direção de Arte: Fernando Marés;

Montagem/Edição: Andrew Kastenmeier, Glauco Broering;

Som Direto: Leonardo Gomes; Edição de Som: Leandro Cordeiro; Trilha Sonora Original: Caio Nunez;

Produtor Executivo: Régius Brandão;

 

Sinopse:

Da profunda escuridão da mente de uma criança emerge essa história de amor e perda, e os laços que criamos entre eles. Um excêntrico menino sem-teto com um passado misterioso, invade a casa de um estranho e faz amizade com ele, para proteger um peixinho dourado com o qual ele tem um vínculo curiosamente poderoso.

Por Amor

*Prêmio Júri Oficial – Menção Honrosa – Mostra Videoclipe

Classificação indicativa: 12 anos

4 min

Diretoras: Antonella Schiavoni e Daniela Miokovitch;

País: Argentina;

Categorias: Videoclipe;

Roteiro: Lucrecia Aguirre, Antonella Schiavoni, Daniela Miokovitch;

Direção de Fotografia: Daniela Ocampo; Direção de Arte: Gala San Martin; Montagem/Edição: Federico Garcia Rico; Música Original: Lucrecia Aguirre; Edição de Som: Matias Maya;

Produtor Executivo: Laura Brito, Daniela Miokovitch;

Sinopse:

Rap baseado em histórias verídicas. Às intérpretes são lutadoras de luta livre, que em ringue representam uma história distinta. Acompanhadas por uma sociedade que não distingue gênero e idade.

 

Berro

*Prêmio Júri Oficial – Menção Honrosa – Mostra Curtas Catarinense

Classificação indicativa: Livre

19 min

Diretoras: Paula Barbabela e Marina Simões;

Estado: Santa Catarina;

Categorias: Documentário;

Roteiro: Paula Barbabela, Marina Simões; Direção de Fotografia: Paula Barbabela; Montagem/Edição: Paula Barbabela; Som Direto e Edição de Som: Paula Barbabela;

Produtor Executivo: Eduardo Barbabela, Paula Barbabela;

Sinopse:

Em “Berro”, Briselda Moon, Emme Le’mont e Suzaninha Richthofen abrem espaço para Gustavo, João e Arthur contarem histórias em que a arte drag se revela como uma ferramenta política com grande poder de comunicação. O filme discute sexualidade, corpo e as fragilidades dos gêneros masculino e feminino. Berro é o grito de três jovens para serem notados em uma sociedade que costuma excluir o diferente.

Torre

*Prêmio Júri Oficial – Melhor Filme – Mostra Curtas Catarinense

Classificação indicativa: 12 anos

19 min

Diretora: Nádia Mangolini; Estado: São Paulo; Categorias: Documentáeio; Roteiro: Gustavo Vinagre;

Direção de Arte: Pedro Franz, Rafael Coutinho;

Montagem/Edição: Lia Kulakauskas; Animação: Marcus Vinicius Vasconcelos, Alois Di Leo, João Maurício, Maurício Nunes;

Som Direto: Rene Brasil;

Edição de Som: Miriam Biderman, Ricardo Reis Chuí;

Trilha Sonora Original: Dudu Tsuda; Produtor Executivo: Heitor Franulovic, Nádia Mangolini, Paulo Serpa;

Sinopse:

Quatro irmãos, filhos de Virgílio Gomes da Silva, o primeiro desaparecido político da ditadura militar brasileira, relatam suas infâncias durante o regime.

 

  • Classificação Livre

 

Sociedade Etiquetada

*Prêmio Júri Oficial – Melhor Filme – Rally Universitário Floripa 2018

Classificação indicativa: Livre

5 min

Diretora: Helena Creczynski; Estado: Santa Catarina; Categorias: Ficção;

Roteiro: coletivo;

Direção de Fotografia: Guilherme Lemos;

Direção de Arte: ;

Montagem/Edição: Agostina Vesco;

Som Direto e Edição de Som: Bruno Rangel;

Produtor Executivo: Gustav Jansen;

Sinopse:

Realizado no II Rally Universitário Floripa – ação de formação integrante do FAM 2018, este curta foi idealizado e realizado em 100 horas, sob o tema “Soy latino-americano” fazendo uma crítica social da maneira como se tacha o ser humano.

 

Garoto VHS

*Prêmio Júri Oficial – Melhor Ficção – Mostra Curtas Catarinense

Classificação indicativa: Livre

20 min

Diretor: Carlos Daniel Reichel; Estado: Santa Catarina; Categorias: Ficção;

Roteiro: Carlos Daniel Reichel e Rodrigo Batista;

Direção de Fotografia: Guilherme Meneghelli; Direção de Arte: Dicezar Leandro; Montagem/Edição: André Gevaerd;

Som Direto: Gustavo Souza;

Edição de Som: Pedro Noizyman; Trilha Sonora Original: Pedro Santiago; Produtor Executivo: André Gevaer;

Sinopse:

Um garoto que no lugar da cabeça possui uma câmera VHS com a qual registra seu cotidiano decide revisitar seus registros para presentear Roberta com uma memória que parecia para sempre perdida..

