UFSC na mídia: Aulas de dança incentivam a prática de exercícios e integração na terceira idade

12/09/2014 15:56

Páginas reportagem fotográfica- Divulgação (1)Páginas reportagem fotográfica- Divulgação (2)Durante muito tempo a terceira idade foi atrelada a um estilo de vida de descanso, inatividade e ostracismo. Porém, com o surgimento de inúmeras discussões sobre o papel do idoso na sociedade, o envelhecimento passou a ser visto de outra forma. Atualmente, sabemos que esse momento tão importante da vida também representa protagonismo, atividade, descobertas, aprendizagem e satisfação pessoal.

Criado em 1983, o Núcleo de Estudos da Terceira Idade da UFSC (Neti) tem o objetivo de de valorizar o idoso, inserindo-o no contexto acadêmico e comunitário, e com o compromisso de lutar pelo desenvolvimento de políticas de atenção a pessoas idosas e de formar profissionais na área de gerontologia. Desde então, o Núcleo tem sido referência para estudos de graduação e pós-graduação. Com foco na educação permanente, oferece cursos, grupos, oficinas e projetos voltados para alunos idosos, com o objetivo de promover a sua atualização e inserção social. Também presta assessoria e consultoria à comunidade, através de parcerias com entidades governamentais e não governamentais.

Entre as atividades oferecidas pelo Neti, estão cursos como especialização em gerontologia, história, escrita para adultos, inglês, alemão, italiano, cinema e política; além de oficinas de meditação, qualidade de vida, informática, criação literária, música e dança, entre muitos outros. Nossa equipe acompanhou uma manhã da Oficina de Dança e Movimento na Terceira Idade, que tem como objetivo exercitar a criatividade através da improvisação e da participação igualitária das pessoas em um grupo. Confira um pouco dessa experiência!

Fonte: 30ª edição do Telessaúde Informa

Informativo pode ser acessado no link http://issuu.com/telessaudesc/docs/informativo_final_revisado

Tags: dançaNETIUFSCufsc na mídia