Para pensar o esporte em Santa Catarina

25/04/2011 09:38

Amanhã, dia 26 de abril, às 19h, na galeria de arte da Assembléia Legislativa, acontece o lançamento do livro “A Miséria do Esporte”, do professor Nilso Ouriques, da UNOESC. No livro ele explicita como o esporte catarinense, via lógica dos Jogos Abertos, tornou-se um negócio. O que vale é o evento e não o esporte em si. No trabalho, pode-se saber de boa parte das artimanhas que se movem nos bastidores, a política que rege a escolha dos dirigentes e a falta de compromisso com a alegria e a saúde que o esporte proporciona. O professor de Joaçaba, ligado à Rede de Estudos Latino-Americanos (REBELA), coordenada pelo IELA /UFSC, apresenta uma pesquisa bem fundamentada e  mostra, com dados concretos, os problemas do setor, chamando a atenção para o fato de que em Santa Catarina, como em todo o país, os sindicatos e movimentos sociais deveriam dar mais valor ao esporte e prestar mais atenção na política que move o setor.

Tags: esporteIELAOuriques