Associação internacional divulga apoio à autonomia universitária brasileira

23/05/2019 19:46

A ​Asociación de Universidades Grupo Montevideo (AUGM) – rede formada por universidades públicas da Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Paraguai e Uruguai – emitiu comunicado em apoio à autonomia da universidade pública brasileira e demandando a suspensão do Decreto nº 9.794, de 14 de maio de 2019.

Confira a íntegra do comunicado:

COMUNICADO EM APOIO À AUTONOMIA DA UNIVERSIDADE PÚBLICA BRASILEIRA

16/05/2019

Em vista do ​Decreto Nº9.794 ​da Presidência da República Federativa do Brasil​, do 14 de maio de 2019, que​ ataca os poderes atuais das autoridades universitárias​expressas no marco de sua autonomia, conquistadas estas em nossas democracias e consagradas em nossas constituições, a Asociación de Universidades Grupo Montevideo (AUGM), uma rede formada por universidades públicas de Argentina, Bolívia ,Brasil, Chile, Paraguai e Uruguai ,rejeita as disposições do Decreto que afeta as instituições públicas de ensino superior no Brasil e ​demanda a suspensão imediata de qualquer disposição que limite a autonomia da universidade.

Gerónimo Laviosa (Presiden AUGM)

Enrique Mammarella (Vice Presidente AUGM)

Alvaro Maglia (Secretário Executivo)

 

Tags: Asociación de Universidades Grupo Montevideo (AUGM)autonomia universitáriaUFSC