Parceria entre UFSC e Centro de Saúde transforma lugar ocioso em espaço de cura

10/11/2017 11:20

O acesso à Horta Medicinal do Centro de Saúde Prainha, localizada na região central de Florianópolis/SC, parece um portal para um mundo inverso ao encontrado em um posto de saúde. Ao sair da recepção e passar por um pequeno corredor, o visitante chega a um jardim medicinal. São plantas e alimentos cuidadosamente colocados em uma área de 20X30 m². Este terreno, antes, era ocupado por pedras e restos de obra e, a partir de março de 2016, passou a ser um lugar de cura e cuidados por meio do alimento. Potes plásticos, caixas de leite, galões e até um vaso sanitário são reaproveitados para que as plantas cresçam e se desenvolvam na sua plenitude.

O projeto ‘Vamos plantar saúde’ surge na Prainha através de uma parceria entre os profissionais da unidade, a comunidade local, os residentes multiprofissionais em Saúde da Família recém-formados pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e o Horto Medicinal do Hospital Universitário (HU).
(mais…)

Instituto de Soldagem e Mecatrônica da UFSC recebe Prêmio Stemmer Inovação Catarinense

08/11/2017 09:07

Jair Dutra: obrigação institucional. Foto: Divulgação

O Instituto de Soldagem e Mecatrônica (Labsolda) da UFSC recebeu nesta última segunda-feira, 6 de novembro, o Prêmio Stemmer Inovação Catarinense, entregue ao professor Jair Carlos Dutra. O instituto apresentou três cases de destaque entre os projetos desenvolvidos recentemente e foi premiado na categoria Instituição CTI pelo conjunto da obra. A cerimônia, realizada no Centro de Eventos da Fiesc, teve a presença do ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab.

O prêmio, na sua sétima edição, é uma promoção da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc). Criada em 2008 pela Lei Catarinense de Inovação, a premiação leva o nome do ex-reitor da UFSC, Caspar Erich Stemmer, e visa reconhecer, com troféus, certificados e valores financeiros, ações inovadoras de instituições, empresas e pessoas consideradas “protagonistas da inovação”. O Labsolda, que concorreu com a Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul) e o Instituto Stela, apresentou três cases de destaque.
(mais…)

Ônibus elétrico alimentado por energia solar da UFSC completa o equivalente a uma volta ao mundo

06/11/2017 08:00

Ao longo do dia 6 de novembro, segunda-feira, o ônibus elétrico alimentado por energia solar da UFSC irá completar 40 mil quilômetros rodados após oito meses de operação regular, distância equivalente a uma volta inteira na Terra.

Inaugurado em dezembro de 2016, o Ônibus Elétrico iniciou o serviço regular de transporte entre o Campus Central da UFSC e o Sapiens Parque em março de 2017. O ônibus – que é parte de um projeto denominado deslocamento produtivo com veículos elétricos alimentados por energia solar fotovoltaica – é um ambiente de trabalho, com poltronas confortáveis (somente transporta passageiros sentados), duas mesas de reunião, tomadas 220V e USB, wi-fi e ar-condicionado.

(mais…)

Pesquisadores da UFSC recebem prêmio em Congresso Nacional de Pesquisa e Ensino em Transportes

03/11/2017 15:47

O trabalho intitulado “Controle do fluxo principal em rodovias por meio de veículos cooperativos equipados com controle adaptativo de cruzeiro”, recebeu o “Prêmio Anpet de Produção Científica” na área de Tráfego Urbano e Rodoviário no XXXI Congresso Nacional de Pesquisa e Ensino em Transportes.

A mestranda Jéssica Aquino Chaves, o orientador professor Rodrigo Castelan Carlson, o doutorando Eduardo Rauh Müller e o professor Werner Kraus Junior, são os autores do artigo. Eles fazem parte do Programa de Pós-graduação em Engenharia de Automação e Sistemas (PPGEAS) da UFSC.
(mais…)

Aluna da UFSC Araranguá conquista prêmio de melhor iniciação científica em jornada acadêmica 

01/11/2017 09:32

Gabriela Leopoldino Costa, do campus de Araranguá da UFSC, recebe prêmio na VIII Jornada Catarinense de Geriatria e Gerontologia. Foto: divulgação

