Workshop em Joinville discute como as ferrovias podem impactar a qualidade de vida

27/07/2017 07:40

O curso de Engenharia Ferroviária e Metroviária de Joinville, a UFSC e a Universidade de Newcastle, Inglaterra, promovem de 31 de julho a 4 de agosto, no Bourbon Hotel, em Joinville, o Workshop em Engenharia Ferroviária, que tem como tema “Como a ferrovia pode contribuir com a qualidade de vida?”.

Segundo o professor Acires Dias, da UFSC, o workshop consolida as atividades de ensino e de pesquisa de mais de dois anos de colaboração entre os pesquisadores da UFSC, dos cursos de Engenharia Ferroviária e Metroviária de Joinville, da Engenharia Mecânica e da Universidade de Newcastle da Inglaterra, relacionados com a temática ferroviária e metroviária para o transporte de cargas e passageiros.

Para responder à pergunta do tema,  foram selecionados 14 jovens pesquisadores doutores no Brasil e 14 na Inglaterra, com até 10 anos de doutorado. Os trabalhos terão dois coordenadores sênior e quatro mentores do Brasil e da Inglaterra. Participarão também convidados com grande experiência na temática ferroviária e metroviária.

Um dos objetivos principais, segundo Acires, é motivar os jovens pesquisadores a incorporarem a temática ferroviária nas atividades acadêmicas e nas indústrias em que atuam. “Além disso, deseja-se aprofundar as colaborações entre a Inglaterra e Brasil, a partir da criação de vínculos entre os pesquisadores, as instituições de pesquisas, os órgãos de fomento, os meios industriais e comerciais que atuam neste setor. Como se sabe, a Inglaterra tem um significativo e experiente desenvolvimento acadêmico e industrial para o setor ferro-metroviário e muito poderá contribuir com o Brasil”, lembra.

Ele ratifica, no entanto, que o resultado mais importante que se deseja é motivar o jovem brasileiro a se incorporar neste campo profissional a partir do curso de Engenharia Ferroviária e Metroviária da UFSC de Joinville. “Acreditamos ser necessário potencializar este modal de transporte e o seu respectivo campo industrial no Brasil. Sem este setor organizado e desenvolvido, haverá poucas chances de Brasil alcançar índices de competitividade em termos de preço em logística para enfrentar o comércio nacional e internacional e em termos de segurança e pontualidade no transporte de pessoas, para dar dignidade a sua população”, alerta Acires Dias.

Informações com os professores:

Acires Dias (coordenador) –

Yesid Erneste Asad Mendonça (mentor) – coordenador do Curso de Engenharia Ferroviária e Metroviária –

Cassiano Augusto Isler (mentor) –

Tags: Acires DiasEngenharia FerroviáriajoinvilleNewcastleUFSCworkshop