1º Encontro de Práticas Culturais e das Artes de Matriz Africana segue até dia 26

21/11/2016 17:10

14963175_694249847401351_4768420231869188022_nEm alusão ao mês da Consciência Negra, o Coletivo Kurima Bantu – Estudantes Negras e Negros da UFSC, em Movimentos para Ombembwa (Paz), realizará de 20 a 26 de novembro o 1º Encontro de Práticas de Arte e Cultura de Matriz Africana na UFSC, pelo Projeto Dossiê Kurima: Memórias Ancestrais.

O encontro objetiva possibilitar a ampliação de espaços de discussão sobre cultura e arte negra, para maior acesso a conhecimentos e saberes, como para a manifestação e produção, pautando a inserção nas agendas de diferentes espaços de arte e cultura durante o ano. Valoriza a presenças das práticas culturais e das artes de matriz africana na universidade e sociedade. Possibilita aos participantes do encontro o acesso a alguns dos importantes eixos artísticos e de práticas dos principais troncos culturais e linguísticos do continente africano. Possibilita a conexão com a ancestralidade africana por meio de formações, manifestações artísticas e culturais, momentos de encontro coletivo. Pretende-se, também, visibilizar trabalhos e profissionais de diferentes áreas, promovendo um encontro de diversidade negra transcontinental. Espaço para visibilizarmos de demandas institucionais e encaminhamentos.

Público Alvo: Discentes, docentes, pesquisadores, professoras\os negros da área, dos coletivos\ grupos\ núcleos de arte e cultura de matriz africana, artistas negras\os, a comunidade negra em geral, bem como a toda comunidade não negra social em geral.

Programação 

Formações com Inscrições limitadas

20.11 (Domingo)
Música, Roda de conversa, Exposição fotográfica “A beleza de nossos corpos negros”
Francois Muleka
Carol e Ras Jonas (Samba)
Maracatú Arrasta Ilha
Capoiera Mestre Corvão

Local: CIC

22.11 (Terça)
Formação: “Diálogos sobre a Construção de Personagens Negras na Dramaturgia Brasileira” e conversa sobre a web série Âgo – Profª Mestra Juliana Rosa (UDESC).
Horário: 8h às 13h
Local: Sala 403 – Artes Cênicas – CFM – UFSC
Ocupa CCE – 403

23.11 (Quarta)
Formação: “Cinema como ferramenta de empoderamento”
Profº Yasser Socarrás – Metrando em Antropologia Social (UFSC)
Levar materiais: Câmeras, celulares, tablets, filmadora ( o que possa filma) / Público: Comunidade Acadêmica e Social em Geral / Levar temas que dêem visibilidade a outras práticas culturais que não as esperadas. (livros, temas, artigos, objetos, histórias, etc).
Horário:: 13h às 18h
Local: Sala 403 – Artes Cênicas – CFM – UFSC
Vagas: 25 pessoas
Ocupa CCE – Sala 403 – Artes Cênicas
~ Necessário fazer inscrição:

25.11 (Sexta)
Histórias transcontinentais (árvore)

26.11 (Sábado)
Música Afro Erudita – Mateus Aleluia
Conversando sobre espaços de Arte e Cultura Negra
Local: CIC

Patrocínio: UFSC
Realização: Coletivo Kurima, Kurima Mulheres

Apoio:
UFSC, Centro de Filosofia e Humanas (CFH), Centro de Comunicação e Expressão (CCE), Imprensa Universitária, Governo do Estado de Santa Catarina, Fundação Catarinense de Cultura (FCC), Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), Projeto de Extensão Vozes de Zambi: Expressão Vocal e Consciência Negra, Núcleo de Estudos de Literatura, Oralidade e Outras Linguagens (Nelool), Sindicato dos Trabalhadores da UFSC (Sintufsc)

Tags: Coletivo Kurinaconsciência negraUFSC