No mês de outubro, ocorreu em Criciúma, a VIII Jornada Catarinense de Geriatria e Gerontologia. No evento foram apresentados diversos trabalhos científicos, além de palestras na área. Mais uma vez uma aluna do Campus Araranguá da UFSC foi destaque. Gabriela Leopoldino Costa, que está no sexto período do curso de Fisioterapia na universidade, apresentou o trabalho “Análise do Equilíbrio em Indivíduos com Doença de Parkinson na Atividade de Iniciação da Marcha Estando Parado em Pé.” A estudante conquistou a segunda colocação no quesito melhor iniciação científica apresentada. 
(mais…)

Pesquisa coleta dados sobre quantidade de peixes nos recifes brasileiros

31/10/2017 09:41

Peixes de ambientes recifais são importantes fontes de recursos alimentares e atrativos turísticos para populações costeiras. Entender como a quantidade de peixes nesses ambientes é distribuída entre diferentes lugares é, portanto, uma questão ecológica e social importante. Cientistas brasileiros acabam de dar um pequeno passo na busca pelo conhecimento de onde peixes se concentram e onde eles são mais escassos nos recifes rasos brasileiros. 

A iniciativa é parte da Rede Nacional de Pesquisa em Biodiversidade Marinha (Sisbiota-Mar) e acaba de ser publicada na revista científica Journal of Fish Biology, em artigo assinado por Renato Morais, Carlos Ferreira e Sérgio Floeter. Nos últimos 13 anos, pesquisadores da Rede compilaram um grande volume de dados de contagens subaquáticas de peixes, com mais de 4 mil amostras distribuídas em 137 sítios e 20 localidades incluindo costa e ilhas oceânicas brasileiras. Isso incluiu recifes desde os trópicos do Maranhão, até as águas frias de Santa Catarina.
(mais…)

Aluna da UFSC Araranguá recebe premio de destaque em simpósio de integração científica

30/10/2017 16:28

A aluna de Engenharia de Energia da UFSC, Campus Araranguá, Kamille Beatriz de Freitas, foi premiada na categoria Destaque de Apresentação em Pôster, no Simpósio de Integração Científica e Tecnologia do Sul Catarinense (SICT – Sul) com o projeto “Caracterização térmica da casca e da cinza da casca de arroz”. O evento foi sediado no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) em Criciúma, entre os dias 23 e 25 de outubro, e contou com apoio da UFSC.
(mais…)

Estudantes da UFSC realizam pesquisa de campo por dois meses na Ilha da Trindade

30/10/2017 15:36

Foto: Bruno Macena.

O território brasileiro possui quatro ilhas oceânicas, sendo a mais conhecida delas Fernando de Noronha, localizada ao norte do país. As outras três são o Arquipélago de São Pedro e São Paulo; o Atol das Rocas e o Complexo da Ilha da Trindade e Martin-Vaz. Esta última apresenta uma singularidade: é a área mais isolada e distante do território brasileiro, localizada a 1160 km da costa, o que equivale a aproximadamente 1/3 do caminho até a África.

Luisa Martins Fagundes e Lucas Nunes Teixeira – respectivamente mestranda e doutorando do Programa de Pós-graduação em Ecologia da Universidade Federal de Santa Catarina (PPGEco/UFSC) —, e Jéssica Tamires Link, recém graduada em Ciências Biológicas na UFSC e pesquisadora do laboratório “Ecologia de Ambientes Recifais”, estiveram da Ilha da Trindade durante dois meses, entre agosto e outubro deste ano. Os três estudantes desenvolvem estudos no âmbito do Programa de Pesquisa Ecológica de Longa Duração das Ilhas Oceânicas Brasileiras (PELD-ILOC). As ilhas oceânicas são consideradas laboratórios naturais, devido ao seu isolamento, o que atrai pesquisadores de diversas áreas.
(mais…)

Instituto de Soldagem e Mecatrônica da UFSC é classificado em prêmio de inovação

30/10/2017 10:16

O Instituto de Soldagem e Mecatrônica (Labsolda) da UFSC foi classificado na 7ª edição do Prêmio Stemmer Inovação Catarinense, promovida pela Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc). Criada em 2008 pela Lei Catarinense de Inovação, a premiação leva o nome do ex-reitor da UFSC, Caspar Erich Stemmer, e visa reconhecer, com troféus, certificados e valores financeiros, ações inovadoras de instituições, empresas e pessoas consideradas ‘protagonistas da inovação’. Formado por pesquisadores do Departamento de Engenharia Mecânica, com três inovações, o Labsolda foi finalista na categoria ‘Instituição de Ciência, Tecnologia e Inovação’.
(mais…)

