Professores da UFSC redigem obra sobre descrição de funções e formas em projetos

04/06/2018 10:04

Os professores da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), João Carlos Linhares e Altamir Dias, são, respectivamente, autor e coautor do livro ‘Projeto preliminar de peças baseado na descrição de funções e formas: uma abordagem computacional’. Previsto para ser lançado no segundo semestre, a obra já está disponível aos interessados nas versões impressa e digital.

Segundo Linhares, o tema é pertinente às engenharias, pois aborda questões relacionadas ao processo de construção de projetos de produtos. “É uma proposta para auxiliar o processo projeto de sistemas mecânicos, na interface entre as fases do projeto conceitual e o preliminar, quando o projetista mecânico precisa decidir sobre quais formas geométricas são adequadas à realização física do produto, seus sistemas, subsistemas e peças. Isso é feito a partir da modelagem da estrutura funcional do produto, desde a função global às funções mais elementares dos componentes individuais”, explica o professor do Departamento de Expressão Gráfica (EGR/CCE).

O objetivo do projeto é disponibilizar aos estudantes, professores e pesquisadores da área de projeto de sistemas mecânicos informações sobre como decompor, estruturar, descrever e utilizar essa base de dados e poder transformar descrições funcionais em geometrias das peças do produto. Pode ser aplicado nos cursos de engenharia mecânica, auxiliando o processo de projeto de produto e também naquelas engenharias que usam desdobramentos funcionais no projeto de seu produto.

Para saber mais acesse a página do livro.

Sinopse

No Capítulo 1 é feita a introdução da pesquisa onde o problema de projeto a ser estudado é localizado no contexto do processo de projeto de produto e é feita a sua delimitação por meio da definição do domínio específico de trabalho. Neste capítulo, são ainda contextualizadas questões referentes ao relacionamento função-forma. O Capítulo 2 descreve o estado da arte das teorias envolvidas com o processo de projeto de produto. São mostradas algumas das principais metodologias voltadas para o processo de projeto de produto e ressaltados os pontos de convergência à pesquisa sendo desenvolvida. É feita, ainda, uma breve revisão que aborda a pesquisa no campo do processamento linguístico voltado à atividade de projeto. No Capítulo 3 são discutidos os atores que participam do cenário de projeto na interface da fase de projeto conceitual para a fase de projeto preliminar, o que implica o projeto específico de peças no âmbito do processo de projeto de produto. O Capítulo 4 aborda as questões inerentes aos conceitos propostos para a organização da plataforma sobre a qual o trabalho é desenvolvido. O Capítulo 5 aborda as estruturas hierárquicas em árvore para representação das descrições funcionais e de regiões físicas, sob a ótica do paradigma da orientação a objetos. Este capítulo contextualiza os conceitos e modelos propostos na tese, os voltados à representação dos relacionamentos físicos e funcionais e, principalmente, aqueles aplicados na implementação computacional. Capítulo 5 contextualiza as implementações computacionais da tese realizadas sobre os modelos descritos no Capitulo 4. Nele, são discutidas as interfaces e respectivos códigos, gerados em Linguagem Java, Java Tecnology (2000), os vetores com as descrições conforme estrutura abordada no Capítulo 4, a obtenção das árvores de relacionamentos e os componentes resultantes da análise feita com base nas árvores de relacionamentos. Finalmente, são discutidos os padrões de repetição encontrados como resultados das implementações realizadas. O entendimento da proposta passa pela verificação dos aplicativos de implementação e, portanto, é necessária uma leitura das restrições envolvidas no encaminhamento e desenvolvimento do trabalho. Na sequência, considerações e sugestões finais são apresentadas no Capítulo 6.