Flecha Dourada

*Prêmio Júri Oficial – Melhor Filme – Mostra Curtas Catarinense

Classificação indicativa: Livre

15 min

Diretora: Cíntia Domit Bittar; Estado: Santa Catarina; Categorias: Documentário;

Roteiro: Maria Augusta V. Nunes, Cíntia Domit Bittar;

Direção de Fotografia: Marx Vamerlatti; Direção de Arte: Cíntia Domit Bittar; Montagem/Edição: Cíntia Domit Bittar; Animação: Javier Di Benedicts;

Som Direto e Edição de Som: Gustavo de Souza;

Produtor Executivo: Ana Paula Mendes, Carol Gesser;

Sinopse:

Entre socos e paneladas, os lutadores do grupo Flecha Dourada voltam ao ringue depois de 50 anos para reviver a era gloriosa do catch catarinense.

 

O Malabarista

*Prêmio Júri Oficial – Melhor Trilha Sonora Original – Mostra Curtas Mercosul

*Prêmio Júri Popular – Melhor Filme – Mostra Curtas Mercosul

Classificação indicativa: Livre

11 min

Diretor: Iuri Moreno;

Estado: Goiás;

Categorias: Documentário;

Roteiro: Iuri Moreno;

Direção de Arte: Wesley Rodrigues; Montagem/Edição: Iuri Moreno;´ Animação: Wesley Rodrigues;

Som Direto e Edição de Som: Thiago Camargo;

Trilha Sonora Original: Dênio de Paula;

Produtor Executivo: Lara Morena;

Sinopse:

Documentário em animação sobre o cotidiano dos malabaristas de rua, que colorem a rotina monótona das grandes cidades.

Severo, Severino

*Prêmio Júri Popular – Melhor Filme – Mostra Curtas Catarinense

Classificação indicativa: Livre

19 min

Diretores: Kátia Klock e Marco Martins;

Estado: Santa Catarina;

Categorias: Documentário;

Roteiro: Kátia Klock, Marco Martins; Direção de Fotografia: Kike Kreuger; Montagem/Edição: Marco Martins, Kátia Klock, Erico Dias;

Som Direto e Edição de Som: Leandro Cordeiro;

Produtor Executivo: Lícia Brancher;

Sinopse:

O teatro é maravilhoso, renova a tua emoção. O cinema imortaliza a gente. A música é fantástica porque te revitaliza a cada apresentação. Ao interpretar o próprio papel na vida real, Severo Cruz revela doses de realidade e imaginário, com esquetes da vida protagonizada e situações cotidianas que lembram uma peça dramática. Onde termina o homem e nasce o artista?

Sólido

*Prêmio Júri Oficial – Melhor Videoclipe

Classificação indicativa: Livre

7 min

Diretor: Camilo Duarte; País: Bolívia; Categorias: Ficção;

Direção de Fotografia: Adro Leonardo Molina;

Direção de Arte: Arianeth Poveda; Montagem/Edição: David Lopez Salek; Música Original: Sami 2R;

Produtor Executivo: Nathy Eguivar;

Sinopse:

Videoclipe ganhador do Rally Universitário 2017 Fenavid.

 

Boca de Fogo

*Prêmio Júri Oficial – Melhor Documentário – Mostra Curtas Mercosul

*Prêmio Júri Oficial – Melhor Fotografia – Mostra Curtas Mercosul

*Prêmio Júri Oficial – Melhor Direção – Mostra Curtas Mercosul

Classificação indicativa: Livre

9 min

Diretor: Luciano Pérez Fernández; Estado: Rio de Janeiro; Categorias: Documentário;

Roteiro: Luciano Pérez Fernández, Rodrigo Daniel;

Direção de Fotografia: Anderson Capuano;

Montagem/Edição: Rodrigo Daniel; Som Direto e Edição de Som: Nicolau Domingues;

Produtor Executivo: Erika Azevedo, Luciano Pérez Fernández;

Sinopse:

Cidade de Salgueiro, sertão de Pernambuco, Brasil. Na arquibancada, o sol castiga os torcedores. No rádio, Boca de Fogo incendeia a transmissão.

 

Circuito FAM de Cinema

08 a 28.06 de 2019

Site Oficial: www.famdetodos.com.br

Facebook:http://www.facebook.com/FAMdetodos

Twitter: http://twitter.com/FAMdetodos

Instagram: @famdetodos

Tags: circuito FAM de CinemaFlorianópolis Audiovisual Mercosulmostra itineranteSescUFSC