Laboratório do curso de Aquicultura da UFSC conquista Prêmio Von Martius de Sustentabilidade

26/10/2017 14:08

O projeto “Tecnologias para a Conservação da Ictiofauna no rio Uruguai”, recebe o 3º lugar, na categoria Tecnologia, no prêmio Von Martius de Sustentabilidade, edição 2017, da Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha. Premiado por contribuir no desenvolvimento econômico, social e cultural com respeito ambiental, o Projeto é realizado por meio de parceria do Laboratório de Biologia e Cultivo de Peixes de Água Doce (Lapad), do curso de Aquicultura da UFSC, com a Engie, o Consórcio Itá e o Consórcio Machadinho.
(mais…)

‘Não é gasto, é investimento’: Helena Nader palestra na UFSC sobre cortes de recursos da Ciência

25/10/2017 17:58

Fotos: Ítalo Padilha/Agecom/UFSC

A palestra “Como evitar o colapso da ciência brasileira” foi proferida pela professora da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e presidente de honra da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). O evento, realizado na UFSC na terça-feira, dia 24, foi promovido em função da reabertura da Secretaria Regional da SBPC em Santa Catarina e da 14ª Semana Nacional da Ciência e Tecnologia. O tema foi voltado para a conscientização da importância da Ciência para o desenvolvimento do país e pela volta do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI).

O MCTI foi extinguido e transformado em Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) em maio de 2016. Nader explica que não é a primeira vez que isso acontece, o que demonstra a fragilidade do sistema. “É importante saber a história para saber lutar”, advertiu ela. O MCTI foi criado em 1985, com o governo de José Sarney, e desde então passou por desaparecimentos e retornos, substituído ora por secretarias, ora por ministérios ligados a outras pastas. “É uma cultura, e nós temos que lutar contra ela”, ressalta Nader.
(mais…)

Veleiro ECO recebe crianças entre os dias 25 a 27 para visitação

25/10/2017 11:29

O Veleiro Eco recebe de 25 a 27 de outubro, cerca de 100 estudantes por dia para conhecer a embarcação e assistir a filmes com o intuito de despertar a conscientização ambiental. A visitação tem aproximadamente uma hora e é oferecida, preferencialmente, para crianças entre seis a nove anos de idade. A visita integra a programação da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), que  ocorre de 23 a 29 de outubro em todo o Brasil e tem como objetivo aproximar a Ciência e Tecnologia da população, promovendo eventos que visam a divulgação da atividade científica do país.
(mais…)

Projeto da UFSC ‘Tecnologias Sociais de Gestão da Água’ comemora 10 anos

24/10/2017 10:55

Pensar em soluções simples para problemas complexos, este é um dos objetivos do Projeto Tecnologias Sociais de Gestão da Água (TSGA), resultado de uma parceria entre a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Embrapa e Epagri. O projeto comemora 10 anos em 2017, mesmo ano em que concretizou uma de suas últimas metas: a inauguração de uma estrutura física, o Centro TSGA, dentro da Universidade. A primeira edição do projeto foi realizada de 2007 a 2010, e a segunda, com apoio da Petrobras, teve início em 2013. O TSGA foi um dos poucos projetos do Sul do Brasil a serem aprovados pelo edital do Programa Petrobras Socioambiental.

“O projeto é focado no meio rural, porque é um ambiente muito mais carente em tecnologias”, explica o coordenador Paulo Belli Filho, professor de Engenharia Sanitária e Ambiental da UFSC. Dentro das comunidades rurais, são trabalhadas questões como saneamento básico, resíduos sólidos, controle de cheias, recuperação da mata ciliar e sustentabilidade na produção agropecuária.
(mais…)

Parecer técnico analisa violência no Estado e nas microrregiões de Santa Catarina

24/10/2017 09:58

Facilitar o acesso de gestores públicos aos dados de mortalidade e internações hospitalares associadas à violência no Estado e nas microrregiões de Santa Catarina. Esta é a intenção do parecer técnico “A violência no Estado e nas Microrregiões de Santa Catarina” da professora Sonia Hess, do Centro de Curitibanos da UFSC, sobre as informações disponibilizadas pelo Datasus, banco de dados do Ministério da Saúde.

