FNDE informa que bolsas de permanência serão pagas até início da próxima semana

23/01/2018 14:21

A Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (PRAE) informa que o Ministério da Educação está aguardando a normalização em uma resolução de pagamentos junto ao Banco do Brasil, fato que gerou atraso de todos os créditos relativos ao Programa Bolsa Permanência/MEC.

De acordo com o próprio Ministério, o FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação) informou que todas as bolsas serão pagas até o início da próxima semana. No caso da UFSC, cerca de 178 estudantes estão no programa. A PRAE faz, mensalmente, a homologação das bolsas e envia ao MEC, que é o responsável pelo pagamento.

O Fórum Nacional de Pró Reitores de Assuntos Estudantis e Comunitários (FONAPRACE) está acompanhando a situação e cobrando do MEC uma solução imediata, uma vez que essa situação atinge todas as IFES.

No âmbito da UFSC os estudantes quilombolas, indígenas e alguns casos específicos do curso de graduação em Medicina ainda não receberam. A UFSC e o FONAPRACE vêm reiteradamente cobrando uma solução por parte do MEC. Os estudantes beneficiados por programas próprios (UFSC) de permanência (isenção de RU, Bolsa estudantil, auxílio moradia e auxílio creche) têm estes benefícios mantidos sem qualquer atraso, dentro da normalidade.