Vestibular 2017: campanha deste ano afirma ‘Aqui tem diversidades’

10/12/2016 09:00

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) compartilhou por meio das redes sociais, durante o período de inscrições do Vestibular 2017, depoimentos de estudantes de graduação sobre suas experiências.

Todas as informações sobre o Vestibular estão disponíveis no link. Confira, abaixo, cada depoimento dos alunos e alunas da UFSC. Clique no nome para ler o relato completo.

DANILLO_Vestibular_2017 JESSYKA_Vestibular_2017
“Como instituição, a UFSC é um lugar acolhedor – e muito diverso também. Me sinto representado aqui. É uma oportunidade muito importante estar na UFSC, ser uma representação para a comunidade negra, ajudar a gerar mudança social.” Danillo Florêncio – Estudante de Design
 “A UFSC me proporciona vivências muito maiores do que eu teria num espaço privado. Esses contatos com várias pessoas, perceber o que o outro sente, o que o outro passa, que pode ser completamente diferente da minha realidade, gera um conhecimento muito maior que o acadêmico.” Jessyka Zanella Costa – Estudante de Direito
NELSON_Vestibular_2017
YARA_Vestibular_2017
“Eu vejo que os anos passaram, mas eu estou vivendo uma segunda juventude. Estou com 61 anos, mas junto com essa gurizada da Universidade eu sinto que não envelheci espiritualmente, só fisicamente.” Nelson Costa – Estudante de Educação Física “Toda a dedicação vale a pena quando você vê seu nome na lista de aprovados. É muito boa a sensação de passar numa universidade como a UFSC, com seu próprio esforço. E também porque depois de entrar na universidade você muda muito e cresce. Começa a ver as coisas de um outro jeito e é sempre um aprendizado, uma mudança boa que a gente faz. Estudar e se esforçar nunca vai ser demais porque depois todo esse esforço vai ser recompensado.” Yara Reynaldo – Estudante de Medicina Veterinária – UFSC Curitibanos
TXULUNH_Vestibular_2017 LUIZ_Vestibular_2017
“Eu via a nutrição como uma coisa superficial, não via muitos caminhos. Mas chegando ao curso eu me surpreendi. Tem ótimos professores e uma metodologia voltada para questões comunitárias, uma saúde mais humanizada, fiquei bem feliz por ter encontrado isso.” Txulunh Gakran – Estudante de Nutrição

“A gente não percebe o nosso próprio potencial, mas dentro da Universidade podemos desenvolver isso e ver que podemos causar diferenças no planeta. Hoje vejo que eu não estou sozinho. Fazendo parte do movimento de empresas júnior, que congrega muitas dessas filosofias, existe uma missão de transformar o Brasil em um país melhor.” Luiz Henrique Terhorst – Estudante de Ciências Biológicas 

MEIRE_Vestibular_2017

OTAVIO_Vestibular_2017

“Como eu já fiz uma graduação tenho outra maturidade para o curso, não é que eu aprenda muito mais, mas eu já tenho um conhecimento anterior. Estou aqui para aprender, porque eu sei da necessidade disso aqui no trabalho.” Meirielle de Souza – Estudante de Letras Português

“Acho que o nome social é fundamental para as pessoas trans, que têm uma identidade de gênero que não corresponde com o que está em seu documento. A UFSC dá uma base com o nome social para você não sofrer em várias instâncias ou passar por algum problema vexatório. Justamente porque existe essa política de acolhimento, de integração, a partir do nome social. Isso é fundamental.” Otávio Rodrigues – Estudante de Filosofia

MATEUS_Vestibular_2017 INGRID_Vestibular_2017
“Eu sou o primeiro de quatro irmãos a ter acesso à universidade pública. É muito gratificante, eu tenho certeza que vou sair daqui carregado de muito mais conhecimento, desenvolvimento, experiências. Eu estou fazendo isso não para reproduzir um sistema de consumo, de ganhar dinheiro, mas para poder levar uma ideia diferente para as escolas.” Matheus Cunha – 
Estudante de Licenciatura em Educação do Campo
“A pessoa com deficiência não só pode fazer o vestibular como deve fazer. Aqui não é um lugar para poucos, é para muitos e principalmente para quem precisa. Eu que necessito de um atendimento especializado, tenho que procurar uma melhoria para mim. E se aqui tem esses recursos, eu tenho que estar aqui, tenho que usufruir desses recursos.” Ingrid Medina – Estudante de Serviço Social
ANGELA_Vestibular_2017 JOINVILLE_Vestibular_2017
“Eu tenho um perfil diferente de outros alunos, que entram na universidade sem se perceber como negro, eu já sabia que era negra. Então eu cheguei me impondo, algumas pessoas ficam com medo disso. Às vezes eu sinto o racismo nos olhares, ou nas atitudes, como ignorar as coisas que eu falo. É uma coisa sutil, um racismo à brasileira. Mas ao mesmo tempo eu me sinto muito fortalecida porque existem os grupos de estudantes negros, LGBT, que eu participo. Isso fortalece, porque você divide as suas experiências e um vai ajudando o outro. O que me manteve na universidade foi a relação com esses grupos.” Angela Medeiros –  Estudante de Psicologia  “O vestibular da UFSC foi o único que eu fiz, que eu realmente tive vontade. Viajei de São Paulo a Joinville de ônibus para fazer a prova. Foi um grande desafio vir pra UFSC, mas eu queria novos desafios. Queria sair, conhecer novas pessoas, novos lugares. Entrei no Bacharelado Interdisciplinar (BI) aqui em Joinville, na época todos os cursos eram integrados. Hoje estou na Engenharia Mecatrônica.” Matheus Santana – Estudante de Engenharia Mecatrônica – UFSC Joinville

 

Equipe responsável:
Coordenação: Audrey Schmitz Schveitzer
Programação Visual: Leonardo Reynaldo
Edição de textos: Mayra Cajueiro Warren
Entrevistas: Mayra Cajueiro Warren e Giovanna Olivo
Fotografia: Henrique Almeida, Jair Quint e Ítalo Padilha

Tags: Aqui tem DiversidadesUFSCVestibular