O parecer “pode ser útil” para instituições governamentais como a Secretaria de Segurança Pública, Ministério Público Estadual, Corpo de Bombeiros, explica a professora, cuja intenção “não é acadêmica”. Ela já havia tocado no tema, na Revista Brasileira de Segurança Pública, com o artigo “A mortalidade por agressões e acidentes de transporte no Brasil, de 2003 a 2007”.

O parecer aponta que as “causas externas corresponderam à terceira principal causa de óbito dos homens falecidos naquele período, e à quinta causa de morte entre as mulheres” e apresenta “os números de óbitos registrados segundo local de ocorrência nas microrregiões de Santa Catarina, no período de 2011 a 2015, decorrentes de suicídio, agressões, e acidentes de transporte, para os sexos masculino e feminino”, além de discorrer sobre cada tipo.

Mais informações no Parecer técnico.

Caetano Machado/Jornalista da Agecom/UFSC

Instituto de Ciência e Tecnologia faz parte da SNCT 2017

23/10/2017 15:03

Na Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2017, promovida entre 23 a 29 de outubro, o Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Comunicação Pública da Ciência e Tecnologia (INCT-CPCT) realizará uma série de ações de divulgação científica, dando visibilidade às estratégias da coordenação nacional da Semana. Será feito o planejamento de comunicação e a cobertura das programações promovidas por alguns grupos integrantes da rede. 
(mais…)

Dissertação defendida na UFSC é premiada pela Agência da ONU para Refugiados

23/10/2017 11:15

Da esquerda para a direita: María Eugenia Dominguez, Vítor Lopes Andrade, Letícia Cesarino, Karine de Souza Silva, Gláucia de Oliveira Assis (por vídeoconferência) e Carmen Silvia Rial. Foto: Arquivo pessoal

Em março deste ano Vítor Lopes Andrade defendeu, na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), a dissertação ‘Imigração e Sexualidade: solicitantes de refúgio, refugiados e refugiadas por motivos de orientação sexual na cidade de São Paulo’, obtendo o título de mestre em Antropologia Social (PPGAS). O ineditismo do tema fez com que o trabalho fosse premiado, seis meses depois, pela Agência da ONU para Refugiados (UNHCR/ACNUR) no III Concurso Nacional de Teses de Doutorado e Dissertações de Mestrado da Cátedra Sérgio Vieira de Mello.

O prêmio é importante no Brasil por tratar do debate em torno da área de refúgio, migração internacional e direitos humanos. Para Vítor, o tema é relevante porque faz uma conexão entre imigração, refúgio e sexualidade. “Existem muitas pesquisas feitas no Brasil sobre imigração e refúgio, entretanto, normalmente não há um enfoque conjunto. Por isso, é um tema de relevância acadêmica, pois foi o primeiro trabalho de pós-graduação defendido no Brasil sobre o refúgio por motivos de orientação sexual”, relata ele.
(mais…)

Grupo de estudos promove ciclo de palestras sobre AVC em Araranguá

23/10/2017 11:11

O Grupo de Estudos no AVE (GEAVE) do Centro de Araranguá da Universidade Federal de Santa Catarina está organizando um ciclo de palestras, no dia 25 de outubro, como parte do evento “Araranguá na Campanha Nacional de Combate ao AVC 2017”. O objetivo do evento é debater, com alunos e comunidade, o AVC, uma das maiores causas de morte e incapacidade no mundo, podendo acometer qualquer indivíduo, em qualquer idade, afetando a todos: sobreviventes, familiares e amigos, ambientes de trabalho e comunidades.
(mais…)

16ª Sepex: estandes para prevenção de doenças realizam testes com visitantes

20/10/2017 19:50

O estande de doenças silenciosas na 16ª Sepex, parte de um projeto de extensão que trata da prevenção de doenças crônicas não transmissíveis, como depressão, problemas respiratórios, câncer, osteoporose, diabete, obesidade.

Estas doenças custam mais do que 70% dos gastos do Sistema Único de Saúde (SUS), e grande parte delas poderia ser evitada com prevenção e bons hábitos. No estande são realizadas medidas antropométricas e um questionário. Após a Sepex os dados serão analisados e enviados por e-mail. No exame sera constatado se o paciente está em algum grupo de risco ou não.

Com intuito parecido, o estande ‘Qual idade tem seu coração’, analisa se o paciente tem tendência de desenvolver alguma doença cardiovascular nos próximos 10 ou 30 anos. O procedimento para o teste consiste em realizar um exame de sangue, medições e questionário. O estilo de vida mais saudável, cuidando do colesterol, diminuindo o estresse, já contribui para diminuir os fatores de risco. De acordo com o professor Roberto Ferreira de Melo, as pessoas devem encaixar as atividades físicas e hábitos alimentares melhores na rotina, como o trabalho, a aula etc.

