UFSC na Mídia: Alunos da UFSC apresentam projeto nos Estados Unidos

05/09/2013 14:48

Rodrigo (esquerda) e Brener construíram carro conceitual para corrida em Houston
Foto: Jessé Giotti / Agencia RBS

Inglês na ponta da língua, slides preparados para a grande apresentação. Depois de três anos de trabalho, os estudantes Rodrigo Fendrich Madri, de 21 anos, e Brener Pereira Martins, de 22, vão aos Estados Unidos falar de um projeto que vai movimentar Florianópolis em novembro de 2014. Os dois foram convidados a palestrar nesta sexta-feira sobre o Desafio 100 Km 1 litro no Open Hardware Summit (OHS), que será sediado no Massachussetts Institute of Technology (MIT), uma das universidades mais conceituadas do mundo em estudos de tecnologia.

Rodrigo, estudante da oitava fase de engenharia mecânica, e Brener, que está na quinta fase do curso de física, são os capitães da E3 Equipe UFSC de Eficiência Energética. Com a construção de dois carros protótipos, com baixo consumo de combustível, eles participaram de dois desafios em Houston, no Texas, ­- no qual chegaram a ficar em 7º lugar correndo ao lado de outras 40 equipes do mundo inteiro – e atraíram a visão de outros países para a Capital catarinense. 

— Um engenheiro francês chamado Jean-Luc Wingert entrou em contato com a gente depois de ver nossa participação em um documentário internacional, o Road to Houston, que falou sobre nossa participação na competição de Houston. Ele queria fazer um desafio na França, mas não conseguiu e propôs que fizéssemos um no Brasil — explicou Brener.

De acordo com Rodrigo, o francês queria que a competição acontecesse em Curitiba, no Paraná, mas os dois conseguiram convencê-lo que não havia melhor lugar para sediar o evento do que Florianópolis. O francês inscreveu o projeto dos três no Open Hardware Summit e eles foram chamados para apresentar uma parte da proposta da competição, denominada de Desafio 100 Km 1 litro, que acontecerá no kartódromo do Sapiens Park em 2014.

Modelo para ser implantado em Florianópolis

A proposta do Desafio é inovação, mas, principalmente, encontrar uma solução para a mobilidade urbana de Florianópolis. Ao contrário dos desafios propostos em Houston, por exemplo, a ideia não é apresentar um modelo de carro que seja apenas conceitual.

—_ Queremos trazer para a realidade. Os projetos que participarão do Desafio são carros de dois lugares, que podem ser implantados na cidade, são rápidos e gastam pouco. A ideia é justamente termos um modelo com eficiência energética próxima do mercado — disse Rodrigo.

Para que o objetivo seja atingido, os estudantes querem trazer equipes de várias partes do mundo. O limite para a corrida é de 14 carros competindo ao mesmo tempo, sendo que a intenção é ter pelo menos um da França, outro dos Estados Unidos e um da América Latina. Quatro equipes já fizeram a pré-inscrição no evento, que não tem ainda data definida e extensão do trajeto da competição.

— O evento no MIT não é sobre o desafio, mas sobre as ações colaborativas para desenvolver tecnologia. E isso é uma parte do nosso projeto. Queremos promover discussões, que as equipes falem sobre seus projetos e como podem resolver os problemas que surgirem — revelou Brener.

Carro compartilhado

A busca de Rodrigo e Brener é por um modelo de carro que possa ser compartilhado, como no modelo adotado na França com o Autolib, em que a pessoa “aluga” o carro por um curto espaço de tempo e o devolve em um terminal. A participação da dupla no Open Hardware Summit pode incentivar equipes que têm protótipos neste estilo a virem para a Capital catarinense.

— Esse tipo de carro está distante das ruas, mas é um conhecimento necessário. Esse convite é um reconhecimento ao trabalho deles e uma forma de mostrar que a UFSC está formando alunos com conhecimento para desenvolvimento de soluções para eficiência energética — destacou Henrique Simas, coordenador do E3 e professor de robótica industrial do curso de engenharia mecânica da UFSC.

Desafio 100 Km 1 litro

> O evento foi criado para estimular a inovação em carros com eficiência energética, com menos emissão de CO2 e consumo de combustível. Está marcado para novembro de 2014
> A meta é construir veículos que percorram a distância de100 quilômetros com somente um litro de gasolina, diesel ou etanol – um carro francês geralmente consome em média 7 litros a cada 100 quilômetros.
> Os focos do evento são eficiência energética, inovação tecnológica, mobilidade sustentável, design industrial e hardware livre.
> A competição será dividida em duas categorias: “esportes”, para a equipe participar da corrida; e “criativo”, em que será analisado o design do veículo, mas sem o objetivo de correr
> Os carros devem pesar, no mínimo, 225 quilos
> Para participar do desafio ou obter mais informações acesse www.100km1litro.com/

Fonte: Diário Catarinense – Emanuelle Gomes – Inovação – 05/09/2013 | 09h23

Tags: CTCDesafio 100 Km 1 litro no Open Hardware Summit (OHS)UFSC