16ª Sepex: palestra apresenta a matemática em flores, furacões e outros fenômenos da natureza

20/10/2017 19:48

Foto: Henrique Almeida/Agecom/UFSC

O que há em comum entre uma samambaia, um floco de neve e uma bacia fluvial? Pela perspectiva da matemática, a estrutura dessas e de diversas outras manifestações da natureza seguem um mesmo padrão: são todos “fractais”. Isto é: figuras de grande beleza geradas por uma fórmula matemática. A pesquisadora Carolina de Araújo, do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA), apresentou na palestra “Matemática na Natureza” como essa ciência pode explicar certos fenômenos naturais que à primeira vista parecem pertencer a um mundo muito distante dos números, fórmulas e equações.
(mais…)

16ª Sepex: UFSC Sustentável e Gestão de Resíduos apresentam alternativas ecológicas

20/10/2017 19:02

O UFSC Sustentável é um programa que visa unir e incentivar iniciativas de sustentabilidade dentro da universidade. No estande da Semana de Ensino, Pesquisa e Extensão (Sepex), a equipe apresenta diversos materiais. Um deles foi o Escritório Sustentável, com dicas que orientam a economia de energia no uso de eletrônicos, a utilização de envelope reutilizável, papéis reciclados para substituir post-its, lixeiras específicas para cada tipo de resíduo (reciclável, orgânico e rejeito). Também estavam expostos os copos biodegradáveis, parte da campanha “Adote uma caneca”. A intenção da campanha é diminuir o uso de copos gradativamente, mas há lugares em que o uso é necessário. Uma solução para diminuir o impacto do plástico é a adoção desses copos, que se decompõem em até 60 dias na compostagem. Outro material apresentado é a madeira plástica. Para fazer 700 kg dessa madeira, é necessário cerca de 180 mil sacolas plásticas, sem utilização de água e química. Os bancos na frente da Biblioteca Universitária já são feitos dessa madeira.

Ao lado do estande do UFSC Sustentável está o da Gestão de Resíduos. Dentro do campus são realizadas diversas atividades, que geram todo tipo de resíduos. Entre eles, os convencionais, laboratoriais (químicos), lâmpadas, pilhas e baterias. No estande, são apresentados dados relativos à implantação da Coleta Seletiva Solidária no primeiro semestre deste ano. Esta etapa da Coleta Seletiva visa a segregação dos resíduos em recicláveis e rejeitos. Em uma etapa posterior, os resíduos orgânicos também serão aproveitados por meio da compostagem e outros processos. Outro trabalho apresentado é o Projeto de Gestão de Resíduos Químicos e Especiais, que tem como objetivo o enfrentamento das questões relativas aos resíduos e rejeitos classificados como perigosos. A Gestão Ambiental faz a coleta de resíduos químicos infectantes, basta solicitar no site.

Lavínia Beyer Kaucz/Estagiária de Jornalismo da Agecom/UFSC

Fotos: Henrique Almeida/Agecom/UFSC

16ª Sepex: Sala Verde traz jogos, produz cadernos e divulga educação ambiental

20/10/2017 18:11

A Sala Verde UFSC está presente na 16º Semana de Ensino, Pesquisa e Extensão (Sepex), com jogos e criatividade para falar de educação ambiental. Nesta edição a equipe da Sala Verde trouxe quebra-cabeça, sudoku com animais de pelúcia, produção de ecocadernos (cadernos feitos com o verso de folhas já utilizadas e que iriam para o lixo), entre outras atividades. A coordenação espera que a Sepex ajude a divulgar o trabalho da Sala Verde e a educação ambiental.

16ª Sepex: grupo de teatro do CAPS apresenta adaptação cômica da obra de Machado de Assis

20/10/2017 18:08

Libertação é a palavra que define a apresentação do Grupo de Teatro, Cinema e Terapia para Usuários do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), na 16ª Sepex. “É pra ser um caos mesmo, a gente nunca sabe o que vai rolar, é pra contagiar mesmo”, afirma o professor e coordenador do projeto, Marcos Eduardo Rocha Lima (Marquito).

O grupo apresentou uma adaptação cômica da obra de Machado de Assis “O Alienista”. O tema central é o poder psiquiátrico. O objetivo é mostrar que “O Alienista”, publicado em 1881/82, continua bem atual.

O grupo é um projeto de extensão do Departamento de Psicologia da UFSC. Os atores são usuários do CAPS e também, alunos do curso de Psicologia da UFSC. O grupo é formado por pessoas que geralmente são diagnosticadas com psicose, e o projeto serve como tratamento terapêutico.

 

16ª Sepex: história do Sistema Defensivo da Ilha de Santa Catarina atrai o público infantil

20/10/2017 17:00

Crianças observam maquete da Ilha de Anhatomirim. Foto: Henrique Almeida/Agecom/UFSC

Réplicas de canhão, trajes militares, panfletos, banners, maquete e desenhos para pintar são alguns dos recursos usados para contar a história das Fortalezas da Ilha de Santa Catarina para os visitantes que passam pela 16ª Semana de Pesquisa, Ensino e Extensão (Sepex) da UFSC.

Pessoas de diferentes idades visitam o estande, mas as crianças são as que mais se entretém. Já que, além de divulgar o trabalho desenvolvido pela Coordenadoria das Fortalezas da Ilha de Santa Catarina, o objetivo é informar e aproximar a comunidade universitária com a história das fortificações. E é neste aspecto que os pequenos despertam a curiosidade. Eles questionam e se encantam com as informações passadas pelas estagiárias e servidores do setor responsável por gerenciar as fortificações.

A coordenadoria já atua no âmbito da educação patrimonial com a execução do projeto “Aprender sobre história também é coisa de Criança”. Esta iniciativa é voltada para estudantes da educação infantil e do primeiro, segundo e terceiro ano do ensino fundamental. O projeto objetiva aproximar os participantes dos conhecimentos relacionados à história das fortalezas de Santa Cruz de Anhatomirim, Santo Antônio de Ratones e São José da Ponta Grossa, e sua vinculação com a história de Florianópolis. E também sensibilizá-las para a importância de valorizar e preservar o Patrimônio Histórico Nacional.

Quem passa pelo estande também pode participar do sorteio de um exemplar do livro “As defesas da Ilha de Santa Catarina e do Rio Grande de São Pedro em 1786”.

(mais…)

16ª Sepex: Grupo de Artes Marciais Medievais expõe armas e armaduras da Idade Média

20/10/2017 16:24

Anderson explica aos visitantes funcionalidades e especificações das armaduras e armas Foto: Henrique Almeida/Agecom/UFSC

Se você andar pelos estandes da 16ª Semana de Ensino, Pesquisa e Extensão (Sepex) e ver alguém vestindo armaduras do período medieval, fique tranquilo! São os integrantes do Sistema de Combate e Artes Marciais Medievais (Scam), projeto de extensão que faz parte do Departamento de História da UFSC, marcando presença no evento.

No estande do Scam os visitantes podem conhecer trabalhos acadêmicos sobre a temática, armas e armaduras, além de fotos e vídeos das atividades desenvolvidas no projeto de extensão. “O que mais ouvimos aqui são pessoas perguntando se é de verdade e se podem tocar”, diz o campeão panamericano de espada longa e integrante do projeto Anderson Tsukiyama. Ele enfatiza a importância dessa ação, pois melhor que conhecer apenas a teoria é poder visualizar isso na prática.
(mais…)

Plínio de Arruda Sampaio Júnior abre Semana Nacional de Ciência e Tecnologia com palestra na UFSC Blumenau

20/10/2017 14:14

Em tempos onde os radicalismos se afloram no país e em que o diálogo vê seu espaço tomado pelo discurso de ódio, a compreensão da estreita – e por vezes questionável – relação entre a esfera econômica e o poder estatal parece se perder em becos conceituais sem saída. Nesse contexto há urgência para análises de conjuntura que consigam transpor a dicotomia política superficial.

Dentro dessa perspectiva, para a abertura da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2017, a UFSC Blumenau, por meio de seu Núcleo Pedagógico (NuPe), convida a comunidade acadêmica e a sociedade para palestra com o pesquisador e economista Plínio de Arruda Sampaio Jr. O evento será no dia 24 de outubro (terça-feira), às 18h30, no auditório da sede acadêmica no bairro Velha. Plínio falará sobre os “Rumos da sociedade brasileira na contemporaneidade”. A palestra é gratuita e basta realizar inscrição pelo site: http://l.ufsc.br/palestraarrudajr.
(mais…)